Your SlideShare is downloading. ×
0
Asterisk  Vicente de Paula Nobrevicente.proj@hotmail.com
Principais Tópicos O que é o asterisk Alguns Recursos Arquitetura do asterisk Hardware e software Cenários de uso Instalaç...
Principais Tópicos Sintaxe de configuração Plano de discagem com cliente SIP Correio de voz, salas de conferência e Filas ...
O que é o Asterisk É um PABX IP baseado em software livre sob licença GPL, que pode rodar em vários sistemas operacionais,...
O que é o Asterisk Configuração de Recursos avançados e a agregação de novas funcionalidades. Foi desenvolvido pela Digium...
Alguns Recursos Salas de Conferências Gravação de chamadas Transferência de ligações Estacionamento de chamadas Filas de a...
Alguns Recursos URA (unidade de resposta audível) Planos de discagens flexíveis Música em espera Monitoramento de chamadas...
Arquitetura do Asterisk
Arquitetura do Asterisk Canais - Linhas Telefônicas; - Analógicas, Digitais e Virtuais; - Modulados por Codecs; Encapsulad...
Arquitetura do Asterisk Codecs – Compressão da voz; Principais – G.729a – 8Kbits com licença; – G.711 ulaw - usado nos EUA...
Arquitetura do Asterisk Protocolos – H323 – Antigo protocolo para VoIP. – IAX – Inter-Asterisk Exchange Protocol; – SIP – ...
Hardware e software• Adaptador   • SoftFone X-lite • Telefone IP
Hardware e software       • Placa de Telefonia IP
Exemplo com placa de Telefonia
Exemplo com banco de canais
Exemplo Interligando matriz e filial
Instalação Utilizando uma distribuição Linux como o Centos 5:
Instalação Baixa-se os pacotes do site da Digium: - asterisk-1.4.40.tar.gz - asterisk-addons-1.4.13.tar.gz - dahdi-linux-2...
InstalaçãoBaixa-se os pacotes do site da Digium:wget http://downloads.digium.com/pub/asterisk/asterisk- 1.4.40.tar.gzwget ...
Instalação Copiam-se todos os arquivos para /usr/src - Exemplo:  # cp asterisk-1.4.40.tar.gz /usr/src - Para copiar todos ...
Instalação Entra no diretório e descompacta cd /usr/src # tar xzfv asterisk-1.4.40.tar.gz # tar xzfv asterisk-addons-1.4.1...
Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote dahdi-linux  # cd dahdi-linux  # vim README (opcional ...
Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote dahdi-tools  # cd dahdi-tools-2.4.1  # make clean  # ....
Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote libpri  # cd libpri-1.4.11.5  # make clean  # make  # ...
Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote asterisk # cd asterisk-1.4.40 # make clean # ./configu...
Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote asterisk-addons # cd asterisk-addons-1.4.13 # make cle...
Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote sounds # cp sounds-1.0-pt_BR.tar.gz /var/lib/asterisk ...
Carregando o dahdi_dummy Para que funcione salas de conferência é preciso ter uma placa instalada no servidor para gerar u...
Carregando o dahdi_dummy # echo "dahdi_dummy" >> /etc/modules O dahdi é carregado no Linux como um serviço: # /etc/init.d/...
Iniciando e parando o Asterisk Iniciando # /usr/sbin/asterisk –vvvc Parando # stop now
Arquivos de configuração O asterisk é controlado por arquivos de configuração localizados em /etc/asterisk. No formato .co...
Arquivos de configuração Existem algumas sessões com funções especificas: [general] .: Define os valores padrão para todas...
Estrutura do sistema de arquivos Diretorio dos arquivos de configuração /etc/asterisk Diretorio dos Modulos, aplicações e ...
Estrutura do sistema de arquivos  Principais arquivos:sip.conf .: Clientes SIP.iax.conf .: Clientes IAX.extensions.conf.: ...
Arquivo Sip.conf Contém parâmetros de configuração dos telefones e operadoras SIP. Os clientes devem estar configurados an...
Arquivo Sip.conf Na sessão [general], define-se os valores das variáveis padrão para todos os canais SIP. Através da segui...
Arquivo Sip.confAlguns parâmetros da sessão general:allow: Permite que um determinado codec seja usadodisallow: Proíbe um ...
Arquivo Sip.confExemplo de configuração sessão general: [general] port=5060 bindaddr=0.0.0.0 context=ramais disallow=all a...
Arquivo Sip.conf As seções seguintes definem os parâmetros das entidades SIP tais como o nome de usuário, senha e endereço...
Arquivo Sip.confPrincipais campos das sessões: type: Configura a classe de conexão, opções são peer, user e friend host: C...
Arquivo Sip.conf [general]                [2050] context=ramais           type=friend port=5060                host=dynami...
Arquivo Extensions.conf O plano de discagem é representado pelo extensions.conf Consiste de uma lista de instruções ou pas...
Arquivo Extensions.conf O plano de discagem é dividido em quatro conceitos: - Contextos - Extensões - Prioridades - Aplica...
Arquivo Extensions.confContextos São responsáveis pela organização e segurança do plano de discagem Definem o escopo e per...
Arquivo Extensions.confContextos Os contextos recebem o seu nome dentro de colchetes ([]s) Exemplo: [ramais] Todas as inst...
Arquivo Extensions.confExtensões Dentro de cada contexto serão definidas as extensões Uma extensão é uma string que vai di...
Arquivo Extensions.confExtensões Extensões determinam o fluxo das chamadas Uma extensão é definida com a sintaxe: exten=> ...
Arquivo Extensions.confPrioridades Cada extensão é executada dentro de um contexto através de prioridades e não por ordem ...
Arquivo Extensions.confAplicações As aplicações tratam o canal de voz: - Tocando sons. - Aceitando dígitos. - Correio de v...
Arquivo Extensions.confExemplo de Aplicações São os utilitários chamados a partir do plano de discagem:  - Answer.: Atende...
Plano de discagem simples Passos para a criação de um ramal: 1 - Cadastrá-lo no arquivo de configuração referente ao proto...
Plano de discagem simples Arquivo sip.conf Define valores padrão   Configura a extensão 3000 [general]               [3000...
Plano de discagem simples Arquivo sip.conf  Configura a extensão 3050  [3050]  type=friend  host=dynamic  username=3050  s...
Plano de discagem simples Arquivo extensions.conf [local] exten=> 3000,1,Dial(SIP/3000,20) exten=> 3000,2,HangUp() exten=>...
Arquivo Voicemail.conf Permite que uma chamada ocupada ou não atendida seja enviada para uma secretária eletrônica Passos ...
Arquivo Voicemail.conf Voicemail.conf                        Sip.conf [general]                             [4000] format=...
Arquivo Voicemail.confExtensions.conf[local]include=>correio exten => _40XX,1,Dial(SIP/${EXTEN},40) exten => _40XX,2,GoToI...
Arquivo meetme.conf A conferência no Asterisk é feita usando a aplicação MeetMe() O MeetMe() é uma ponte de videoconferênc...
Arquivo meetme.conf No arquivo extensions.conf pode ser definido uma nova sessão chamada conferencia e essa sessão ser inc...
Arquivo meetme.conf [conferencia]  exten=> 500,1,Answer  exten=> 500,n,MeetmeCount(500,total)  exten=> 500,n,ExecIf($[${to...
Arquivo queues.conf
Arquivo queues.conf As filas de atendimento são criadas no arquivo queues.conf  As filas possuem agentes para atender cham...
Exemplo de Fila arquivo queues.conf [telemarkting] musicclass=default announce= anunciodafila timeout=15 retry=5 strategy=...
Exemplo de Fila arquivo agents.conf [agents] agent => 1000,123,agente1 agent => 1001,1234,agente2 agent => 1002,12345,agen...
Exemplo de Fila arquivo extensions.conf [telemarketing] exten=> 800,1,Answer exten=> 800,2,Queue(telemarketing) [login] ex...
Estacionamento de Chamadas Coloca uma chamada em uma fila de espera, para que algum outro ramal possa capturá-lo. Configur...
Transferência de chamadas Existem duas formas de transferências: -As cegas(blind transfer) Não há a consulta previa do des...
Transferência de chamadas Existem duas formas de transferências: São configuradas no arquivo features.conf:- blindxfer.: D...
Captura de chamadas Transferir uma chamada que está tocando em outro ramal para o seu e assim atendê-lo- Captura em grupo:...
Captura de chamadasExemplo:;arquivo sip.conf ou iax.conf e etc[1001]callgroup=1pickupgroup=1,2 [1002]callgroup=2pickupgrou...
Captura de chamadasCaptura direta: Captura uma chamada diretamente especificando o ramal que se deseja capturar, independe...
Gravação de chamadas - MixMonitor.: Grava o áudio da chamada no formato da extensão especificada - Sintaxe: MixMonitor(arq...
Gravação de chamadasExemplo: [local] exten=> _40xx,1,MixMonitor(chamada-${EXTEN}.gsm,ab) exten=> _40xx,n,Dial(SIP/${EXTEN}...
Gravação de chamadas - Monitor.: Grava o áudio da chamada no formato especificado em dois arquivos separados, entrada (-in...
Gravação de chamadasExemplo:[local]exten=> _40xx,1,Monitor(WAV,chamada-${EXTEN},mb)exten=> _40xx,n,Dial(SIP/${EXTEN},20,tT...
Arquivo iax.conf Permite a comunicação entre dois servidores asterisk Transporta sinalização e mídia em uma única porta TC...
Arquivo iax.confCenários de uso - Servidor IAX: ;arquivo iax    ;arquivo extensions.conf [1000]          [local] type=frie...
Arquivo iax.confCenários de uso –Modo Trunk Permite a comunicação entre dois servidores asterisk O áudio de varias chamada...
Arquivo iax.confCenários de uso –Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX: IP da Matriz.: 192.168.0.1 - Fai...
Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX:  ;codigo para a matriz   ;ramal...
Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX:  ;ramal para se conectar a fili...
Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX:;arquivo extensions.conf[local]i...
Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX:  ;codigo para a filial   ;ramal...
Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX:  ;ramal local para a filial  [2...
Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk  Exemplo conectando matriz e filial com o IAX:;arquivo extensions.conf[local]...
Contato, Criticas, Sugestões e Dúvidas:– vicente.proj@hotmail.com Endereço do You Tube:- http://www.youtube.com/user/voipj...
Fim
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Apresentação asterisk

3,235

Published on

Essa apresentação contém a configuração de todos os tipos básicos de configuração do asterisk.
Qualquer duvida podem mandar um email para:

vicente.proj@hotmail.com

Ou visitar o endereço do you tube que contém muitos vídeos ensinando a configurar o asterisk.

http://www.youtube.com/user/voipjava

0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
3,235
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
178
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Apresentação asterisk"

  1. 1. Asterisk Vicente de Paula Nobrevicente.proj@hotmail.com
  2. 2. Principais Tópicos O que é o asterisk Alguns Recursos Arquitetura do asterisk Hardware e software Cenários de uso Instalação no Centos 5 Principais arquivos de configuração
  3. 3. Principais Tópicos Sintaxe de configuração Plano de discagem com cliente SIP Correio de voz, salas de conferência e Filas Estacionamento e transferência de chamadas Captura e gravação de chamadas Plano de discagem com cliente IAX Interligar dois servidores Asterisk com IAX em modo trunk
  4. 4. O que é o Asterisk É um PABX IP baseado em software livre sob licença GPL, que pode rodar em vários sistemas operacionais, mais que se adéqua melhor ao Linux Interliga redes IPs a rede de telefonia pública
  5. 5. O que é o Asterisk Configuração de Recursos avançados e a agregação de novas funcionalidades. Foi desenvolvido pela Digium que também investe em Hardware de baixo custo Software de código aberto, muitos desenvolvedores contribuem para o seu crescimento.
  6. 6. Alguns Recursos Salas de Conferências Gravação de chamadas Transferência de ligações Estacionamento de chamadas Filas de atendimento Correio de voz
  7. 7. Alguns Recursos URA (unidade de resposta audível) Planos de discagens flexíveis Música em espera Monitoramento de chamadas Uso de banco de dados (MySQL, PostgreSQL) Geração de bilhetagem
  8. 8. Arquitetura do Asterisk
  9. 9. Arquitetura do Asterisk Canais - Linhas Telefônicas; - Analógicas, Digitais e Virtuais; - Modulados por Codecs; Encapsulados por um Protocolo Sinalizador - Estabelecer as conexões; - Campainha; - Desconexão;
  10. 10. Arquitetura do Asterisk Codecs – Compressão da voz; Principais – G.729a – 8Kbits com licença; – G.711 ulaw - usado nos EUA 64 Kbps; – G.711 alaw - usado na Europa e Brasil 64 Kbps; – G.723.1 - 5.3-6 Kbps com licença; – GSM - 12-13 Kbps, Telefonia Celular;
  11. 11. Arquitetura do Asterisk Protocolos – H323 – Antigo protocolo para VoIP. – IAX – Inter-Asterisk Exchange Protocol; – SIP – Session Initiation Protocol; – Skinny - Telefones IP da Cisco; – ZAP/DAHDI – Hardware de Digium;
  12. 12. Hardware e software• Adaptador • SoftFone X-lite • Telefone IP
  13. 13. Hardware e software • Placa de Telefonia IP
  14. 14. Exemplo com placa de Telefonia
  15. 15. Exemplo com banco de canais
  16. 16. Exemplo Interligando matriz e filial
  17. 17. Instalação Utilizando uma distribuição Linux como o Centos 5:
  18. 18. Instalação Baixa-se os pacotes do site da Digium: - asterisk-1.4.40.tar.gz - asterisk-addons-1.4.13.tar.gz - dahdi-linux-2.4.1.1.tar ou zaptel-1.4.12.1.tar - dahdi-tools-2.4.1.tar.gz - libpri-1.4.11.5.tar.gz - sounds-1.0-pt_BR.tar.gz - Disc-OS-Sounds-1.0-pt_BR.tar
  19. 19. InstalaçãoBaixa-se os pacotes do site da Digium:wget http://downloads.digium.com/pub/asterisk/asterisk- 1.4.40.tar.gzwget http://downloads.digium.com/pub/libpri/libpri- 1.4.11.5.tar.gzwget http://downloads.digium.com/pub/telephony/dahdi- linux/dahdi-linux-2.4.1.1.tarwget http://downloads.digium.com/pub/telephony/dahdi- tools/ dahdi-tools-2.4.1.tar.gzwget http://downloads.digium.com/pub/asterisk/asterisk- addons-1.4.13.tar.gz
  20. 20. Instalação Copiam-se todos os arquivos para /usr/src - Exemplo: # cp asterisk-1.4.40.tar.gz /usr/src - Para copiar todos os arquivos: # cp *.tar.gz /usr/src
  21. 21. Instalação Entra no diretório e descompacta cd /usr/src # tar xzfv asterisk-1.4.40.tar.gz # tar xzfv asterisk-addons-1.4.13.tar.gz # tar xzfv dahdi-linux-2.4.1.1.tar # tar xzfv dahdi-tools-2.4.1.tar.gz # tar xzfv libpri-1.4.11.5.tar.gz
  22. 22. Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote dahdi-linux # cd dahdi-linux # vim README (opcional – para ver como se instala) # make clean # ./configure # make # make install
  23. 23. Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote dahdi-tools # cd dahdi-tools-2.4.1 # make clean # ./configure # make # make install
  24. 24. Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote libpri # cd libpri-1.4.11.5 # make clean # make # make install
  25. 25. Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote asterisk # cd asterisk-1.4.40 # make clean # ./configure # make menuselect (habilita/desabilita as opções do asterisk) # make # make install # make samples (arquivos de exemplos) # make config (configura os módulos da maneira padrão)
  26. 26. Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote asterisk-addons # cd asterisk-addons-1.4.13 # make clean # ./configure # make # make menuselect # make install # make samples
  27. 27. Instalação Compilação e instalação dos Arquivos Instalando o pacote sounds # cp sounds-1.0-pt_BR.tar.gz /var/lib/asterisk # cd /var/lib/asterisk # tar xzfv sounds-1.0-pt_BR.tar.gz ou # cp Disc-OS-Sounds-1.0-pt_BR.tar /var/lib/asterisk # cd /var/lib/asterisk # tar xf Disc-OS-Sounds-1.0-pt_BR.tar
  28. 28. Carregando o dahdi_dummy Para que funcione salas de conferência é preciso ter uma placa instalada no servidor para gerar uma temporização, no caso de não haver é necessário carregar o modulo dahdi_dummy ou ztdummy. # lsmod | grep dahdi_dummy # modprobe dahdi_dummy ou no caso do pacote zaptel-1.4.12.1.tar # lsmod | grep ztdummy # modprobe ztdummy
  29. 29. Carregando o dahdi_dummy # echo "dahdi_dummy" >> /etc/modules O dahdi é carregado no Linux como um serviço: # /etc/init.d/dahdi start # /etc/init.d/asterisk restart Depois asterisk -r e execute o comando "dahdi show status"
  30. 30. Iniciando e parando o Asterisk Iniciando # /usr/sbin/asterisk –vvvc Parando # stop now
  31. 31. Arquivos de configuração O asterisk é controlado por arquivos de configuração localizados em /etc/asterisk. No formato .conf os arquivos são divididos em sessões: [sessao1] chave = valor ; Designação da variável [sessao2] objeto => valor ; Declaração do objeto [sessao3] objeto2 => valor ; Declaração do objeto2 ; Todos os arquivos seguem a mesma sintaxe
  32. 32. Arquivos de configuração Existem algumas sessões com funções especificas: [general] .: Define os valores padrão para todas as outras sessões [channels] .: Especifica os canais de comunicação dentro do arquivo zapata.conf [globals] .: Criação das variáveis globais dentro de um plano de discagem
  33. 33. Estrutura do sistema de arquivos Diretorio dos arquivos de configuração /etc/asterisk Diretorio dos Modulos, aplicações e canais /usr/lib/asterisk/modules Diretorio de gravação da voz usadas no correio de voz /var/lib/asterisk/sounds Diretorio para Scripts AGI (Asterisk Gateway Interface) /var/lib/asterisk/agi-bin
  34. 34. Estrutura do sistema de arquivos Principais arquivos:sip.conf .: Clientes SIP.iax.conf .: Clientes IAX.extensions.conf.: Plano de discagem.voicemail.conf.: Correio de voz.queues.conf.: Filas de atendimentos.agents.conf.: Agentes que poderão atender chamadas em filas.meetme.conf.: Salas de conferência.manager.conf.: Administrador do servidor.features.conf: Configuração de transferências, estacionamento,gravação de chamadas e etc.
  35. 35. Arquivo Sip.conf Contém parâmetros de configuração dos telefones e operadoras SIP. Os clientes devem estar configurados antes que possam fazer e receber chamadas.
  36. 36. Arquivo Sip.conf Na sessão [general], define-se os valores das variáveis padrão para todos os canais SIP. Através da seguinte sintaxe: [general] variavel=valor1 variavel=valor2 [nome_sessao] type=friend/peer/user context=NomeContexto host=dynamic secret=senha_da_conta
  37. 37. Arquivo Sip.confAlguns parâmetros da sessão general:allow: Permite que um determinado codec seja usadodisallow: Proíbe um determinado codecbindaddr: IP onde o Asterisk irá esperar pelas conexões SIPcontext: Configura o contexto padrão para todos os cliente SIP port: Porta para conexões de entrada SIP, o padrão é 5060 maxexpirey: Tempo máximo para registro em segundos defaultexpirey: Tempo padrão para registro em segundos register: Registra o Asterisk com outro host
  38. 38. Arquivo Sip.confExemplo de configuração sessão general: [general] port=5060 bindaddr=0.0.0.0 context=ramais disallow=all allow=gsm maxexpirey=120 defaultexpirey=80 register=>vicente@freeworlddialup.com/5000
  39. 39. Arquivo Sip.conf As seções seguintes definem os parâmetros das entidades SIP tais como o nome de usuário, senha e endereço IP. Três categorias de entidades SIP são definidas: peer: Entidade que recebe chamadas através do asterisk user: Entidade que faz chamadas através do Asterisk friend: Entidade que pode fazer e receber chamadas
  40. 40. Arquivo Sip.confPrincipais campos das sessões: type: Configura a classe de conexão, opções são peer, user e friend host: Configura o endereço IP ou o nome do host. Pode-se usar também a opção ‘dynamic’ onde se espera que o telefone se registre username: Esta opção configura o nome do usuário que o Asterisk tenta conectar quando uma chamada é recebida secret: Senha para autenticar os peers e users fazendo uma chamada
  41. 41. Arquivo Sip.conf [general] [2050] context=ramais type=friend port=5060 host=dynamic bindaddr=0.0.0.0 username=2050 disallow=all secret= 351654 allow=alaw context=externo language=pt_BR callerid=maria<2050> [2000] type=friend host=dynamic username=2000 secret= 698569 callerid=vicente<2000>
  42. 42. Arquivo Extensions.conf O plano de discagem é representado pelo extensions.conf Consiste de uma lista de instruções ou passos que o Asterisk deve seguir Essas instruções são disparadas de acordo com uma prioridade a partir dos dígitos recebidos de um canal ou aplicação
  43. 43. Arquivo Extensions.conf O plano de discagem é dividido em quatro conceitos: - Contextos - Extensões - Prioridades - Aplicações Os contextos são definidos para cada canal dentro dos arquivos sip.conf, iax.conf, h323.conf e etc.
  44. 44. Arquivo Extensions.confContextos São responsáveis pela organização e segurança do plano de discagem Definem o escopo e permitem separar diferentes partes do plano de discagem Estão ligados diretamente aos canais, cada canal existe dentro de um contexto Quando uma ligação entra no Asterisk por um canal ela é processada dentro de um contexto
  45. 45. Arquivo Extensions.confContextos Os contextos recebem o seu nome dentro de colchetes ([]s) Exemplo: [ramais] Todas as instruções colocadas após a definição são partes do contexto
  46. 46. Arquivo Extensions.confExtensões Dentro de cada contexto serão definidas as extensões Uma extensão é uma string que vai disparar um evento [ramais] exten=>2000,1,Dial(SIP/2000,20) exten=>2000,2,VoiceMail(u300) ;indisponível exten=>2000,101,VoiceMail(b300) ;ocupado A instrução “exten=> “ descreve qual o próximo passo para a ligação O “2000” é o numero discado O “1”, “2”e “101” são as prioridades que determinam a ordem de execução
  47. 47. Arquivo Extensions.confExtensões Extensões determinam o fluxo das chamadas Uma extensão é definida com a sintaxe: exten=> extensão, prioridade(nome), aplicação O comando “exten=>” é seguido por um número da extensão, uma vírgula, a prioridade, outra vírgula e a aplicação.
  48. 48. Arquivo Extensions.confPrioridades Cada extensão é executada dentro de um contexto através de prioridades e não por ordem de definição no arquivo Cada prioridade chama uma aplicação especifica [ramais] exten=>_20XX,1,Dial(SIP/${EXTEN},20) exten=>_20XX,n,VoiceMail(u300) exten=>_20XX,n,Hangup()
  49. 49. Arquivo Extensions.confAplicações As aplicações tratam o canal de voz: - Tocando sons. - Aceitando dígitos. - Correio de voz. - Sala de conferência. - Desligando uma chamada e etc. As aplicações são chamadas com opções que afetam a sua forma de funcionamento
  50. 50. Arquivo Extensions.confExemplo de Aplicações São os utilitários chamados a partir do plano de discagem: - Answer.: Atende a chamada e sincroniza o canal de áudio - PlayBack.: Reproduz um arquivo de áudio localizado em /var/lib/asterisk/sounds - BackGround.: Faz a mesma função do PlayBack, mas permite a interação com o usuário - Dial.: Conecta dois canais de comunicação - MeetMe.: Entra em uma sala de conferência configurada em meetme.conf - Queue.: Entra em uma determinada fila configurada em queues.conf - VoiceMail.: Chama uma caixa de mensagens configurado em voicemail.conf - Hangup.: Encerra a chamada
  51. 51. Plano de discagem simples Passos para a criação de um ramal: 1 - Cadastrá-lo no arquivo de configuração referente ao protocolo sip.conf, iax.conf, h323.conf e etc. 2 – Definir o contexto ao qual a extensão participará 3 - Definir dentro do arquivo extensions.conf o plano de discagem para esse ramal
  52. 52. Plano de discagem simples Arquivo sip.conf Define valores padrão Configura a extensão 3000 [general] [3000] port=5060 type=friend bindaddr=0.0.0.0 host=dynamic disallow=all username=3000 allow=alaw secret=654321 language=pt_BR callerid=vicente<3000> mailbox=300@default context=local
  53. 53. Plano de discagem simples Arquivo sip.conf Configura a extensão 3050 [3050] type=friend host=dynamic username=3050 secret=123456 callerid=maria<3050> mailbox=300@default context=local
  54. 54. Plano de discagem simples Arquivo extensions.conf [local] exten=> 3000,1,Dial(SIP/3000,20) exten=> 3000,2,HangUp() exten=> 3050,1,Dial(SIP/3050,20) exten=> 3050,2,HangUp() [local] exten=> _30XX,1,Answer exten=> _30XX,n,Wait(0.5) exten=> _30XX,n,PlayBack(hello-word) exten=> _30XX,n,Authenticate(875) exten=> _30XX,n,Dial(SIP/${EXTEN},20) exten=> _30XX,n,HangUp()
  55. 55. Arquivo Voicemail.conf Permite que uma chamada ocupada ou não atendida seja enviada para uma secretária eletrônica Passos para a criação de um correio de voz: 1. Em voicemail.conf defini-se os usuários e senhas para o correio de voz. 2. Em extensions.conf configura-se uma extensão para que uma chamada ocupada ou não atendida seja direcionada para a aplicação VoiceMail(). 3. Configura-se uma extensão para que o usuário possa ouvir seu correio de voz.
  56. 56. Arquivo Voicemail.conf Voicemail.conf Sip.conf [general] [4000] format=gsm mailbox=600@caixa_msg serveremail=asterisk@hotmail.com maxlogins=5 maxmsg=100 delete=no attach=yes [caixa_msg] include => general 600 =>123,vicente,vicente.proj@hotmail.com
  57. 57. Arquivo Voicemail.confExtensions.conf[local]include=>correio exten => _40XX,1,Dial(SIP/${EXTEN},40) exten => _40XX,2,GoToIf($[${DIALSTATUS} = CHANUNAVAIL] ? 5) exten => _40XX,3,GoToIf($[${DIALSTATUS} = BUSY] ? 6) exten => _40XX,4,HangUp() exten => _40XX,5,VoiceMail(u600@caixa_msg) ; indisponível exten => _40XX,6,VoiceMail(b600@caixa_msg) ; ocupado; Acceso ao correio de voz[correio]exten => 100, 1, VoiceMailMain(600@caixa_msg)exten=> 100,n,HangUp()
  58. 58. Arquivo meetme.conf A conferência no Asterisk é feita usando a aplicação MeetMe() O MeetMe() é uma ponte de videoconferência, que pode funcionar em qualquer tipo de canal ;meetme.conf [rooms] conf=>sala,senha ;Exemplo conf=> 500 conf=> 500,123456
  59. 59. Arquivo meetme.conf No arquivo extensions.conf pode ser definido uma nova sessão chamada conferencia e essa sessão ser incluída na sessão local através do parâmetro include. [local] include=>conferencia exten=> _30XX,1,Answer exten=> _30XX,n,Wait(0.5) exten=> _30XX,n,PlayBack(hello-world) exten=> _30XX,n,Authenticate(875) exten => _30XX,n,Dial(SIP/${EXTEN},20) exten => _30XX,n,Hangup()
  60. 60. Arquivo meetme.conf [conferencia] exten=> 500,1,Answer exten=> 500,n,MeetmeCount(500,total) exten=> 500,n,ExecIf($[${total}=6]?HangUp) exten=> 500,n,MeetMe(500) exten=> 500,n,HangUp()
  61. 61. Arquivo queues.conf
  62. 62. Arquivo queues.conf As filas de atendimento são criadas no arquivo queues.conf As filas possuem agentes para atender chamadas que são configuradas no arquivo agents.conf Podem ser configuradas mensagens durante o tempo de espera – Propagandas – Tempo médio de espera – Posição na fila
  63. 63. Exemplo de Fila arquivo queues.conf [telemarkting] musicclass=default announce= anunciodafila timeout=15 retry=5 strategy=roundrobin monitor-format=gsm member=agent/1000 member=agent/1001 member=agent/1002
  64. 64. Exemplo de Fila arquivo agents.conf [agents] agent => 1000,123,agente1 agent => 1001,1234,agente2 agent => 1002,12345,agente3
  65. 65. Exemplo de Fila arquivo extensions.conf [telemarketing] exten=> 800,1,Answer exten=> 800,2,Queue(telemarketing) [login] exten=> 900,1,Answer exten=> 900,2,AgentLogin()
  66. 66. Estacionamento de Chamadas Coloca uma chamada em uma fila de espera, para que algum outro ramal possa capturá-lo. Configurado no arquivo features.conf parkext=700.: Extensão onde se deve transferir a chamada parkpos=701-709.: Salas disponíveis para o estacionamento context=parkedcalls.: Contexto com regras de estacionamento parkingtime=60.: Tempo que a ligação ficará estacionadaNo arquivo extensions.conf adiciona-se a seguinte linhainclude=>parkedcalls
  67. 67. Transferência de chamadas Existem duas formas de transferências: -As cegas(blind transfer) Não há a consulta previa do destinatário da chamada, é executado através da tecla # -Assistida(attended tranfer) Há consulta previa do destinatário da chamada, executado pela tecla FLASH
  68. 68. Transferência de chamadas Existem duas formas de transferências: São configuradas no arquivo features.conf:- blindxfer.: Define o código para transferência as cegas o padrão é o caractere #(sustenido)- atxfer.: Define o código para transferência assistida o padrão é o *2
  69. 69. Captura de chamadas Transferir uma chamada que está tocando em outro ramal para o seu e assim atendê-lo- Captura em grupo:É Configurado no arquivo no arquivo features.confespecificando o parâmetro:pickupexten.: *8 ;valor padrãoAgrupa-se os canais por meio de dois parâmetros:callgroup.: Grupo, o qual o canal faz partepickupgroup.: Grupos que os canais podem capturar chamadas
  70. 70. Captura de chamadasExemplo:;arquivo sip.conf ou iax.conf e etc[1001]callgroup=1pickupgroup=1,2 [1002]callgroup=2pickupgroup=2 Obs.: Essa forma de captura de chamadas funciona apenas para canais que utilizem o mesmo protocolo de sinalização como o SIP, IAX, H323 e etc.
  71. 71. Captura de chamadasCaptura direta: Captura uma chamada diretamente especificando o ramal que se deseja capturar, independente do grupo e protocolo Implementa-se dentro do arquivo extensions.conf através da aplicação PickUp() Sintaxe: PickUp(extensão@contexto) Exemplo: exten=> _030xx,1,PickUp(${EXTEN:1}@local)
  72. 72. Gravação de chamadas - MixMonitor.: Grava o áudio da chamada no formato da extensão especificada - Sintaxe: MixMonitor(arquivo.ext,opções) - Opções: a .: Adiciona no final do arquivo a gravação ao invés de subscrever o áudio b .: Grava o áudio depois da chamada ser atendida
  73. 73. Gravação de chamadasExemplo: [local] exten=> _40xx,1,MixMonitor(chamada-${EXTEN}.gsm,ab) exten=> _40xx,n,Dial(SIP/${EXTEN},20,tTwW) exten=> _40xx,n,HangUp() ;localização dos arquivos: /var/spool/asterisk/monitor/t .: habilita transferência de chamadas para o lado destinoT .: habilita transferência de chamadas para o lado originadorw .: habilita gravação da chamada para o lado destinoW .: habilita gravação da chamada para o lado originador
  74. 74. Gravação de chamadas - Monitor.: Grava o áudio da chamada no formato especificado em dois arquivos separados, entrada (-in) e saída(-out) - Sintaxe: Monitor(formato, arquivo,opções) - Opções: m.: Mixa os arquivos de entrada e saída ao final da gravação b.: Grava o áudio após a chamada ser atendida
  75. 75. Gravação de chamadasExemplo:[local]exten=> _40xx,1,Monitor(WAV,chamada-${EXTEN},mb)exten=> _40xx,n,Dial(SIP/${EXTEN},20,tTwW)exten=> _40xx,n,HangUp()
  76. 76. Arquivo iax.conf Permite a comunicação entre dois servidores asterisk Transporta sinalização e mídia em uma única porta TCP/IP-UDP, a 4569 Não possui dificuldades para sinalização e transporte de mídia entre pontos de conexão como NAT e Firewalls
  77. 77. Arquivo iax.confCenários de uso - Servidor IAX: ;arquivo iax ;arquivo extensions.conf [1000] [local] type=friend exten=> _10XX,1,Dial(IAX2/${EXTEN},60) context=local exten=> _10XX,n,Hangup() auth=md5 username=1000 secret=1000 callerid=1000 host=dynamic allow=gsm
  78. 78. Arquivo iax.confCenários de uso –Modo Trunk Permite a comunicação entre dois servidores asterisk O áudio de varias chamadas será agrupado em um único conjunto de pacotes utilizando um único cabeçalho IP Reduz a latência fazendo uma economia na utilização da rede, já que os cabeçalhos IPs ocupam um maior percentual de uso de banda
  79. 79. Arquivo iax.confCenários de uso –Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX: IP da Matriz.: 192.168.0.1 - Faixa de ramais locais.: 10XX - Faixa de ramais externos.: 20XX IP da FILIAL: 192.168.0.3 - Faixa de ramais locais.: 20XX - Faixa de ramais externos.: 10XX
  80. 80. Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX: ;codigo para a matriz ;ramal local para a matriz [general] [1000] bindport=4569 type=friend username=1000 bindaddr=0.0.0.0 secret=1000 disallow=all host=dynamic allow=gsm context=local jitterbuffer=no auth=md5 forcejitterbuffer=no qualify=yes maxjitterbuffer=100 trunk=yes callerid=1000
  81. 81. Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX: ;ramal para se conectar a filial [2000] type=friend username=2000 secret=2000 host=dynamic auth=md5 qualify=yes trunk=yes callerid=2000
  82. 82. Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX:;arquivo extensions.conf[local]include=>externoexten=> _10XX,1,Dial(IAX2/${EXTEN},60,tT)exten=> _10XX,n,Hangup()[externo]exten=> _20XX,1,Dial(IAX2/2000:2000@192.168.0.3/${EXTEN},60,tT)exten=> _20XX,n,Hangup()
  83. 83. Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX: ;codigo para a filial ;ramal para se conectar a matriz [general] [1000] bindport=4569 type=friend bindaddr=0.0.0.0 username=1000 disallow=all secret=1000 allow=gsm host=dynamic jitterbuffer=no auth=md5 forcejitterbuffer=no qualify=yes maxjitterbuffer=100 trunk=yes callerid=1000
  84. 84. Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX: ;ramal local para a filial [2000] type=friend username=2000 secret=2000 host=dynamic context=local auth=md5 qualify=yes trunk=yes callerid=2000
  85. 85. Arquivo iax.confCenários de uso – Modo Trunk Exemplo conectando matriz e filial com o IAX:;arquivo extensions.conf[local]include=>externoexten=> _20XX,1,Dial(IAX2/${EXTEN},60,tT)exten=> _20XX,n,Hangup()[externo]exten=> _10XX,1,Dial(IAX2/1000:1000@192.168.0.1/${EXTEN},60,tT)exten=> _10XX,n,Hangup()
  86. 86. Contato, Criticas, Sugestões e Dúvidas:– vicente.proj@hotmail.com Endereço do You Tube:- http://www.youtube.com/user/voipjava Web sites:– www.asterisk.org– www.digium.com– www.voip-info.org
  87. 87. Fim
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×