Your SlideShare is downloading. ×
História da música clássica
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

História da música clássica

19,015
views

Published on

Published in: Education

1 Comment
10 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
19,015
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
368
Comments
1
Likes
10
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. História da Música Clássica ( 1600 – 2000 ) Bach - Concerto de Brandenburgo No. 3 Clique para avançar
  • 2. O Período Barroco ( 1600 – 1750 )
  • 3. O período Barroco ocupou uma época importante na história da humanidade. Galileo, Kepler e Newton estavam descobrindo novas formas de explicar o universo. A música, as artes, a arquitetura, a moda, a decoração e ornamentação sofisticada se converteram em norma. Durante o período Barroco os compositores eram usados principalmente pelas autoridades eclesiásticas e membros da nobreza. Foi chamado de sistema de patronatos. E como o patrono pagava o compositor por cada trabalho e decidia que tipo de música ele devia compor, isto limitou muito a criatividade e liberdade do artista. Vivaldi - As Quatro Estações A Primavera
  • 4. A música instrumental foi tão importante como a música vocal individual e os corais. No período Barroco floresceu a música para violino, órgão, harpa, flauta, oboé, trombone e trompetas. Mas não se usavam os instrumentos de percussão. Os compositores mais importantes desta época foram: Antonio Vivaldi 1678 - 1741 Baroque Johann Sebastian Bach 1685 - 1750 Period Domenico Scarlatti 1685 - 1757 Georg Frederic Handel 1685 - 1759
  • 5. O Período Clássico ( 1750 – 1820 ) Mozart - Sinfonia No. 40
  • 6. Os anos do período clássico se passaram em uma época de grandes mudanças no mundo. A Revolução Francesa e as Guerras Napoleônicas mudaram a face da Europa. Durante este período aconteceu que o povo em geral teve mais acesso na cultura e participação nas atividades artísticas. No mundo da música, o sistema de patronatos começou a desaparecer e foi substituído pelos primeiros concertos públicos onde as pessoas tinham que pagar para assistir o evento.
  • 7. No lugar das rápidas mudanças de estilo e adornos do período Barroco, a música do período clássico se caracterizou por ser simples, balanceada e não muito emocional. Conhecida como “música absoluta”, as obras clássicas não eram escritas para dançar nem para celebrações especiais mas para o prazer de desfrutar a beleza da música. As obras musicais se apresentavam em salões especiais para concertos ou recitais. Três novas formas instrumentais foram desenvolvidas : o concerto, a sinfonia e a sonata. Beethoven - Sinfonia No. 9
  • 8. As sinfonias tinham de três movimentos, o primeiro era rápido, o segundo era lento e o terceiro terminava também em um ritmo rápido. Algumas sinfonias adicionavam um movimento tipo dançante ou dança antes do último movimento. Viena era o centro musical da Europa e a maioria dos grandes compositores viviam boa parte de seu tempo nessa cidade. Classical Joseph Haydn 1732 - 1809 Wolfgang Amadeus Mozart 1756 - 1791 Period Ludwig van Beethoven 1770 - 1827
  • 9. O Período Romântico ( 1820 – 1920 ) Chopin - Polonesa “ Heróica”
  • 10. A música teve grandes mudanças durante a época romântica, os compositores expandiram as formas musicais existentes e desenvolveram novas formas para expressar sua própria personalidade. Foram eliminadas as restrições sobre a duração da obra, o número de movimentos, o número de instrumentos ou vozes usadas, etc. Havia um ambiente de liberdade criativa no qual floresciam uma grande quantidade e variedade de obras tanto instrumentais como vocais. Foi neste período quando se introduziram a maioria dos instrumentos da orquestra tal como as conhecemos na atualidade.
  • 11. A invenção e o uso generalizado das válvulas nos instrumentos de bronze e os novos sistemas de teclado nos instrumentos de ar e madeira os tornaram mais fáceis de tocar, animando aos compositores a compor mais música para eles. A Sinfonia Romântica se converteu em uma versão expandida da Sinfonia Clássica. Sua duração é muito maior e adiciona muitos outros instrumentos na orquestra e possui mais de quatro movimentos. Apareceram também neste período obras miniatura, tais como o noturno, o impromptu, o estúdio e a balada, os quais se tornaram muito populares por serem de curta duração e fáceis de escutar e lembrar. Tchaikovsky - Concerto para Piano e Orquestra No.1
  • 12. Os compositores Românticos também conseguiram reunir a poesia com a música. As óperas se dedicaram a expor mais dramas humanos do que os mitológicos, simbólicos ou platônicos. Apareceu uma nova tendência ao “Nacionalismo” que inspirou aos compositores a incorporarem em sua música canções e estilos populares de seus países. A Rússia foi o líder deste movimento Nacionalista com compositores como Tchaikovsky, Borodin e Rimsky Korsakov. Também Antonin Dvorak, compositor Tchecoslovaco se apoiou fortemente em canções e danças populares de seu país para compor suas sinfonias e seus concertos de câmara.
  • 13. Outros grandes compositores desta época foram Franz Schubert, Johann Strauss, Johann Strauss II, Richard Strauss, Franz Liszt, Serguei Rachmaninov, Robert Schumann, Richard Wagner, Johannes Brahms, Giuseppe Verdi, Hector Berlioz e Bedrich Smetana. A música do período romântico foi a que teve a maior aceitação e difusão para o público em geral e cruzou as fronteiras de todos os países para se converter em música universal. Hoje em dia, as valsas de Strauss e Tchaikovsky, os noturnos de Chopin, as óperas de Verdi, as danças Húngaras de Brahms fazem parte da cultura de todos os povos. Valsa da Ópera “O Morcego” Johann Strauss II
  • 14. Franz Schubert 1797 - 1828 Gioacchino Rossini 1792 - 1868 Hector Berlioz 1803 - 1869 Felix Mendelssohn 1809 - 1847 Frederik Chopin 1810 - 1849 Robert Schumann 1810 - 1856 Franz Liszt 1811 - 1886 Richard Wagner 1813 - 1883 Romantic Giuseppe Verdi 1813 - 1901 Bedrich Smetana 1824 - 1884 Period Johann Strauss II 1825 - 1899 Johannes Brahms 1833 - 1897 Peter Ilyich Tchaikovsky 1840 - 1893 Edvard Grieg 1843 - 1907 Antonin Dvorák 1841 - 1904 Nikolai Rimsky-Korsakov 1844 - 1908 Giacomo Puccini 1858 - 1924 Richard Strauss 1864 - 1949 Sergei Rachmaninov 1873 - 1943
  • 15. Música Moderna e Contemporânea ( 1920 - 2000 ) Maurice Ravel - Bolero
  • 16. O Impressionismo A música impressionista é derivada da música romântica e que não segue padrões definidos, expressa a melodia em forma dispersa. Em outros casos as melodias se repetem mas mudam a intensidade do som e mudam também drasticamente o número de instrumentos que participam na orquestra. Os compositores mas famosos deste estilo de música foram Claude Debussy e Maurice Ravel.
  • 17. Neoclassicismo O estilo Neo-Clássico é uma música similar a que se fazia no período clássico, usa sons e instrumentos mais modernos, porém segue os ideais e formatos do período clássico original. O mais famoso compositor deste estilo é Igor Stravinsky. Música Atonal É um novo estilo de música, desenvolvido pelo compositor Arnold Schoenberg, que usa uma escala de 12 notas cromáticas. Seu ritmo é irregular e imprevisível Shostakovich Valsa No.2 da Suite de Jazz No.2
  • 18. Foram desenvolvidos mais tipos e estilos e se escreveu mais músicas no Século XX que durante todos os séculos anteriores, o único limite do compositor tem sido a sua imaginação. Os compositores mais famosos da música impressionista e contemporânea são: Impressionist Claude Debussy 1862 - 1918 Maurice Ravel 1875 - 1937 Béla Bartók 1881 - 1945 Igor Stravinsky 1882 - 1971 Contemporary Sergei Prokofiev 1891 - 1953 George Gershwin 1898 - 1937 Dmitri Shostakovich 1906 - 1975 DEUS abençoe Você!

×