Didática segundo commenius

6,574 views
6,256 views

Published on

Conceito de didática segundo Commenius

Published in: Education
1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
6,574
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
177
Actions
Shares
0
Downloads
244
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Didática segundo commenius

  1. 1. Componentes: Fernanda Marques, Pamela Cristina, Thaís Vianna, Vania Ramos Disciplina: Didática Professora: Edméa/ Rosemary A Didática pensada por Comenius Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Faculdade de Educação Departamento de Pedagogia http://www.fmed.uniba.sk/uploads/pics/comenius.gif
  2. 2. <ul><li>É que não existe ensinar sem aprender e com isto eu quero dizer mais do que diria se dissesse que o ato de ensinar exige a existência de quem ensina e de quem aprende. Quero dizer que ensinar e aprender se vão dando de tal maneira que quem ensina aprende, de um lado, porque reconhece um conhecimento antes aprendido e, de outro, porque, observado a maneira como a curiosidade do aluno aprendiz trabalha para apreender o ensinando-se, sem o que não o aprende, o ensinante se ajuda a descobrir incertezas, acertos, equívocos. </li></ul>Fonte: http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=98707793 Outras Reflexões sobre a Didática
  3. 3. <ul><li>  Sendo a Didática uma disciplina que estuda os objetivos, os conteúdos, os meios e as condições do processo de ensino tendo em vista finalidades educacionais, que são sempre sociais, ela se fundamenta na Pedagogia: é, assim, uma disciplina pedagógica. Pg.16 LIBÂNEO , José Carlos. Didática . </li></ul>Fonte: http://www.qir.com.br/?p=3137
  4. 4. O que é Didática? É uma interação entre ensino e aprendizagem que ocorre dentro de determinado ambiente.
  5. 5. Essa imagem nos faz pensar sobre a Didática de Comenius. Segundo ele ao vivenciar o concreto através dos sentidos externos, os sentidos internos são aguçados, estimulando o desenvolvimento cognitivo, e esse aprender não tem um método específico para ocorrer, podendo ocorrer de várias formas. Brincar também é aprender. http://pedagogia1fat.blogspot.com/2010/08/comenius-o-pai-da-didatica.html
  6. 6. Tendências Pedagógicas <ul><li>As tendências pedagógicas originam-se de movimentos sociais e filosóficos, num dado momento histórico, que acabem por propiciar a união das práticas didático-pedagógicas, com os desejos e aspirações da sociedade de forma a favorecer o conhecimento, sem contudo querer ser uma verdade única e absoluta. Seu conhecimento se reveste de especial importância para o professor que deseja construir sua prática. </li></ul>http://www.cedap.assis.unesp.br/cantolibertario/textos/0145.html
  7. 7. Algumas Tendências Pedagógicas <ul><li>Pedagogia Tradicional : essa tendência inicia-se com os jesuítas que atribuem a escola a tarefa de preparar moral e intelectualmente o indivíduo, utilizando o conhecimento como verdades absolutas, e transmitindo-os para os alunos (que são meros receptores e tem o professor como autoridade e detentor do saber) de forma mecânica sem considerar as características próprias de cada idade. </li></ul>
  8. 8. <ul><li>Pedagogia Tecnicista : tem a intenção de modelar o comportamento humano através das técnicas específicas,tendo como principal conteúdo informações ordenadas numa sequência lógica e psicológica , a qual é transmitida pelo professor e o aluno tende a fixá-las , esse metodologia se baseia no processo de ensino-aprendizagem do desempenho do indivíduo.  </li></ul>
  9. 9. <ul><li>Pedagogia progressista libertadora : Afirma uma educação dialógica e horizontal entre professores e educando, a qual valoriza o conhecimento que vem do aluno (tema gerador),dando ênfase ao saber popular (cultura) e visando o aluno como ponto de partida para se alcançar a educação libertadora. Paulo Freire através dessa teoria, visa levar os alunos a tomar consciência do mundo, entendendo sua posição dentro da sociedade; ele também acredita que a aprendizagem precisa fazer sentido para o aluno, e somente nessa condições é possível a transformação social. </li></ul>http://aureliobraga.files.wordpress.com/2010/04/paulo_freire.jpg
  10. 10. Conclusão <ul><li>Entendendo didática como a arte do saber e aprender, vemos a sua relação totalmente ligada com as tendências pedagógicas que ocorreram, uma vez que o objeto de estudo da didática é o processo de ensino/ aprendizagem, e a cada tendência ocorrida novos métodos foram necessários para atender a um determinado contexto social no momento de uma época. E é a partir daí que a reflexão sobre a didática começa, pois a cada exigência social ela deve se adequar para que ocorre uma satisfatória aprendizagem. </li></ul>
  11. 11. Referências Bibliográficas http://aureliobraga.files.wordpress.com/2010/04/paulo_freire.jpg http://www.fmed.uniba.sk/uploads/pics/comenius.gif http://pedagogia1fat.blogspot.com/2010/08/comenius-o-pai-da-didatica.html Fonte: http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=98707793 Fonte: http://www.qir.com.br/?p=3137 http://www.cedap.assis.unesp.br/cantolibertario/textos/0145.html LIBÂNEO , José Carlos. Didática . São Paulo: Cortez, (Coleção magistério Série Formação do professor). 2008. Contribuição: Marisa Viana Pereira – QI – Referências.

×