• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Grupo 7 Ubunto
 

Grupo 7 Ubunto

on

  • 1,584 views

Trabalho realizado pela Xanica e pela Xana do 10ºD do Curso de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos com a ajuda do professor da disciplina de Sistemas Operativos: Rui Berreiro, da Escola ...

Trabalho realizado pela Xanica e pela Xana do 10ºD do Curso de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos com a ajuda do professor da disciplina de Sistemas Operativos: Rui Berreiro, da Escola EB2,3/S Mondim de Basto.

Statistics

Views

Total Views
1,584
Views on SlideShare
1,582
Embed Views
2

Actions

Likes
0
Downloads
7
Comments
0

1 Embed 2

http://www.slideshare.net 2

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Grupo 7 Ubunto Grupo 7 Ubunto Presentation Transcript

    • Sistema Operativo UBUNTU
      Alexandra Costa Nº2
      Eduarda Castro Nº25
      Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos 10ºD
    • Introdução
      Com este trabalho pretendemos dar a conhecer aos nossos colegas o sistema operativo UBUNTU.
    • O que é o Ubuntu?
      O Ubuntu é uma distribuição Linux baseada em Debian, com edições regulares (a cada seis meses), com uma grande atenção nos utilizadores e na facilidade de uso ("it should Just Work",TM) e um comprometimento com suporte e actualizações de segurança durante 18 meses para cada edição. O Ubuntu usa as versões mais recentes do Gnome e uma selecção de software (para desktop e servidores) num simples CD (ou DVD) de instalação. Estão também disponíveis outros ambientes de trabalho, em geral suportados pela comunidade como é o caso do KDE. Existem também CD/DVD de instalação focados para um ou outro segmento de utilizadores, como é o caso do Edubuntu. Com uma instalação base Ubuntu pode facilmente converter entre diferentes ambientes de trabalho ou aplicações instaladas por omissão (veja como em Ambientes De Trabalho e Ubuntu Segmentos).
    • Edições regulares e previsíveis
      A equipa do Ubuntu lança uma nova edição a cada 6 meses. Esta inclui o último Kernel, servidor X, Gnome e outras aplicações-chave, com um suporte de 18 meses de actualizações importantes. A primeira edição pública do Ubuntu foi a Ubuntu 4.10 Preview (denominada: Warty Warthdog). Pode efectuar o download do CD de instalação ou encomendá-lo a título gratuito por correio.
    • Instalação simples e fácil
      O Ubuntu procura a facilidade e simplicidade na instalação. Ainda existem algumas passagens em que poderá ter algumas dificuldades, mas uma instalação normal correrá bem na grande maioria dos casos. A instalação e aplicações chave estão contidas apenas num CD (também está disponível uma versão DVD), sendo que um grande universo de aplicações estarão disponíveis para fácil instalação através da internet. Num computador típico, a instalação do Ubuntu poderá ser completada em cerca de 25 minutos.Caso sinta alguma dificuldade na instalação do Ubuntu, saiba que não terá que a repetir quando quiser actualizar o seu Ubuntu para uma nova versão, uma vez que também as actualizações totais são disponibilizadas online (inclusivé, se possuir uma versão Breezy ou posterior, será prontamente notificado da existência de uma nova versão no seu ambiente de trabalho).
    • Utilizável imediatamente
      Quando completar a instalação, o Ubuntu estará pronto a usar. Terá disponível um conjunto completo de aplicações de produtividade, internet, desenho e criação gráfica, jogos etc. O CD fornecerá uma atmosfera óptima para o seu ambiente de trabalho com muitas aplicações instaladas por omissão. Contudo, existem muitas centenas de outras aplicações disponíveis para instalação através da internet à distância de um clique.
    • Depois do tutorial que a iZNovidade fez para instalar o Ubuntu 9.04 numa pen como se fosse um “Live CD”, surge aquele que realmente nós queríamos! Agora poderá levar consigo o Ubuntu instalado numa pen (como sistema operativo) e correr em qualquer PC, tendo sempre os seus documentos no seu Ubuntu 9.04 disponível numa pequena pen!
      O processo é muito simples e a iZNovidade vai explicar passo por passo. Primeiro temos que ter o Ubuntu 9.04 num “live cd” ou “live pen”, caso for uma pen terá que ter pelo menos 1GB. Como a iZNovidade fez tudo com uma pen de apenas 1GB terá que ver este tutorial para instalar o Ubuntu 9.04 na pen como live.
    • Passando o tutorial, vamos entrar no Ubuntu 9.04 como live, no nosso ambiente de trabalho vamos ver o icon “Install” e clicar lá! (Neste momento a pen onde será instalada o sistema operatvio Ubuntu 9.04 já deve estar conectada ao PC, a pen deverá ter pelo menos 4GB livres. Certifique-se que o pc está ligado à internet, pois serão feitas actualizações durante a instalação.)
    • Windows pelo Ubuntu em seu PC
      Colunista ensina a colocar sistema operacional gratuito em computador.Ubuntu já vem completo para usar programas e navegar na Internet.
    • Antes de mostrar como instalar, algumas curiosidades sobre este sistema: O termo Ubuntu é uma antiga palavra africana que significa algo como "Humanidade para os outros" ou ainda "Sou o que sou pelo que nós somos"  (fonte: Ubuntu-BR).
      A numeração das versões tem relação directa com o ano e mês de liberação para a comunidade, a actual foi disponibilizada no ano de 2008 (8) no mês de outubro (10). E existem actualizações do sistema a cada 6 meses, geralmente nos meses de Abril e Outubro.
       Cada versão recebe um nome, exótico por sinal, ligado a um animal selvagem. A 8.10 é apelidada de Intrepid Ibex ou, em uma tradução bastante “livre” para o português, “bode intrépido”.
    • Instalação
      Após baixar o arquivo é preciso gravar um CD com ele. O arquivo é uma imagem, uma cópia perfeita de um disco. Para saber como gravar uma imagem, confira a coluna Como gravar arquivos em CDs e DVDs e criar partições no HD, onde apresentei o programa BurnAware. Na sua tela principal tem um botão, burn ISO image. que permite gravar CDs inicializáveis a partir de um arquivo de imagem (.ISO). Caso seja necessário manipular as partições do HD para separa espaço para a instalação do Ubuntu, vale a pena conhecer o EASEUS Partition Manager Home Edition.
      Caso não queira instalar em definitivo o Sistema em seu computador, é possível executá-lo a partir do CD. Mostrei como nos detalhamentos do lado.
      Tela inicial de instalação do Ubuntu
    • Tela de configuração regional do Ubuntu. Indicando o fuso-horário onde está o usuário do sistema.
      Ao iniciar o computador com o CD do Ubuntu, a primeira coisa a fazer é selecionar o idioma dos menus de instalação.
       O item Português-Brasil está presente no canto direito da tela, na sequência, poderá escolher o tipo de instalação com que deseja prosseguir.
       Se você deseja instalar em definitivo, use a opção Instalar o Ubuntu, e se quer apenas testar o sistema, sem que fiquem gravados dados no HD, use a opção Testar o Ubuntu sem qualquer mudança no seu computador. Para este texto, usei a opção Instalar o Ubuntu. Esta operação não irá remover o seu Windows do HD – desde que não seja removida a partição do Windows.
    • Antes de copiar os arquivos necessários, é necessário executar algumas configurações básicas. Primeiro o idioma do sistema operacional, a opção Português Brasil já estará selecionada, bastando clicar em Avançar. A segunda tela tem um questionamento de localidade para definição do horário padrão.
       A opção Brasil / São Paulo é também automática. Caso esteja em outro fuso horário, selecione-o. Caso contrário, basta clicar no botão Avançar.
       Por fim o assistente de instalação irá questionar quanto ao teclado usado no computador, por padrão a opção Brasil / Brasil estará selecionada. Esta configuração é correcta para quem tem teclado ABNT-2, que é o usado por quase todos em nosso país.
      Tela de particionamento do HD, onde é possível selecionar a partição onde o sistema será instalado.
    • Tela de configuração de dados do usuário no Ubuntu.
      O próximo passo tem relação com as partições do HD. No meu caso, usei um disco único, como mostra a ilustração ao lado.
       Quando estiver usando um HD com diversas partições utilize a opção manual por onde você poderá selecionar a partição do HD que reservou para o Ubuntu.
      Atenção: a partição selecionada será formatada para abrigar os arquivos do Linux, por isso certifique-se que escolheu uma que esteja vazia.
       Feito este processo, todos os dados da partição serão perdidos..
      O último passo do assistente serve para configurar os dados do usuário do sistema.
    • Nela é necessário preencher seu nome, um login para acesso ao sistema e também uma senha. O login será requerido na hora de acessar o sistema. Na sequência, basta avançar para que o Ubuntu seja instalado, o restante do processo é automático, e leva cerca de 10 minutos, dependendo do seu computador.Finalizada a instalação o computador deve ser reiniciado, abrindo a tela inicial do sistema, onde deve fornecer o login e senha cadastrados no passo anterior.
      Tela de boas vindas do Ubuntu.
    • Interface gráfica do Ubuntu. Simples e com um menu de ferramentas na parte superior da tela.
      Esta distribuição do Linux, assim como a grande maioria, tem controladores para os principais dispositivos do computador, instalando-os automaticamente. Quando iniciar o sistema pela primeira vez, certamente os controladores de rede, vídeo o áudio estarão operacionais, como no caso da instalação que realizei para esta coluna.
       A organização dos itens dentro da interface gráfica do Ubuntu é bem simples e prática. A grande diferença é a inexistência da barra do iniciar na parte inferior da tela, tão comum no Windows. As ferramentas e opções do Ubuntu estão na parte superior da tela, como mostra a ilustração abaixo.
    • Sistema de ficheiros
      Para testar o desempenho dos sistemas de ficheiros, corremos 4 testes: copiar ficheiros de grande dimensão de USB para o HDD (disco rígido), copiar pequenos ficheiros de USB para o HDD, e copiar pequenos ficheiros do HDD para o HDD. Os testes entre HDDs copiaram dados desde uma parte do disco para outra, de forma a simular a cópia para um disco diferente. Para referência, o teste de grandes ficheiros foi constituído por 39 ficheiros numa pasta, perfazendo um total de 399MB. O teste de pequenos ficheiros compreendia 2.154 ficheiros em 127 pastas, perfazendo um total de 603MB. Cada um destes teste foram executados com a cache de escrita desabilitada, para garantir a escrita completa de ficheiros.
    • Requisitos Minimos
      Versão Live:
      Processador compatível Intel (Pentium IV ou superior)
      512 MB de RAM (1 GB recomendado)
      DVD-ROM com suporte de arranque do sistema (consultar BIOS)
      7 GB de espaço livre no disco rígido (se for instalada)
      Placa Gráfica SVGA (compatível VESA)
      Rato Série, PS2, USB, Bluetooth
      Placa de Rede (Ethernet ou WiFi). Para funcionamento com o eduroam é necessária uma placa wireless que suporte WPA Enterprise.
    • Versão Virtual:
      Processado compatível Intel (Pentium4 ou superior)
      1 GB de RAM (2 GB recomendados)
      7 GB livres no disco. O disco virtual pode ter no máximo 20 GB.
      Placa Gráfica SVGA (compatível VESA)
      Rato Série, PS2, USB
      Placa de Rede (Ethernet ou WiFi)
      Sistema Operativo Windows XP ou Linux para o VMware Player ou MacOS X 10.4.x para o VMware Fusion.
    • Conclusão
      Esperamos que com este trabalho todos os nossos colegas tenham ficado a saber melhor como funciona o Ubuntu e em que consiste.