SITUAÇÃO ATUAL DA BRUSONE, CAUSADA POR   Pyricularia grisea  NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Eng. Agr. Dr. Gustavo R. Daltr...
<ul><li>Atualmente a ocorrência de brusone no RS é  BAIXA  devido a integração de várias práticas de manejo  (preventivo) ...
BRUSONE,  CULTIVAR EL PASO L 144 - CAMAQUÃ-RS (22 / 03 / 06)  SAFRA  2005 / 2006
Ocorrência de raças de  Pyricularia grisea  no Estado do Rio Grande do Sul 31 raças 7 grupos distintos Ausência dos grupos...
<ul><li>REGIÃO: CAMPANHA </li></ul><ul><li>ALTO potencial de dano por brusone: 20 a 30% </li></ul><ul><li>Uso de cv. susce...
PLANÍCIE COSTERIA INTERNA <ul><li>MÉDIO potencial de dano por brusone: 15 a 20% </li></ul><ul><li>Condições climática favo...
<ul><li>REGIÃO: DEPRESSÃO CENTRAL </li></ul><ul><li>BAIXO Potencial de dano por brusone: 1 a 5% </li></ul><ul><li>Condiçõe...
<ul><li>REGIÃO: FRONTEIRA OESTE   </li></ul><ul><li>BAIXO Potencial de dano por brusone: 1 a 3% </li></ul><ul><li>Condiçõe...
<ul><li>REGIÃO: SUL </li></ul><ul><li>BAIXO potencial de dano por brusone: 1 a 2% </li></ul><ul><li>Condição ambiental par...
ESTRATÉGIAS DO PROGRAMA DE MELHORAMENTO GENÉTICO DO IRGA (PMGAI) PARA OBTENÇÃO DE GENÓTIPOS RESISTENTES À BRUSONE, CAUSADA...
<ul><li>Cruzamentos específicos dirigidos (Genótipos RD/Prog. Pot. – FLAR); </li></ul><ul><li>Piramidização de genes de re...
Local:   Areia Grande – Torres (RS) “ HOT  SPOT” Viveiro de Brusone - Condições favoráveis de temperatura e umidade; - Oco...
RESISTÊNCIA VERTICAL
GENÓTIPOS AVALIADOS (5.000 a 6.000 / ano) Bordaduras:   Fanny, BR-IRGA 410, IRGA 417, IRGA 418, IRGA 420, IRGA 421, EL Pas...
Inoculação de isolados de  P. grisea  aos 20 DAS  (120 mil conídios  ml  -1 ) Época de semeadura:   TARDIA  Irrigação:   P...
Semeadura dos genótipos....
“ Viveiro de Brusone”
 
Escalas utilizadas para avaliação de brusone  (IRRI,1996) SCALE (for blast nursery) 0 No lesions observed 1 Small brown sp...
RESULTADOS DOS GENÓTIPOS FLAR AVALIADOS DO VIVEIRO DE BRUSONE DO IRGA, SAFRA 2009/10
GERAÇÃO F 5  FLAR TEMPLADO Nº genótipos:   15 5 1 FL07788-1PT-1P-2V-1 5 1 FL07676-1PT-1P-4V-3     Gen. Mod. Suscetíveis 0 ...
VIOFLAR TROPICAL 2008 Nº genótipos:   137 0 1 FL07692-.... 0 1 FL07157-..... 0 1 FL07462-.... 0 1 FL07451-.... 0 1 FL07371...
FLAR RESISTENCIA DURABLE 2009 Nº genótipos:   105
0 1 FL07488-2P-6-1P-2P-M 0 1 FL07513-3P-4-4P-2P-M 0 1 FL07462-3P-1-3P-1P-M 0 1 FEDE.174 0 1 FL07461-1P-7-3P-2P-M 0 1 ORY.C...
GERAÇÃO F 5  FLAR TEMPLADO Nº genótipos:   15 5 1 FL07788-1PT-1P-2V-1 5 1 FL07676-1PT-1P-4V-3     Gen. Mod. Suscetíveis 0 ...
GERAÇÃO F 6  FLAR TEMPLADO Nº genótipos:   15 0 1 FL06332-M-3P-5V-3-2 1 1 FL06332-M-3P-5V-1-1 1 1 FL06332-M-3P-4V-1-1 1 1 ...
GERAÇÃO F 7  FLAR TEMPLADO Nº genótipos:   12 9 1 FL06055-4M-1-1C-1V-1-1 7 1 FL06000-5M-15-1P-2P-2V-2  7 1 FL06000-5M-15-1...
GERAÇÃO F 8  FLAR TEMPLADO Nº genótipos:  5 0 1 FL04460-5M-39P-4M-1P-1V-10-2  1 1 FL04460-5M-39P-4M-1P-1V-10-1  1 1 FL0446...
VIOFLAR TEMPLADO Nº genótipos:   21 9 1 FL07721-4PT-2P-2P-1P-1P 7 1 FL08740-7TP-1P-3P-1P 7 1 FL07956-1PT-2P-2P-1P-1P 7 1 F...
PROGENITORES POTENCIAIS  FLAR Nº genótipos:   9 0 1 FL07595-7P-1LV-4P-1P-2P 0 1 FL07595-7P-1LV-4P-1P-1P 0 1 FL09049-7P-2P-...
Reação de cultivares do IRGA e da parceria Embrapa / IRGA às doenças avaliadas no viveiro da Subestação de Torres.
OBRIGADO !! [email_address]
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Reunião flar 2010 brusone irga

895 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
895
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
168
Actions
Shares
0
Downloads
25
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Reunião flar 2010 brusone irga

  1. 1. SITUAÇÃO ATUAL DA BRUSONE, CAUSADA POR Pyricularia grisea NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Eng. Agr. Dr. Gustavo R. Daltrozo Funck Fitopatologista EEA / IRGA Comité Técnico para La Zona Templada, Cachoeirinha, 04 de agosto de 2010
  2. 2. <ul><li>Atualmente a ocorrência de brusone no RS é BAIXA devido a integração de várias práticas de manejo (preventivo) como: </li></ul><ul><li>Antecipação da época de semeadura: </li></ul><ul><li>Adubação equilibrada; </li></ul><ul><li>Sistematização eficiente; </li></ul><ul><li>Fungicidas (70 % área – 1 aplicação)- controle de “Doenças secundárias” </li></ul><ul><li>Triazol </li></ul><ul><li>Estrobilurina </li></ul><ul><li>Triciclazol </li></ul><ul><li>Resistência genética </li></ul>
  3. 3. BRUSONE, CULTIVAR EL PASO L 144 - CAMAQUÃ-RS (22 / 03 / 06) SAFRA 2005 / 2006
  4. 4. Ocorrência de raças de Pyricularia grisea no Estado do Rio Grande do Sul 31 raças 7 grupos distintos Ausência dos grupos IC e IG - “Bluebelle” 21 raças 6 grupos distintos
  5. 5. <ul><li>REGIÃO: CAMPANHA </li></ul><ul><li>ALTO potencial de dano por brusone: 20 a 30% </li></ul><ul><li>Uso de cv. suscetíveis: INIA OLIMAR e EL PASO 144 </li></ul><ul><li>Safra 2009/10: “Focos” em Bagé e Dom Pedrito </li></ul><ul><li>Relatos de até 3 aplicações de fungicidas </li></ul><ul><li>IRGA 422 CL e PUITÁ- em semeadura tardia </li></ul>Cenário atual da Pyricularia grisea nas regiões orizícolas no Estado do Rio Grande do Sul (Base em dados de risco e relato de extensionistas)
  6. 6. PLANÍCIE COSTERIA INTERNA <ul><li>MÉDIO potencial de dano por brusone: 15 a 20% </li></ul><ul><li>Condições climática favoráveis (temperatura e umidade altas) </li></ul><ul><li>Ocorrência em áreas de baixa tecnologia: atraso semeadura e deficiência na irrigação </li></ul><ul><li>Relato de brusone nas folhas, mas não é comum (Litoral Norte) </li></ul><ul><li>IRGA 422 CL e PUITÁ – controle de arroz vermelho = foco de brusone </li></ul>PLANÍCIE COSTEIRA EXTERNA e Cenário atual da Pyricularia grisea nas regiões orizícolas no Estado do Rio Grande do Sul
  7. 7. <ul><li>REGIÃO: DEPRESSÃO CENTRAL </li></ul><ul><li>BAIXO Potencial de dano por brusone: 1 a 5% </li></ul><ul><li>Condições climáticas pouco favoráveis </li></ul><ul><li>Presença do sistema pré-germinado: eficiência na irrigação </li></ul><ul><li>Áreas pequenas: monitoramento da doença é eficiente </li></ul><ul><li>Focos em locais específicos como beiras de matas e rios </li></ul>Cenário atual da Pyricularia grisea nas regiões orizícolas no Estado do Rio Grande do Sul
  8. 8. <ul><li>REGIÃO: FRONTEIRA OESTE </li></ul><ul><li>BAIXO Potencial de dano por brusone: 1 a 3% </li></ul><ul><li>Condições climáticas pouco favoráveis (clima seco) </li></ul><ul><li>Solos férteis </li></ul><ul><li>Semeadura antecipada = Produtores tecnificados </li></ul><ul><li>Pouca incidência em BR IRGA 409 e IRGA 417 – “qualidade dos grãos” </li></ul><ul><li>INIA OLYMAR - semeadura tardia </li></ul>Cenário atual da Pyricularia grisea nas regiões orizícolas no Estado do Rio Grande do Sul
  9. 9. <ul><li>REGIÃO: SUL </li></ul><ul><li>BAIXO potencial de dano por brusone: 1 a 2% </li></ul><ul><li>Condição ambiental para ocorrência de brusone desfavorável: temperatura mais baixa que o restante do RS </li></ul><ul><li>Semeaduras antecipadas </li></ul><ul><li>EL PASO 114 – em semeadura tardia </li></ul><ul><li>Região com a maior área de cultivo da cultivar IRGA 424 – resistente à brusone </li></ul>Cenário atual da Pyricularia grisea nas regiões orizícolas no Estado do Rio Grande do Sul
  10. 10. ESTRATÉGIAS DO PROGRAMA DE MELHORAMENTO GENÉTICO DO IRGA (PMGAI) PARA OBTENÇÃO DE GENÓTIPOS RESISTENTES À BRUSONE, CAUSADA POR Pyricularia grisea
  11. 11. <ul><li>Cruzamentos específicos dirigidos (Genótipos RD/Prog. Pot. – FLAR); </li></ul><ul><li>Piramidização de genes de resistência ( Pi-1; Pi-2; Pi-33 ); </li></ul><ul><li>Viveiro Nacional de Brusone (VNB) – fase vegetativa; </li></ul><ul><li>PRINCIPAL : A avaliação de linhagens e potenciais doadores em condições de alta pressão de inóculo do fungo - método denominado “Hot Spot” – nas fases vegetativa e reprodutiva. </li></ul>Estratégias utilizadas no PMGAI
  12. 12. Local: Areia Grande – Torres (RS) “ HOT SPOT” Viveiro de Brusone - Condições favoráveis de temperatura e umidade; - Ocorrência de diversas raças fisiológicas de P. grisea.
  13. 13. RESISTÊNCIA VERTICAL
  14. 14. GENÓTIPOS AVALIADOS (5.000 a 6.000 / ano) Bordaduras: Fanny, BR-IRGA 410, IRGA 417, IRGA 418, IRGA 420, IRGA 421, EL Paso 144, Bluebelle, BRS 7 “Taim” e Epagri 109. 50 m METODOLOGIA DO “HOT SPOT” Bordadura 1 m 1 m 3,2 m Bordadura 0,3 m
  15. 15. Inoculação de isolados de P. grisea aos 20 DAS (120 mil conídios ml -1 ) Época de semeadura: TARDIA Irrigação: Por aspersão (em complementação às chuvas) Adubação  De base: 300 kg ha -1 NPK 5-20-30 De cobertura: 300 kg N em 3 aplicações
  16. 16. Semeadura dos genótipos....
  17. 17. “ Viveiro de Brusone”
  18. 19. Escalas utilizadas para avaliação de brusone (IRRI,1996) SCALE (for blast nursery) 0 No lesions observed 1 Small brown specks of pin-point size or larger brown specks without sporulating center 2 Small roundish to slightly elongated, necrotic gray spots, about 1-2 mm in diameter, with a distinct brown margin 3 Lesion type is the same as in scale 2, but a significant number of lesions are on the upper leaves 4 Typical susceptible blast lesions 3 mm or longer, infecting less than 4% of the leaf area 5 Typical blast lesions infecting 4-10% of the leaf area 6 Typical blast lesions infection 11-25% of the leaf area 7 Typical blast lesions infection 26-50% of the leaf area 8 Typical blast lesions infection 51-75% of the leaf area and many leaves are dead 9 More than 75% leaf area affected SCALE (Incidence of severely infected panicles) 0 No incidence 1 Less than 5% 3 5-10% 5 11-25% 7 26-50% 9 More than 50%
  19. 20. RESULTADOS DOS GENÓTIPOS FLAR AVALIADOS DO VIVEIRO DE BRUSONE DO IRGA, SAFRA 2009/10
  20. 21. GERAÇÃO F 5 FLAR TEMPLADO Nº genótipos: 15 5 1 FL07788-1PT-1P-2V-1 5 1 FL07676-1PT-1P-4V-3     Gen. Mod. Suscetíveis 0 1 FL07636-3PT-2P-1V-2 0 1 FL07636-3PT-2P-1V-1 0 1 FL07627-2PT-2P-3V-1 0 1 FL07587-7PT-1P-1V-2 0 1 FL07587-7PT-1P-1V-1 Panículas Folhas Genótipos Resistentes
  21. 22. VIOFLAR TROPICAL 2008 Nº genótipos: 137 0 1 FL07692-.... 0 1 FL07157-..... 0 1 FL07462-.... 0 1 FL07451-.... 0 1 FL07371-... 0 1 FL07334-.... 0 1 FL07278-.... 0 1 FL07201-... 0 1 FL07195-.... 0 1 FL07187-.... 0 1 FL07181-.... 0 1 FL07175-.... 0 1 FL07173-.... Panícula Folha CRUZ. RESISTENTES 0 1 FL07543-7P-3-2P-3P-M-U1 0 1 FL07522-4P-1-1P-2P-M-U1 0 1 FL07393-5P-2-1P-2P-M-U1 0 1 FL07275-1P-3-2P-3P-M-U2 0 1 FL07273-4P-1-3P-1P-M-U1 0 1 FL07162-7P-3-3P-4P-M-U1 0 1 FL07737-2PT-6P-1P-U1 Panícula Folha GEN. RESISTENTES
  22. 23. FLAR RESISTENCIA DURABLE 2009 Nº genótipos: 105
  23. 24. 0 1 FL07488-2P-6-1P-2P-M 0 1 FL07513-3P-4-4P-2P-M 0 1 FL07462-3P-1-3P-1P-M 0 1 FEDE.174 0 1 FL07461-1P-7-3P-2P-M 0 1 ORY.CARIBE 8 0 1 FL07432-6P-4-3P-1P-M 0 1 FED.2000 0 1 FL07381-15P-3-2P-1P-M 0 1 FL05372-7P-3-1P-1P-M-F7 0 1 FL07289-4P-3-1P-1P-M 0 1 FL05371-2P-2-1P-3P-M-F7 0 1 FL07275-1P-3-2P-3P-M 0 1 FL04850-4P-5-2P-3P-M-F8 0 1 FL07274-2P-3-2P-2P-M 0 1 FL04837-8P-9-1P-1P-M-F8 0 1 FL07214-5P-3-2P-2P-M 0 1 FL04837-3P-6-3P-1P-M-F8 0 1 FL07173-1P-10-3P-2P-M 0 1 FL04648-16P-1-2P-2P-M-F8 0 1 FL07164-3P-3-3P-1P-M 0 1 FL03779-4P-10-5P-3P-M-F9 0 1 FL07162-7P-3-3P-2P-M 0 1 FL03779-4P-10-4P-2P-M-F9 0 1 FL07157-3P-5-2P-1P-M 0 1 FL03710-8P-8-4P-1P-M-F9 0 1 FL06578-14P-3AI-4P-2P-M 0 1 FL02955-5P-16-3P-1P-F11 0 1 FL06906-14P-1-1P-2P-M 0 1 FL03322-4P-19-3P-2P-F11 0 1 FL06737-5P-3-3P-1P-M 0 1 FL03302-1P-1-1P-2P-F11 0 1 FL06706-2P-4-2P-1P-M 0 1 FL03197-22P-4-3P-3P-F11 0 1 FL06629-7P-4-2P-1P-M 0 1 FL00593-4P-4-2P-M-M-M-1P-F14 0 1 FL06613-15P-6-4P-4P-M 0 1 FL00470-29P-2-3P-M-M-M-1P-F14 0 1 FL06609-21P-8-5P-3P-M 0 1 FL00477-45P-1-3P-M-M-M-1P-F14 0 1 FL06608-6P-5-4P-2P-M 0 1 FL00871-1P-5-2P-M-M-M-1P-F14 0 1 FL06580-3P-6-6P-3P-M 0 1 FL00855-3P-1-1P-M-M-M-1P-F14 0 1 FL05629-6P-5-1P-3P-M-F7 0 1 FL00826-5P-3-1P-M-1-M-1P-F14 0 1 FL05516-1P-13-3P-2P-M-F7 0 1 FL02768-2P-6-4P-1P-M-1P-F13 0 1 FL05506-5P-9-1P-1P-M-F7 0 1 FL02759-14P-6-1P-1P-M-1P-F13 0 1 FL05372-7P-4-5P-2P-M-F7 0 1 FL02082-2P-1-3P-1-M-1P-F13 Panícula Folha GENOTIPOS RESISTENTES Panícula Folha GENOTIPOS RESISTENTES
  24. 25. GERAÇÃO F 5 FLAR TEMPLADO Nº genótipos: 15 5 1 FL07788-1PT-1P-2V-1 5 1 FL07676-1PT-1P-4V-3     Gen. Mod. Suscetíveis 0 1 FL07636-3PT-2P-1V-2 0 1 FL07636-3PT-2P-1V-1 0 1 FL07627-2PT-2P-3V-1 0 1 FL07587-7PT-1P-1V-2 0 1 FL07587-7PT-1P-1V-1 Panículas Folhas Genótipos Resistentes
  25. 26. GERAÇÃO F 6 FLAR TEMPLADO Nº genótipos: 15 0 1 FL06332-M-3P-5V-3-2 1 1 FL06332-M-3P-5V-1-1 1 1 FL06332-M-3P-4V-1-1 1 1 FL06332-M-3P-2V-4-2 1 1 FL06332-M-3P-2V-4-1 1 1 FL06332-M-3P-2V-3-2 1 1 FL06332-M-3P-2V-3-1 1 1 FL06332-M-3P-2V-2-2 1 1 FL06332-M-3P-2V-2-1 1 1 FL06332-M-3P-1V-5-1 1 1 FL06332-M-3P-1V-4-1 1 1 FL06332-M-3P-1V-3-1 1 1 FL06332-M-1P-1V-4-1 1 1 FL06332-M-1P-1V-2-1 Panícula Folha GENOTIPOS RESISTENTES
  26. 27. GERAÇÃO F 7 FLAR TEMPLADO Nº genótipos: 12 9 1 FL06055-4M-1-1C-1V-1-1 7 1 FL06000-5M-15-1P-2P-2V-2 7 1 FL06000-5M-15-1P-2P-2V-1 7 1 FL06000-5M-15-1P-1P-10V-2 7 1 FL06000-5M-15-1P-1P-10V-1 Panícula Folha GEN. SUSCETÍVEIS 1 1 FL06000-5M-15-1P-1P-9V-3 1 1 FL06000-5M-15-1P-1P-9V-2 1 1 FL06000-5M-15-1P-1P-9V-1 1 1 FL06000-5M-15-1P-1P-6V-2 Panícula Folha GEN. RESISTENTES
  27. 28. GERAÇÃO F 8 FLAR TEMPLADO Nº genótipos: 5 0 1 FL04460-5M-39P-4M-1P-1V-10-2 1 1 FL04460-5M-39P-4M-1P-1V-10-1 1 1 FL04460-5M-39P-4M-1P-1V-9-2 1 1 FL04460-5M-39P-4M-1P-1V-9-1 1 1 FL04460-5M-39P-4M-1P-1V-1-1 Panícula Folha GEN. RESISTENTES
  28. 29. VIOFLAR TEMPLADO Nº genótipos: 21 9 1 FL07721-4PT-2P-2P-1P-1P 7 1 FL08740-7TP-1P-3P-1P 7 1 FL07956-1PT-2P-2P-1P-1P 7 1 FL07620-3PT-3P-2P-1P-1P Panícula Folha GEN. SUSCETÍVEIS 1 1 FL08928-5P-1P-1P 1 1 FL08802-2TP-1P-2P-2P 1 1 FL07953-3PT-2P-1P-1P-1P 1 1 FL07909-2PT-2P-4P-4P-1P 1 1 FL07726-1PT-2P-1P-1P-1P 1 1 FL07601-2PT-1P-2P-1P-1P 1 1 FL07598-14PT-1P-7P-1P-2P 1 1 FL07598-14PT-1P-7P-1P-1P 1 1 FL07598-14PT-1P-1P 1 1 FL07570-6PT-4P-4P-1P-2P 0 1 FL08831-7TP-1P-1P-1P 0 1 FL08766-7TP-1P-4P-1P 0 1 FL07726-1PT-1P-2P-1P-1P Panícula Folha GEN. RESISTENTES
  29. 30. PROGENITORES POTENCIAIS FLAR Nº genótipos: 9 0 1 FL07595-7P-1LV-4P-1P-2P 0 1 FL07595-7P-1LV-4P-1P-1P 0 1 FL09049-7P-2P-1P 0 1 FL09021-8P-1P-2P 0 1 FL09021-2P-1P-1P 0 1 FL09007-3P-1P-2P 0 1 FL08991-2P-3P-2P 0 1 FL08982-6P-1P-1P 0 1 FL08974-2P-2P-2P Panícula Folha GEN. RESISTENTES
  30. 31. Reação de cultivares do IRGA e da parceria Embrapa / IRGA às doenças avaliadas no viveiro da Subestação de Torres.
  31. 32. OBRIGADO !! [email_address]

×