Uploaded on

simbolismo bíblico

simbolismo bíblico

More in: Spiritual
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
39,303
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
10

Actions

Shares
Downloads
353
Comments
0
Likes
4

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Transbordantes águas do Espírito Santo Hb 9.13, 14Águas da Separação Lavagem de água pela Palavra Num 19 Ef 5.26, 27 Insucesso e incredulidade para entrarDesertos Errantes Num 13, 14 Hb 3, 4; Jd 5 na herança CAPÍTULO DEZOITO OS SÍMBOLOS E TIPOS EM ORDEM ALFABÉTICA Segue uma lista de símbolos e tipos neste texto. Muitos textos neste livro estão emtrês colunas que dão acesso e tem suas limitações. Nesta lista, as escrituras adicionaistem sido acrescentadas tanto como em outros pensamentos igualmente apropriados. O aluno deve lembrar-se que, as vezes a interpretação está especificadaclaramente e outras vezes implícita. O autor esforçou-se para fornecer as escrituras queestão claras também possível, enquanto algumas estão implícitas. Embora, quando isso écomparado na luz total da Escritura, a interpretação e aplicação podem serem vistas. Issoentão torna-se uma boa base para uma analogia estendida dos símbolos e tipos.1. ARÃO Tipo de Cristo como Sumo Sacerdote. Iluminado, Alpinista elevado. Ex 28.1-8; Lv 21.10; Heb 3.1; 5.1-2; 9.7, 24, 25.2. ABEL Tipo de Cristo como Pastor. “Vida, Vapor, Choro, Transitório”. Gen 4.2-10; Mat 23.35; Heb 12.24; 1 Jo 3.12-13.3. ABRAÃO Tipo de Deus e Pai. “Pai de uma Grande Multidão”. Gen 22. 1-10; Heb 11.17-19; Jo 3.164. ADÃO Tipo de primazia de Cristo, o último Adão. “Terra Vermelha, Vermelho, Terrestre”.5. AUMENTADOR Símbolo de Satanás, víbora, serpente, os falsos mestres. (SOMADOR) Sal 140.3; Gen 49.17; Sal 58.4; Pv 25.32.6. ADULTÉRIO Símbolo da violação dos votos do casamento. Ez 23.45; Tg 4.4. idolatria Espiritual.7. ALABASTRO Símbolo de fragrância do quebrantamento e Sacrifício de Cristo. Vaso de Perfume. “Pedra Branca”. Mar 14.3; Mat 26.7; Luc 7.37. 1
  • 2. 8. ALGUM Símbolo da humanidade de Cristo, madeira de sândalo, Madeira do Templo. 2 Cr 2.8; 9.10-11, 1 Rs 10.1-12.9. AMÊNDOA Símbolo de Cristo na Ressurreição. A árvore que apressa, acordar. “A primeira árvore a acordar de sono no inverno”. Ex 25.33-34; Num 17.8; Jer 1.11 com 1Cor 15.20-23.10. ALOÉS Símbolo de fragrância. Sal 45.8; Pv 7.17; Ct 4.14; Jo 19.39.11. ALTAR Símbolo do lugar da Mortalidade, Sacrifício, Morte ou Inocência. Altares de morte, Pedra, Metal, Ouro. Gen 8.20; 12.7; Ex 20.24-26; 2 Rs 11.18; 18.22; Ap 8.3; Ex 30.1-10. Significa “Alto, Elevado”.12. AMBAR Símbolo da presença da glória de Deus no juízo. Ez 1.4, 27; 8.2.13. AMETISTA Símbolo do sacerdócio real. As 12 pedras no peitoral do sumo sacerdote. Ex 28.19; 39.12; Ap 21.20.14. ÂNCORA Símbolo de salvação, segurança, esperança. “O Gancho”. Heb 6.18-19; At 27.29-30, 40.15. ARCA (NOÉ) Símbolo de Cristo, nossa segurança e salvação. Gen 7.7-9; 6.14; Mat 24.39; 1 Ped 3.18-22.16. ARCA Símbolo de Cristo em Humanidade e Divindade; trono e presença (CONVÊNIO) de Deus entre seu povo. O Mediador. “A Arca, caixa, caixão”. Ex 25.10-16; 1 Tim 2.5; Fil 2.9-11; Heb 1.3; 10.12; 12.24.17. ARMADURAS Símbolo do equipamento divino para a guerra. Ef 6.10-18; Rom 13.12.18. ADORMECER Símbolo de descanso, refresco ou adormecimento espiritual, indiferença. At 7.60; 1 Cor 15.6-7; Is 52.11; Rom 13.11; Ef 5.14.19. ÁSPIDES Símbolo de falsos mestres, exércitos de Satanás. Acrescentado. Jó 20.11-16; Dt 32.33; Rom 3.13.20. ACORDADO Símbolo de vigilância, alerta. Também ressurreição, do sono da morte. Dn 12.1-2.21. ABELHAS Símbolos dos grandes exércitos de pessoas, ferroando, todavia produz mel. Ordenado. Dt 1.44; Jz 14.8; Pv 118.12; Ap 10.22. AZUL Símbolo do Céu e Autoridade. Ex 24.10; Ez 1.26; 10.1.23. ARCO DE Símbolo de julgamento (com flecha). FLECHA Pv 7.12; Jó 6.4; Dt 32.23; Hc 3.1; 2 Rs 13.14-19; Sl 38.2; 18.14; 64.3.24. ARGILA Símbolo de fraqueza da carne humana, fraqueza da humanidade. 2
  • 3. Is 64.8; Jó 13.12; 10.9; Dn 2.33-45.25. ÁTRIO Símbolo de Exclusão do interior do lugar, período de tribulação.(Na parte Exterior) Ap 11.1-3; Ex 27.9, 12-19; 2 Cr 4.9; Et 4.11; 5.1-2; Sl 65.4; 100.4; 135.2; Zc 3.7.26. ALVORADA Símbolo de um novo dia; luz fresca após a escuridão. Mat 28.1; 2 Ped 1.19; Js 6.15; Jo 7.4.27. ARADO Símbolo de quebrantamento aberto, preparação para semeadura. Jer 4.3; Jó 4.8; Pv 20.4; 1 Cor 9.10; Os 10.13; Sal 129.3; Am 9.13; Pv 21.4.28. ÁGUIA Símbolo de velocidade do vôo. Jó 9.26; Dt 28.49; Pv 23.5; 30.10; Hc 1.8; Jr 48.40; Ap 12.14; Os 8.11.29. AVE Símbolo de espíritos, bons ou maus. Ap 18.2; Mar 4.3230. ALIMENTO Símbolo da comida do Egito, o mundo produz.(Cebola ou Alho) Num 11.531. ÁRVORE Símbolo das bençãos de Deus. DE MURTA Is 41.19; Ne 8.15; Zac 14.16.32. APASCENTAR Símbolo de base para alimentação, Cristo o Pastor. Sl 23.2; 79.13; 95.7; Sl 100.3; Jr 23.1; Lm 1.6; Ez 34.14, 31; Jo 10.1.33. ABISMO Símbolo de Prisão, cativeiro. Is 14.15; 24.22; 38.17, 18; Jer 18.20; Ap 9.1-2; 20.1-3.34. ALJAVA Símbolo de proteção, uma coberta. Is 127.5. Lugar de esconder as setas, etc. Gen 27.3, Jó 29.2335. ARCO ÍRIS Símbolo da Aliança de Deus com o homem, as bestas e a terra. Gen 9.13; Ap 4.3; 10.1. Selo da Aliança Noética.36. ARGOLAS Símbolo de eternidade, interminável. Refere ao círculo. Também fala de autoridade, poder no nome de um outro. Gen 41.42; Et 1.6; Luc 15.22; Ex 25.12-27.37. AREIA Símbolo da semente de multidões, semente terrena de Abraão, multidão sem salvação. Ap 20.8; Gen 22.17; 32.12; Rom 9.27; Apo 13.1; Gen 13.16; Js 11.4; Jz 7.12; Jó 29.18; Sal 78.27; 139.18.38. ASSENTO Símbolo da autoridade do trono. Luc 1.52; 11.43; 20.46; Ap 4.4; 2.13; 13.2; 16.10; 11.16.39. ASSENTAR Símbolo de descanso, fim do trabalho, autoridade. Refere-se ao assento / trono. Sal 110.1; Heb 10.11-18.40. ARMADILHA Símbolo de instrumento para catar, cativar. Refere-se a rede. 3
  • 4. Js 23.13; Jz 2.3; 1 Rs 11.4; Sal 106.36; Os 9.8; 1 Tim 6.9; Sal 18.5; 2 Sm 22.6; Sal 91.3.41. ÁSPERO Símbolo de falso ensinamento, imaturidade. Refere-se ao fermento. Is 18.5; Jer 31.29-30; Ez 18.2; Os 4.18.42. ARANHA Símbolo de atividade prudente. Jó 8.14; Pv 39.28; Is 59.5.43. APEDREJAMENTO Símbolo de morte, a Lei Pedregosa, insensível. Ex 19.13; 21.28-29; Num 15.36; 2 Cr 10.18; Mat 21.35; Jo 8.5; At 7.58-59; Heb 11.37; 12.20.44. ANDORINHA Símbolo de andarilho. Pv 26.2; Sal 84.3; Is 38.14; Jer 8.7.45. ARMADILHA Símbolo daquilo que prende, amarra. Consulte laço / rede. Jó 18.10; Sal 69.22; Jer 5.26; Rom 11.9.46. ÁRVORES Símbolo de nações, indivíduos, a Igreja e Cristo Jesus. Is 55.12; Sal 104.16; 105.33; Ec 2.5-6; Ct 2.3, Isa 7.2; 14.8; 44.14; 61.3; Jr 7.20; Ez 17.24; 31.1-18; Dn 4.10.26; Os 14.6-8; Mat 12.33; 13.31-32.47. ABUTRE Símbolo de imundície. Refere-se a ave imunda. Mais geralmente, símbolo de espíritos malignos. Is 34.15; Jó 28.7; Lv 11.14; Dt 14.13.48. ANDAR Símbolo de condução, estilo de vida, comportamento. Gal 5.16; Gen 5.22-24; 1 Jo 1.6-7; 2 Cor 5.7; Rom 8.1-4; 2 Ped 2.10.49. ÁGUAS Símbolos das nações da terra; agitação, debaixo de correntes, Atravessar correntes. Ap 17.15; Jer 47.1-3; 46.7-8; Is 17.13.50. ÁGUAS Símbolo da vida eterna através de Cristo. Jo 4.3, 14; 7.37-39; (da VIDA) Ap 21.6; 22.17. Espírito Santo fluindo. Jo 7.37-39; Mat 3.11-16.51. ÁGUAS Símbolo de sofrimento, amargura do Calvário. (Amargas) Ex 17.1-6; 15.23-27.52. ASAS Símbolo do sobrenatural, transporte divino. Ap 12.6, 14; Ex 19.4; At 8.39.Também amparo divino, proteção. Sal 17.8; Dt 32.11; Is 40.31; Mal 4.2; 2 Sm 22.11; Sal 36.7; 61.4; 6.37; 91.4; Mat 23.37; Luc 13.34. Refere-se a águia.53. ABSINTO Símbolo do amargor de satanás, poder satânico de morte. Dt 29.18; Ap 8.10-11; Isa 14.12; Ap 12.7; Luc 10.18; Heb 2.14; Pv 5.4, 6; Jer 9.15; 23.15; Lam 3.15, 19.54. ANO Símbolo de revolução de tempo, um espaço de benção ou julgamento. Is 23.15; Sl 65.11; Lc 4.19; Is 61.2; Jó 36.11; Sl 90.4, 15; 102.24; Ez 4.5. 4
  • 5. 55. BRAÇO Símbolo do poder de Deus. Socorro, Poderoso, Energia. (do Senhor) Ex 15.16; 2 Rs 17.36; Sal 89.10; Is 53.1.56. BURRO Símbolo de paciência, sofrimento, firmeza. Força ou persistência. (Jumento) Zac 9.9; Mat 21.3-7; Dan 5.21; Gen 49.14. Levar o fardo.57. BABILÔNIA Símbolo de confusão do pecado, apostasia. Gen 11; Ap 17, 18; 14.3. Confusão.58. BALANÇA Símbolo de honestidade e justo juízo. Um par de balanças. Pv 11.1; 16.11; Jó 31.6; Dn 5.27.59. BÁLSAMO Símbolo do ministério de cura. Jer 8.22; 46.1.60. BANDEIRA Símbolo de padrão elevado. Is 13.2.61. BANQUETE Símbolo das ocasiões festivas. Sal 2.4.62. BATISMO Símbolo do velho sepultamento do velho estilo de vida. “Mergulhar ou Imergir”. Mat 3.11; Rom 6.1-11; Col 2.12-13; 1 Cor 12.13; Gal 3.27; Ef 4.5.63. BANHO Símbolo de limpeza, purificação. Lv 15.15; Ef 5.26; Tt 3.5; Jo 3.3-5.64. BESTA Símbolo dos reinos do mundo; carnívoro, cruel, devorador. (Selvagem) Dn 7.8; Ap 13.17. Animais Sujos.65. BESTA Símbolo do sacrifício de Cristo e submissão dos santos e animais (Doméstica) limpos. Lv 1; Lv 7; Ef 5.1-2; Rom 12.1-2.66. BARBA Símbolo de força, honra, idade. Jer 48.36-38; Is 7.20; Ez 5.1-6.67. BOI Símbolo de força, trabalho, servo. Um boi. Pv 14.4; 14.14; 22.12.68. BOIS Símbolo de trabalho, servidor. Am 6.12; Sal 144.14; Pv 14.4; Isa 1.3; 1 Cor 9.9; 1 Tim 5.18.69. BOLO Símbolo de adoração, comida divina. Lv 7.12-13; Num 15.20; Os 7.8; Jer 7.18; 44.19. Bolos levedados – oferecimento sem pecado. Aponta para Cristo.70. BOLO Símbolo de meditação na Palavra de Deus. ALIMENTAR Lv 11.3-7; Dt 14.6-8. (Ruminar) 5
  • 6. 71. BEZERRO Símbolo de louvor, agradecimento. Os 14.2 com Heb 13.15; Os 13.2; Gen 18.7; Ex 32.4.72. BASILISCO Símbolo de maldades de satanás ou exércitos. Uma víbora.(Serpente Fantástica) Is 59.5; 14.29; 11.8; Jer 8.17.73. BEBIDA Símbolo de absorver, companheirismo, se bom ou mau. 1 Cor 10.4, 21; 12.13; Rom 12.20; Jo 4.13-14; 7.37-39; Ap 14.8-10; 16.6; Mar 16.18.74. BÊBADO Símbolo de ser bêbado, sujeitar, embaixo do poder da tristeza, aflição, idolatria, engano. Jer 51.7; Is 63.6; Ez 23.33; Ap 17.2; Dt 32.42; Is 49.26.75. BOCA Símbolo de testemunho, bom ou mau. Col 6.8; Sal 62.4; 63.5, 11; 71.8; 51.5; Pv 2.6; 8.7; Mat 4.4; 12.34; At 3.18-21; 8.35; Rom 3.14, 19; Ef 6.19; Ap 1.16; 19.15.21.76. BARRO Símbolo de um vaso, o corpo humano. Lm 4.2; Gen 24.14-20; Ec 12.6; Jz 7.16-20; ; 2 Cor 3.2-11. Vaso de Barro.77. BASTÃO Símbolo de regulamento, castigo, direção, pisadura. Também medindo ou julgando. Sal 2.9; Ap 2.27; 19.15; 11.1-2; Ez 42.15-20. O bastão de ferro. A vara do pastor. Sal 23.4; 89.32. Vara da correção. Pv 13.24; 22.15; 26.3; 29.15.78. BASTÃO Símbolo de força, direção. Heb 11.21; Sal 23.4; Isa 9.4; 14.5; Ex 12.11.79. BODE Símbolo de Cristo portador do nosso pecado. Refere a cabra. (Expiatório) Lv 16.80. BARBEAR Símbolo de ser despojado de força, poder. Refere-se ao cabelo. Jz 16.19; Is 7.20; Jó 1.20; 1 Cor 11.5-6.81. BRANCO Símbolo de pureza, justiça, santidade. Ap 6.2; 7.9; 19.8-9; 15.16; Ec 9.8; Isa 1.18; Dn 7.9; 12.10; Mat 17.2; 28.3; At 1.10.82. BURRO Símbolo do homem natural, *, obstinado, determinado a fazer o que SELVAGEM quer, corrompido. “Corrida selvagem”. Gen 16.12. Ismael “Um burro selvagem de um homem”, Jer 2.24; Jó 6.5; 39.5; Sal 104.11; Is 34.14; Os 8.9. Refere-se a burro / asno. 6
  • 7. 83. CALVÍCE Símbolo de fraqueza, humildade. Is 3.24; Lv 13.42-44; Jer 47.4-5; 48.27.84. CINZA Símbolo de completa destruição, desolação, lamentação, tristeza. “Consumido”. Ez 28.18; 2 Ped 2.6; Jó 2.8; Is 58.5; Ml 4.3; Mat 11.21.85. CAMA Símbolo de fornicação espiritual, idolatria, cobiças. (Adultério) Tg 4.4; Ap 2.22.86. CEVADA Símbolo de pobreza, baixa reputação. Colheita pascal. Jz 7.12; Num 5.15; Os 3.2; Ez 13.19; Rt 1.22.87. CELEIRO Símbolo de despensa, vem o reino. Mat 13.30; Jó 39.12; Ag 2.19; Luc 12.24.88. CESTO Símbolo de provisão da vida. Mat 16.9-10; 15.37.89. CEGUEIRA Símbolo de ignorância espiritual, falta de discernimento, introspecção. Rom 11.25; Is 6.10; 42.18-19; Mat 15.14.90. CORPO Símbolo de estrutura, base. Rom 12.5; 1 Cor 10.17; 12.12-27; Ef 2.16.91. COURAÇA Símbolo de defesa. Is 59.17; Ex 25.7; Ef 6.14; 1 Tim 5.8.92. CONSTRUÇÃO Símbolo de corpo, físico ou estruturas espirituais. Pv 18.9; Jó 30.28; 1 Cor 5.11; Mat 12.50; Luc 17.29.93. CAIM Tipo do natural, homem não regenerado, adoração da própria vontade. “Uma lança”. Gen 4.1-8; Jd 11; Heb 11.4.94. CAMELO Símbolo de serviço servo, portador de cargas. Gen 24.64; Zac 14.15; Mat 19.24; 23.24; Luc 18.25. Todavia não adequado para alimentação.95. CANAÃ Símbolo de herança ganho através da guerra. Js 1.23; Heb 3.4.96. CANDELABRO Símbolo de portadores de luz, Cristo e a Igreja. Ex 25.31-35; Num 3.31; Heb 9.2, 11; Sal 119.130; Jo 1.1-9; 8.12; Mat 5.15; Ap 1.12-20. 7
  • 8. 97. CÂNCER Símbolo de poderes destrutivos. Jl 1.1; 2.25; Na 3.15-16.98. CAPITÃO Tipo de chefia, liderança, Cristo o capitão da nossa salvação. Heb 2.10; Js 5.14; Dn 8.11; Num 31.14, 48.99. CÁSSIA Símbolo de fragrância através de esmagamento, sofrimento. Sal 45.8; Ex 30.24; Ez 27.19.100. CEDRO Símbolo de poder, majestade, beleza, realeza. Ez 17.1-23; 31.2-18; Is 2.13; Sal 92.12; 80.10; 104.16; 148.9; Ct 5.15.101. CORRENTE Símbolo de ligadura, opressão, castigo. Cadeias. Lm 3.7; Sal 149.8; Ez 7.23; Sal 73.6; At 28.20; 2 Tim 1.16; Ap 20.1; Mar 5.3; 2 Ped 2.4; Jd 6.102. CARRO Símbolo de poder, velocidade, transporte de guerra. Um veículo. Sal 20.7; 104.3; Zc 6.1-2; Is 66.15; Heb 3.8; Ap 9.9.103. CRISTO Tipo de Messias, o Ungido. Todos os juizes, reis, sacerdotes e o Velho Testamento “Ungido apontam para Ele. Mar 1.1; Jo 1.41; Dan 9.24-27.104. CRIANÇA Tipo de imaturidade, embaixo de tutela, proteção de bebês. 1 Cor 13.11; 14.20; Efe 4.14; Hb 5.13; 1 Ped 1.14; Mt 13.38; Lc 16.8.105. CANELA Símbolo de fragrância. Pv 7.17; Ex 30.23; Apoc 18.13.106. CÍRCULO Símbolo de interminável, inoportuno, eternidade. Isa 40.22; Sal 19.6. Rotação do Sol.107. CIRCUNCISÃO Símbolo de relacionamento prometido, cortar a carne viva. Gen 17; Fil 3.3; Rom 2.28-29; 4.11; Dt 10.16; 30.6; Lev 26.41; Col 2.11; Jer 4.4.108. CIDADE Símbolo de segurança, salvação, permanência. Gen 4.17; 10.12; Jos 21.13; Heb 10.11-16; 12.22; 13.14; Apoc 21.22.109. CIDADES Símbolo de segurança e salvação para um assassino. (de Refúgio) Jos 21 com Heb 6.18.110. CARVÃO Símbolo de queimadura com fogo, bom ou mau. Ct 8.6; Pv 25.22; Rom 12.20; Lam 4.8; Isa 47.14; 6.6.111. COELHOS Símbolo de prudência no esconderijo. Sal 104.18; Pv 30.24-26.112. COBRE Refere-se a latão.113. CORDA Símbolo de poder de ligadura. “Torcer”. (Escarlate) Pv 5.22; Jó 36.8; Sal 2.3; 118.27; 129.4; Ez 27.24. 8
  • 9. 114. CORNETA Símbolo de convocação, reunião, juntamente. 1 Cr 15.28; Sal 98.6; Dan 3.5-15; Os 5.8; 2 Sam 6.5.115. CARMESIN Símbolo de recado, sofrimento ou sacrifício. Vermelho, escarlate. Isa 1.18; Jer 4.30; 2 Cr 2.7, 14; 3.14.116. CURVADO Símbolo de torcedura, injusto. Dt 32.5; Jó 26.13; Sal 125.5; Pv 2.15; Ec 1.15; Isa 40.4; 42.16; 59.8; Lam 3.9; Luc 3.5; Fil 2.15.117. CRUZ Símbolo de morte, Cristo crucificado. (Estaca) Mat 16.24; 10.38; 1 Cor 1.17; Col 1.20; Gal 5.11; 6.12, 14; Fil 3.18; Heb 12.2.118. COROA Símbolo de vida eterna, recompensas, majestade, soberania. Apoc 6.2; 13.7; 19.20; 2.10; 1 Cor 9.25; Tg 1.12; Pv 12.4. Coroa de ouro, coroa da vida.119. CÁLICE Símbolo de vida, saúde ou morte e mau. Cálice do Senhor, cálice dos demônios, cálice das abominações. Jo 18.11; Sal 11.6; 16.5; 23.5; Apoc 17.4; Ez 23.33; Apoc 14.10; Mat 26.38.42.120. CÃO Símbolo de incrédulos, religiosos hipócritas, latidores. Fil 3.2; Sal 22.16, 20; Pv 26.11.121. COMER Símbolo de meditação, digestão do alimento. Jer 15.16; Ez 3.1-3; Apoc 10.9; Luc 13.26; Dt 20.14; Mat 11.18.122. COLÍRIO Símbolo da unção para curar os olhos. Apoc 3.18 com 1 Jo 2.20, 27 e Jo 9.1-7.123. CAMPO Símbolo do mundo, terra. Mat 13.24, 38, 44; Luc 15.15; Jo 4.35.124. CINQUENTA Símbolo de liberdade, Pentecoste (10X5=50). 1 Rs 18.4; Ag 2.14; At 2.1-4; Lv 23, 25. O 50º dia, 50º ano.125. CINCO Símbolo da graça de Deus para o homem, responsabilidade do homem. 1 Sam 17.40; Mat 14.17-21; 25.2, 15-20; Luc 19.18-19.126. CINTA Símbolo de força para ação. Cinturão. Lc 12.35; Jó 30.11; Is 45.5; 22.21; 1 Pd 1.13; Sl 18.39; Jó 12.18; Sl 65.6.127. CABRA Símbolo de pecado, pecadores, oferecimento por pecado. “Sujo”. Mat 25.32-33; 2 Cor 5.21; Lv 4.12; Isa 16.15, 27; Num 28.22; Ez 43.25.128. CINZENTO Símbolo de dignidade, honra, idade. Pv 16.31; Gen 42.38; 44.29-31; Dt 32.25; Os 7.9; 1 Sam 12.2; Jó 15.10; 41.32; Sal 78.18; 71.18; Pv 20.29. 9
  • 10. 129. CABELO Símbolo da glória do homem ou besta. Jz 16.17, 22; Is 3.24; Jer 7.29; 1 Cor 11.14, 15; Jo 11.2; Luc 7.38.130. COLHEITA Símbolo de ajuntamento, ceifa, justo ou injusto. Mat 13.30; Ap 14.14-20; Lv 23.131. CABEÇA Símbolo de pensamentos, mente, inteligência, governo, autoridade. Is 15; Mat 22.37; Ex 29.10; Lv 1.4; 3.2; 1 Cor 11.3; Ef 1.22; 5.23-24.132. CORAÇÃO Símbolo do centro do ser, vida, emoções, motivações. 1 Tim 1.5; Sal 40.8-12; 1 Cor 7.37; Rom 6.17; Pv 25.20; Lv 19.7.133. CALOR Símbolo de aflições, julgamento, perseguição. Mat 20.12; Ap 16.9; Mat 13.6; Luc 8.6-13; Jó 30.30; Ez 3.4; Dn 3.19; Tg 1.11.134. CERCA Símbolo de proteção, reter, restrição. Um muro. Jó 1.10; Is 5.5; Ez 13.5; Mar 12.1; Jó 3.23; Sal 80.12; Mat 21.33.135. CALCANHAR Símbolo de poder para esmagar. Gen 3.15; Rom 16.20.136. CAPACETE Símbolo de proteção para cabeça. Ef 6.17; Is 59.17; 1 Tes 5.8.137. COLINAS Símbolo de elevação, alto, sublime. Sal 68.16; Gen 7.19; Sal 95.4; 98.8.138. CORÇA Símbolo de velocidade, agilidade, cervo da terra. 2 Sam 22.34; Sal 18.33; Hc 3.19; Ct 2.17; Is 35.6.139. CHIFRE Símbolo de poder, força, defesa. Sal 18.2; Hc 3.4; Luc 1.69; Ap 17.12; 5.6; 13.1; Sal 22.21; 75.10; 132.17; Ez 29.21; 1 Sam 2.10; Sal 89.17; Lam 2.3.140. CAVALO Símbolo de poder, força, conquista. Jr 8.6; 4.29; Sl 66.12; Jó 39.19; Pv 21.31; Zc 10.3; Ap 19.19; Ez 38.4.141. CASA Símbolo do lar, lugar de habitação, a Igreja. Jo 14.2; Jó 30.23; Is 14.18; 2.2-4; 2 Cor 5.1; Heb 3.1-6.142. CORDEIRO Símbolo de Cristo nosso sacrifício perfeito, Cordeiro Pascal. Ex 12; 1 Ped 1.19; Jo 1.29, 36; Is 53.6, 7 ;Ap 5.6; Isa 40.11; At 8.32.143. CARTA Símbolo da Lei de Moisés. Rom 2.27-29; 7.6; 2 Cor 3.6-7.144. CASAMENTO Símbolo da união de dois, dois tornam-se um. (do Cordeiro) Ap 19.7; Ef 5.23-32; Gen 1.26-28; 2.21-25; Mt 19.4-6.145. CARNE Símbolo de comida, forte, boa ou má. Jo 4.34; Sal 42.3; Jo 6.27; 1 Cor 3.2; 10.3; Hb 5.12-14; Jó 6.7; 20.14. 10
  • 11. 146. CARNE Símbolo de Jesus Cristo oferecido para Deus como comida (Oferecimento) de homem. Lev 2.1; Is 28.28.147. CARVALHO Símbolo de força. Am 2.9; Isa 1.30; 2 Sam 18.9-14.148. CENTO E Símbolo do derradeiro de Deus na criação. QUARENTA E Ap 7.1-3; 14.1-14. QUATRO149. CENTO E Símbolo de renascimento, final da colheita das almas. CINQUENTA E Jo 21. TRÊS150. CORUJA Símbolo de maus espíritos, demônios, um pássaro da noite. Is 13.21; Jó 30.29; Is 34.13; 43.20; Jer 50.30.151. CHUVA Símbolo da Benção de Deus, a Palavra de Deus e o Espírito Derramado. Is 55.10-11; Dt 32.2; Sal 78.24; ; Jó 29.21-22; Ex 16.4; 1 Rs 18.41; Zc 10.1-2; 12.10; At 14.27; Os 6.1-3; Pv 28.3-4.152. CARNEIRO Símbolo de substituição, sacrifício. Gen 22. Refere ao carneiro. Ex 29.15-24.153. CEIFAR Símbolo de colheita, recompensa má ou justa. Jó 4.8; Pv 22.8; Os 8.7; 10.13; Gal 6.8-9; 1 Cor 9.11; Mat 13.30-43; Ap 14.14-16; Lev 26.5.154. CANIÇO Símbolo de fraqueza, instabilidade. Haste ou tronco. Ez 42.16; 1 Rs 14.15; 2 Rs 18.21; Isa 36.6; Mat 11.7; 2.20; Luc 7.24; Ap 11.1-2. Medindo ou julgando.155. CORDÃO Símbolo de sinal das leis de Deus. (Azul) Num 15.38 com Jo 14.26.156. CORDA Símbolo de servidão, atar ao redor. Jz 16.11-12; 1 Rs 20.31; Is 5.18; At 27.32.157. CETRO Símbolo de poder, regulamento, majestade, autoridade. Refere ao Bastão. Gn 49.10; Nm 24.17; Sl 45.6; Is 14.5; Zc 10.11; Hb 1.8; Am 1.5; Ap 11.1-2.158. CANTOR Símbolo de alegria, louvor, agradecimento, adoração. Sal 7.17; Ex 15.1; Jó 29.13; Sal 9.2; 13.6; 18.49; 21.13; 27.6; Pv 29.6; Is 12.5; 23.16-19; 16.10; Zc 2.10; Tg 5.13.159. CANÇÃO Símbolo de alegria, louvor, frescor na adoração. (Nova) Is 30.29; Ez 33.32; Sal 96.1; 98.1; Ap 5.9; 14.3. 11
  • 12. 160. CEGONHA Símbolo de solidão. Lev 11.19; Dt 14.18; Sal 104.17; Jer 8.7; Zc 5.9. Vôo do pássaro.161. CEIA Símbolo de corpo quebrado e do sangue derramado de Jesus. A Ceia do Senhor. Aponta a ceia. Aponta a ceia Pascal e a ceia matrimonial do Cordeiro.162. COXA Símbolo de força. Sal 45.3; Dn 3.32; Gen 32.25; Jz 15.8.163. CHAVE Símbolo de autoridade, poder para ligar e desligar, trancar ou destrancar. Chave de Davi, morte e abismo, reino, abismo sem fundo, conhecimento. Is 22.22; Ap 3.7; Mat 16.19; 18.18; Luc 11.52; Ap 9.1; 20.1.164. CARDOS Símbolo da maldição, inutilidade. Gen 3.18; 2 Rs 14.9; 2 Cr 25.18; Os 10.8.165. COMINHO Símbolo de pequenez, semente da vida. Is 28.25-27; Mat 23.23. 12
  • 13. 166. DANÇA Símbolo de alegria, regozijo, rodopio. Sal 30.11; Jó 21.11; Sal 149.3; Ec 3.4; Jer 31.13; Lm 5.15.167. DAVI Tipo de Cristo, o rei ungido, nascido em Belém. 1 Sam 16.1, 17; Mat 2.4-5. Amado.168. DIA Símbolo de espaço, ou um período de tempo. Is 22.5; Gen 2.4; Jl 2.2; Jo 9.4; 2 Ped 3.8; Sal 90.4.169. DESERTO Símbolo de desolação, tentação, solidão. Jer 17.6; Is 27.10; 33.9; Sal 40.3; 21.1; Jer 50.12, 39. Refere-se também ao Sertão.170. DEZOITO Símbolo de julgamento (dobro de nove). Luc 13.11-16.171. DIAMANTE Símbolo de firmeza, brilho. Jer 17.1; Ex 28.18; 39.11; Ez 28.13; Zc 3.9; 7.12.172. DOENÇA Símbolo de calamidade, pecado. Sal 103.3; Ec 6.2; Ex 15.26; Dt 7.15; 28.60.173. DRAGÃO Símbolo de satanás, o monstro. Ap 12.7-9; 16.1; 13.2-4; 20.2; Sal 91.13; Is 27.1; Jer 51.34.174. DEDO DE Símbolo do trabalho de Deus, na convicção do Espírito Santo. DEUS Ex 8.19; 29.12; 31.18; Dt 9.10; Luc 11.20, 46.175. DEFEITUOSO Símbolo de imperfeição. Pv 26.7; 2 Sam 5.8; Lv 21.17-23; Jó 29.15; Is 35.6.176. DESPEDAÇAR Símbolo de pesar, ira, cisma, divisão. Ez 13.13; 2 Cr 34.27; Jl 2.13; Mat 7.6; Js 7.6; 1 Sam 28.17; Mat 9.16; 26.65; Luc 5.36. “Chorar”.177. DURA CERVIZ Símbolo de obstinação, resistência a autoridade, controle. Dt 31.27; Sal 75.5; Jer 17.23; 2 Cr 36.13; Ez 2.4.178. DIREITO Símbolo de boa direção, não torta. Jó 6.5, 20; 1 Sam 6.12; Sal 5.8; Pv 4.25; Is 40.3-4; 42.16; Mat 3.3; Luc 3.4-5; Jo 1.23; Heb 12.13.179. DEFEITO Símbolo das imperfeições da natureza humana. Lev 21.18; 2 Ped 2.13; Ef 5.25-28.180. DENTE Símbolo de refrear, tragar. Consulte dentes. 13
  • 14. 181. DENTES Símbolo de aspereza, poder devorador. Jó 16.9; 4.10; 13.14; 41.14; Sal 3.7; 35.16; 57.4; 58.6; 124.6; Pv 30.14; Is 41.15; Dn 7.5-7; Mat 8.12; Mar 9.18; At 7.54; Ap 9.8.182. DEZ Símbolo de Lei, ordem, critério e julgamento. Jó 19.3; Gn 31.7; 42.3; Rt 1.4; Dn 1.12-15; 7.24; Mt 25.1; Luc 17.12; Ap 2.10; 12.3; 13.1; Heb 7.2-4; Ex 19, 20. Os Dez Mandamentos.183. DOZE Símbolo do governo divino, governo apostólico. Mat 14.20; Ex 28.21; Jos 4.20-24; 18.24; Mat 10.1-5; Luc 2.42; Tg 1.1; Ap 7.5-8; 21.12-21; 22.2; Ex 15.27; Mat 19.28; Lev 24.5-6.184. DOIS Símbolo de testemunha, testemunho, ou divisão, separação. Refere-se a números especificados e contidos em Gênesis 18, 19 e Mateus 7. João 8.17; Dt 17.6; 19.15; Mt 18.16; Ap 11.2-4; Lc 9.1-2 para testemunha. Para divisão – Ex 8.23; 31.18; Gn 1.7-8; Mt 24.40- 41.185. DESPOVOADO Símbolo do mundo sem Deus, ou um lugar preparado por Deus para Si próprio. Sal 78.52; Gen 37.22; Ex 7.16; Jó 12.24; 39.5-6; At 7.38; Cantares 3.6; Ap 17. 14
  • 15. 186. EXÉRCITOS Símbolo de poderes espirituais e força, bem ou mal.(Cavalos, cavaleiros Ap 19.14-19; Jl 1.4; Ap 9.1-13; Zc 6.1-8. ou gafanhotos)187. EXPIAÇÃO Símbolo de redenção, conciliação da ira de Deus, calvário. (por sangue) Lev 17.11-14; Ap 5.9-10.188. ESTÉRIL Símbolo de improdutividade. Isa 2.5; Pv 107.34.189. ESPINHOS Símbolo de punição, falsos ensinamentos, espinhos. Jz 8.7-16; Is 5.5-7; 7.23; Ez 2.6; Heb 6.8.190. ÊNXOFRE Símbolo de punição, tormento. Ap 20.10; Dt 29.23; Jó 18.15; Pv 11.16; Is 30.33; Luc 17.29; Ap 9.17.191. ESCURIDÃO Símbolo de ignorância, cegueira, tristeza, aflição. Ex 10.21-23; Jo 8.12; 1.5; 1 Jo 2.8; Ef 5.8-11; Jó 18.18; Col 1.13; 1 Jo 2.11.192. ÉDEN Símbolo de prazer, paraíso, reino da vida. Ez 36.35; Gen 2.8-15; Jl 2.3.193. EDIFICAR Símbolo de edificação, edifício. Ef 4.1-16; 1 Cor 14.4; 8.1.194. EGITO Símbolo do que é terreno, cativeiro, prostituições. Ap 11.8; Ez 23.3, 4, 8, 19.195. ELIAS Tipo da palavra profética de Deus. “Meu Deus é Jeová”. 1 Rs 17, 18; Mat 17.4; Luc 4.24-27.196. ELISEU Tipo de Cristo como o profeta com porção dobrada do Espírito. 2 Rs 4.35 com Luc 8.50-56; 2 Rs 7.16 com Mat 14.15-21.197. ESMERALDA Símbolo das glórias de Deus e seus santos. Ap 4.3; 21.19.198. ÉFODE Símbolo do ministério de sacerdócio. Ex 28.2-8; Zc 6.13; Lv 16; Luc 12.37; Heb 4.14; 9.24.199. ESAÚ Tipo carnal, profano, homem carnal. “Cabeludo”. Heb 12.16; Gen 25.22-25; Rom 9.13.200. ESTRANGEIRO Tipo de estranho, sem cidade. Ef 2.12, 19; 1 Pd 2.11; Fl 3.20; Sl 119.19; Pv 2.16; 5.10; 6.1; Jo 10.5; Hb 11.13.201. ERVA Símbolo da fraqueza da carne. Sal 9.5; Is 40.6-8; 51.12; Jó 5.25; Sal 37.2; 72.16; 92.7; 102.4, 11; 103.15; 1 Pd 1.24. 15
  • 16. 202. ERVA Símbolo de sofrimentos e amargura. (Amargo) Num 9.11; Jó 10.1; Pv 14.10; Ex 12.8; Heb 6.7.203. ESCONDERIJO Símbolo de pecado ou segredo. Sal 9.15; 32.5; 35.7-8; 119.11; Gen 3.8-10; Is 28.15; 49.2; 59.2; Mt 13.33-34; 25.18; Jo 8.39; Ap 6.15.204. ESCADA Símbolo de Cristo ligando o céu e a terra. Gen 28.12; Jo 1.51.205. ESCARLATE Refere-se ao vermelho. Is 1.18; Ap 17.3-4; 18.12; Mar 15.17; Heb 9.19. Cor do sacrifício para o pecado.206. ESCORPIÃO Símbolos de maus espíritos, homens maus; que ferroa e traz a dor. Ap 9.5; Dt 8.15; 1 Rs 12.11; 2 Cr 10.11; Ap 9.10; Luc 10.19.207. ESCUDO Símbolo de proteção. Sal 3.3; Gen 15.1; Dt 33.29; 2 Sam 22.3; Sal 28.7; 33.20; 59.11; 84.9-11; 115.9-10; 119.114; Ef 6.16.208. ESPERGIR Símbolo de limpeza, purificando. Hb 9.13; Ex 29.16-21; Lv 1.5-11; 14.7; Nm 8.7; 19; Is 52.15; 1 Pd 1.2.209. ESTRELAS Símbolo da semente celestial de Abraão, Israel espiritual. Ministros do Evangelho. Ap 1.20; Num 24.17: Gen 15.5; Mat 24.29; Ap 12.4; Gen 1.17. Portadores da luz. Dn 12.3. Queda das estrelas apóstatas.210. ESTRELA Símbolo do aparecimento de Cristo. (Manhã) Ap 2.28; 22.16; 2 Ped 1.19.211. EM PÉ Símbolo de trabalho inacabado. Integridade. Conservando a posição. Am 9.1; Ef 6.13; Zc 6.15; At 7.55-56; Heb 10.11.212. ESTÚPIDO Tipo de anti-cristo e seguidores. Mau, vil, povo perverso. Sal 14.1; 1 Sam 26.21; Pv 17.7-28; Luc 12.20.213. ESTREITO Símbolo do que é pressionado com dificuldades. 1 Sam 13.6; 2 Sam 24.14; 2 Rs 6.1; Jó 36.16; Mat 7.13.214. ESPADA Símbolo da Palavra de Deus. Ef 6.17; Heb 4.12; Is 49.2; Ap 1.16; (Dois Gumes) Dt 32.41; Zac 13.7; Rom 13.4. Também instrumento de guerra, julgamento e mortandade do perverso; juízo de Deus sobre a humanidade. Lev 26.25; Isa 34.5; Sal 17.13; Ez 21.3-5.215. ESPINHO Símbolo da maldição. Gen 3.18; Pv 26.9; Is 55.13; Os 10.8; 2.6; Mat 7.16; Mar 4.7; Luc 8.7, 14; Heb 6.8. Cardos ou espinhos. 16
  • 17. 216. FORMIGA Símbolo de diligência, produção, sabedoria na preparação. Pv 30.25; 6.6.217. FLECHA Símbolo de velocidade, julgamentos silenciosos. “Um furador”. Sal 18.14; Jó 6.4; 2 Rs 13.14-19; Jó 38.2.218. FACE Símbolo de prova, sofrimento quando ferido. Js 6.10; 1 Rs 22.24; Mat 5.39; Sal 3.7; Mq 5.1.219. FOME Símbolo de julgamento. Ap 18.18; Jer 5.12; Am 8.11-12; Jer 14.12-18; Ez 5.16-17.220. FÔLEGO Símbolo de vida ativa. (Respiração) Gn 2.7; 6.17; 7.15, 22; Pv 150.6; Ez 37.5-10; Dn 5.23; At 17.25; Jo 20.22.221. FIGO Símbolo da fruta da nação de Israel. Hc 3.17; Na 3.12; Is 36.16; Jer 24.1-8; 29.17-18; Luc 13.6-9.222. FOLHAS de FIGO Simbólico do próprio sacrifício, fazer a própria cobertura. Gen 3.1-8.223. FIGUEIRA Simboliza a vida nacional e política de Israel. Mat 24.32-33; Jz 9.10; Ct 2.13-14; Luc 21.29-33; Ap 6.13; Mat 21.19- 21; Mar 11.13-21; Luc 13.6-7.224. FOGO Símbolo da presença, ardente julgamento de Deus, purificando, testando. Heb 12.29; Gen 19.24; Ex 3.2; 2 Rs 1.10-14; Dan 7.9; Is 66.15; 2 Tes 1.7-8. Santidade de Deus.225. FARINHA Símbolo do corpo quebrado de Jesus. “Moer”. Is 53; 28.28; Lev 2.1; Num 28.5; 1 Cr 23.29.226. FLOR Símbolo da glória murcha do homem. Tg 1.10-11; 1 Ped 1.24; Is 40.1-3.227. FLORESTA Símbolo das nações. Um bosque. Ez 15.1-6; 20.46-49; Os 2.12; Is 44.23; Jer 12.8; 21.4.228. FORNICAÇÃO Símbolo de idolatria espiritual. Ap 14.9; 17.2-4; 18.3; 19.2; 2.21; 1 Cor 6.9.229. FORTALEZAS Símbolo de proteção, um lugar de refúgio. (Ou Torre) Sal 31.3; 18.2; 71.3; Sal 91.2; 2 Sam 22.2; Is 17.3; Jer 6.27; 16.19; Is 34.13; 25.12; 33.16.230. FUNDAÇÃO Símbolo de começo. Ef 2.20; Jó 4.17-21; Mat 13.35; 25.34; Is 28.16; 1 Cor 3.11; Heb 6.1- 2; Jer 17.13; Ap 21.6. 17
  • 18. 231. FONTE Símbolo da origem da vida, um esguinchamento para frente. Sal 36.9; Gen 8.28; Pv 13.14; 14.27; Ec 12.5-7; Jer 2.13; 17.13; Ap 21.6; Jo 4.14.232. FRUTA Símbolo de aumento ou multiplicação. Sal 21.10; Ex 21.22; Os 9.16; Dt 7.13; At 2.30; Sal 132.11; Jer 17.10; Pv 12.14; 18.20; Heb 13.15; Gal 5.22-23; Ef 5.9; Fil 1.11.233. FRUTA Símbolo do produto temporário da terra. Jo 4.6-10.234. FORNALHA Símbolo de experiência, teste. Um pote de fogo. Pv 17.3; Dt 4.20; 1 Rs 8.51; Sal 12.6; Is 31.9; 48.10; Jer 11.4.235. FALCÃO Símbolo de impureza, lixeiro. Lev 11.16; Dt 14.15; Jó 39.26.236. FENO Símbolo de pouco valor. Is 15.16; 1 Cor 3.12.237. FERRO Símbolo de força, aflição, julgamento, norma inflexível, esmagamento. Dn 2.33; 7.7, 19; Sal 107.10; Jz 4.3; Sal 2.5, 9; Ap 2.27; Dt 33.25; Mq 4.13; Jó 40.18; Lev 26.19; Ap 12.5.238. FOLHA Símbolo devido e cercado de prosperidade ou adversidade. Sal 1.3; Is 1.30; 34.4; 64.6; Jer 17.8; Mat 24.32; Ap 22.2.239. FERMENTO Símbolo de doutrina má, práticas, vida, ensino. Fermentado. Preso pelo processo do fogo. Mat 8.15; Ex 12.15; Lev 2.11; Mat 16.6-12; Dt 16.3-4; 1 Cor 5.6-8.240. FORNO Símbolo de esforços ardentes, teste ou julgamento. Pote de fogo. Sal 21.9; Os 7.4-7; Mal 4.1; Mat 6.30; Luc 12.28; Ex 8.3.241. FILHOS Tipo de fertilidade, benção, reprodução. Sal 127, 128; Ap 22.16; Mat 1.1. Jesus Cristo filho de Davi.242. FOICE Símbolo da Palavra de Deus, colheita. (Afiada) Jl 3.13; Ap 14.14-19; Mar 4.26-29.243. FREIO Símbolo de proibição, controle. Sal 32.9; 2 Rs 19.28; Tg 3.2; Is 30.28; 37.29; Ez 29.4.244. FUMAÇA Símbolo do poder de cegueira, bom ou mal. Gen 19.28; Ct 3.6; Ap 8.4; 19.3; 15.8; Ex 19.18; Gen 15.17; Is 6.4. 18
  • 19. 245. GARRAFA Símbolo de sustento, fonte de sofrimento. Gen 21.14-19; Jz 4.19; 2 Sam 16.1; Sal 56.8; Jó 9.4, 13; Mat 9.17; Mar 2.22; Luc 5.37-38.246. GROU Símbolo de lamento, solidão. Isa 38.14; Jer 8.7. Gorjear.247. GIDEÃO Tipo de Cristo o entregador. “Cortador, Guerreiro”. Jz 7, 8.248. GLÓRIA Símbolo da presença de Deus. A glória Shekinah. Ex 40.34-35; Ez 43.1-3.249. GOGUE/ Simboliza a massa de ímpios perversos. MAGOGUE Ez 38, 39; Ap 20.1-8.250. GOMORRA Símbolo de perversidade, idolatria, imoralidade, orgulho, prosperidade. Ez 16.49; 2 Ped 2.6; Gen 13.10; Ap 14.10-11; Mar 6.1; Jd 7.251. GALINHA Símbolo de maternidade, alguém que reúne, protege. Mat 23.37; Luc 13.34.252. GAFANHOTO Símbolo de força e ação. Ap 9.3; 9.7; Na 3.17; Isa 33.4.253. GAFANHOTO Símbolo de poderes destrutivos. Jl 1.4; 2.25; Am 4.9.254. GARGANTA Símbolo de absorção, boa ou ruim. Sal 5.9; 65.3; 115.7; Pv 23.2; Rom 3.13; Jer 2.25; Mat 18.28; 23.24.255. GUERRA Símbolo de destruição, morte, camage. Guerra final no céu e na terra. Ap 12.7, 17; 17.14; 19.11, 19; 2 Cor 10.3; Jer 51.20; 1 Ped 2.11; 1 Tim 1.18; Tg 4.1-2.256. GRUPO Símbolo de um grupo, uma companhia, vinho novo. Is 65.8; Mq 7.1; Nm 13.23-24; Ct 1.14; Gn 40.10; Dt 32.32; Ap 14.18.257. GALO Símbolo de aviso, lembrete. Mat 26.34, 74-75; Luc 22.34, 60; Jo 13.38; 18.27.258. GORDO Símbolo de energia, partes internas, entusiasmo. Sal 92.14; 17.10; 119. 70; Dt 32.15.259. GABINETE Símbolo de segredo, privacidade, solidão. Jl 2.16; Mat 6.6. 19
  • 20. 260. HARPA Símbolo de louvor, adoração a Deus. “Som agudo”. Sal 150.3; 33.2; 43.4; 71.22; 147.7; Apoc 14.2-3; 15.2.261. HISSÔPO Símbolo de purificação, adaptado através da doutrina. Sal 51.7; Lev 14.4, 49-52; Num 19.6, 18; Heb 9.19.262. HOMEM Tipo de imagem e semelhança de Deus. Gen 1.26-28; 1 Cor 15.45-50; Ez 1.10. Rei da criação.263. IRMÃO Tipo de aparência, caráter, relacionamento. Pv 18.9; Jó 30.29; 1 Cor 5.11; Mat 12.50; Ap 1.9.264. INSÍGNIA Símbolo de proteção, padrão elevado. Uma bandeira. Is 11.12; 5.26; 18.3; 30.17; 31.9; Zc 9.16; Sal 74.4.265. INUNDAÇÃO Símbolo de julgamento do pecado e violência. O dilúvio. Is 59.19; Gen 6.17; Sal 29.10.266. INCENSO Símbolo de fragrância, orações, intercessão. “Branco”. Lev 2.1-2; Num 5.5; Ct 3.6; Ex 30.34; Ap 18.13; Mat 2.11.267. INCENSO Símbolo de oração, intercessões. Refere-se ao incenso. Sal 141.2; Jer 1.16; 11.12-13; Luc 1.10-11; Ap 5.8; 8.3-4; Is 60.6.268. INSETO Símbolo de multidão, pequenez de tamanho. Um gafanhoto. Jz 6.5; Num 13.33; Is 40.22; Jer 46.23; Am 7.1; Na 3.17; Jz 7.12.269. ISAQUE Tipo de Cristo, o único filho e o sacrifício. “Riso”. Gen 22.2 com Jo 3.16; Gl 3.16; 4.22-31; Is 9.6; Heb 1.1-4; Fil 2.5-12; Heb 2.9.270. ISRAEL Tipo de verdadeiro e espiritual Israel de Deus, tendo poder com Deus e homens. Gen 32; Gal 6.16; Rom 9.1-13.271. ILHAS Símbolo das nações dos gentios e da terra. Gen 10.5; Ef 2.11; Is 41.1; 42.12, 15; At 28.1, 7.272. INCIRCUNCISO Símbolo de impuro, fora do relacionamento de aliança com Deus e seu povo. Gn 17; Cl 2.13; Is 52.1; Jr 9.25-26; Ez 28.10; 31.18; At 7.51; Ef 2.11. 20
  • 21. 273. IMUNDO Símbolo daquele que é impuro, abominável, demoníaco. Mat 10.1; 12.43; Zac 13.2; Mar 1.23-27; 3.11, 30; 5.2-8; Luc 6.18; 9.42; 11.24; At6 5.16; 8.7; 10.14; 2 Cor 6.17; Ef 5.5; Ap 16.13; 18.2. Freqüentemente associado com espíritos impuros.274. IMPUREZAS Símbolo de refúgio, escória de imundície, malvadez, pecado. Ez 22.18-19; Sal 119.119; Pv 26.23; Is 1.25; Sal 75.8; Is 51.17, 22.275. JARDIM Símbolo de crescimento e fertilidade. 1 Sam 58.11; Gen 2.8-10.276. JACÓ Tipo de Cristo e crentes, o espírito substituindo o natural. “Aquele que suplanta o pastoreio”. Gen 31.39-40; Isa 40.11; Is 4.6-13; 10.277. JASPE Símbolo da glória de Deus, brilho e beleza. Ap 4.3; 21.11, 18-19; Ex 28.20.278. JERICÓ Símbolo da cidade das palmeiras. Dt 34.3.279. JERUSALÉM Símbolo da cidade de Deus, lugar da habitação de Deus e os santos. “A fundação da paz”. Heb 12.22-28; Gal 4.6; Ap 3.12; 21.2, 10.280. JÓIAS Símbolo de tesouros especiais, o povo de Deus. Ml 3.17; 1 Cor 3.12; Ex 19.5; Dt 14.2; Sal 135.4; 1 Pd 2.9; Tt 2.14. Povo peculiar.281. JÓ Tipo de santos perseguidos, esforço, paciência no sofrimento. Tg 5.11; Jó 1-2, 40.282. JONAS Tipo de morte, ressurreição de Cristo, ministério entre os gentios. Mat 12.40; 16.4; Luc 11.30; Jn 1.15-17; 2.1-10.283. JORDÃO Símbolo de descendência, morrer para si mesmo, sendo vencido. 2 Rs 5.10; Mar 1.9.284. JOSÉ Tipo de Jesus também amado, rejeitado, filho exaltado com a noiva gentia. “Ele acrescentará”. Gn 37; At 7.9; Sl 105.16-22; At 2.36; Fl 3.5-11; Lc 1.32-33; Zc 12.10.285. JOSUÉ Tipo de Jesus como capitão, líder na herança. Js 1.5; At 7.45; Heb 4.8; Nm 25.18; Ex 33.7-11. Josué = Jesus/Salvador.286. JUDAS Tipo de anti-cristo, filho da perdição, traidor. ISCARIOTES Jo 17.12; 2 Tes 2.3-8; Ap 17.11. 21
  • 22. 287. JOELHO Símbolo de reverência, humildade, joelho dobrado. Rom 14.11; 11.4; Gen 41.3; Is 45.23; Mat 27.29; Fil 2.19; Ef 3.14.288. JOIO Símbolo de ensinamentos falsos, filhos de satanás e apóstatas da fé. Mat 13.25-40. Degenerados, semente falsa.289. JANELA Símbolo de abertura, bençãos do céu. Gen 6.16; 8.6; Js 2.15-18; Ct 2.9; Dn 6.10; Mal 3.10.290. JUGO Símbolo de servidão, escravidão ou companheirismo. Gen 27.40; Lev 26.13; Dt 28.48; Jer 27.8-12; Lm 1.14; 3.37; Sal 119.71; At 15.10; 1 Tim 6.1; Gal 5.1; Mat 11.29; 2 Cor 6.14.291. KINE Símbolo de riqueza. Refere-se a vaca. Dt 7.13; Am 4.1; Gen 41.2, 26-29; Dt 28.4; 2 Sam 17.29.292. LIGAR Símbolo de conquista, dominar um outro. “Parelhar ou engatar”. Mt 12.29; Jz 15.10; 14.5; Jó 39.10; Pv 105.22; Dn 3.20; Mt 16.19; 18.18; Mr 5.3; At 22.4.293. LIVRO Símbolo da revelação divina, ou pensamento humano. Escrita, leitura, comendo o livro. Ez 3, Ap 10. Livro de Deus – a Bíblia.294. LATÃO Símbolo de julgamento contra o pecado de desobediência, força, sofrimento. Jó 40.18; Dn 7.19; Nm 21.5-10; Dt 33.25; Ap 1.15; Lv 26.19; Dt 28.23.295. LAGARTA Símbolo de poderes destrutivos. 1 Rs 8.37; Sl 78.46; Is 33.4; Jl 1.4; 2.25; 2 Cr 6.28; Sl 105.34; Jr 51.14, 27.296. LINHO Símbolo de fraqueza do homem. Mat 12.20.297. LEBRE Símbolo de satanás, exércitos do mau, injusto. Lev 11.6; Dt 14.7.298. LÂMPADA Símbolo do espírito do homem, espírito de Deus, Palavra de Deus, salvação. Refere a candeia. Pv 20.27; Sl 119.105; 18.28 Pv 6.23; Is 62.1; Ap 1.14; Dn 10.6; 2 Sm 22.29. 22
  • 23. 299. LÍBANO Símbolo de beleza, força, elevação. Is 60.13; 10.34; 29.17; 2.13; Jer 22.6; 23; Hc 2.17; Is 35.2; Sal 90.12.300. LEOPARDO Símbolo de velocidade, crueldade, vingança, ferocidade. “Pintado”. Jer 5.6; Dan 7.6; Hc 1.8; Ap 13.2.301. LEPRA Símbolo de pecado, transgressão. Mt 8.3; 2 Cr 26.19; Mc 1.42; Lc 5.12-13; Lv 13.44; Nm 12.10; 2 Rs 5.27.302. LEVEDADO Símbolo de pureza, ausência de pecado de Cristo. Refere-se a (NÃO) fermento. Lev 23; Lev 2. Alimento oferecido sem fermento. Mat 13.33. Pães asmos.303. LUZ Símbolo de Deus, de Cristo. 1 Jo 1.5; Tg 1.17; Sal 104.2; 1 Tim 6.14-16; Jo 1.14; Sal 18.11; Mat 4.16; Jo 8.12; 12.35-36; 2 Cor 4.6; Ef 5.14; 1 Ped 2.9; Sal 27.1; 119.105; Mat 5.14; Ef 5.8. Símbolo da Igreja Cristã.304. LÍRIOS Símbolo de beleza, esplendor. Mat 6.28-29; Ct 5.13; 7.2; Luc 12.27; 1 Rs 7.19-22; Ct 2.1-2; Os 14.5.305. LÍNGUA Símbolo da linguagem, da fala. 1 Jo 3.18; Pv 25.15; Os 7.16; Sl 31.20; Jr 9.3; 23.31; Is 57.4; Ap 16.10; 34.13; 1 Pd 3.10; Tg 1.26; 3.1-8. Usado para o bem ou para o mal, para abençoar ou amaldiçoar, somente Deus pode domar a língua humana.306. LINHA DE Símbolo de medida, padrão divino. PRUMO Am 7.7-8.307. LINHO Símbolo de pureza moral, justiça. (Fino) Rom 15.6; Gen 41.42; Ap 19.8, 14.308. LEÃO Símbolo de majestade, realeza, coragem, atrevimento, de boas e más pessoas. Ap 5.5; 1 Ped 5.8; Jz 14.18; 1 Sam 1.23; Gen 49.9; Num 24.9; 2 Sam 17.10; Pv 28.1; Os 5.14; 13.8.309. LÁBIOS Símbolo de testemunho. Sal 63.5; Ex 6.12; Js 2.10; Sal 12.2-3; 51.15; 34.13; 66.14; 71.23; 119.13; 140.3-9; Pv 10.21; 18.6; Heb 13.15.310. LOMBOS Símbolo dos poderes do inimigo destruidor. Jó 40.16; 38.3; Sal 66.11; Pv 31.17; Isa 1.5; Na 2.1; Mat 3.4; Luc 12.35; Ef 6.14; 1 Ped 1.13.311. LÓ Tipo de apóstata. 2 Ped 2.7-8; Gen 13.1-14; 19.1-36; Luc 17.28-29.312. LUGAR DE Símbolo de sacrifício, pacificação, lugar de encontro com Deus e o MISERICÓRDIA homem. Intermediário. Ex 25.22; 29.42-43; Num 7.89; Rm 3.24-25; Hb 9.11-12; 1 Jo 2.2; 2 Cr 5.20; 1 Tm 2.5. 23
  • 24. 313. LEITE Símbolo da fundação de alimento, primeiro princípio para o jovem. 1 Cor 3.2; Heb 5.12-13; 1 Ped 2.2.314. LAMA Símbolo dos trabalhos do homem e sujeira. Sal 69.2, 14.315. LAMAÇAL Símbolo dos trabalhos pecaminosos do homem. Gen 14.10.316. LANÇA Símbolo daquilo que perfura. Jo 19.34; Sal 57.4; Hc 3.11. A lança.317. LUA Símbolo de luz e escuridão, sinal do filho do homem. A Igreja brilha(Para o Sangue) na escuridão. Fil 2.15; Ap 12.1; Jó 31.26; Gen 37.9; Sal 121.6.318. LÁGRIMAS Símbolo de mágoa, humilhação, tristeza, aflição, (algumas vezes júbilo). Isa 25.8; Jó 16.20; Sal 42.3; 126.5; Ec 4.1; Jer 13.17; Luc 7.38-44; At 20.19; Ap 7.17; 21.4.319. LAVAR Símbolo de limpeza. Isa 1.16; Gen 18.4; Lev 1.9-13; Sal 26.6; 51.2-7; Jer 4.14; Jo 13.5- 14; 9.7; At 22.16; Apoc 1.5-6.320. LAGAR Símbolo do lugar onde a doutrina verdadeira é produzida pelo próprio estudo da Palavra. Se é vinho mal, então falsas doutrinas pressionam a Palavra de Deus. Num 18.27-30; Dt 15.14; Jz 6.11; Isa 5.2; Mat 21.33.321. LOBO Símbolo de satanás e do mal, falsos ministros e falsos mestres. Ez 22.27; Jer 5.6; Jo 10.12; Hc 1.8; Sf 3.3; Mat 7.15; 10.16; Luc 10.3; At 20.29. 24
  • 25. 322. MACHADO Símbolo de julgamento, da guerra. “Cortar”. Luc 3.9; Jer 51.20; Ez 26.9; Mat 3.10.323. MATA Símbolo de humilhação, castigo, aflição. (Queima) Ex 3.2-4; Is 7.19; Jz 9.15; Dt 4.20; Jó 30.1-7.324. MASTIGAR Símbolo de meditação na Palavra de Deus. Ap 10.9; 2.7; 14.17; Lev 11.3; Pv 9.17; Ez 18.2; 1 Cor 11.29; Pv 13.25.325. MANTO Símbolo de cobertura, se limpo ou impuro. (ou Capa) Jo 15.22; 1 Tes 2.5; 1 Ped 2.16; Zc 3.4; Mat 5.40.326. MANDAMENTOS Símbolo da lei de Deus. Ex 19.7; Dt 5.16-17; 26.13; Sal 103.18; Pv 4.4; Jo 15.10; 1 Jo 3.22- 24.327. MEL Símbolo da doçura natural; bom; mas não para o altar de Deus. Sal 19.10; 81.16; 119.103; Pv 25.27; 24.23; Ez 3.13; Ap 10.9.328. MOSCAS Símbolo de maus espíritos, sujeira do reino de satanás. “senhor de pensamentos”. Ex 8; Mat 10.25.329. MARIDO Tipo de primazia, proteção, chefe de família, limitador. Ef 5.23; Jo 15.1; 1 Cor 3.9; Is 54.5; 1 Ped 3.1.330. MARFIM Símbolo de beleza e força. Sal 45.8; 1 Rs 10.8; Ct 5.14; 7.4; Ez 27.15; Am 3.15; Ap 18.12.331. MAXILAR Símbolo de força, poder. Maxilar. Is 30.28; Jz 15.16; Jó 29.17; Ez 29.4.332. MANÁ Símbolo de Cristo o Pão da Vida. “O que é?” (Pote de Ouro) Ex 16.14-15; Dt 8.3; Jo 6.30-57; Ap 2.17. A Palavra pelo Espírito.333. MANTO Símbolo de cobertura espiritual, boa ou má. Uma túnica. Sal 109.29; 2 Rs 2.13-15; 1 Rs 19.19; 1 Sam 28.13-14; 15.27.334. MÁRMORE Símbolo da beleza do Reino. 1 Cr 29.2; Et 1.6; Ct 5.15; Ap 18.12.335. MARCA Símbolo para distinguir, sinal, identificação. Marca da besta. Gen 4.15; Ez 9.4-6; Rom 16.17. Marca de Deus. Ap 13.16-17; 14.9- 11; 15.2; 16.2; 19.20;20.4; 14.1; 7.3; 22.4.336. MELQUISEDEQUE Rei de Justiça, rei da paz. Jesus Cristo. Pré-forma humana de Cristo. Heb 6.20; 5.6-10; 7.1-21; Gen 14.17-20; Sal 110.337. MENSAGEIRO Tipo de Cristo, último de Deus e perfeito mensageiro. Ml 3.1-2; Jo 1.1-4; 14-18. Palavra de Deus. 25
  • 26. 338. MESA Símbolo de comunhão, associação sacerdotal, alimento divino. Ex 25.23; Jo 6; Sal 23.5; Is 21.5; 1 Cor 10.21; Dan 1.27; Ml 1.7, 12; Ez 41.22; Sal 78.19; Is 65.11; Luc 16.21.339. MEIA NOITE Símbolo do fim do século, mudança de tempo, novo começo. Jz 6.3; Jó 34.20; Sal 119.62; Mat 25.6; At 16.25; 20.7; Rt 3.8; Ex 11; At 27.27.340. MILAGRE Símbolo do poder sobrenatural, bom ou mal. Jo 3.2; 6.3; At 2.22; 15.12; Gal 3.5; Ap 16.14; 13.14; 19.20.341. MANHÃ Símbolo de novo dia, nascer do sol. Is 58.8; Sal 30.5; 130.6; Jer 21.12; Dn 8.26; Ap 2.27-28; 22.16.342. MOISÉS Tipo de Cristo, entregador, mediador, profeta, enviado, legislador. “Tirado para fora das águas”. Dt 18.18; Heb 3.1-6; At 7.23-28; 1 Tim 2.5; Num 12.6-8.343. MARIPOSA Símbolo de destruição. Jó 13.28; 27.18; Sal 39.11; Is 50.9; 51.8; Os 5.12; Mat 6.19-20; Luc 12.33; Tg 5.2.344. MONTANHA Símbolo de força, majestade, estabilidade, o Reino de Deus ou do homem. Isa 2.2; Dn 2.35; Jer 51.25; Zac 4.7; Sal 72.3.345. MULA Símbolo de obstinação. Refere-se ao burro / julgamento. Sal 32.9.346. MÚSICA Símbolo de alegria, louvor, adoração. 1 Sam 18.6; 2 Cr 7.6; Lam 3.63; Dan 3.5-7; Luc 15.25-32.347. MOSTARDA Símbolo de pequenez para um crescimento que não é natural. (Semente) Mat 13.31; Luc 13.19; Mat 17.20; Mar 4.31; Luc 17.6.348. MIRRA Símbolo de sofrimento, fragrância. Sal 45.7-8; Pv 7.17; Ct 1.13; 3.6; 4.6, 14; 5.1-5; Mat 2.11; Jo 19.39.349. MOER Símbolo de responsabilidade, contabilidade. Peso. Luc 19.13-26.350. MAR Símbolo da multidão humana sem descanso, as nações perversas. Is 60.5; 57.20; 23.4; 23.4; 11.9; Jd 13; Ez 26.3-4; Tg 1.6; Hb 2.14; Mq 7.12.351. MAR Símbolo de paz, tranqüilidade perante o trono de Deus. (de Vidro) Ap 4.6; 15.2.352. MANCHA Símbolo de defeitos, imperfeições. 1 Ped 1.19; Lev 13.1-39; Num 19.2; 28.3; Jó 11.15; Ct 4.7; Ef 5.27; Heb 9.14; 2 Ped 3.14; 2.13; Jd 12.353. MOVIMENTO Símbolo da ressurreição de Cristo, também dos santos. FEIXE Lev 23.9-14; 1 Cor 15.20-23; Mat 28.1.354. MULHER Tipo de uma Igreja, verdadeira e virgem, ou falsa e harlotrous. Jr 6.2; Ap 17.1-18; 12.1-19; Pv 12.4; 14.1; 31.10; Is 24.14; Mq 4.10. 26
  • 27. 355. MADEIRA Símbolo de humanidade de Cristo ou dos santos. (Sem Valor) 2 Tim 2.20; Ex 7.19; 26.15; Lev 1.7-17; 14.4-6; 1 Cor 3.12-15; Ap 9.20; Is 53.1-3. Cristo, raiz tirada da terra seca, do tronco de Jessé, da árvore da família de Davi.356. MAÇÃ Símbolo de fragrância, beleza, doçura. “Fragrância”. Dt 32.10; Pv 25.11; Jl 1.12; Ct 2.3; 7.8.357. MURO Símbolo de proteção, cerca, controle, segurança. Is 5.2; Sal 62.3; Num 32.17.358. MURO Símbolo de proteção, separação, segurança, justo ou mal. Is 26.1; 60.18; 2.15; 5.5; 49.16; Zc 2.5; 1 Sam 25.16; Jer 5.10; 15.20; 39.8; Sal 51.18; 2 Cr 8.5; Ap 21; 22. Muros da cidade de Deus.359. MÃO Símbolo de força, poder, ação, possessão, mão levantada. Mão esquerda. Mão direita. Jo 10.28; Sal 90.17; Jó 9.30; 1 Tim 2.8; Is 1.15; Ex 15.26; Sal 17.7; 16.8; 109.31; 110.5; Mar 14.62.360. MARTELO Símbolo da Palavra de Deus. “Martelar”. Jer 23.29.361. MOER Símbolo de opressão, servidão. “Ruminar com coisas do alto”. Is 3.15; 47.2; Jó 31.10; Jz 16.21; Lam 5.13.362. MARCHA Símbolo de velocidade, movimento. Pv 1.6; 2 Cr 16.9; Is 40.31; Is 59.7; Na 2.4; Ap 9.9; 1 Cor 9.24.363. MEXERIQUEIRO Tipo de um negócio escandaloso, tagarelice, agitar, discussão com palavras de contendas. Pv 18.8; Lev 19.16; Pv 11.13; 20.19. 27
  • 28. 364. NUVEM E Símbolo de cobertura divina, direção, controle, provisão.COLUNA DE FOGO Ex 13.21-22; Sl 18.11; 104.3; Is 19.1; Ez 1.4; Mt 24.30; Ap 1.7; 1 Ts 4.17.365. NÚ Símbolo de ser despojado, desmanchado, exposto. Hc 3.9; 2 Cr 28.19; Jó 22.6; Ap 3.17; 17.16; At 19.16.366. NOME Símbolo de caráter, título, posição, distinção. Mat 1.21, Jesus / (Novo) Salvador. Mar 14.61, Cristo / Ungido. Apoc 2.17; 3.12. Refere-se aos nomes simbólicos.367. NAZIREU Símbolo de consagração, separação. “Separado”. Jz 16.5-7; Num 6.2-21; Am 2.11-12.368. NINHO Símbolo do lugar de habitação, um lar. Pv 27.8; Num 24.21; Dt 22.6; 31.11; Jó 29.18; 39.27; Sl 84.3; Is 16.2; 34.15; Jr 22.23; 48.28; 49.16; Hc 2.9.369. NOITE Símbolo de escuridão espiritual, período de tribulação. Jo 11.10; 9.4; Luc 5.5; 17.34; Jo 3.2; Rom 13.12; 1 Tim 5.2-7; 2 Ped 3.10; Ap 8.12; 21.25; 22.5.370. NOVE Símbolo de julgamento, finalidade (O último algarismo de 0 a 9). 2 Rs 17.6; 18.10; 25.1-3; Lev 23.32; Ed 10.9; Jer 25.4-6; Ez 24.1-3; Mat 20.5; 27.45-46; Luc 23.44.371. NORTE Símbolo de poder, majestade, julgamento; o trono de Deus. “Escuro”. Jó 37.9; 26.7; Sal 48.2; 89.12; 107.3; Pv 25.23; Is 14.13; 41.25; Jer 1.13-15; 4.6; Dan 11.6-44.372. NARIZ Símbolo de respiração, discernimento. A narina. Jó 4.9; Sl 30.30; 2 Rs 19.28; Ex 15.8; 2 Sm 22.9, 16; Sl 18.8; Jó 39.20.373. NAVIO Símbolo de mercadoria, negócio entre as nações separadas pelas águas. Pv 31.14; 1 Tim 1.19; Ap 8.9; 18.17; Mat 8.24; 14.13.374. NEVE Símbolo de brandura, pureza, brilho. Sal 51.7; 147.16; Dan 7.9; Mar 9.3; Ap 1.14; Mat 28.3; Lm 4.7.375. NARDO Símbolo de fragrância de Cristo para Deus Pai. Ct 1.12; 4.13-14; Mar 14.3; Jo12.3. 28
  • 29. 376. ORELHA Símbolo de audição, também boa ou má. Pv 28.9; 2.2; 4.20; Is 1.10; 1 Cor 2.9; Jó 13.1; Pv 17.4.377. ORIENTE Símbolo do nascer do sol, luz de Deus e a origem da glória. Sal 103.12; Ap 7.21; Gen 3.24; Ap 16.12; Ez 43.1-2.378. OITO Símbolo de novo começo, dia da Ressurreição. Jo 20.26; Luc 9.28-35; At 9.33; 1 Ped 3.20; Gen 7.12; 2 Ped 2.5.379. ONZE Símbolo de incompleto, desordem. Um além de dez, um a menos de doze. Mat 20.6, 9; 28.16; Mar 16.14; At 1.26; 2.14.380. OLHO Símbolo de onisciência, conhecimento, vista, discernimento, profeta. Sete olhos. Perfeição de vida. Sal 66.7; 12.15; Pv 16.2, 30; 20.8; Pv 19.8; 25.15; Ap 4.6; Sal 101.6.381. OURO Símbolo de majestade, reino glorioso, Deus ou deuses. Ap 14.14; 4.4; 9.7; 18.9-12; Ct 5.11; Dn 3.1; Mt 2.11; At 17.29; 1 Cor 3.12; Mal 3.3; Ag 2.8.382. ÓLEO Símbolo do Espírito Santo na unção. Luc 4.17; Is 61.1; Sal 23.5; At 19.38; 1 Jo 2.20, 27; 2 Cor 1.21; Lev 2.1-2; Dt 33.24.383. OLIVEIRA Símbolo da unção. A árvore oleosa. Vida espiritual em Israel e na Igreja. Sal 52.8; 128.3; Jer 11.16; Os 14.6; Rom 11.17-24; Is 41.19.384. OLEIRO Tipo de Deus no trabalho criativo. Is 64.8; Jer 18.4-6; Lam 4.2; Ap 2.27; Is 29.16.385. OVELHA Símbolo do povo de Deus, Israel ou a Igreja. Sal 79.13; 95.7; 100.3; 119.176; Is 53.6-7; Jer 12.3; 23.1; 50.6, 17; Mat 9.36; 10.16; Heb 13.20; 1 Ped 2.25.386. OMBRO Símbolo de força, governo, suporte. Is 9.4; 22.22; Sal 81.10; Jó 31.35-36; Mat 23.4; Gen 21.14; Js 4.5; Is 46.7; Lc 15.5.387. OFERECIMENTO Símbolo de Cristo feito pecado pôr nós. PÔR NÓS 1 Ped 2.24; Lev 4, 5; 2 Cor 5.21; Gal 3.13; Ef 5.2; Is 53.1-10.388. OESTE Símbolo do entardecer, baixar do sol, pôr do sol, dia terminando. Sal 103.12; 75.6; 107.3; Mat 24.27. (Orações orientais de divisão dos céus supõe que sua face seja sempre voltada em direção ao Leste. Leste a sua direita, e Norte a sua esquerda. (Carl C. Harwood, p.70) 29
  • 30. 389. ODRES Símbolo daquele que conserva o vinho; estrutura. Luc 5.37-39; Mat 9.17. A Igreja local (estrutura) significa conservar um novo vinho (ensino de Cristo, doutrinas puras da Palavra). A Igreja prostituta está bêbada com o vinho da fornicação, doutrinas impuras. Apoc 17.390. OFERECIMENTO Símbolo de Cristo como o Autor da Paz, reconciliador entre Deus DE PAZ e o homem. Col 1.20; Lev 3; Jo 14.27; 16.20; Ef 2.14-17.391. OFERTA Símbolo de sacrifício voluntário, oferecimento de livre vontade. QUEIMADA Pv 40.6-8; Heb 9.11-14; 10.5-7; Fil 2.8; Rom 12.1-2. 30
  • 31. 392. PÁSSARO Símbolo de espíritos, bom ou mal. “Coberto com plumas”. Pássaros puros – símbolo do Espírito Santo ou santos. Mat 3.15-16. Pássaros impuros – símbolo de maus espíritos. Ap 18.2; Jer 4.25; Mat 13.32.393. PRETO Símbolo de fome e morte. Lam 5.10; 4.4-8; Jer 14.1-2; Ap 6.5.394. PEITO Símbolo de amor, afeição, emoções. Jo 13.23; 1.18; Is 40.11; Pv 89.50; Rt 4.16; Num 11.12.395. PEITO Símbolo de amor, alimentação, afeição. Ex 29.26-27; Jó 24.9; Is 60.16; Jo 13.25; 21.20.396. PULSEIRA Símbolo da promessa de casamento, um penhor. Gen 24.22, 30, 37; 38.18; Is 3.19; Ez 16.11.397. PÃO Símbolo de apoio da vida. “Esmagado, misturado”. Jo 6.35-38; Sal 104.15; Mat 6.11.398. PÃES Símbolo de Jesus e gentios aceitos de Deus em Cristo. (dois pães de Lev 23.15-22; 1 Cor 12.13; Ef 2.11-22. Movimento)399. PALHINHA Símbolo de separar, para longe o que agora é inútil. Mt 3.12; Sal 1.4; Is 5.24; 33.11; Jer 23.28. O mau separado do justo.400. POTRO Símbolo de portador de fardo, teimosia, paciência, sofrimento. (Jumento) Gen 49.11; Jó 11.12; Zac 9.9; Mat 21.1-7; Jo 12.15.401. PEDRA DE Símbolo de fundação, alinhamento. ESQUINA Ef 2.20; Mat 21.42; 1 Ped 2.6.402. PRATOS Símbolo de vibração, louvor, adoração. MUSICAIS Ed 3.10; Ne 12.27; Sal 150.5; 1 Cor 13.1; 2 Sam 6.5; 1 Cr 13.8; 15.16, 19; 2 Cr 29.25.403. PORTA Símbolo de abertura, entrada. 1 Cor 16.9; Os 2.15; 2 Cor 2.12; Col 4.3; Jo 10.9; Ap 4.1; 3.8, 20.404. POMBA Símbolo de suavidade, o Espírito Santo. Pombo. Mat 3.16; Jo 1.32; Mar 1.10; Luc 3.22.405. POEIRA Símbolo de humilhação, ofensa, fraqueza do homem. Is 47.1; 1 Sam 2.8; Na 3.18; Mat 10.4; At 13.51; sal 71.9; 2 Sam 16.3; At 22.23.406. PRIMOGÊNITOS Tipo da ordem do sacerdócio. Ministério sacerdotal. (Vinte e Quatro) 1 Cr 24; Ap 4.4, 10. 31
  • 32. 407. PENAS Símbolo de cobertura, proteção. Sl 91.4; Ez 17.3, 7; Dn 4.33; Mt 23.37.408. PÉ Refere aos pés.409. PÉS Símbolo de caminhada, conduta. Pés sobre a terra e o mar. Possessão Formal. Gl 2.14; Sal 35.15; 1 Sam 2.9; Sal 40.2; Ap 1.15.410. PEIXE Símbolo das almas dos homens. Mt 4.19; 13.48; Ez 29.4-5; Hb 1.14.411. PISO Símbolo da terra. Luc 3.17; Os 9.2; Mq 4.12; Mat 3.12; Jl 2.22-27.412. PORTÃO Símbolo de entrada, poder, autoridade. Gen 19.1; 22.17; 24.60; Ex 32.26-27; Heb 13.12; Sal 24.7; 100.4; 107.16; 122.2; Mat 16.18.413. PREGO Símbolo de certa ligadura, um prego. Ec 12.11; Jz 4.21-22; 1 Cr 22.3; Is 41.1-7; 22.20-25; Jer 10.4; Jo 20.25; Col 2.14; Ed 9.8.414. PESCOÇO Símbolo de força, beleza ou obstinação, humanidade ou dureza de espírito. Pv 29.1; Gen 27.40; Ex 13.13; Dt 28.48; 31.27; Ct 7.4; Is 48.4; Jr 17.23; Os 10.11.415. PARECE MAIS Símbolo da presença e do poder de Deus. Envolver numa sombra. IMPORTANTE QUE Mat 17.5; Luc 1.35; At 5.15; Mar 9.7; Luc 9.34.416. PALÁCIO Símbolo do céu, lugar de habitação de Deus (Não é uma tenda). Sal 45.8; 78.69; Jo 14.1-2.417. PÁLIDO Símbolo de morte e enfermidade. Ap 6.8; Jer 30.6; Is 29.22.418. PALMEIRA Símbolo de vitória. Refere a palma. Sal 92.12; Ct 7.7-8; Jo 12.13.419. PARAÍSO Símbolo do céu. Terceiro céu. Santíssimo lugar. Ap 2.7; 2 Co 12.2-4.420. PÁSCOA Tipo e símbolo de libertação através do Cordeiro de Deus no cativeiro de satanás e do pecado. Ex 12.11; 1 Cor 5.7; Jo 1.29, 36; Rom 3.25-26.421. PATA Símbolo de poder sujo. 1 Sam 17.37; Lev 11.26-28.422. PÉROLA Símbolo das verdades de Deus, povo de Deus, formado através do Sofrimento. Mat 7.6; 13.45-46; Ap 17.4; 21.21.423. PELICANO Símbolo de uma pessoa solitária. Sal 102.6-7.424. POMBO Símbolo de um que chora, sacrifício. Refere a pomba. Is 59.11; Lev 1.14; Gen 15.9; Lev 15.14, 29. 32
  • 33. 425. PILAR Símbolo de força, firmeza, suporte. Jer 1.18; 1 Tim 3.15; Ap 3.12; Ct 5.15; Gal 2.9; Ap 10.1.426. PINHEIRO Símbolo de fragrância, beleza. Ne 8.15; Is 41.19; 60.13.427. POBRE Tipo de aflição, humildade. Sl 40.17; 74.19; 86.1; Mt 5.3; 11.5; Mr 12.42-43; Lc 6.20; 2 Co 6.10; 8.9.428. PREÇO Símbolo de valor, mérito. 1 Cor 6.20; Pv 31.10; Is 55.1; Mt 13.46; 27.6, 9; 1 Co 7.23; 1 Pd 3.4.429. PRISÃO Símbolo de cativeiro, escravidão, lugar de tormento. 1 Ped 3.19; Sal 142.7; Is 61.1; Ap 20.7; Sal 79.11; 102.20.430. PÚRPURA Símbolo de realeza, riqueza, prosperidade. Lc 16.19; Jz 8.26; Ap 18.12-16; Ct 3.10; 7.5; Jo 19.1-5; Mr 15.17-20.431. PASTOR Tipo de Cristo e primogênitura acima do rebanho de Deus, Seu povo. Refere a ovelha. Heb 13.20; Jo 10; 1 Ped 5.4; Ez 34; Jer 23.1-5.432. PENEIRA Símbolo de peneirar, abalo, separação da palha do trigo, etc. também é análise e prova. Am 9.9; Luc 23.31; Is 30.28.433. PRATA Símbolo de redenção, preço de uma alma. Lv 5.15; 27.3-6; Ex 30.11-16; Num 3.44-51; Ex 36.24; Sal 68.13; 1 Cor 3.12-15; 1 Ped 1.18-20; Mat 27.3-9.434. PELES Símbolo de cobertura. Gen 3.21; 27.16; Num 4.1-25.435. PARDAL Símbolo de uma pequena observação, pequeno valor. Sal 102.7; Mat 10.29-31; Luc 12.6-7.436. PASSOS Símbolo do progresso espiritual ou desvio. Refere a marcha. 1 Ped 2.21; Sal 37.23; Rom 4.12; Pv 5.5; Sal 18.36; 37.31; 119.133; 2 Cor 12.18.437. PEDRA Símbolo de força, estabilidade, de Cristo e os crentes. Sal 118.22; 1 Sam 25.37; Ez 11.19; 36.26; Gen 49.24; 2 Sam 23.3; Is 8.14; 28.16; Mat 21.4; Ef 2.20; 1 Ped 2.1-7. Refere-se a pedra de esquina / pedras preciosas.438. PEDRAS DE Símbolo de obstáculo, aquele que tropeça, uma armadilha. Causa TROPEÇO uma Queda, um erro. 1 Cor 1.23; Rom 11.9; 1 Cor 8.9; Pv 3.23; 4.12, 19; Jer 50.32; Dan 11.19; Ml 2.8; 1 Ped 2.8.439. PORCO Símbolo de impureza. Refere a porca / porco. Ignorância, hipocrisia, incrédulos. Pv 11.22; Mat 7.6; Is 66.3; 2 Ped 2.22.440. POMBA-ROLA Símbolo do Espírito Santo. Refere-se a pomba. 33
  • 34. 441. PARA CIMA Símbolo de direção espiritual, dirigido para cima para Deus, progressão. Gen 13.1; Is 2.2-4.442. PESO Símbolo de fardo, uma carga, peso. 2 Cor 4.17; Jó 28.25; Ez 4.10-16; Heb 12.1; Mat 23.23; 2 Cor 10.10; Dan 5.27; Jó 31.6.443. POÇO Símbolo de refresco, fonte de água da vida. Is 12.3; Ex 15.27; Jer 2.13; Jo 1.10; Ct 4.15; Pv 10.11; 16.22; 18.4; 5.15; 2 Ped 2.17. Os doze poços representam os doze apóstolos.444. PROSTITUTA Símbolo de idolatria espiritual, imoralidade, falsas doutrinas e práticas. Os 1.2; Ez 16.20-36; 6.9; 23.3-43; Ex 34.15-16; Lev 20.5-6; Dt 31.16; Jz 2.17; Sal 106.39; Ap 17; Pv 7.6-23.445. PROSTITUTA Típico idólatra, adúltera. Ap 17.1; Is 1.21; Jer 2.20; Ap 17.5, 15; 19.2.446. PALMAS Símbolo de alegria e regozijo, exaltação. Jó 27.23; Sl 47.1; 98.8; Is 55.12; Lm 2.15; Na 3.19; 2 Rs 11.12; Ez 25.6.447. PANO DE Símbolo de lamentação, tristeza, arrependimento, roupa de saco e SACO cinzas. Jer 4.8; Gen 37.34; 2 Sam 3.31; Mat 11.21; Luc 10.13; Ap 6.12-17; Jn 3.5-10; Jer 49.3.448. PARTIDO Símbolo de separação do mundo na marcha terrena. Dt 14.7; At 2.3; Lev 11.3, 7, 26. 34
  • 35. 449. QUINZE Símbolo da graça do domínio de Deus (3X5=15). 2 Rs 20.6; Is 38.5; Gal 1.18; Luc 3.1-6.450. QUARENTA Símbolo de teste, experiência, fechando em vitória ou derrota (10X4=40). Gen 7.4, 17; Ex 16.35; Sal 95.10; Mat 4.2; Luc 4.2; At 7.23, 36; 2 Cor 11.24; Heb 3.9, 17.451. QUATRO Símbolo mundial, universal. Is 11.12; Gen 2.10; Dan 7.6, 17; Jer 49.36; Mat 15.38; 16.10; Mar 2.3; 13.27; Jo 11.17, 39; Ap 7.1; 20.8.452. QUATORZE Símbolo da Páscoa, do teste. (10+4=14). Ex 12.6; Num 9.5; Gen 31.41; At 27.27-33; Mat 1.17.453. RAMOS Símbolo de vitória, regozijo. (Palmeira) Lev 23.40; Ne 8.15; Jo 12.13; Sal 7.8. Festa dos Tabernáculos.454. RESERVATÓRIO Símbolo de suprimento de água do homem. 2 Rs 18.31; Pv 5.15; Ec 12.6; Is 36.16; Jer 2.13.455. ROSTO Símbolo de caráter, fisionomia, imagem. Gen 1.26-29; Pv 21.29; Gen 3.19; Ap 4.7; 10.1; 22.4.456. REBANHO Símbolo do povo de Deus. Isa 40.11; Jo 10.16; Sal 100.1-5.457. RAPOSA Símbolo de astúcia, homens maus. Entocado. Luc 13.32; Ez 13.1-2; Ct 2.15.458. RÃ Símbolo de demônios, espíritos imundos. Ex 8; Ap 16.13; Sal 78.45.459. RANCOR Símbolo de amargura. Uma planta venenosa. At 8.23; Dt 32.32; Am 6.12 (FEL); Sl 69.21; Jr 8.14; 9.5; 23.15; Lm 3.5, 19.460. RÊSTOLHO Símbolo do que é inútil, sem valor, com destino para o fogo. Is 5.24; Ex 15.7; Jó 21.18; Jl 2.5; Mal 4.1; 1 Cor 3.2.461. RIM Símbolo de desejo, emoções. (Íntimo) Pv 23.16; Jó 16.13; Sal 16.7; Jó 19.27.462. RINS Símbolo de motivos do coração. Sal 26.2; Jó 19.27; Sal 7.9; 73.21; Is 11.5; Jer 17.10; Ap 2.23. 35
  • 36. 463. REI Tipo de governador, que possui poder supremo, Jesus Cristo. 1 Tim 1.17; Pv 8.15-16; Jo 1.49; 18.33-36; 1 Tim 6.15-16; Ap 1.6; Dn 7.22-27; Mat 19.28; 27.11; Ap 19.16.464. RISO Símbolo de contentamento, alegria ou zombaria. Sal 59.8; Pv 1.26; 2.4; 22.7; 37.13; 80.6; 126.2-3; Jó 5.20; Gen 18.11-15; 2 Cr 30.10.465. RELÂMPAGO Símbolo da majestade de Deus, aproximação da atividade de Deus na terra. Associado com trovões, vozes e terremoto. Dn 10.6; Ex 19.16; Ez 1.14; Mt 24.27; 28.3; Lc 10.18; Ap 8.5; 11.19; 16.18.466. RÊDE Símbolo de um apanhador. Sal 10.9; Jó 18.8; 19.6; Sal 9.15; 25.15; 31.4; 35.7-8; 57.6; 66.11; Pv 1.17; 29.5; Ez 12.13; Mq 7.2; Mat 13.47; Jo 21.6-11.467. ROMÃ Símbolo de fertilidade, contentamento. Ex 28.34; 39.26; Ct 4.3; 6.7; Jl 1.12; Num 13.23.468. ROUPA Símbolo de cobertura. Branco revela pureza, justiça. (Branca) Ap 3.5, 18; 4.4; 19.7-8.469. REFINAR Símbolo de purificação, esforço, prova. Is 48.10; 1.15; Jer 9.7; Zc 13.9; Mal 2.2-3; 1 Cr 28.17-18.470. REFÚGIO Símbolo de Cristo, nosso refúgio, proteção, salvação para (Cidades) homicidas. Num 35; Js 29 com Sal 46.1; 142.5; Heb 6.18-19; Dt 33.27.471. REMANESCENTE Tipo do que é sobrado, deixado para trás, os poucos fiéis. Ap 12.17; Ed 9.8; Is 1.9; 37.31-32; Rom 9.27; 11.5.472. REPOUSO Símbolo de relaxamento, refrescante, cessação do trabalho. Isa 11.10; Sal 132.8; Is 14.3, 7; 63.14; Heb 4.9. Repouso de Deus. Mat 11.28-30. Repouso de Cristo.473. RIQUEZAS Símbolo de possessões, recompensas, más ou justas. Sal 37.16; 39.6; 49.6; Pv 3.16; 8.18; 11.4, 28; 13.7; 22.1-4; Rom 2.4; 9.23; Ef 1.7, 18; 2.7; 3.8-16; Fil 4.19.474. RIO Símbolo do fluir da vida. Sl 36.8; 46.4; Is 32.2; 41.18; Jo 7.38-39; Zc 10.11. Rios do Espírito Santo.475. ROCHA Símbolo de ocultação em Cristo. (Abrigo) Jó 24.8; Sal 31.3; 95.1; Isa 2.10; Sal 32.2; Mat 7.24-25; 16.18. Rocha da Fundação.476. ROCHA Símbolo de Cristo crucificado, águas do Espírito jorram da base de (Ferido) sua morte. 36
  • 37. 477. RAÍZ Símbolo da origem dos filhos, progênie, Raiz de Davi. Is 11.10; 14.29; Ap 5.5; 22.16; Pv 12.3; 1 Tim 6.10; Heb 12.15; Jó 5.3; Sal 80.9; Is 53.2.478. ROSA (Saron) Símbolo de Cristo e Sua Igreja. Ct 2.1.479. RUBIS Símbolo de preciosidade, valor, glórias. Pv 3.15; Jó 28.18; Pv 8.11; 20.15; 31.10.480. RUÍNA Símbolo da queda do homem no pecado. Pv 26.28; 2 Cr 28.23; Ez 18.30; 21.15; 31.13; Is 23.13; Luc 6.48.481. RABO Símbolo do fim. O que ferroa, traz a morte.(de Escorpiões) Ap 9.10, 19; 12.4; Ex 4.4; Dt 28.13, 44; Jó 40.17; Is 9.14-15; 19.15.482. RODA Símbolo de transporte, um círculo, velocidade. Refere-se a círculo. Ez 1; Isa 5.28.483. RODAMOINHO Símbolo de furacão, poder de grande alcance, incapaz de resistir. Is 17.13; Pv 1.27; 10.25; 2 Rs 2.1-11; Jó 37.9; Is 5.28; Hab 3.14; Zac 7.14; Sal 58.9. 37
  • 38. 484. SOVELA Símbolo da marca na orelha dos escravos queridos. (Furador) Ex 21.1-6.485. SINO Símbolo de um som agradável. “Tinindo”. Ex 28.24; Zac 14.20.486. SAPATO Símbolo de marcha, caminhando numa trajetória. Refere a pés/marcha. Ef 6.15; Dt 33.25; Ct 7.1; 1 Rs 2.5.487. SANGUE Símbolo da vida de toda a carne. Lev 17.11; Gen 9.5; 49.11; Heb 2.12; Is 34.3; Mat 27.25.488. SARÇA Símbolo de maldição, fertilidade. Jz 9.14-15; Luc 6.44; Is 34.13.489. SURDO Símbolo de desatenção, fisicamente ou espiritualmente. Is 29.18; Sal 58.4; Is 35.5; Mar 7.32-37; 9.25.490. SACERDOTE Tipo de Cristo, nosso Sumo-Sacerdote, mediador, intercessor. Heb 3.1; 2.17; 4.14-15; 6.20; 7.1-26; 8.1-4; 9.7-11; Sal 110.491. SALTÉRIO Símbolo de louvor, adoração, regozijo. Um instrumento de sopro. Sal 150.3; 2 Sam 6.5; 1 Cr 13.8; 15.16-28; Sal 33.2; 71.22; 81.2; 91.3; 144.9.492. SÁBADO Símbolo de descanso, cessação do trabalho, atividade. Pausa. Os Pontos derradeiros para o Reino de descanso de Deus e Seus santos. Ex 16.23-29; Lev 16.31; 23.1-39; 26.34-43; Luc 23.56; Heb 3; 4.493. SACRIFÍCIO Símbolo de mortalidade, morte de um outro, aquele que é o preço de alguma coisa. O sacrifício de animal apontava para Cristo e Seus santos especialmente. Ef 5.2; Lev 1; 2; 3; 4; 5; 6; 7; Heb 10.1-10; Sal 40.6-8; 2 Cor 5.21; Tt 2.14; 1 Tim 2.5; Is 53.7; Jo 10.18.494. SAL Símbolo de incorruptibilidade, preserva da corrupção, acordo legal, o que dura. Mat 5.13; Lev 2.13; Col 4.6; 2 Cr 13.5; Ez 6.9; 7.22; Mar 9.50; 2 Rs 2.20-21. Usado também em julgamento na pessoas e na terra.495. SANSÃO Tipo de Cristo como entregador, salvador e juiz. “Luz do sol ou Brilhante”. Lado negativo, tipo de crente apóstata. Jz 13; 14; Num 6; Heb 11.32, 40. 38
  • 39. 496. SANTUÁRIO Símbolo do lugar de habitação de Deus entre os homens. Ex 25.8-9. O tabernáculo do Senhor. Lev 21.23; 26.31; Jer 51.51; Am 7.9. O lugar de habitação de Deus no céu. Sal 20.2; 102.19; 150.1; Heb 8.2; 13.11.497. SAFIRA Símbolo de beleza, dureza. Lam 4.7; Ex 24.10; Ez 1.26; 10.1; Ez 28.13; Ct 5.14; Is 54.11.498. SÊLO Símbolo de aliança, marca de Deus ou satanás. Ap 7.2; Ef 4.30; 1.13; 1 Rs 21.8; Et 8.8; Ct 8.6; Dan 12.4; Rom 4.11; 2 Tim 2.19; Ap 20.3.499. SEMENTE Símbolo de fruto ou prosperidade, justo ou filhos perversos. Gen 3.15; 13.15; Jer 31.27; Gen 1.11-12; Jó 4.8; Rom 4.16; 1 Ped 1.13; 1 Cor 9.11; Os 10.12; Gal 6.8; Jo 12.24; 1 Cor 15.36-38.500. SERPENTE Símbolo de satanás e espíritos maus, homens perversos. “Assobiar, Murmurar”. “Ser astuto, Hábil”. Ap 12.9; 20.2; Gen 3.1-14; 1 Cor 11.3; Sal 58.4; 91.13; Mat 23.33; Luc 10.19.501. SETE Símbolo de completo, perfeição, bom ou mau. Ap 8.2; Ex 23.11-12; 31.15-17; Jd 14; Pv 6.15-17; Mat 12.45; 15.34- 37; At 6.3; Heb 11.30; Ap 2.1; 3.1; 4.5; 5.1-6; 10.3-4; 12.3.502. SETENTA Símbolo do número anterior ao crescimento. As setenta almas no Egito antes do crescimento numa nação. Ex 1.5; 15.27; 24.1, 9; Gen 46.27; Num 11.25; Luc 10.1; Dan 9.2; 1 Cr 21.14; Is 23.15-17; Mat 18.22.503. SETENTA E Símbolo de separação, pureza, purificação, Abraão tinha 75 anos CINCO quando separou de Babel. Gen 12.4; 8.5-6; Dan 12.5-13.504. SEIS-SEIS-SEIS Símbolo da marca da besta, anti-cristo. Ap 13. Refere-se a números.505. SOMBRA Símbolo de cobertura, proteção. Jó 3.5; 8.9; 10.21-22; Sal 17.8; Sal 23.4; 36.7; 57.1; 63.7; 91.1; 102.11-14; Ec 8.13; Mat 4.16; Luc 1.79. Refere a parecer mais importante que.506. SABÃO Símbolo de limpeza, lavando. Mal 3.2.507. SODOMA Símbolo de imoralidade, baixeza. Refere a Gomorra. Idolatria, orgulho, preguiça, prosperidade. Ez 16.49-50; Jd 7; Gen 13.10-13; 18.16-28; 19.1-28; Dt 32.32; Is 3.9; Mat 11.23-24; Ap 11.8.508. SUL Símbolo de tranquilidade da terra. Oposto ao vento Norte. Jó 37.17; Sal 126.4; Luc 12.55; At 27.13; 28.13. 39
  • 40. 509. SEMEIE Símbolo de espalhar a semente, justiça ou semente má. Zac 10.9; Jó 4.8; Sal 126.5; Os 2.23; 10.12; Mat 13; Pv 6.14-19; 11.18; 16.23; 22.8; Mar 4.14; 2 Cor 9.6; Gal 6.7-8.510. SOL Símbolo da glória, brilho, luz. Muito tempo ligado com a Lua. Sal 84.11; 19.7; Mal 4.2; Mat 17.2; Ap 1.16; 10.1; Gen 37.9; Isa 13.10; Ct 6.10; Mat 13.43; At 26.13; 1 Cor 15.41. Ressurreição e glória dos santos.511. SUOR Símbolo dos esforços do homem, trabalhos, esforços da carne. Gen 3.19; Ez 44.18; Luc 22.44. Tristeza resultado da queda do homem.512. SALGUEIRO Símbolo de choro, chorão. Sal 137.2; Ez 17.5; Lev 23.40; Jó 40.22; Is 15.7; 44.4.513. SONO Símbolo de preguiça, morte ou descanso. 1 Tes 5.6-10; 4.14; Rom 13.11; Luc 9.32; 1 Cor 15.51; Is 56.10; Ef 5.14; Pv 10.5; Luc 22.45; At 13.36.514. SARAIVA Símbolo de julgamento divino. Sal 78.47; Ex 9.18-34; Sal 18.13; 105.32; Is 28.2; 32.19; Ap 8.7; 11.19; 16.21.515. SIÃO Símbolo do governo de Deus, reinado, adoração no Monte Sião. Heb 12.22; Sal 2.6; 48.1-2; 102.16; 110.2; Is 1.27; 4.4-5; Jer 26.18; Jl 3.17; Ap 14.1-4; Sal 48.1-3. 40
  • 41. 516. TERREMOTO Símbolo de julgamento, tremores de Deus. Vibração. Ap 16.18-19; Is 24.20; 29.6; Jer 4.24; Ag 2.6; Ap 6.12-13; 8.5.517. TESTA Símbolo de pensamento, razão, mente, memória, imaginação. Ap 14.9; Ex 28.38; 1 Sam 17.49; 2 Cr 26.19; Ez 9.4; Ap 7.3; 13.16; 22.4.518. TERRA Símbolo da terra, lugar de habitação do homem. Gn 1.9-10; 2.11- 13.519. TELHA Símbolo do homem natural, da argila, a terra. Uma peça de olaria. Is 45.9; Jó 2.8; Sal 22.15; Pv 26.23.520. TRAPO Símbolo de pobreza. Is 64.6; Pv 23.21; Jer 38.11-12.521. TELHADO Símbolo de cobertura, omissão. Mat 8.8; Gen 19.8; Luc 7.6.522. TRONCO Símbolo de punição, correção ou tortura. Jó 13.27; 33.11; Pv 7.22; Jer 20.2-3; 29.26; At 16.24.523. TEMPESTADES Símbolo de aflição, apuros, agitados. Jó 21.18; 27.21; Sal 55.8; 83.15; 107.29; Is 28.2; Mar 4.37; Luc 8.23; Sal 148.8.524. TABERNÁCULO Símbolo do lugar de habitação de Deus entre Israel. Refere ao Santuário. Ex 25.8-9; 29.42-44; Num 1.50-53. Refere ao Tabernáculo de Moisés e o Tabernáculo de Davi (Livro de Textos).525. TALENTO Símbolo de responsabilidade e valor. Mat 25.24-28; 18.24.526. TEMPLO Símbolo de habitante do Lugar de Deus, do corpo humano, de Jesus Cristo. Consulte palácio também. Ef 4.9-16; 2.19-22; Jo 2.20; Ap 11.1-2; Heb 8.1-2; Ap 15.1-5; 11.19.527. TENDA Símbolo de uma cobertura temporária, casa para o homem, como peregrino ou estrangeiro. Coberta exterior. Ex 26.36; Is 38.12; 2 Co 5.1; Gn 12.8; 13.3, 12, 18; 18.1-9; Ex 40.1- 35.528. TREZE Símbolo de rebelião, recair, apostasia ou dupla porção (dobrada). Gen 14.4; Jer 1.2; 25.3; 2 Rs 15.13-14; 15.17; Ez 1.1. Os doze apóstolos mais Jesus = 13.529. TRINTA Símbolo de maturidade para o ministério. Num 4.3; Gen 41.46; 2 Sam 5.4; Luc 3.23; Mat 26.15. 41
  • 42. 530. TRÊS Símbolo do número de Deus (Trino), Pai, Filho e Espírito Santo. Também homem trino: espírito, alma e corpo. 1 Tes 5.23; Gen 1.1; Mat 28.19-20; 12.40; 27.63; Mar 8.31; Luc 11.5; 13.21; 1 Jo 5.7-8; Ap 16.13; 11.9.531. TREZENTOS Símbolo de Remanescente fiel. Jz 8.4; 15.4.532. TRILHO Símbolo de separação, marchar subordinadamente, pureza, julgamento. Is 41.15; 21.10; Mq 4.13; Hb 3.12; Am 1.3;41.15; Jr 51.33; 2 Rs 13.7.533. TAMBORINS Símbolo de louvor e adoração. Um pandeiro. Is 24.8; Gen 31.27; 1 Sam 10.5; Jó 17.6; Is 5.12.534. TRONO Símbolo de dignidade, soberania, poder, reino. Col 1.16; Gen 41.40; Dt 17.18; 1 Rs 16.11; 1.13; Jó 36.7; Is 6.1; 14.13; Sal 9.7; Ap 20.11.535. TROVÃO Símbolo da voz de Deus, tanto para abençoar como para julgar. 1 Sam 2.10; 7.10; Jó 26.14; 40.9; Ap 6.1; 14.2; Sal 18.13; 77.18; 104.7; Jo 12.29; Sal 29.3; Ex 20.18; Ap 11.19; 19.6.536. TOPÁZIO Símbolo de beleza, valor, pedra preciosa. Ex 28.17; 39.10; Jó 28.19; Ez 28.13; Ap 21.20.537. TÔRRE Símbolo de força, proteção, segurança. Sal 61.3; 144.2; Pv 18.10; Ct 4.4; Jer 6.27; Mq 4.8; Is 30.25; Sf 3.6.538. TESOURO Símbolo de riqueza, grandes valores. Sl 135.4; Ex 19.5; Is 33.6; Cl 2.3; 2 Cor 4.7; Mt 12.35; Lc 6.45; Pv 2.4.539. TROMBETA Símbolo de ajuntamento, a vinda de Cristo, julgamento, benção. 1 Cor 14.8; Ex 19.13-16; Js 6.5; 1 Sam 13.3; 2 Sam 2.28; 15.10; 18.16; Heb 12.19; 1 Cor 15.52; 1 Tes 4.13-18; Num 10.1-10.540. TRIGO Símbolo de padrão de vida, pão, de Cristo e de Seus santos. Mt 3.12; Luc 3.17; Mat 13.25-30; Jo 12.24; At 27.38: Sal 81.16; Jó 31.40.541. TRIGO Símbolo de colheita, crescimento e benção. (Vinho e Óleo) Is 28.28; 36.17; Sal 65.9, 13; Os 2.8, 9, 22; 1 Tim 5.18.542. TIJOLO Símbolo de imitação de pedra, escravidão e trabalhos do homem. (e Lodo) Gen 11.3; Ex 20.25; Is 65.3. 42
  • 43. 543. UVAS Símbolo da fruta do vinho. Is 5.2; Jo 15.1; Gn 40.10-11; 49.11; Nm 13.20-24; Ct 2.15; 7.7; Ap 14.18.544. UM Símbolo de começo, Deus, a origem de todos, unidade da existência de Deus, soberania divina. Jo 8.41, 50; 10.16; 18.13; Dt 6.4; Sal 71.22; Is 60.9.545. UNGUENTO Símbolo da unção.546. UNGIR Símbolo de santificação, separado para o serviço. “Unção com óleo, lambuzar”. Ex 28.41; 30.26; Jz 9.15; 1 Sam 15.1; 1 Jo 2.20, 27.547. UNICÓRNIO Símbolo de força. Um touro selvagem. Num 23.22; 24.8; Dt 33.17; Jó 39.9-10; Sal 92.10; 22.21.548. URIM e TUMIM Símbolo da mente de Deus. “Luzes e Perfeições”. Num 27.21; Ex 28.30; Lev 8.8; Dt 33.8; 1 Sam 28.6; Ed 2.63; Nem 7.65.549. URSO Símbolo de maldade, homens astutos e cruéis. “Mover vagarosamente”. 1 Sam 17.36; 2 Sam 17.8; 2 Rs 2.24; Lam 3.10; Pv 17.12; Os 13.8; Am 5.19; Dan 7.5; Ap 13.2.550. URUBU Símbolo do mau, satanás vai atrás. Escureceu, sombrio. 1 Rs 17.4-6; Sal 147.9; Luc 12.24; Is 34.11; Pv 30.17; Gn 8.7; Jó 1.9. 43
  • 44. 551. VERMELHO Símbolo de sofrimento, sacrifício ou pecado. Refere ao vermelho / Escarlate. Is 1.18-19; Na 2.3; Ap 6.4; 12.3; Num 19.2. Refere a vitela vermelha.552. VARA DE ARÃO Símbolo de fertilidade, selo do sacerdócio de Arão. Num 17. Cristo eterno sacerdote. Heb 7.553. VENENO Símbolo de mestres maus. Sal 140.3; Dt 32.33; Jó 20.16; Sal 58.4; Rom 3.13; Tg 3.8.554. VERDE Símbolo de prosperidade, progresso, vida. Sal 23.2; Gen 1.30; Ex 10.15; Jó 8.16; Ct 2.13; Jer 17.2; Mar 6.39; Lc 23.31.555. VEADO (Corsa) Símbolo de suavidade, timidez, sensibilidade. Ct 2.9, 17.556. VESTUÁRIO Símbolo de cobertura, mau ou justo, violado ou bonito. Sal 73.6; 104.2; 109.19; Isa 64.6; Jer 43.12; Mal 2.16; Zac 13.4; Dan 7.9; Mar 10.50; 16.5; Jd 23; Ap 1.13.557. VENTILADOR Símbolo de separação. Luc 3.17; Isa 41.16; Jer 15.7; Mat 3.12.558. VASO DE Símbolo de oração, intercessão, louvor.QUEIMAR INCENSO Lev 10.1; 16.12; Num 16.17; Heb 9.4; Ap 8.1-5 com Sal 141.1-2. (Ouro)559. VELA Símbolo de luz. Usado do espírito do homem, o Espírito de Deus e a Palavra de Deus. Pv 20.27; Ap 4.5; Sal 119.105. Uma lâmpada – Luz.560. VIGA Símbolo de força. Viga de suporte. Mat 7.3.561. VENTRE Símbolo de emoções, amor e ódio, etc. Pv 18.8; 20.27, 30; Pv 31.9; Sal 5.14; 7.2.562. VESTIDO Símbolo da vestimenta do homem. Is 63.1-3; Ap 19.7-8.563. VITELA Símbolo de consagração, purificação através do sacrifício. (Vermelho) Num 19.564. VISTA Símbolo de discernimento, percepção, entendimento. Refere aos olhos. Gen 18.3; 2 Cr 22.4; 24.2; Jó 18.3; 19.15; Sal 9.19; 90.4; Pv 3.4; Mat 11.5; Luc 1.15; At 4.19; 8.21; Rom 3.20.565. VINTE Símbolo da ordem divina. Refere-se a dois / dez. 44
  • 45. 566. VINTE E QUATROSímbolo do procedimento e ordem sacerdotal. Js 4.2-9, 20; 1 Rs 19.19; 1 Cr 24.3-5; Ap 4.4-10.567. VÉU Símbolo de separação de Deus, a qual divide, um tapume. Lev 16.15; Ex 26.31-35; Mat 27.51; Heb 10.20; 9.3; 6.19; Ct 5.7; Rt 3.15; 2 Cr 3.14.568. VAPOR Símbolo de transitoriedade da vida. Tg 4.14; Jer 10.13; 51.16; Jó 36.27, 33.569. VASO Símbolo do corpo humano, instrumento para ser usado para a glória de Deus. Vasos do templo. 1 Tes 4.4; 2 Tim 2.21; 1 Ped 3.7; At 9.15; Mat 25.4; Rom 9.22-23; 1 Cor 4.7; Ap 2.27.570. VIDEIRA Símbolo de Israel nacional, de Cristo e Sua Igreja. Jer 2.21; Ez 15.2; Os 10.1; Jl 1.7; 2 Rs 25.12; Sal 80.15; Is 5.1; Mat 20.1; 21.28; Mar 12.1; Jo 15.1-16; Rom 15.12; Ap 14.18; Is 37.31. O Pai é o agricultor; cristo é a videira verdadeira; a Igreja e os crentes são os ramos.571. VÍBORA Símbolo de satanás e o poder demoníaco. Sibilante. Refere-se a serpente. Jó 20.16; Is 30.6; 59.5; At 28.3; Ap 12.1-9; 20.1-4.572. VOZ Símbolo de majestade, derramamento, palavras de Cristo. (Muitas águas) Ap 1.15.573. VIGILÂNCIA Símbolo de despertamento, alerta, em guarda. Jer 31.28; 51.12; Is 29.20; Mat 27.65-66; 24.42; 25.13; Ap 16.15; 1 Ts 5.6-8; 1 Cor 16.13; 1 Pd 5.8; Ap 3.2; Cl 4.2; 2 Tim 4.5; 1 Pd 1.13.574. VENTO Símbolo dos poderes de Deus ou de satanás, fôlego de vida. Is 11.15; Num 11.31; Jo 3.5-8; Ef 4.14; Jd 12; Ez 37.9-10; Jo 20.22. Refere-se a fôlego.575. VINHO Símbolo de ensino, benção, verdade ou falsa. Vinho fermentado é falso ensino; vinho sem fermento é ensino verdadeiro. Sal 60.3; Jer 51.71; Gen 14.18; Sal 104.15; Pv 23.30-31; Os 3.1; Jo 2.3-10; Ap 6.6; 18.13; Mat 11.19; Jo 15.11; Ef 5.18; Luc 5.37-39.576. VERME Símbolo daqueles que sãodesprezados; usado como instrumento de julgamento. Mq 7.17; Sal 22.16; Jó 25.6; Is 14.11; Ex 16.20; Jó 7.5; 19.26; 21.26; At 12.33; Mar 9.44-48. 45
  • 46. BIBLIOGRAFIALivros Recomendados:• Boyd, James P. Dicionário Bíblico de Nomes Próprios.• Bullinger, Ethelbert W. Figuras de Linguagem usadas na Bíblia.• Bullinger, Ethelbert W. Números nas Escrituras.• Cansdale, G.S. Todos os Animais da Terra na Bíblia.• Conner, Kevin J. e Malmin, Ken. Interpretação das Escrituras.• Conner, Kevin J. O Tabernáculo de Moisés.• Conner, Kevin J. O Tabernáculo de Davi.• Conner, Kevin J. O Templo de Salomão.• Harwood, Carl C. Manual de Tipo e Símbolos da Bíblia.• Keach, Benjamin. Pregação dos Tipos e Metáforas da Bíblia.• Payne, F.C. O Selo de Deus na Criação.• Vallowe, Edward F. Chave para Números nas Escrituras.Em conjunto com o princípio típico, e princípio simbólico (Cristocêntrico) precisa ser usadose a pessoa representar Cristo naquele que foi divinamente forjado em sua vida. 46