Ficções de Design: um novo gênero literário

1,942 views
1,832 views

Published on

Cenários de interação, storyboards, fluxo de tarefas, vídeo-conceito são alguns dos formatos frequentemente utilizados no Design de Interação para documentar novos produtos, explorando o imaginário como justificativa de produção. Será que tais documentos estão criando um novo gênero ficcional?

Published in: Design
0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,942
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
480
Actions
Shares
0
Downloads
45
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Ficções de Design: um novo gênero literário

  1. 1. Ficções de Design: um novo gênero literário? Frederick van Amstel designer de interação usabilidoido.com.br Instituto faberludens.com.br Twitter @peidomental
  2. 2. Pendrives diversos
  3. 3. Pendrives diferenciados
  4. 4. Jerry Jalava e sua prótese USB
  5. 5. Por falar em prótese, Darth Vader - Episódio III
  6. 6. Podem os objetos de design ter a mesma densidade cultural de um filme?
  7. 7. iPad
  8. 8. Knowledge Navigator (1987)
  9. 9. Outras ficções clássicas • Memex (1945) • Philco & Ford 1999 AD (1957) • Dynabook (1968) • Sun Starfire (1992) • Nokia Morph (2008)
  10. 10. Radiance Resort, Rachel Harding
  11. 11. Conceitualização do reator nuclear
  12. 12. Protótipo do reator
  13. 13. Planta baixa do espaço
  14. 14. Densidade cultural • Hipertextualidade • Sincronicidade • Ambiguidade • Contradições
  15. 15. “A ênfase no comportamento como experiência narrativa torna o design mais próximo do cinema do que da escultura.” Anthony Dunne Hertzian Tales (1999)
  16. 16. Recursos literários • Bodystorming / Dramatização • Storyboards / História em Quadrinhos • Cenários / Personas • Fluxogramas / Timeline
  17. 17. Para que podem servir as Ficções de Design? • Explorar a caixa • Apresentar novas formas de fazer coisas antigas • Estetizar a inovação • Promover o debate público/privado
  18. 18. Experience Design
  19. 19. Nossas ficções Projetos desenvolvidos no Instituto Faber-Ludens
  20. 20. Agência de Consumo
  21. 21. Operadora de Cartão de Crédito + Agência de Publicidade
  22. 22. Agência de Fornecedor Propaganda Consumidor Produto Publicidade Operadora Fornecedor Produto Produto Consumidor Agência de Consumo
  23. 23. Que nota você dá pra esse sujeito?
  24. 24. The New Negroponte Switch, Matt Jones
  25. 25. O cabelo da Procter & Gamble A careca da Nike Íris Dolce & Gabanna Operações plásticas como produtos
  26. 26. Rupturas Tecno Cult
  27. 27. E se a fumaça dos carros fosse colorida? Marcos Koji
  28. 28. E se pudéssemos mandar mensagens para o passado? Edmarlom Semprebom
  29. 29. E se pudéssemos ver de onde vem nossa água? Rodrigo Gonzatto
  30. 30. Projeto aberto • Qualquer pessoa pode contribuir • O resultado principal do projeto é a discussão • Participe!
  31. 31. Para se pensar • Designer como leitor e escritor • Usuário como leitor e escritor • Comportamento como linguagem • Imaginação como método • Realidade como ficção
  32. 32. Referências • Design Fiction: A Short Essay on Design, Science, Fact and Fiction, Julian Bleecker • Hertzian Tales, Anthony Dunne • Shaping Things, Bruce Sterling • Non Object Book, Branko Lukic
  33. 33. Obrigado! Frederick van Amstel designer de interação usabilidoido.com.br Instituto faberludens.com.br Twitter @peidomental

×