LED  – Díodo Emissor de Luz
Constituição Um led é constituído por uma junção PN de material semicondutor e por dois terminais, o Ânodo (A) e o Cátodo ...
Identificação visual dos terminais
Polarização de um led O led está directamente polarizado, e emite luz, quando o ânodo está positivo em relação ao cátodo. ...
Principio de funcionamento Ao ser aplicada uma tensão que polariza directamente o led ocorre que muitos electrões não têm ...
Características técnicas V F  = 1,35 V  V R  = 4 V Material semicondutor que o constitui: Arsenieto de gálio Led infra ver...
Cálculo da resistência a ser ligada em série com o led A resistência a ser ligada em série com o led tem como função limit...
Curva característica A curva mostra a corrente directa em função da tensão directa. Observa-se nesta curva que enquanto nã...
Tipos de led Há leds de 3, 5, 8 e 10mm de diâmetro, cilíndricos, rectangulares, triangulares, etc. No mercado existem leds...
Aplicações dos led Os led são utilizado como elementos indicadores em calculadoras, aparelhos de medida, indicadores numér...
Display de sete segmentos O cátodo de todos estes díodos emissores de luz é comum, pelo que aplicando uma tensão directa d...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

LED

1,934

Published on

Published in: Business, Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,934
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "LED "

  1. 1. LED – Díodo Emissor de Luz
  2. 2. Constituição Um led é constituído por uma junção PN de material semicondutor e por dois terminais, o Ânodo (A) e o Cátodo (K). A cor da luz emitida pelo led depende do material semicondutor que o constitui. Símbolo:
  3. 3. Identificação visual dos terminais
  4. 4. Polarização de um led O led está directamente polarizado, e emite luz, quando o ânodo está positivo em relação ao cátodo. O led está inversamente polarizado, e não emite luz, quando o ânodo está negativo em relação ao cátodo.
  5. 5. Principio de funcionamento Ao ser aplicada uma tensão que polariza directamente o led ocorre que muitos electrões não têm a energia suficiente para passarem da banda de valência à banda de condução, ficando na zona interdita ou proibida. Como não podem permanecer nessa zona voltam à banda de valência tendo para esse efeito de perder energia, o que fazem emitindo luz (fotões). Energia Banda de valência Banda proibida Banda de condução Luz Electrão
  6. 6. Características técnicas V F = 1,35 V V R = 4 V Material semicondutor que o constitui: Arsenieto de gálio Led infra vermelho V F = 2,4 V V R = 3 V Material semicondutor que o constitui: Fosforeto de gálio Led verde Led amarelo V F = 1,6 V V R = 3 V Material semicondutor que o constitui: Fosfoarsenieto de gálio Led vermelho A corrente directa (I F ) deverá estar compreendida entre 10 e 100 mA. V F – Tensão máxima de polarização directa. V R – Tensão máxima de polarização inversa.
  7. 7. Cálculo da resistência a ser ligada em série com o led A resistência a ser ligada em série com o led tem como função limitar a corrente no led. Exemplo: Vamos calcular o valor da resistência limitadora (R1) sabendo-se que a tensão que vai ser aplicada ao circuito (V CC ) é de 6Volt, e pretende-se que a tensão directa aplicada ao led seja de 2 Volt para uma corrente directa de 10 mA. R=(V CC - V F )/I R=(6-2)/10x10 -3 R=400 
  8. 8. Curva característica A curva mostra a corrente directa em função da tensão directa. Observa-se nesta curva que enquanto não se atinge um determinado valor da tensão directa não se inicia a circulação de corrente, e que, ultrapassando o cotovelo da curva a corrente directa aumenta rapidamente de valor ao aumentar ligeiramente a tensão directa. Ao aumentar a corrente directa a intensidade luminosa do led também aumenta.
  9. 9. Tipos de led Há leds de 3, 5, 8 e 10mm de diâmetro, cilíndricos, rectangulares, triangulares, etc. No mercado existem leds: B icolores Constituídos internamente por dois led em anti-paralelo. Tricolores Constituído internamente por dois led (verde e vermelho) ligados com o cátodo comum. Intermitentes Têm internamente um mini circuito integrado que provoca a oscilação do led.
  10. 10. Aplicações dos led Os led são utilizado como elementos indicadores em calculadoras, aparelhos de medida, indicadores numéricos de receptores de rádio, etc. Fabricam-se individuais ou em conjunto ( display de sete segmentos ) podendo neste segundo caso representar qualquer caracter. O display de sete segmentos é constituído por díodos emissores de luz, tantos quantos os segmentos do display. Na figura pode ver-se um display constituído por sete segmentos (cada segmento corresponde a um led) e um ponto decimal (ou seja, é constituído por oito led).
  11. 11. Display de sete segmentos O cátodo de todos estes díodos emissores de luz é comum, pelo que aplicando uma tensão directa de polarização aos diferentes ânodos se acenderá um ou outro dos segmentos. Combinando ordenadamente as tensões directas aplicadas aos ânodos pode formar-se qualquer caracter. Cátodo comum K a b c d e f g

×