Your SlideShare is downloading. ×
Conduto de Monti: da concepção à aplicação clínica
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Conduto de Monti: da concepção à aplicação clínica

2,147
views

Published on

Dr. Paulo R. Monti

Dr. Paulo R. Monti


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
2,147
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Conduto de Monti: da concepção à aplicação clínica Paulo R. Monti Chefe do Serviço de Urologia Faculdade de Medicina da UFTM - Uberaba - MG
  • 2.
    • Reservatório complacente
    • Reimplante ureteral com técnica anti-refluxo
    • Conduto eferente cateterizável implantado com técnica anti-refluxo
    • Cateterismo intermitente limpo
    Princípio de Mitrofanoff (1980)
  • 3. Vantagens Dispensável Localização Calibre Irrigação Mobilidade Técnica simples-familiar Desvantagens Apendicectomia Comprimento Obstrução Irrigação precária Mesentério espesso Baixa mobilidade Mitrofanoff Uso de apêndice cecal
  • 4.
    • ureter
    • íleo modelado
    • tubo gástrico
    • retalho de ceco
    • retalho de bexiga
    • condutos modelados
    • tubos de pele
    • retalho de aponeurose
    • veia umbilical fixada
    • ducto deferente
    • tuba uterina
    • artéria hipogástrica
    Mitrofanoff Condutos alternativos
  • 5.  
  • 6.  
  • 7.  
  • 8.  
  • 9.  
  • 10.  
  • 11.  
  • 12.  
  • 13.  
  • 14.  
  • 15.  
  • 16.  
  • 17.  
  • 18.
    • pequenos segmentos
    • mesentério central
    • alta mobilidade
    • calibre escolhido
    • comprimento escolhido
    • tubos cilíndricos, regulares
    • pregas longitudinais
    • disponibilidade constante
    • técnica fácil
    Segmento intestinal tubularizado transversalmente Características
  • 19.   Disponível Escolha do calibre Escolha do Comprimento Facilidade de uso Mobilidade Perda de Intestino Apêndice Nem sempre Impossível Impossível Fácil Boa Nenhuma SITT* Sempre Possível Possível Fácil Excelente Pequena Comparação entre as características do Apêndice e SITT* Mitrofanoff *Segmento Intestinal Tubularizado Transversalmente
  • 20.
    • Menor comprimento possível
    • Trajeto retilíneo – tenso
    • Fixação do reservatório à parede
    • Teste de continência/cateterismo
    Implante do Tubo Mitrofanoff
  • 21.  
  • 22.  
  • 23.  
  • 24.  
  • 25.  
  • 26.
    • MBM – 13, fem., 28 anos
    • Nasceu com extrofia vesical
      • 1 ano
        • Bricker + ressecção da placa
      • 4 anos
        • Ureterossigmoidostomia trans-ileal continente
        • Pielonefrites frequentes
      • 19 anos
        • Abdome agudo; necrose ureter esquerdo
        • Ureterostomia cutânea esquerda
      • 28 anos
        • Coletor na ureterostomia com perdas
        • 3 PNA à direita por ano
    SITT
  • 27.  
  • 28.  
  • 29.  
  • 30.  
  • 31.  
  • 32.  
  • 33.  
  • 34.  
  • 35. Estoma Cutâneo Continente Indiana University 187 crianças Seguimento médio: 28 meses Segmento de 2 a 3 cm 109 simples e 78 duplos Sutura em 2 planos (PDS 5-0) Estoma com retalho cutâneo Implante preferencial em bexiga
  • 36. Resultados Continência Revisão de estoma Revisão do conduto Complicações (total) 97,8% 8,2% 6,4% 26,4% 98,0% 9,0% 10,7% 28,6% Apêndice (50 meses) Tubo (28 meses) “ Técnica fácil, versátil e confiável” Estoma Cutâneo Continente Indiana University
  • 37. MACE Southampton University England Indicações
    • ausência de apêndice
    • Mitrofanoff simultâneo
    • “ left MACE”
    • estoma alto
    • obesos
    Resultados 47 pacientes 39 - apêndice 8 - tubo Continência Cateterismo semelhantes
  • 38. Outras Aplicações Malone Antegrade Continence Enema “ MACE”
  • 39. Substituição Ureteral Mansoura University
  • 40. Substituição Ureteral Outras Aplicações triplos: 7 duplos: 3 Tubos 3 – melhora 7 – estável 1 – RVU Resultados Ali-El-Dein et al. J.Urol. 2003; 169(3):1074-7. 6 – bilharziose 3 – tuberculose 1 – tumor ureteral 10 ptes 12 a 18 cm Seguimento 6-13 meses
    • Segmentos curtos
    • Complicações metabólicas ausentes
    • Calibre adequado
    • Anti-refluxo
    • Evita modelagem intestinal
    • Substituição total possível
    Conclusões
  • 41. Neovagina Hospital Infantil Darcy Vargas, São Paulo 15 pacientes XY com genitália ambígua Tubo duplo de sigmóide (3 cm) Resultados 1 estenose com dilatação 1 estenose com troca do tubo 2 pacientes em atividade sexual “ Opção de escolha para neovagina”
  • 42. Gastrostomia Continente Universidade Federal de Pernambuco - Recife 15 pacientes neuropatas graves Tubo simples de jejuno Implante a Gregoir no estômago Resultados 4 óbitos 11 continentes / cateterismo fácil “ Técnica mais eficaz do que a de Webster”
  • 43.  
  • 44.  
  • 45.