demencias
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

demencias

on

  • 1,304 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,304
Views on SlideShare
1,304
Embed Views
0

Actions

Likes
2
Downloads
48
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

demencias demencias Presentation Transcript

  • Dr. Bruno Fraiman05/03/12
  • Prevalência das demênciasLobo et al.Neurology,2000
  • Causas de demência emjovensHarvey et al.J Neurol NeurosurgPsychiatry, 2003
  • Prevalência por sexoLobo et al.Neurology, 2000
  • Incidência por sexoLobo et al.Neurology, 2000
  • Wancata J et al.Eur Psychiatry, 2003
  • Classificação das demências Demência primárias◦ Alzheimer, demência vascular, afasiaprimária progressiva, demência fronto-temporal,, demência semântica, etc. Demência no contexto de outra doençado SNC◦ PSP, parkinson-demência, Huntington,SCA’s, DRPLA, doença por corpos de Lewy,degeneração córtico-basal, etc. Formas secundárias◦ HPN, tumores, vasculites, HIV, sífilis, EM,TCE, tóxicas, endócrinas
  • Condições que simulamdemência “Worried well” Transtorno cognitivo leve Distúrbios do afeto como depressão e transt.bipolar Outros distúrbios psiquiátricos como TOC Estado confusional agudo ouprolongado(Delirium) Deficits cogntivos e um únicodomínio(korsakoff) Status parcial complexo Uso de drogas ou álcool Efeitos adversos de medicações
  • Petersen et al.Arch Neurol.,1999
  • Prevalência de CCLPetersen et al.Arch Neurol., 2009
  • CCL  demência
  • Hipótese do continuumPetersen et al.Arch. Neurol., 2009
  • Critérios diagnósticos Definitivo◦ Comprovação histopatológica Provável◦ Demência estabelecida◦ Comprometimento cognitivo progressivo em dois ou maisdomínios◦ Início entre 40 e 90 anos◦ Sem outra doença que possa acarretar deficit cognitivo Possível◦ Síndrome demencial de início ou progressão atípica, semetiologia conhecida. Sem doenças comorbidas quepossam explicar Improvável◦ Início súbito, sinais focais, crises convulsivas, dist. demarcha no início da doença
  • Disfunção visuo-espacial
  • Testes auxiliares EEG◦ Alentecimento difuso da AB LCR◦ Diminuição dos níveis de Aß42◦ Aumento dos níveis de TAU-P RNM◦ Atrofia global◦ Diminuição dos volumes hipocampais
  • Volume hipocampal
  • Tratamento Inibidores da acetil-colinesterase◦ Donepezil, Rivastigmina, Galantamina◦ Estágios leves a moderados da doença Anti-glutamatérgico◦ Memantina◦ Estágios avançados da doença
  • Demência vascular Doença de Binswanger Infarto estratégico Múltiplos infartos
  • Demência vascular Padrão subcortical de demência Presença de fatores de riscocardiovascular Parkinsonismo (MMII) Alterações de marcha Urge-incontinência urinária
  • Doença de Binswanger
  • Tratamento Sem tratamento específico◦ Uso de anticolinesterásico? Parkinsonismo pouco responsivo a L-Dopa Controle dos fatores de risco Risco aumentado de sangramentocom ACO
  • Demência Fronto-Temporal Termo amplo que engloba váriaspatologias Degeneração focal dos lobos frontal etemporal Início mais cedo Alterações comportamentais e delinguagem◦ Variante comportamental◦ Afasia primária progressiva◦ Demência semântica
  • Demência Fronto-TemporalKumar-Singh et al.Brain Pathol., 2007
  • DFT
  • Tratamento Sem tratamento específico
  • “Fraqueza na perna esquerda” “Estou esquecido” Paresia? Ataxia? Flácida ou espástica? Hiperreflexia ouarreflexia? Alterações sensitivas? Periférica ou central? Onde está a lesão? Amnéstico? Visuo-espacial? Executiva? Linguagem? Atenção? Cálculo? Comportamento? Humor?