TDC 2011 Trilha de Teste

3,373 views

Published on

Published in: Technology, Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
3,373
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2,218
Actions
Shares
0
Downloads
10
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

TDC 2011 Trilha de Teste

  1. 1. TDC 2011 - The Developers Conference
  2. 2. Trilha de teste
  3. 3. Coordenadores
  4. 4. Teste de Segurança:Vulnerabilidade de Aplicações WebWanderley (Wandi) Souza (Vostu)
  5. 5. Wandi● OWASP Top 10● Live demos – Hacme Books● Erro Generations● SQL Injection● XSS – Cross Site Scripting● CSRF – Cross Site Request Forgery● Encondig/Crypto Wannabe
  6. 6. DemistificandoAgile TestingTatiane Fukuda (Yahoo!)
  7. 7. Processo Ágil
  8. 8. Princípios do testador ágil ● Feeback continuo ● Entrega de valor ao cliente ● Comunicação face-to-face ● Coragem ● Simplicidade ● Melhoria Contínua ● Resposta a mudanças ● Auto-organização ● Foco em pessoa ● Divirta-seFonte: Crispin, Lisa, and Gregory, Janet, Agile Testing: A Practical Guide for Testers and Agile Teams, Addison-Wesley, 2009
  9. 9. Pair Programming / Par Testing
  10. 10. Kanban
  11. 11. Fábrica de TesteOtimário Cavalcante Jr. (T&M)
  12. 12. Fabrica de testes é uma estrutura formada por profissionais especializados e capacitados
  13. 13. Hands on Selenium Lado B Leonardo Galani (Athos)
  14. 14. Testes Exploratório Neli Duarte (IBM)
  15. 15. Exploratory tests is this really effective
  16. 16. Ad Hoc X Exploratory
  17. 17. Automação Rápidade Testes para web José Correia (Iterasys)
  18. 18. Gargalos a resolver
  19. 19. Saber o que é mais importante
  20. 20. Ambiente de Teste X Produção
  21. 21. Equipe
  22. 22. Especificação por exemplos A agilidade hiperprodutiva com Especificações executáveis José Papo (Microsoft)“Testers não gostam de quebrar coisas. Eles gostam deeliminar a ilusão de que as coisas funcionam perfeitamente”– Cem Kaner
  23. 23. Forma Certa Foco da comunidade Ágil nos últimos anosFalha de negócio Sucesso!!! Produto CertoLixo inútil Pesadelo de manutenção Baseado no livro “Specification by Example” de Gojko Adzic
  24. 24. Novos paradigmas no munda Ágil
  25. 25. BDD, ATDD, STDD, SBE? Não importa se chamamos de Behaviour DrivenDevelopment ou Acceptance Test Driven Development ou Especificação por Exemplos.
  26. 26. O que queremos é o mesmo: um entendimentocompartilhado do que deve ser construído, para criarmos o produto certo!
  27. 27. Processo de SBEFigura do livro “Specification by Example” de Gojko Adzic
  28. 28. Links de ferramentas e sites referenciados pelos palestrantes● Teste de Segurança: Vulnerabilidades de Aplicações Web ● OWASP - https://www.owasp.org/index.php/Main_Page ● Exemplos - http://www.mcafee.com/us/downloads/free-tools/hacmebooks.aspx● Desmistificand Agile Testing ● Pyccuracy - https://github.com/heynemann/pyccuracy/wiki/● Hands On Selenium 2 ● Selenium - http://seleniumhq.org/● Automação Rápida de Testes Web ● BadBoy - http://badboy.com.au/● Especificação por Exemplos - A Agilidade hiperprodutiva com especificações executáveis ● SpecFlow - http://www.specflow.org/ ● Concordion - http://www.concordion.org/ ● FitNesse - http://fitnesse.org/ ● Cucumber - http://cukes.info/
  29. 29. Referências● https://picasaweb.google.com/elias.nogueira/FotosDaTrilhaDeTesteTDC2011● http://www.slideshare.net/elias.nogueira/abertura-trilha-de-teste-tdc-2011● http://sembugs.blogspot.com/2011/07/slides-da-trilha-de-teste-tdc-2011.html● http://www.slideshare.net/tatiane_fukuda/desmistificando-agile-testing-yahoo-meme
  30. 30. Obrigado!@wellmarion

×