• Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
2,229
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
7
Comments
0
Likes
1

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 ORTOGRAFIA OFICIAL Antes de qualquer consideração, convém mencionar que a palavra ORTOGRAFIA e formada por dois radicais gregos (orto + grafia), os quais significam respectivamente "correto" e "escrita". Logo, ortografia e a parte da gramática normativa que se preocupa com a correta representação escrita dos vocábulos em nossa língua. As dificuldades de escrita que muitas palavras nos oferecem ocorrem em virtude de as palavras em nossa língua obedecerem a dois critérios distintos: ora a grafia do vocábulo está baseada na etimologia, ora a grafia do vocábulo está baseada na fonética. Como sabemos, os sistemas ortográficos são três: o fonético, o etimológico e o misto. Nossa língua portuguesa faz uso do sistema "misto" Por isso, muitos operadores da língua sentem dificuldade (ou dúvida) em escrever alguns vocábulos. LETRA E ALFABETO Como sabemos, a letra e a representação gráfica de um fonema. Nem sempre, como se demonstra no capitulo de introdução a fonética, esta relação "letra" / "fonema" é perfeita, pois existem fonemas representados por mais de uma letra e vice-versa. O conjunto de todas as letras em nossa língua é denominado de "alfabeto português" Nosso alfabeto é hoje composto por 26 letras, sendo 21 consoantes e 5 vogais. São elas: w W (dablio) x X (xis) y Y (ipsilon ou ipsilone) z Z (zê) NOTAÇÕES LEXICAS (ks) Além das letras, nossa língua usa uma serie de sinais auxiliares a fim de indicar alguns fonemas especiais. Ao conjunto desses sinais gráficos, chamados também de sinais diacríticos (gr."diacríticos" = apto a distinguir), dá-se o nome de notações léxicas. Esses sinais acessórios da escrita são os seguintes: acentos (agudo, circunflexo e grave), til, apostrofo, cedilha e hífen. ACENTOS Os acentos são notações léxicas empregadas sobre algumas vogais para indicar a silaba tônica ou para indicar a fusão entre elas. Como já dissemos, temos três tipos de acentos na língua portuguesa: (´) agudo, (^) circunflexo e (`) grave. Agudo O acento agudo e empregado sobre as vogais para assinalar, quando as regras da acentuação assim exigirem, a tonicidade aberta das vogais "a, e, o" e a tonicidade fechada das vogais "i, u". Observe: > água > café > paletó > difícil > baú Circunflexo O acento circunflexo e usado sobre as vogais "a, e, o" quando as regras da acentuação exigirem, para indicar o timbre fechado delas. > quilômetro > cortês > repô-lo > britânico > constância > prêmio Grave O acento grave é usado exclusivamente em português para indicar o fenômeno da crase, isto e, a contração, a fusão de dois "as" (a + a). > Um dia chegaremos àquela região. > Iremos todos à casa da tia Zuleide. Til é uma notação léxica usada para indicar a nasalização das vogais "a, o", quando houver necessidade. > órgão > não > intenção > imã > põe > mãe CEDILHA E uma notação léxica colocada sob a letra "c" a fim de se obter o fonema /s/ antes das vogais "a, o, u". Observe: > faço > caçar > mulçumano > açúcar > paçoca > espaço APÓSTROFO O apóstrofo e um sinal empregado para assinalar a supressão de um fonema numa palavra, a fim de se evitarem sons desagradáveis ou mesmo a repetição de um fonema ao se pronunciar o vocábulo. Geralmente ocorre a elisão do "e" da preposição "de". > queda d'agua > pau- ‘arara s> galinha-d’água > copo-d’água
  • 2. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 Emprega-se também o apóstrofo nas ligações das formas "santo" e "santa" quando importa representar a elisão das vogais finais "o" e "a". Observe: > Sant‘Ana > Sant‘Iago > Sant‘Antônio HÍFEN E a notação léxica que apresenta maior número de empregos. É frequentemente empregado para unir palavras compostas, prefixos e formas verbais. Observe abaixo algumas orientações que estão respaldadas no Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa, publicado no ano de 2009. Como já dissemos, o hífen e a notação léxica que apresenta o maior número de empregos. É frequentemente empregado, por exemplo, para indicara ênclise dos pronomes oblíquos átonos, para formar vocábulos por derivação prefixal e para unir compostos. Veja: >faze-lo > cachorro-quente > pré-operatório > pós-verbal > pô-las Quando une vocábulos, o hífen, em muitos casos, servirá como um sinal de conotatividade, pois indicara que os elementos unidos por ele não estão empregados em seus sentidos originais, mas passaram a compor um novo conceito, uma nova ideia. Observe como o emprego do hífen, nesse caso, altera o sentido nos exemplos abaixo: mesa redonda - mesa em formato circular mesa-redonda -reunião, debate, discussão casca grossa - casca espessa, grossa casca-grossa -ignorante, bruto, grosso EMPREGOS DO HÍFEN PRESTEM MUITA ATENÇÃO!!!!!!!!!!!!!! 1) Para indicar a ênclise dos pronomes oblíquos átonos as formas verbais. Entregou-me Hei de comprá-lo Passou-nos o projeto Observação: Não se emprega o hífen nas ligações verbais, formadoras de locuções verbais, com o verbo "haver" + preposição "de". > hei de vencer > haveríamos de encontrar > hás de fazer 2) Em vocábulos compostos, formados por "substantivo + substantivo", nos quais o segundo substantivo indique forma, finalidade ou tipo. decreto-lei> ideia-mãe > café-concerto>homem- robô > homem-chave 3) Nas palavras compostas por justaposição que não contêm formas de ligação e cujos elementos constituem uma unidade sintagmática e semântica única e mantêm acento próprio. Em outras palavras, os vocábulos perderam suas significações individuais e passaram a compor um novo conceito, uma nova semântica. arco-íris > tio-avô > turma-piloto> afro-asiático > primeiro-ministro > beija-flor> azul-escuro > conta-gotas > porto-alegrense> caneta-tinteiro > saca-rolha > saia-calça> sul-africano. 4) Nos topônimos compostos iniciados pelos adjetivos "grã-, grão-" ou por forma verbal ou cujos elementos estejam ligados por artigo. Grã-Bretanha > Grão-Pará > Traga-Mouros > Abre-Campo > Baía de Todos-os-Santos > Trás- os-Montes>Trinca-Fortes > Entre-os-Rios. 5) Nas palavras compostas que designam espécies botânicas e zoológicas, estejam ou não ligadas por preposição ou qualquer outro elemento. > couve-flor > erva-doce > feijão-verde> erva-do- chá > ervilha-de-cheiro > bem-me-quer> cobra- d’água > andorinha-do-mar > bem-te-vi> cobra- capelo > formiga-branca>lesma-de-conchinha 6) Nos compostos com os advérbios "bem" e "mal", quando estes formam com o elemento que se lhes segue uma unidade sintagmática e semântica, e tal elemento começa por vogal ou "H". > bem-aventurado > bem-estar > bem-humorado > mal-estar > mal-afortunado > mal-humorado > mal-intencionado > mal-assombrado Observações: a) Em muitos compostos, o adverbio "bem" aparece aglutinado com o segundo elemento (forma consolidada pelo uso), quer este tenha ou não vida a parte. > benfazejo > benfeito - > benfeitor > benquerença b) Em outros vocábulos, o adverbio "bem" pode não se aglutinar com palavras começadas por consoante. Observe:
  • 3. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 > bem-criado > bem-ditoso > bem-nascido > bem-visto c) E importante não confundir! Quando o vocábulo não começar por vogal nem por "H" não haverá hífen com o adverbio "mal". Observe: > malformação > malcozido > malcheiro > malcriado Mas escreveremos... > mal-educado > mal-afortunado i> mal-encarado ;> mal- humorado> mal-avisado 7) Nos compostos com os elementos "além, aquém, recém, sem". > além-Atlântico > além-mar > além-fronteiras aquém-mar recém-nascido > sem-cerimônia > sem-número > sem- vergonha Emprego do hífen com prefixos Nas formações com prefixos ou falsos prefixos só se emprega o hífen nos seguintes casos: 1) Nas formações em que o segundo elemento começa por "h", ou seja, não importa o prefixo: se o segundo elemento iniciar-se por "H", deve-se empregar o hífen. Observe: > pré-história > extra-humano > sub-hepático > super- homem> anti-herói > arqui-hipérbole > geo-história > pan- helenismo> semi-hospitalar > poli-hidratação Observação: Não se usa, no entanto, o hífen em formações que contem em geral os prefixos "des-" e "in-" nas quais o segundo elemento perdeu o "h" inicial. Veja: > desumano > desumidificar> inábil > inumano 2) Nas formações em que o prefixo termina na mesma vogal com que se inicia o segundo elemento. Observe: > anti-ibérico> micro-ondas> anti-imperialista> arqui- inimigo> contra-almirante> auto-ônibus> anti-inflamatório> semi-interno> infra-axilar> micro-organismo> supra auricular > eletro-óptica Observação: Esta regra não se aplica ao prefixo "re-". Por isso, escrevem-se corretamente sem hífen, por exemplo, os vocábulos "reencarnação, reenvio, reemissão, reempossar, reencontro, reestabelecer etc.". 3) Nas formações com os prefixos "circum-" e "pan-", quando o segundo elemento começar por vogal, "m" ou "n", além do "h" já mencionado. > circum-escolar > circum-murado > circum- navegação > pan-africano> pan-mágico > pan- negritude > pan-americano 4) Nas formações com os prefixos "hiper-, super-, inter-", quando o segundo elemento iniciar-se por " r", além, é obvio, do "H " já mencionado. > super-resistente > hiper-reativo i> inter- relacionado > super-revista> hiper-requintado > inter-hemisférico > hiper-rugoso > super- realismo> inter-regional> inter-renal 5) Nas formações com os prefixos "ex-, pós-, pré-, pró-, sota-, soto-, vice-, vizo-", isto é, esses prefixos sempre serão usados com hífen. > ex-diretor > pró-labore > sota-piloto > soto- mestre > vice-presidente > vizo-rei > soto-general > pré- datado> pós-graduação > pré-vestibular > pré- natal > pró-britânico> pró-americano > pós-tônico > pró-europeu > vice-diretor 6) Com o prefixo "sub-", haverá hífen sempre que o vocábulo iniciar-se por "b, h ou r". Observe: > sub-base > sub-bibliotecário > sub-humano > sub-hepático > sub-rogar > sub-repartição > sub-bosque > sub-rotina Observação: Caso não se inicie por "b, h ou r" não haverá hífen. Veja: > subepiderme ≫ sublocatário > subclasse > subutilizar ► Observações: a) Em alguns vocábulos, o prefixo (átono) se incorporou a palavra primitiva, como em
  • 4. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 "predeterminado, pressupor, propor, pospor, promover, prever" Por isso, estes vocábulos são escritos sem hífen. b) Nas formações por sufixação, só se emprega o hífen nos vocábulos terminados por sufixos de origem tupi- guarani que representam formas adjetivas, com "açu, Guaçu e mirim" como, por exemplo, "amoré-guaçu, anajá-mirim, anda-açu, capim-açu, Ceara-Mirim". c) Usa-se também o hífen nas ligações de formas pronominais enclíticas ao advérbio "eis" (ei-lo, ei-los) e ainda nas combinações de formas pronominais "o, a, os, as" com os pronomes oblíquos "nos" e "vos", como, por exemplo, "no-lo" "vo-los". d) O Novo Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa registra tanto "pro forma, pro labore", formas latinas, quanto “pró-forma, pró-labore", formas aportuguesadas. Portanto, ambas as grafias, sem hífen na forma latina e com hífen na forma aportuguesada, são corretas. Não se emprega o hífen 1) Nos vocábulos derivados por prefixação, cujo prefixo terminar em vogal e o segundo elemento iniciar-se por consoante. Caso o segundo elemento inicie por "r" ou "s", estas consoantes devem ser duplicadas. > contrarregra > infrassom > suprassumo > antirreligioso > minissaia > neorrepublicano > micro cirurgia > minissérie > semicírculo > ultrarromântico > hipoderme > semimetal > extracorpóreo > supracitado > neoliberal. 2) Nos vocábulos derivados por prefixação, cuja vogal final do prefixo e diferente da vogal inicial do segundo elemento. > antieconômico > extraescolar > extraoficial> intraocular> aeroespacial > semiárido> coeducação > autoestrada> agroindustrial > hidroelétrico> plurianual > antiaéreo 3) Nos vocábulos formados por palavras compostas, cuja noção de composição, em certa medida, se perdeu, uma vez que tais palavras passaram a compor um sentido único, individualizado. > paraquedas > mandachuva > madressilva > girassol> pontapé > madrepérola > passatempo > rodapé> sobremesa > vaivém > malmequer > aguardente ACENTUAÇÃO Indubitavelmente, o ponto mais cobrado pelas bancas de concursos em geral e, sem dúvida, a acentuação gráfica de alguns vocábulos. Antes, porém, de estudarmos as regras que regem a acentuação gráfica, vejamos algumas orientações preliminares... 1) Hoje, com o advento do Novo Acordo Ortográfico (1990), existem em português três acentos gráficos: o agudo (´) , o grave ( `) e o circunflexo ( ^ ). O til não e considerado um acento gráfico, senão um sinal de nasalização. 2) E importante não se esquecer de que todos os vocábulos são acentuados em português - e o chamado "acento tônico" (também chamado de "prosódico"), isto é, o acento que é representado pela silaba mais forte do vocábulo: a silaba tônica. As demais silabas são chamadas de atônicas ou, simplesmente, átonas. Observe: > meNIno > caDERno > almoFAda > CaruaRU > afirmar 3) Em português, a silaba tônica só recai na última, na penúltima ou na antepenúltima sílaba de um vocábulo. Daí os vocábulos serem classificados em três categorias: a) oxítonos (ou agudos) -> são os vocábulos cuja silaba tônica recai na última, como em: café, timidez, papel, sutil, ruim, Nobel, condor, cateter, refém, amem, mister etc. b) paroxítonos ->são os vocábulos cuja silaba tônica recai na penúltima, como em: amizade, beleza, austero, cível, exegese, rubrica, látex, decano, circuito, barbárie, fluido, tulipa, seniores, juniores etc. c) proparoxítonos ->são os vocábulos cuja silaba tônica recai na antepenúltima, como em: lâmpada, ágape, álibi, pântano, ômega, êxodo, aríete, arquétipo, interim, horoscopo, embolo, Observação: Em português, o conhecimento sobre a sílaba tônica do vocábulo é imprescindível para que não se cometam erros no momento de se acentuar graficamente o vocábulo quando for necessário. REGRAS PARA A ACENTUAÇÃO GRÁFICA Em primeiro lugar, cumpre observar que o objetivo da acentuação gráfica é permitir que todas as palavras sejam lidas corretamente e se evitem os erros de prosódia, denominados de "silabada". Como já dissemos, é fundamental, em primeiro lugar, identificar a silaba tônica dos vocábulos. A
  • 5. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 partir daí, parte-se para a busca da necessidade ou não de se acentuar o vocábulo graficamente. Vamos às regras sobre a acentuação gráfica na língua portuguesa. Monossílabos Regra -> Em português, acentuam-se com acento agudo os monossílabos finalizados em "a, e" abertos e, com acento circunflexo os monossílabos finalizados em "e, o" fechados, seguidos ou não de "s". a) A(S) chá, Brás, pá, gás, más, trás, fás, zás, má. b) E(S) lê, crê, rês, fé, pés, de, mês, três, rés, lés. c) O(S) dó, nó, vó, pó, pôs, cós, vós, nós. Oxítonos Regra 1 - Em português, acentuam-se com acento agudo os vocábulos oxítonos que terminam em "a, e, o" abertos, e com acento circunflexo os vocábulos que terminam em "e, o" fechados, seguidos ou não de "s". d) A(S) -> maracujá, cajá, vatapá, maracá, babá, Amapá, Macapá, Itamaracá, agá, alvará. e) E(S) ->rapé, chulé, recém, café, jacaré, dendê, cortês, português, freguês, pês, através, convés. f) O(S) -> cocoricó, trisavô, caritó, cipó, complô, propôs, judô, bisavô, cotó, mocotó, bangalô. Regra 2 -> Em português, acentuam-se com acento agudo o "e" da terminação "em" ou "ens" dos vocábulos oxítonos compostos de mais de uma silaba. > também > armazém > parabéns > ninguém > vintém > aquém > Belém > Santarém > desdém > Jerusalém > harém > amém > alguém> reféns Observação: Perceba que os monossílabos e os vocábulos paroxítonos terminados em "em" e "ens" não são acentuados. > cem > vem > tem > trem > cantem i> dizem > fazem Regra 3 -> Em português, acentuam-se com acento agudo os vocábulos oxítonos terminados nos ditongos abertos "éi, ói, éu". a) Él -> anéis, coronéis, papéis, réis, fiéis, bacharéis. b) Ól -> sóis, anzóis, herói, caubói, rói, dói, dodói. c) ÉU -> céu, réu, véu, chapéu, escarcéu, fogaréu. Observações sobre a acentuação dos oxítonos: a) Perceba que os oxítonos terminados em "z, r, l, i, u" não são acentuados. > capaz > timidez > feliz > cuscuz > amar > suor > funil > caracol > cordial > caju > bambu > bisturi > abacaxi > Caruaru > repus > Cariri > vapor > coronel b) Com base na regra de acentuação dos oxítonos, acentuam-se as formas verbais oxítonas terminadas em "a, e, o" Observe: > repor + o -> repô-lo > julgarão + os -> julgá-los- ão. > amaria + a -> amá-la-ia > compor + os -> compô-los > dizer + os -> dizê-los > comprar + os -> comprá-los c) Por outro lado, as formas verbais oxítonas terminadas em "i, u" não são acentuadas. Observe: > partir + o -> parti-lo ≫ compus + o compu-lo > vendi-o > cumpri-lo d) Com o advento do Novo Acordo Ortográfico de 1990, não mais se acentuam os ditongos "ei, oi" dos vocábulos paroxítonos. Para ficar bem esclarecido: esses ditongos não serão acentuados quando estiverem na penúltima silaba. > ideia > colmeia > paranoico > jiboia > assembleia> alcateia > heroico > boia > estreia > europeia > diarreia > claraboia > loio > dicroico > geleia Paroxítonos Os vocábulos paroxítonos são acentuados de acordo com as seguintes regras: Regra 1-> Em português, acentuam-se os vocábulos paroxítonos terminados em "ã, ãs, ão, ãos". > ímã > órfãs > órgão > órfãos > dólmãs> ímãs Regra 2-> Em português, acentua-se - com acento agudo quando aberta e com acento circunflexo quando fechada - a silaba tônica dos vocábulos paroxítonos terminados em "i, is, us".
  • 6. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 > beribéri > bônus ≫ ônus > lápis > táxi > biquíni > júri> íris > miosótis > tênis > oásis > ânus > Vênus > vírus Observação: Os prefixos paroxítonos terminados em - i - não são acentuados. Observe: semi-histórico, anti-higiênico. Regra 3-> Em português, acentuam-se os vocábulos paroxítonos terminados em "l, n, r, x, ps". Usa-se o acento agudo para "a, e, o" abertos e o acento circunflexo para "e, o" fechados. > túnel > alúmen > córtex > éter > aljôfar > âmbar > cânon> fênix > vômer > afável > açúcar > hífen > caráter > fênix > bíceps > tríceps > próton > íon > látex > cóccix > vulnerável> âmbar > difícil > cônsul > pólen > flúor > tórax > fórceps Observação: Tenha muito cuidado com a acentuação das palavras "item, itens, hífen e hifens" - estes vocábulos são muito cobrados em provas de concursos. Observe que somente "hífen" recebe acento por ser uma paroxítona terminada em "n". As demais não são acentuadas porque não há regra que autorize a acentuação das paroxítonas terminadas em "ens" nem das paroxítonas terminadas em "em". Regra 4-> Em português, acentuam-se os vocábulos paroxítonos terminados em "um, uns". > álbum> lábrum> álbuns> cécum> médiuns> factótum> fórum> nátrum Regra 5-> Em português, acentuam-se com agudo ou circunflexo se a sílaba for aberta ou fechada respectivamente, os vocábulos paroxítonos terminados em ditongos orais. > ágeis> imóveis> amêndoa> Antônio> jóquei> variáveis> superfície> óleo> pusésseis> pênseis> páscoa> ginásio> túneis> férteis> petróleo> história> régua> Ásia> água> tênue> vácuo. Proparoxítonas Regra Em português, acentuam-se todos os vocábulos proparoxítonos. Com acento agudo, as vogais "a, e, o" abertas. Com acento circunflexo, as vogais fechadas "e, o" e as vogais "a, e, o", quando seguidas de "m" ou "n". Observação: O advento do Novo Acordo Ortográfico de 1990 tem por objetivo principal uniformizar a grafia e a pronúncia entre os povos falantes do português. As palavras paroxítonas cujas vogais tônicas grafadas "e" ou “o" estão em final de sílaba e são seguidas das consoantes nasais grafadas "m" ou "n", conforme o seu timbre e aberto ou fechado nas pronuncias cultas da língua, podem receber acento agudo ou circunflexo. Podemos, então, escrever corretamente: > acadêmico ou académico > fenômeno ou fenómeno > cénico ou cênico > gênio ou génio > anatômico ou anatómico ≫ gênero ou género > cômodo ou cómodo > gêmeo ou gémeo > Amazônia ou Amazónia Acentuação dos hiatos Recebem acento agudo as vogais "s" e "u" tônicas dos vocábulos, seguidas ou não de "s", quando formam hiato com a vogal anterior. Observe: > faísca > saúde > abaçaí > absenteísmo > açaí > acaraúba > areísco > aziúme > babuíno > balaústre > caraíba > ciúme > deífico > egoísta > jáú > macaíra > maleína > piracuí > jataí > saúva > saída > heroína > juízo > viúvo > cafeína > caís > país > peúga > saía > Timbaúba > Luísa > Luís > recaída > miúdo > paraíso > sanduíche > amiúde > baú > baía > Esaú Observações sobre os hiatos: a) Não se coloca o acento agudo no " i" e no "u " quando, precedidos de vogal que com eles não forma ditongo, são seguidos de "l, m, n, r, z" que não iniciam sílabas. > contribuinte > juiz > paul > retribuirdes > ruim
  • 7. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 > Abigail > constituinte > cairmos > ruir > demiurgo b) Igualmente não se coloca o acento agudo no " i " e no "u" tônicos dos hiatos quando forem seguidos de "nh". > rainha v > ladainha > tainha > ventoinha > campainha > abecoinha c) Em muitas formas verbais, o " i " e o "u " figuram em hiato com a vogal anterior. Portanto, devem receber acento agudo. Observe: > eu atrai > tu atraíste > eu caí> tu caíste > eu saí > tu saíste > eu saúdo > tu saúdas > eu contribuí > tu contribuíste > eu possuí > tu possuíste d) Os encontros vocálicos "iu " e "ui", quando precedidos de vogal, sempre formarão ditongos. Essas bases não são acentuadas. Veja: > atraiu > contribuiu > pauis > constituiu > destruiu > saiu > derruiu > caiu > embaiu > restituiu e) Levam, porém, acento agudo as vogais tônicas " i" e "u" quando, precedidas de ditongo, formam hiato com a silaba anterior, como se vê em Piauí, teiú, teiús, tuiuiú, tuiuiús". f) Em virtude do Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, firmado em 1990, não mais recebem o acento circunflexo os hiatos tônicos "ee" e "oo". Portanto, assim devem ser escritos: > voo > coo > abotoo > enjoo > creem > veem > leem> perdoo > deem > caçoo > amaldiçoo > abençoo > arrazoo > doo Acentos diferenciais Com o advento do Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, firmado em 1990, desapareceu a maioria dos acentos diferenciais. Permanecem, entretanto, os seguintes acentos diferenciais: 1) "Pôde" (3.a pessoa do singular do pretérito perfeito do indicativo) para distinguir da correspondente forma do presente do indicativo "pode" 2) "Pôr" (forma verbal infinita) para distinguir da forma homógrafa "por" (preposição). 3) Facultativamente, pode-se grafar "fôrma" (substantivo) ou "forma" (substantivo, 3.a pessoa do singular do presente do indicativo ou 2.a pessoa do singular do imperativo afirmativo). 4) Facultativamente, pode-se grafar "dêmos" (1.a pessoa do plural do presente do subjuntivo) para se distinguir da correspondente forma do pretérito perfeito do indicativo "demos" Observação: Logo, os antigos acentos diferenciais, como "para, pelo, polo, pera", por exemplo, não mais existem. Escreveremos, portanto, corretamente: > Ela não para para pensar > Eu pelo o pelo pelo simples fato de sentir prazer. Regra especial - verbos "ter" "vir" e seus derivados Ha uma regra para a acentuação gráfica que merece atenção à parte. Diz respeito a acentuação dos verbos "ter", "vir" e seus derivados. Tais verbos obedecem as seguintes regras: Regra 1-> Acentua-se, com acento circunflexo, a 3.a pessoa do plural do presente do indicativo dos verbos "ter" e "vir". Observe: Presente do indicativo dos verbos Ter e Vir Eu tenho / venho Tu tens / vens Ele tem / vem Nós temos / vimos Vós tendes / vindes Eles têm / vêm Regra 2-> Acentua-se, com acento agudo, a 3.a pessoa do singular e com circunflexo a 3.a pessoa do plural do presente do indicativo dos verbos derivados de "ter" e "vir", como "abster, ater-se, reter, deter, conter, entreter, manter, advir, convir, intervir, provir, desavir, sobrevir" etc. Presente do indicativo dos verbos conter e provir Eu contenho / provenho Tu contens / provens Ele contém / provém Nós contemos / provimos Vós contendes / provindes Eles contêm / provêm
  • 8. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 Considerações gerais sobre a acentuação dos Vocábulos 1 ) Com o Novo Acordo Ortográfico, assinado em 1990, o trema deixa de existir sobre os grupos "GUE, GUI, QUE, QUI". Portanto, os vocábulos que apresentam tais ditongos devem ser escritos sem o trema. Observe: :> Linguiça > cinquenta > tranquilo > frequência > aguentar> arguição > aquicultura > quinquênio > áqueo> equidade> bilíngue > consequência > saguim > seriguela > delinquência> aquífero > quinquenal > equilátero Observação: O trema apenas se conserva em palavras estrangeiras e em palavras derivadas de nomes estrangeiros, como " hübneriano, Hübner, mülleriano, Müller". 2) A mesma situação ocorreu com os grupos "GUE, GUI, QUE" de algumas formas verbais. 3) Os grupos "gue, gui, que", que aparecem com verbos como "arguir, aguar, obliquar, delinquir, enxaguar", embora apresentem a vogal tônica "u", já não mais são acentuados em virtude do Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. Veja: > arguo, arguis, argui, arguem etc. > delínquo, delinquis, delinqui, delinquem etc. 3) Nos advérbios terminados em "-mente", derivados de adjetivos com acento agudo ou circunflexo, estes acentos são suprimidos. Observe: > avido-avidamente > fácil-facilmente > hábil-habilmente > só-somente > lúcido -> lucidamente > ingênuo-ingenuamente > débil-debilmente > único-unicamente > espontâneo-espontaneamente 4) Nas palavras derivadas que contem sufixos iniciados por "z" e cujas formas de base apresentam vogal tônica com acento agudo ou circunflexo, estes acentos serão suprimidos. Observe: > anéis-> aneizinhos > bebe -> bebezinho, bebezito > herói -> heroizito > avo avozinho > benção -> bencãozinha > avó -> avozinha > café-> cafezada > lâmpada - lampadazita > pêssego – pessegozito 1. (IBGE) Assinale a opção cuja palavra não deve ser acentuada: a) Todo ensino deveria ser gratuito. b) Não ves que eu não tenho tempo? c) É difícil lidar com pessoas sem carater. d) Saberias dizer o conteudo da carta? e) Veranópolis é uma cidade que não para de crescer. 2. (IBGE) Assinale a opção que contém as três, dentre as cinco palavras sublinhadas, que devem receber acento gráfico: a) Eles tem de, sozinhos, aparar o pelo do animal e prepara-lo para a exposiçao. b) A estrategia utilizada pelo jogador pos a rainha em perigo em tempo recorde. c) Saimos do tribunal mas, por causa do tumulto, não conseguimos a rubrica dos juizes. d) A quimica vem produzindo novas cores para as industrias de tecido. e) Eles não veem o apoio que se da a qualquer pessoa que aqui vem pedir ajuda. 3. (EPCAR) Assinale a série em que todos os vocábulos devem receber acento gráfico: a) Troia, item, Venus b) hifen, estrategia, albuns c) apoio (subst.), reune, faisca d) nivel, orgão, tupi e) pode (pret. perf.), obte-las, tabu 4. (BB) Opção correta: a) eclípse b) juíz c) agôsto d) saída e) intúito 5. (BB) "Alem do trem, voces tem onibus, taxis e aviões". a) 5 acentos b) 4 acentos c) 3 acentos d) 2 acentos e) 1 acento 6. (BB) Monossílabo tônico: a) o b) lhe c) e d) luz e) com
  • 9. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 7. (BB) Leva acento: a) pêso b) pôde c) êste d) tôda e) cêdo 8. (BB) Não leva acento: a) atrai-la b) supo-la c) conduzi-la d) vende-la e) revista-la 9. (BB) Noite: a) hiato b) ditongo c) tritongo d) dígrafo e) encontro consonantal 10. (UF-PR) Assinale a alternativa em que todos os vocábulos são acentuados por serem oxítonos: a) paletó, avô, pajé, café, jiló b) parabéns, vêm, hífen, saí, oásis c) você, capilé, Paraná, lápis, régua d) amém, amável, filó, porém, além e) caí, aí, ímã, ipê, abricó 11. (ITA) Dadas as palavras: 1. tung-stê-nio 2. bis-a-vô 3. du-e-lo Constatamos que a separação silábica está correta: a) apenas na palavra nº 1 b) apenas na palavra nº 2 c) apenas na palavra nº 3 d) em todas as palavras e) n.d.a 12. (OSEC) O plural de tem, dê, vê; é, respectivamente: a) têm, dêem, vêm b) tem, dêem, vêem c) têm, dêem, vêem d) têem, dêem, vêm e) têem, dêem, vêem 13. (FGV-RJ) Assinale a alternativa que completa as frases: I - Cada qual faz como melhor lhe ....... . II - O que ....... estes frascos? III - Nestes momentos os teóricos ....... os conceitos. IV - Eles ....... a casa do necessário. a) convém, contêm, revêem, provêem b) convém, contém, revêem, provém c) convém, contém, revêm, provém d) convêm, contém, revêem, provêem e) convêm, contêm, revêem, provêem 14. (CESCEM) Sob um ..... de nuvens, atracou no ..... o navio que trazia o ..... . a) veu, porto, heroi b) veu, pôrto, herói c) véu, pôrto, herói d) véu, porto, heroi e) véu, porto, herói 15. (CESGRANRIO) Assinale a opção em que os vocábulos obedecem à mesma regra de acentuação gráfica: a) pés, hóspedes b) sulfúrea, distância c) fosforescência, provém d) últimos, terrível e) satânico, porém 16. (SANTA CASA) As palavras após e órgãos são acentuadas por serem respectivamente: a) paroxítona terminada em s e proparoxítona b) oxítona terminada em o e paroxítona terminada em ditongo c) proparoxítona e paroxítona terminada em s d) monossílabo tônico e oxítona terminada em o, seguida de s e) proparoxítona e proparoxítona 17. (MACK) Indique a alternativa em que nenhuma palavra é acentuada graficamente: a) lapis, canoa, abacaxi, jovens b) ruim, sozinho, aquele, traiu c) saudade, onix, grau, orquidea d) voo, legua, assim, tenis e) flores, açucar, album, virus 18. (CESGRANRIO) Aponte a única série em que pelo menos um vocábulo apresente erro no que diz respeito à acentuação gráfica: a) pegada - sinonímia b) êxodo - aperfeiçoe c) álbuns - atraí-lo d) ritmo - itens e) redimí-la - grátis 19. (PUCC) Assinale a alternativa de vocábulo corretamente acentuado: a) hífen b) ítem c) ítens
  • 10. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 d) rítmo e) n.d.a 20. (ITA) Dadas as palavras: 1. des-a-len-to 2. sub-es-ti-mar 3. trans-tor-no, constatamos que a separação silábica está correta: a) apenas na número 1 b) apenas na número 2 c) apenas na número 3 d) em todas as palavras e) n.d.a 21. (AMAN) Assinale a opção em que a divisão silábica não está corretamente feita: a) a-bai-xa-do b) si-me-tria c) es-fi-a-pa-da d) ba-i-nhas e) ha-vi-a 22. (PUCC) A última reforma ortográfica aboliu o acento gráfico da sílaba subtônica e o acento diferencial de timbre. Por isso, não há erro de acentuação na alternativa: a) surpresa, pelo (contração), sozinho b) surprêsa, pelo (contração), sózinho c) surprêsa, pélo (verbo), sozinho d) surpresa, pêlo (substantivo), sózinho e) n.d.a 23. (ITA) Assinale a seqüência sem erro de acentuação: a) pára (verbo), pêlo (substantivo), averigúe, urutu b) para (verbo), pelo (substantivo), averigúe, urutu c) pára (verbo), pêlo (substantivo), averigüe, urutu d) pára (verbo), pelo (substantivo), averigüe, urutú e) para (verbo), pêlo (substantivo), averigúe, urutú 24. (IMES) Assinale a alternativa em que a palavra não tem as suas sílabas corretamente separadas: a) in-te-lec-ção b) cons-ci-ên-cia c) oc-ci-pi-tal d) psi-co-lo-gia e) ca-a-tin-ga 25. (SANTA CASA) As silabadas, ou erros de prosódia, são freqüentes no uso da língua. Assinale a alternativa onde não ocorre nenhuma silabada: a. Eis aí um protótipo de rúbrica de um homem vaidoso. b. Para mim a humanidade está dividida em duas metades: a dos filântropos e a dos misântropos. c. Os arquétipos de iberos são mais pudicos que se pensa. d. Nesse ínterim chegou o médico com a contagem de leucócitos e o resultado da cultura de levêdos. e. Ávaro de informações, segui todas as pegadas do éfebo. 26. (FGV-RJ) Assinale a alternativa em que todas as palavras estão corretamente grafadas: a) raiz, raízes, sai, apóio, Grajau b) carretéis, funis, índio, hifens, atrás c) buriti, ápto, âmbar, dificil, almoço d) órfão, afável, cândido, caráter, Cristovão e) chapéu, rainha, tatu, fossil, conteúdo 27. (PUC) Na palavra conseqüência o acento gráfico se justifica em função de ser: a) proparoxítona terminada em ditongo decrescente b) paroxítona terminada em ditongo crescente c) paroxítona terminada em ditongo decrescente d) proparoxítona terminada em ditongo e) paroxítona terminada em ditongo nasal 28. (OBJETIVO) Assinale a alternativa correta quanto à acentuação: a) Eu pélo o pêlo pelo prazer de pelar. b) É macio o pelo do cão. c) Comi a pera. d) É o polo Norte. e) Os professores mandaram por este álbum sobre a mesa. 29. (FAC. ENG-SOROCABA) Conforme a numeração, assinale a alternativa correta no que se refere à acentuação gráfica: I - erro II - sede III - torre IV - almoço V - governo a) nenhuma das alternativas está correta b) apenas os números II e III estão corretos c) apenas os números II e IV estão corretos d) apenas os números IV e V estão corretos e) todas as numerações estão corretas 30. (MED. TAUBATÉ) Apenas uma das alternativas abaixo apresenta erro de
  • 11. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 acentuação. Assinale-a: a) baú, véu b) lêem, vôo c) comer, anti-rabico d) super-homem, órgão e) raízes, bênção 31. (OBJETIVO) Em que par só uma das palavras deveria receber o trema? a) cinqüenta, agüentar b) qüinqüênio, eloqüente c) tranqüilo, lingüística d) ungüento, freqüente e) lingüiça, güerra 32. (VIÇOSA) Todas as palavras abaixo obedecem à mesma regra de acentuação, exceto: a) já b) nós c) pés d) dói e) há 33. (MACK) Assinale a alternativa em que todas as palavras estão corretas quanto à acentuação gráfica: a) Grajaú, balaustre, urubús b) árduo, língua, raíz c) raízes, fúteis, água d) heróico, assembléia, côroa e) túneis, apôio, equilíbrio 34. ( ENG. ITAJUBÁ) Nenhum dos vocábulos abaixo deve receber acento gráfico, exceto: a) maligno b) gratuito c) degrau d) improbo e) item 35. (PUCC) Assinale a alternativa em que nenhuma palavra deve receber acento gráfico: a) o governo, o juri, a garoa b) preto, fossil, seres c) itens, polens, erros d) item, polen, cedo e) n.d.a 36. (CARLOS CHAGAS) À luz de seu magnífico ............-de-sol, ..............., parece uma cidade ............... . a) por, Paranavaí, tranquila b) por, Paranavai, tranquila c) por, Paranavai, tranqüila d) pôr, Paranavaí, tranqüila e) pôr, Paranavaí, tranquila 37. (FURG-RS) A seqüência de palavras cujas sílabas estão separadas corretamente é: a) a-dje-ti-va-ção / im-per-do-á-vel / bo-ia-dei-ro b) in-ter-ve-io / tec-no-lo-gi-a / su-bli-nhar c) in-tu-i-to / co-ro-i-nha / pers-pec-ti-va d) co-ro-lá-rio / subs-tan-ti-vo / bis-a-vó e) flui-do / at-mos-fe-ra / in-ter-vei-o 38. (FURG-RS) Assinale a seqüência em que todas as palavras estão partidas corretamente: a) trans-a-tlân-ti-co, fi-el, sub-ro-gar b) bis-a-vô, du-e-lo, fo-ga-réu c) sub-lin-gual, bis-ne-to, de-ses-pe-rar d) des-li-gar, sub-ju-gar, sub-scre-ver e) cis-an-di-no, es-pé-cie, a-teu 39. (UFV-MG) As sílabas das palavras psicossocial e traído estão corretamente separadas em: a) psi-cos-so-ci-al / tra-í-do d) p-si-co-sso-cial / tra-í-do b) p-si-cos-so-cial / tra-í-do e) psi-co-sso-cial / tra-í-do c) psi-co-sso-ci-al / traí-do 40. (ACAFE-SC) Na frase "No restaurante, onde entrei arrastando os cascos como um dromedário, resolvi-me ver livre das galochas", existem: a) dois ditongos, sendo um crescente e um decrescente b) três ditongos, sendo dois crescentes e um decrescente c) três ditongos, sendo um crescente e dois decrescentes d) quatro ditongos, sendo dois crescentes e dois decrescentes e) quatro ditongos, sendo três crescentes e um decrescente 41. (UEPG-PR) Nesta relação, as sílabas tônicas estão sublinhadas. Uma delas, porém, está sublinhada incorretamente. Assinale-a: a) in-te-rim b) pu-di-co c) ru-bri-ca d) gra-tui-to
  • 12. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 e) i-nau-di-to 42. (UNIRIO) "O bom tempo passou e vieram as chuvas. Os animais todos, arrepiados, passavam os dias cochilando." No trecho ao lado, temos: a) dois ditongos e três hiatos b) cinco ditongos e dois hiatos c) quatro ditongos e três hiatos d) três ditongos e três hiatos e) quatro ditongos e dois hiatos 43. (UNIRIO) Assinale a melhor resposta. Em papagaio, temos: a) um ditongo b) um trissílabo c) um dígrafo d) um proparoxítono e) um tritongo 44. (UM-SP) Assinale a alternativa em que pelo menos um vocábulo não seja acentuado: a) voo, orfão, taxi, balaustre b) itens, parabens, alguem, tambem c) textil, amago, cortex, roi d) papeis, onix, bau, ambar e) hifen, cipos, leem, pe 45. (UFSCAR-SP) Assinale a série em que todas as palavras estão acentuadas corretamente: a) idéia, úrubu, suíno, ênclise b) bíceps, heróico, ítem, fóssil c) tênis, fôsseis, caiste, japonesa d) fútil, hífen, ânsia, decaído e) apóia, tapête, órfã, ruína 46. (BB) Afirmativa falsa: a) Dôce é acentuada graficamente b) Há acento indevido em raíz c) Falta acento em ruina d) Têm está acentuada por indicar plural e) Funil não deve ser acentuada graficamente 47. (BB) Único segmento errado quanto à acentuação gráfica: Tens idéia de quanto é inútil bancar o mártir? Nesse rítmo, acabas perdendo o juízo. a) idéia b) inútil c) mártir d) rítmo e) juízo 48. (BB) Opção com as duas palavras grafadas incorretamente: a) repôr, ítem b) contínuo, órgão c) atribuía, alô d) revólver, parabéns e) apóio, jaburú 49. (TRT) Assinale a alternativa em que todas as palavras são paroxítonas (foram omitidos os acentos): a) rubrica - avaro - pegada - acrobata b) mister - filantropo - misantropo - condor c) pegaso - prototipo - arquetipo - rubrica d) necromancia - quiromancia - ibero - nobel e) nenhuma das anteriores 50. (ESAF) Indique a alternativa em que há erro(s) de divisão silábica: a) res-sur-gir, a-ve-ri-güeis, vô-o, quais-quer b) ca-í-ram, co-o-pe-rar, pig-meu, op-ção, cons-ti- tuin-tes c) tu-a, ai-ro-so, e-gí-pcio, su-bs-tan-ti-vo, pneu- má-ti-co d) ab-di-ca-ção, o-ci-den-tal, sor-rin-do, sou-bes- te, mne-mô-ni-ca e) a-do-les-cen-te, mai-o-res, sub-ju-gar, me-lan- co-li-a, cir-cui-to 51. (ESAF) Em todas as alternativas as palavras foram acentuadas corretamente, exceto em: a) Eles têm muita coisa a dizer. b) Estude os dois primeiros ítens do programa. c) Afinal, o que contém este embrulho? d) Foi agradável ouvir aquele orador. e) Por favor, dêem-lhe uma nova chance. 52. (ADM. POSTAL CORREIOS) Marque o item que completa corretamente a frase: Aqueles que ............... do interior, ............... a cidade grande como o mundo que lhes ............... . a) vêem - vêm - convêm b) vêm - vêem - convêm c) veem - vêm - convem d) vêem - vêem - convém e) vêm - vem - convem 53. (ADM. POSTAL CORREIOS) Assinale a opção em que os vocábulos não obedecem à mesma regra de acentuação gráfica: a) idéia - herói - escarcéu
  • 13. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 b) concluído - saúde - atribuí-lo c) amá-lo - fazê-lo - pô-lo d) conseqüência - mágoa - homogêneo e) cáqui - ninguém - amável 54. (UEG) Indique o par em que o acento gráfico não tem a mesma função: a) círculo - líquido b) notícia - proprietário c) pôr - pára d) água - pára e) difíceis - amáveis 55. (CARLOS CHAGAS) - Por favor, .......... com esse .......... pois precisamos de .......... . a) para, ruído, tranqüilidade b) para, ruido, tranquilidade c) para, ruído, tranquilidade d) pára, ruido, tranqüilidade e) pára, ruído, tranqüilidade 56. (CARLOS CHAGAS) Terminado o .........., o .......... recebeu .......... aplausos. a) vôo - herói - veemêntes b) voo - heroi - veemêntes c) vôo - heroi - veementes d) voo, herói, veemêntes e) vôo, herói, veementes 57. (ESPCEX) Assinale a alternativa cujas palavras estão corretas quanto à acentuação: a) Luis, apôio, nódoa, próton, chapéuzinho b) gratuíto, eu apóio, ítem, pêras, álbuns c) sauduíche, averigúe, refém, puni-lo, amável d) âmago, ônus, amá-lo-íeis, itens, taxi e) biquini, juíz, áureo, joquei, eles mantém 58. (ESPCEX) Assinale a alternativa correta quanto à divisão silábica das palavras dadas: a) sa-gu-ão, mín-guam, a-bs-tra-to, de-lin-qüi-u, plúm-beo b) fric-ção, rit-mo, pneu-má-ti-co, cai-ais, bo-ê-mia c) mag-ne-tis-mo, en-xa-güei, ni-nha-ri-a, res-pe-i-to, mei- os d) su-blo-car, ca-iu, re-ce-pção, a-cces-sí-vel, subs-cre- ver e) coi-ta-do, trans-a-tlân-ti-co, pis-ci-na, suas, põem 59. (FUVEST) Assinale a alternativa em que todas as palavras estejam corretamente acentuadas: a) Tietê, órgão, chapéuzinho, estrêla, advérbio b) fluido, geléia, Tatuí, armazém, caráter c) saúde, melância, gratuíto, amendoím, fluído d) inglês, cipó, cafèzinho, útil, réu e) canôa, heroismo, crêem, Sergípe, bambú 60. (PUC-RS) Aponte o único conjunto onde há erro na divisão silábica: a) flui-do, sa-guão, dig-no b) cir-cuns-cre-ver, trans-cen-den-tal, tran-sal-pi- no c) con-vic-ção, tung-stê-nio, rit-mo d) ins-tru-ir, an-te-pas-sa-do, se-cre-ta-ri-a e) co-o-pe-rar, dis-tân-cia, bi-sa-vô 61. (UFF) Apenas num dos seguintes casos a divisão silábica não está feita de acordo com as normas vigentes. Assinale-o: a) tran-sa-tlân-ti-co b) ab-di-ca-ção c) subs-ta-be-le-cer d) fri-ís-si-mo e) cis-an-di-no 62. (TRE-MT) A alternativa em que as duas palavras acentuadas não seguem a mesma regra de acentuação é: a) ninguém - também b) dólar - pólo c) eficiência - próprio d) escrúpulos - síntese e) heróis - bóia 63. (TRE-MT) Segue a mesma regra de acentuação de país a palavra: a) saúde b) aliás c) táxi d) grêmios e) heróis 64. (TRE-ES) "Aí" é acentuada pelo mesmo motivo de: a) aquí b) dá c) é d) baú e) porém 65. (TRE-MG) Assinale a palavra que contém exemplo de ditongo decrescente e dígrafo: a) companhia b) exceção
  • 14. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 c) répteis d) cãimbra e) gratuito 66. (LICEU) Acentue as palavras abaixo e encontre a alternativa que corresponda, respectivamente, a róseo, tímida e encontrará: a) Nobel, interim, papeis b) condor, avaro, alguem c) ruim, filantropo, condor d) pudico, palida, mister e) levedo, libido, ruim 67. (UEG) Assinale o único vocábulo cujo critério de acentuação gráfica é o mesmo que determinou o emprego do acento em "idéia": a) história b) difíceis c) jóia d) família e) fidélis 68. (TRE-MT) A separação de sílabas está incorreta na alternativa: a) mi - nis - té - rio b) ab-so-lu-tas c) ne-nhu-ma d) té-cni-co e) res-sen-ti-men-tos 69. (MACK) Assinale a única alternativa em que nenhuma palavra é acentuada graficamente: a) bonus, tenis, aquele, virus b) repolho, cavalo, onix, grau c) juiz, saudade, assim, flores d) levedo, caracter, condor, ontem e) caju, virus, niquel, ecloga 70. (TRE-RJ) A alternativa que apresenta erro quanto à acentuação em um dos vocábulos é: a) lápis - júri b) bônus - hífen c) ânsia - série d) raízes - amável e) Anhangabaú - bambú 71. (TRE-MG) Ambas as palavras contêm exemplo de hiato em: a) árduo / mãe b) área / chapéu c) diário / quota d) pavio / moer e) luar / anzóis 72. (ETF-SP) Assinalar a alternativa correta quanto à acentuação: a) Para por o sotão em ordem foram necessárias duas pessoas. b) Aqueles índios se alimentam de raizes e andam nús pela floresta. c) Já faz três mêses que saí da presidência da emprêsa. d) O elevador só pára se o botão for acionado. e) O remedio que combate esse virus já foi descoberto? 73. (TTN) Marque a alternativa correta quanto à divisão silábica: a) fi-a-do, flui-do, ru-im b) se-cre-ta-ri-a, ins-tru-ir, né-ctar c) co-o-pe-rar, tung-stê-nio, i-guais d) cir-cui-to, subs-cre-ver, a-po-te-ose e) abs-ces-so, ri-tmo, sub-ju-gar 74. (TTN) Assinale a frase incorreta quanto à acentuação gráfica: a. A funcionária remeterá os formulários até o início do próximo mês. b. Ninguém poderia prever que a catástrofe traria tamanho ônus para o país. c. Este voo está atrasado; os senhores tem que embarcar pela ponte aerea e fazer conexão no Rio para Florianopolis. d. O pronunciamento feito pelo diretor na assembléia revestia-se de caráter inadiável. e. Segundo o regulamento em vigor, o órgão competente tomará as providências cabíveis. 75. (TTN) Assinale o trecho que apresenta erro de acentuação gráfica: a. Inequivocamente, estudos sociológicos mostram que, para ser eficaz, o chicote, anátema da sociedade colonial, não precisava bater sobre as costas de todos os escravos. b. A diferença de ótica entre os díspares movimentos que reivindicam um mesmo amor à natureza se enraízam para além das firulas das discussões político-partidárias. c. No âmago do famoso santuário, erguido sob a égide dos conquistadores, repousam enormes caixas cilíndricas de oração em forma de mantras, onde o novel na fé se purifica. d. O alvo da diatribe, o fenômeno da reprovação escolar, é uma tolice inaceitável, mesmo em um paradígma de educação deficitária em relação
  • 15. PM – MS - SGT BEKMANN – AULA 01 aos menos favorecidos. e. Assustada por antigas endemias rurais, a, até então, álacre sociedade brasileira tem, enfim, consciência do horror que seria pôr filhos em um mundo tão inóspito. 76. (UF-PI) Assinale a alternativa em que todas as palavras estejam acentuadas corretamente: a) Quero por um ponto final nessa polêmica. b) Com desconfiança, apos sua rúbrica em todos os documentos. c) Preferem maçã à pera. d) Lavou o pelo do animal com sabão comum. e) Como bom contador, ele gosta de boêmia. 77. (CESGRANRIO) Assinale o item em que ocorre erro ortográfico: a) ele mantém / eles mantêm b) ele dê / eles dêem c) ela contém / elas contêm d) ele vê / eles vêem e) ele contém / eles contêem 78. (PUC-RJ) Aponte a opção em que as duas palavras são acentuadas devido à mesma regra: a) saí - dói b) relógio - própria c) só - sóis d) dá - custará e) até - pé 79. (UNIRIO) Assinale a opção em que o vocábulo apresenta ao mesmo tempo um encontro consonantal, um dígrafo consonantal e um ditongo fonético: a) ninguém b) coalhou c) iam d) nenhum e) murcham 80. (TRT-ES) Leia o texto e assinale o item que apresenta correta divisão silábica: Atualmente, as plantas medicinais voltam a suscitar grande interesse, tanto na área dos profissionais da saúde como na própria sociedade. a) mui-to / su-sci-tar b) saú-de / so-cie-da-de c) me-di-ci-na-is / sa-ú-de d) sus-ci-tar / me-di-ci-nais e) in-te-res-se / a-tual-men-te GABARITO: 1 - A 21 - B 41 - A 61 - E 2 - A 22 - A 42 - A 62 - B 3 - B 23 - A 43 - A 63 - A 4 - D 24 - D 44 - B 64 - D 5 - A 25 - C 45 - D 65 - B 6 - D 26 - B 46 - A 66 - D 7 - B 27 - B 47 - D 67 - C 8 - C 28 - A 48 - A 68 - D 9 - B 29 - E 49 - A 69 - C 10 - A 30 - C 50 - C 70 - E 11 - C 31 - E 51 - B 71 - D 12 - C 32 - D 52 - B 72 - D 13 - A 33 - C 53 - E 73 - A 14 - E 34 - D 54 - D 74 - C 15 - B 35 - C 55 - E 75 - D 16 - B 36 - D 56 - E 76 - E 17 - B 37 - E 57 - C 77 - E 18 - E 38 - C 58 - B 78 - B 19 - A 39 - A 59 - B 79 - E 20 - C 40 - C 60 - C 80 - D