Cosmético infantil

  • 1,620 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
1,620
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4

Actions

Shares
Downloads
7
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária
  • 2. Anvisa - Cosméticos InfantisCosméticos InfantisO Brasil é um dos maiores mercados mundiais de cosméticosinfantis. A utilização de produtos de higiene pessoal, como xam-pus, condicionadores e sabonetes infantis, e de produtos de be-leza já se incorporou ao dia-a-dia de meninos e meninas. Essecrescente interesse vem chamando a atenção de pais, médicos eautoridades sanitárias quanto à segurança desses produtos.Para ter certeza da qualidade do produto, a primeira providên-cia é procurar o número de registro na embalagem. No Brasil,a Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária, autarquiavinculada ao Ministério da Saúde, é responsável pelo registro deprodutos cosméticos, incluindo os infantis.A indicação do registro pode ser precedida pelas iniciais MS,ANVS ou pelo nome Anvisa seguido de um número com 9 ou13 dígitos, que sempre se inicia com o número 2. Antes de se-rem registrados, os produtos passam por uma detalhada análisetécnica onde se verifica a sua conformidade com a legislaçãosanitária vigente, incluindo análise da segurança do produto eos dizeres de rotulagem.As crianças devem utilizar apenas produtos infantis, pois sãoelaborados de forma a manter as características da pele dacriança. Alguns produtos são dermatologicamente testados ouhipoalergênicos; isto significa que foram testados sob o controlede médicos dermatologistas, o que reduz o risco de surgimentode alergia. 
  • 3. Anvisa - Cosméticos InfantisMaquiagens InfantisUm requisito essencial para a maquiagem infantil é ter baixopoder de fixação e ser facilmente removida da pele com água.Cada tonalidade de blushes e rouges deve ser testada antes deser comercializada, para se avaliar o potencial de irritação, sensi-bilização e toxicidade oral. Além disso, a Anvisa permite que asmaquiagens contenham substâncias que possuam gosto ruim(amargo) para evitar que a criança leve o produto à boca.Atenção: maquiagens para boneca e outras comercializadascomo brinquedos não podem ser utilizadas em crianças, poisnão são formuladas com ingredientes próprios para a pele in-fantil e nem propiciam a segurança necessária.
  • 4. Anvisa - Cosméticos InfantisSabonetes Xampus e Condicionadores InfantisCabelo de criança também merece cuidadoespecial. Para isso, lave-o com um xampuinfantil a fim de limpá-lo e tirar-lhe osresíduos. Caso seja necessário o usode condicionador, o produto deveser aplicado por um adulto paraque não corra o risco de excessosde creme nos cabelos.Crianças devem usar sabonetesinfantis, mais apropriados à suapele delicada. Em caso de con-tato com os olhos, os produtosdevem ser imediatamente reti-rados, enxaguando-se o rostoe os cabelos das crianças. Emcrianças alérgicas, os cuidadosno uso desses produtos devemser redobrados.Protetores SolaresÉ importante o uso do protetor solar diariamente nas criançaspara se evitar queimaduras solares. Mas atenção, antes de apli-car o protetor em crianças com menos de seis meses de idade,um médico deve ser consultado e os banhos de sol devem serrestritos ao tempo e aos horários indicados pelo pediatra.O fator de proteção solar (FPS) do produto a ser utilizado nascrianças deve ser no mínimo 15, de acordo com o fototipo depele ou conforme recomendação médica. Quanto maior o valorde FPS do produto, maior a proteção proporcionada. 
  • 5. Anvisa - Cosméticos InfantisO protetor solar deve ser reaplicado a cada duas horas. Em praiaou piscina, mesmo que o produto seja resistente à água, os paisdevem reaplicá-lo na criança após sua entrada na água ou de- pois de muita transpiração. Mesmo com esses cuidados, a ex- posição solar deve ser evitada no período das 10h às 16h. Esmaltes Infantis Esmaltes permitidos para crianças são aqueles à base de água e que saem sem necessidade do uso de acetona ou removedor. Por não possuírem solvente, o cheiro dos esmaltes infantis é bem diferente do presen- te nos esmaltes para adultos. Os esmaltes também podem possuir subs- tâncias de gosto amargo, para evitar a in- gestão acidental por parte das crianças, e cada tonalidade deve ser testada a fim de se avaliar o seu potencial de irritação, sen- sibilização e toxicidade oral. O rótulo deve possuir orientações e advertências de uso.Batons e brilhos labiaisOs batons e brilhos labiais devem colorir os lábios temporaria-mente. Como nos demais produtos infantis, a fórmula deve sercomposta por ingredientes seguros. Antes de comercializar es-ses produtos, a empresa deve comprovar a segurança de cadatonalidade junto à Anvisa.O rótulo deve possuir indicações de segurança específicas in-cluindo a indicação da faixa etária de uso do produto. Em crian-ças pequenas, um adulto deve aplicar e supervisionar o uso doproduto.
  • 6. Anvisa - Cosméticos InfantisFixadores de cabelosOs fixadores de cabelo infantis podem ser coloridos,perfumados, ter fotoprotetor e efeito luminoso.No ato do registro, devem ser apresentadostestes que comprovem a sua segurança. Sãoindicados para crianças a partir de trêsanos de idade e devem ser aplicadosexclusivamente por um adulto.EmbalagensAs embalagens de cosméticosinfantis devem apresentar siste-mas e válvulas de dosagem quepermitam a liberação de peque-nas quantidades do produto e nãodevem ter pontas cortantes ou pe-rigosas. Além disso, elas devem serisentas de substâncias tóxicas e nãopodem ser apresentadas na forma deaerosol.Atenção: Os pais devem supervisionar o uso de produtos cos-méticos pelas crianças. Caso surjam coceiras, irritações ou aler-gias, suspenda o uso do produto e procure orientação médica. 
  • 7. Realização:Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)SEPN 515, Bl.B - Edifício ÔmegaBrasília - DFCEP: 70.770-502Telefone: (61) 3448-1212www.anvisa.gov.brDisque-intoxicação: 0800 722 6001