• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Pontuação e regras de acentuação gráfica
 

Pontuação e regras de acentuação gráfica

on

  • 53,100 views

Apresentação de Língua Portuguesa no encontro presencial do curso de Secretariado do Programa E-tec nos pólos de São Cristóvão e Lagarto - Sergipe.

Apresentação de Língua Portuguesa no encontro presencial do curso de Secretariado do Programa E-tec nos pólos de São Cristóvão e Lagarto - Sergipe.

Statistics

Views

Total Views
53,100
Views on SlideShare
52,995
Embed Views
105

Actions

Likes
5
Downloads
367
Comments
1

3 Embeds 105

http://blogdoescrevente.blogspot.com.br 100
http://blogdoescrevente.blogspot.com 4
http://blogdoescrevente.blogspot.in 1

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

11 of 1 previous next

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Pontuação e regras de acentuação gráfica Pontuação e regras de acentuação gráfica Presentation Transcript

    • PONTUAÇÃO E REGRAS DE ACENTUAÇÃO GRÁFICA
    • PONTUAÇÃO
      • P ara pontuar corretamente, é preciso reconhecer a estrutura sintática do texto. Se você sabe qual é o sujeito, o objeto direto, o objeto indireto, o agente da passiva e tantas outras funções sintáticas numa oração, não cometerá erros de pontuação, como, por exemplo, separar com a vírgula o sujeito do seu verbo; o objeto direto do verbo que ele completa, etc.  Como se vê, pontuação é realmente uma lógica.
      • Quando se fala em pontuação, creio que 90% das dificuldades se concentram no uso da vírgula. Grosso modo, podemos dizer que há um uso sintático e um uso de estilo individual da vírgula. Esta seria mais uma espécie de tentativa de embelezamento do texto ou de enfoques pessoais, destacando-se, por exemplo, elementos enfáticos ou que deem maior elegância ao enunciado. Já o uso sintático, em princípio, marca elementos do texto que atuam no campo semântico e tende, portanto, a garantir que esses elementos sejam portadores da mensagem que o enunciador pretendeu evidenciar.  
    •   VAMOS A ALGUNS EXEMPLOS DE UM E DE OUTRO USO:
      • Uso estilístico: Talvez, eu tenha esclarecido a dúvida da atriz. Hoje, escreverei sobre outro assunto!
      •   Separar pela vírgula esses advérbios TALVEZ  e HOJE é uma questão de estilo individual e não obrigatória. As orações ficariam tão perfeitas com ou sem essa vírgula.
      • Uso sintático: Repare na diferença do uso com ou sem a vírgula:  “O candidato falou naturalmente” – e – “O candidato falou, naturalmente”. Veja como o emprego da vírgula faz com que as mensagens sejam diferentes. No primeiro caso exprime-se que o candidato falou com naturalidade; no segundo, ao se colocar a vírgula, passa-se a mensagem afirmativa de que é óbvio que o candidato falou. É tão forte a diferença de mensagem que, no primeiro caso, naturalmente é advérbio de modo; no segundo, advérbio de afirmação. Não usar a vírgula aqui corresponde a deixar de transmitir o que se quer.
      • Fora esse problema, há casos obrigatórios e corriqueiros do uso da vírgula, como separar o local da data (São Paulo, 12 de junho...), o vocativo (José, traga-me um copo d’água!), etc., mas esses são de emprego prático e tradicional.
    • ACENTUAÇÃO GRÁFICA
      • REGRA DAS PALAVRAS PAROXÍTONAS:
      • Sílaba tônica: penúltima
      • Acentuam-se as paroxítonas terminadas em:
      • L - fá cil X - tórax
      • N - pó len US - vírus
      • R - ca dá ver I, IS- júri, lápis
      • Os - bí ceps OM, ONS- iândom, íons
      • um, uns - ál bum, ál buns
      • ã(s), ão(s) - ór fã, ór fãs , ór fão, ór fãos
      • ditongo oral (seguido ou não de s) - jó quei, tú neis
      •  
      • Observações:
      • 1) As paroxítonas terminadas em "n" são acentuadas (hífen), mas as que terminam em "ens", não. ( hifens, jovens)
      • 2) Não são acentuados os prefixos terminados em "i "e "r". (semi, super)
      • 3)  Acentuam-se as paroxítonas terminadas em ditongos crescentes: ea(s), oa(s), eo(s), ua(s), ia(s), ue(s), ie(s), uo(s),io(s).
      • Exemplos:
      • várzea, mágoa, óleo, régua, férias, tênue, cárie, ingênuo, início
      • Oxítonas
      • Sílaba tônica: última
      • Acentuam-se as oxítonas terminadas em:
      • a(s) : sof á, sof ás
      • e(s) : jacar é , voc ês
      • o(s) : palet ó , av ós
      • em, ens : ningu ém , armaz éns
      • HIATO
      • Acentuam-se, via de regra, o i e o u tônicos, em hiato com vogal ou ditongo anterior, formando sílaba sozinhos ou com s :
      • Exemplos: saída (sa - í - da), saúde (sa - ú - de), faísca (fa - is - ca), feiúra (fei - ú - ra), caía (ca - í - a), saíra, egoísta, heroína, caí, Xuí, Luís, uísque, balaústre, juízo, país, cafeína, baú, baús, Grajaú, saímos, eletroímã, reúne, construía, proíbem, Bocaiúva, influí, destruí-lo, etc.
      • Razão do acento gráfico: indicar hiato, impedir a ditongação.
      • Veja e compare: caí e cai, doído e doido, saúde e caule.
      • a) quando seguidos de nh: Exemplos: rainha, fuinha, moinho, lagoinha
      • b) quando formam sílaba com letra que não seja s : Exemplos: cair (ca - ir), sairmos, saindo, juiz, ainda, diurno, Raul, ruim, cauim, amendoim, saiu (sa - iu), contribuiu, instruiu, etc.
      • Razão da ausência do acento gráfico: não é possível a ditongação nesses casos.
      • Nota: É importante saber que existem hiatos acentuados não por serem hiatos, mas por outras razões. Acentua-se, por exemplo:
      • - Poético, por ser vocábulo proparoxítono; - Beócio e boêmio, porque terminam em ditongo crescente; - jaó, por ser vocábulo oxítono terminado em -o.
      • SOBRE O NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO
      • • Nova Regra: Ditongos abertos (ei, oi) não são mais acentuados em palavras paroxítonas
      • • Regra Antiga: assembléia, platéia, idéia, colméia, boléia, panacéia, Coréia, hebréia, bóia, paranóia, jibóia, apóio, heróico, paranóico
      • • Como Será: assembleia, plateia, ideia, colmeia, boleia, panaceia, Coreia, hebreia, boia, paranoia, jiboia, apoio, heroico, paranoico
      • ATIVIDADE
      • 01 . Das redações abaixo, assinale a que está pontuada corretamente.
      •   a) Eu venderei todas as minhas terras, mesmo que antes disso a lavoura se recupere.
      • b) Eu, venderei todas as minhas terras, mesmo que, antes disso, a lavoura se recupere.
      • c) Eu venderei, todas as minhas terras, mesmo que antes disso, a lavoura se recupere.
      • d) Eu venderei todas as minhas terras mesmo que, antes disso a lavoura, se recupere.
      • e) Eu, venderei todas as minhas terras mesmo, que antes disso, a lavoura se recupere.
      •  
      • 02. Assinale o erro de pontuação.
      •  
      • a) Ué! Você não volta hoje?
      • b) Como diria meu pai :"Seja honesto e tudo sairá sempre bem.".
      • c) Não critique seu filho, homem de Deus! Dê o apoio que ele necessita e tudo terminará bem. Se você não apoiá-lo, quem irá fazê-lo?
      • d) Os nossos sonhos não são inatingíveis. A nossa vontade deve torná-los realidade.
      • e) O computador: que é uma invenção deste século; torna a nossa vida cada dia mais fácil. 
      • 03 . A palavra países leva acento gráfico porque:
      •  
      • a. é proparoxítona.
      • b. é paroxítona com hiato.
      • c. o i é tônico como segunda vogal de hiato.
      • d. apresenta ditongo aberto.
      • e. é paroxítona terminada em – s.
      •  
      • 04. (UF-PR) Assinale a alternativa em que todos os vocábulos são acentuados por serem oxítonos: a) paletó, avô, pajé, café, jiló b) parabéns, vêm, hífen, saí, oásis c) você, capilé, Paraná, lápis, régua d) amém, amável, filó, porém, além e) caí, aí, ímã, ipê, abricó
      • 05 . A regra atual para acentuação no português do Brasil manda acentuar todos os ditongos abertos “éu”, “éi”, “ói” (como ‘assembléia’, ‘céu’ ou ‘dói’). Pelo novo acordo, palavras desse tipo passam a ser escritas:
      • a) Assembléia, dói, céu  b) Assembléia, doi, ceu  c) Assembléia, dói, céu
      • d) Assembleia, dói, céu e) Assembleia, doi, céu
      •  
      •  
      •