HornetQ - 2.1.HornetQ no Modo Standalone
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

HornetQ - 2.1.HornetQ no Modo Standalone

on

  • 725 views

 

Statistics

Views

Total Views
725
Views on SlideShare
430
Embed Views
295

Actions

Likes
0
Downloads
14
Comments
0

1 Embed 295

http://waelson.com.br 295

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

HornetQ - 2.1.HornetQ no Modo Standalone HornetQ - 2.1.HornetQ no Modo Standalone Presentation Transcript

  • Treinamento HornetQ
  • Agenda • • • • Overview Estrutura de Diretórios Iniciando e Parando o Servidor Arquivos de Configuração
  • HornetQ como Standalone • Overview – Funciona independente de um App Server JEE – Possui algumas características de um App Server JEE – Composto por: • Servidor de Mensagens • Serviço JMS • Servidor JNDI
  • HornetQ como Standalone • Overview – Estrutura com visão de serviços
  • HornetQ como Standalone • Overview – Componentes • Serviço JMS – Responsável por gerenciar as instância de JMS Queue, Topic e ConnectionFactory – É possível realizar gerenciamento via API JMX • Servidor JNDI – Utilizado para expor acessos as Queues, Topics e ConnectionFactories
  • HornetQ como Standalone • Overview – Visão de integração com App Server JEE
  • Estrutura de Diretórios • Principais Diretórios Scripts de inicialização e parada do servidor Diretórios de perfis e arquivos de configuração Armazena os arquivos de persistência das mensagens Arquivos de logs gerado pelo servidor Código-fonte para integração com LibAIO XSDs utilizados pelos arquivos de configuração
  • Estrutura de Diretórios • Iniciando e Parando o Servidor – Iniciando • No diretório $HORNETQ_HOME/bin executar # ./run.sh # nohup ./run.sh & – Parando • No diretório $HORNETQ_HOME/bin executar # ./stop.sh
  • Estrutura de Diretórios • Arquivos de Configuração Arquivos de configuração do HornetQ dentro do JBoss 4 Arquivos de configuração do HornetQ dentro do JBoss 5 Arquivos de configuração do HornetQ modo Standalone
  • Estrutura de Diretórios • Arquivos de Configuração – O diretório dos arquivos de configuração ficam definidos no arquivo $HORNETQ_HOME/bin/run.sh.
  • Estrutura de Diretórios • Arquivos de Configuração – Arquivos • hornetq-beans.xml – Arquivo de definição utilizado pelo Jboss Microcontainer. Faz o elo de ligação entre os componentes do HornetQ. • hornetq-configuration.xml – Principal arquivo de configuração do HornetQ. • hornetq-users.xml – Armazena as credenciais de usuário utilizados pelo macanismo de segurança do HornetQ. • hornetq-jms.xml – Arquivo de configuração de Queues, Topics, ConnectionFactories e registro no servidor JNDI
  • Estrutura de Diretórios • Arquivos de Configuração – Arquivos (continuação) • jndi.properties – Arquivo de configuração dos parâmetros JNDI, geralmente utilizado pelas aplicações clientes. • logging.properties – Utilizado para configuração de handler de logs.
  • Estrutura de Diretórios • Arquivos de Configuração – Substituição de parâmetros Parâmetro passado para a VM. Quando o parâmetro não for encontrado # java –jar ComponenteFake.jar –Dhornetq.remoting.netty.port=1010
  • Estrutura de Diretórios • Arquivos de Configuração – hornetq-beans.xml Servidor JNDI. Pode ser comentado se não for necessário. Servidor MBean para administração via JMX Responsável pelo carregamento dos arquivos de configuração.
  • Estrutura de Diretórios • Arquivos de Configuração – hornetq-beans.xml (continuação) Mecanismo de segurança do HornetQ Coração do HornetQ
  • Estrutura de Diretórios • Arquivos de Configuração – hornetq-beans.xml (continuação) Mecanismo de segurança do HornetQ Coração do HornetQ
  • Estrutura de Diretórios • Arquivos de Configuração – hornetq-beans.xml (continuação) Responsável pelo publicação dos componentes JMS. As solicitação à servidos JMS são traduzidas e delegadas ao Core.
  • Estrutura de Diretórios • Arquivos de Configuração – hornetq-beans.xml (continuação) • Mais a frente veremos outros parâmetros.