Artigo: Gestão de Pessoas na Prática
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Artigo: Gestão de Pessoas na Prática

on

  • 3,401 views

Melissa Antonychyn afirma que o segredo para as organizações é manter os seus talentos numa relação de verdadeira parceria de ganhos mútuos. ...

Melissa Antonychyn afirma que o segredo para as organizações é manter os seus talentos numa relação de verdadeira parceria de ganhos mútuos.

Autora: Melissa Antonychyn
www.caputconsultoria.com.br
(43) 3029-5000

Statistics

Views

Total Views
3,401
Views on SlideShare
3,400
Embed Views
1

Actions

Likes
0
Downloads
13
Comments
0

1 Embed 1

http://www.slideshare.net 1

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Artigo: Gestão de Pessoas na Prática  Artigo: Gestão de Pessoas na Prática Document Transcript

  • Gestão de Pessoas na PráticaMelissa Antonychyn afirma que o segredo para as organizações é manter os seus talentosnuma relação de verdadeira parceria de ganhos mútuos. Recorrendo às questões históricas, percebemos que o movimento promovido pela Era da Informação fez com que as organizações percebessem claramente que o grande diferencial competitivo nos negócios são as pessoas. Como gerir esse diferencial intelectual, adotando ações que as ajudem entregar o seu melhor e permanecerem motivadas é a grande questão. Temos vários estudos que detalham os famosos subsistemas de RH. Aparentemente, bastaria a execução decada um deles e pronto, teríamos a resposta exata para os nossos problemas de gestão de pessoas. Noentanto, como explicar por que tantas empresas diariamente executam suas rotinas de RH, possuemequipes com vários colaboradores atuando nestas tarefas e mesmo assim os problemas continuam?O desalinhamento estratégico é a resposta para tal indagação. Estrutura-se a área, mas quandopensamos em Atração & Seleção de Talentos, Remuneração Estratégica, Planos de Carreira,Desenvolvimento de Pessoas, Avaliação de Desempenho e Gerenciamento de Indicadores de RH tudofica nas rotinas sistemáticas e isoladas, sem nenhum direcionamento pautado pelos objetivos e metastraçadas para a empresa.A solução torna-se clara quando entendemos que o caminho para atrair e selecionar as pessoas certasdepende do conhecimento profundo de quais são os valores da organização, o que realmente é talentodentro daquele contexto e o que este profissional deverá fazer para agregar valor ao plano de metasda empresa.Ao pensarmos em remuneração estratégica temos que projetar quanto estimamos faturar a cada ano ecomo podemos retribuir os resultados positivos em termos de remuneração, benefícios e outrasvantagens aos nossos colaboradores de forma justa e mantendo o equilíbrio financeiro da empresa.Com isso, os profissionais se sentem estimulados a se capacitarem cada vez mais e suas perspectivasde futuro na empresa parecem ser mais nítidas, o que os leva a permanecerem na organização mesmoque recebam tentadoras propostas, pois o que os motiva a trabalhar neste lugar não é somente oretorno financeiro imediato, mas principalmente as possibilidades de carreira que o mesmo apresenta.Quanto ao desenvolvimento humano, é preciso oferecer práticas e conteúdos que contribuam para ocrescimento pessoal e profissional dos colaboradores. Programas de treinamento com metodologiasque envolvam as pessoas no processo de aprendizagem, revelem o que a organização necessita, comoquer ser vista, o que considera importante e o que faz questão que seja aplicado por cada ser humanoque nela atua.A avaliação de desempenho também é uma importante ferramenta que se propõe a analisar odesempenho do profissional em função das atividades que ele realiza, das metas estabelecidas, dosresultados alcançados e do seu potencial de desenvolvimento. Ou seja, auxilia o colaborador aperceber se aquilo que se esperava dele foi atingido e quais são os gaps que deverão ser desenvolvidos
  • para o futuro. O objetivo final dessa avaliação é contribuir para o desenvolvimento das pessoas naorganização.A Gestão de Pessoas deve formar e consolidar equipes internas produtivas e comprometidas com aestratégia e as metas da empresa, utilizando adequadamente processos seletivos, atividades detreinamento, aperfeiçoamento e desenvolvimento de habilidades individuais, otimizando recursos einvestimentos, com o objetivo de maximizar os lucros. Monitorar todos estes elementos faz parte darotina de gerenciamento dos indicadores de RH que demonstram se o investimento em pessoas trouxeou não retornos financeiros para o negócio.Portanto, o segredo para as organizações é manter os seus talentos numa relação de verdadeiraparceria de ganhos mútuos, pois se quisermos pensar na empresa hoje e no futuro é preciso entenderque a excelência empresarial é um trabalho realizado com e por meio das pessoas. * Por Melissa Antonychyn Palestrante e consultora empresarial melissa@caputconsultoria.com.br