Webservices e Xml
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Webservices e Xml

on

  • 1,694 views

Trabalho apresentado para a matéria Aplicação de Software Social do curso de Sistemas de Informação da Universidade Federal de Minas Gerais.

Trabalho apresentado para a matéria Aplicação de Software Social do curso de Sistemas de Informação da Universidade Federal de Minas Gerais.

Statistics

Views

Total Views
1,694
Views on SlideShare
1,679
Embed Views
15

Actions

Likes
0
Downloads
40
Comments
1

1 Embed 15

http://ufmg.aforja.net 15

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
  • Qual a porcentagem aproximada do uso do XML na internet atual?
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment
  • Galera   Tem que colocar a definição de UDDI
  • Por aqui é possível conversar?

Webservices e Xml Webservices e Xml Presentation Transcript

  • Webservices - XML Caio Henrique Daniel Vieira Roncalli Daniel Victor Pinheiro
  • O que é?
    • Web service é uma solução utilizada na integração de sistemas e na comunicação entre aplicações diferentes.
    •  
    • Web Services usam em sua maioria o XML como forma de transmissão de dados, não necessariamente se restringindo ao XML. Outras estruturas de dados como JSON e CSV (comma separated values) também são muito utilizadas.
  • Porquê?
    • Dentre suas vantagens, os Web Services:
    •  
      • Reutilização;
      • Disponibilidade;
      • Interoperabilidade.
    • Algumas curiosidades:  
      •   - 3.300 Projetos em 2002
      •   - 15,2 milhões de dolares até 2007
    •  
  • XML
    • Pode-se usar o XML para uma infinidade de trabalhos onde há muitas vantagens em amplos cenários. Vejamos algumas vantagens do XML em alguns campos práticos. 
    •  
    • 1 - Comunicação de dados. Se a informação se transfere em XML, sua leitura pode ser facilmente realizada.     
    • 2 - Migração de dados. Se tivermos que mover os dados de uma base de dados a outra seria muito simples se as duas trabalhassem em formato XML.
    •  
    • 3 - Aplicações web. Até agora cada navegador interpreta a informação a sua maneira e os programadores da web têm que fazer adaptações em função do navegador do usuário. Com XML temos somente uma aplicação que trata os dados e para cada navegador ou suporte poderemos ter uma folha de estilo ou similar para aplicar o estilo adequado.
  • Características XML
      • Todo documento XML, além da tag introdutória, deve ter um único elemento (tag) que sirva como raiz para todos os demais elementos do documento.
      • XML é case sensitive.
      • Todo elemento XML deve ser iniciado e fechado, exceto o que define a versão do XML usada e outras definições de tag única.
      • Pode representar as estruturas de dados relevantes da computação: listas, registros, árvores.
      • É auto-documentado ( DTDs  e  XML Schemas ): o próprio formato descreve a sua estrutura e nomes de campos, assim como valores válidos.
      • É editável, devido à popularidade do XML nos dias de hoje, com diferentes níveis de automação, em qualquer ambiente.
      • Simplicidade e Legibilidade.
      • Possibilidade de criação de  tags  sem limitação.
      • Dados organizados de forma hierárquica.
  • Exemplo de XML (Receita de Pão)
    •  
  • Exemplo XML (Curriculum Vitae)
    •  
  • Web Service s
    • XML são os utilizados blocos fundamentais na transição para a computação distribuída na Internet. Os padrões abertos e o foco na comunicação e colaboração entre as pessoas e as aplicações têm criado um ambiente onde os serviços XML Web estão se tornando a plataforma para integração de aplicativos. Os aplicativos são construídos com vários serviços Web em XML a partir de várias fontes que trabalham juntos, independentemente de onde residam ou como eles foram implementados. 
    •  
    • Web Services são serviços que visam facilitar o processamento distribuído em sistemas heterogêneos.
  • Características de Web Services
      • Expor a funcionalidade útil para usuários Web através de um protocolo da Web padrão. Na maioria dos casos, o protocolo usado é SOAP.
      • Fornecem uma maneira de descrever suas interfaces em detalhe suficiente para permitir que um usuário possa criar um aplicativo cliente para falar com eles. Esta descrição é normalmente fornecido em um documento XML chamado de Web Services Description Language documento (WSDL).
      • São registrados para que usuários em potencial possam encontrá-los facilmente. Isso é feito com a Universal Description Discovery and Integration (UDDI).
      • Permite que programas escritos em linguagens diferentes em plataformas diferentes possam comunicar uns com os outros de uma forma baseada em padrões.
      • Trabalham com protocolos da Web padrão XML, HTTP e TCP / IP
  • O que posso fazer com  Web Services?
    •          Os primeiros serviços XML Web tendem a ser fontes de informação que você poderia facilmente incorporar tais como aplicações em ações, cotações, previsão do tempo, resultados esportivos, etc. 
    •          É fácil imaginar toda uma classe de aplicações que poderiam ser criadas para analisar e agregar as informações que lhe interessam e apresentá-lo para você em uma variedade de maneiras, por exemplo:
    •          Um usuário pode desenvolver um aplicativo de compras para obter automaticamente informações sobre os preços a partir de uma variedade de fornecedores, permitindo ao usuário selecionar um fornecedor, ou apresentar o pedido e, em seguida, acompanhar o embarque até que seja recebida. O pedido do fornecedor, além de expor os seus serviços na Web, pode por sua vez, usar os serviços da Web XML para a verificação de crédito do cliente, cobrar a conta do cliente e configurar o envio de uma companhia de navegação.  
  •  
    •  
  • Futuro de Web Service
    • No futuro, alguns dos mais interessantes serviços XML Web irá suportar aplicações que usam a internet para fazer coisas que não podem ser feitas hoje. Por exemplo, um dos serviços XML Web Services que tornaria possível é um serviço de agenda. Se o seu dentista e mecânico exporem seus calendários através deste serviço Web XML, você poderia agendar compromissos com eles on line ou poderiam agendar compromissos para a limpeza e manutenção de rotina diretamente na sua agenda, se quiser.
  • PROTOCOLO SOAP
    • SOAP, Protocolo Simples de Acesso a Objetos, é um protocolo para troca de informações estruturadas em uma plataforma descentralizada e distribuida. Ele se baseia na (XML) para seu formato de mensagem, e normalmente baseia-se em outros protocolos da Camada de Aplicação, mais notavelmente em Camada de Procedimento Remoto (RPC) e (HTTP), para negociação e transmissão de mensagens. SOAP pode formar a camada base de uma pilha de protocolos de web services, fornecendo um framework de mensagens básico sob o qual os serviços web podem ser construídos. Este protocolo baseado em XML consiste de três partes: um envelope, que define o que está na mensagem e como processá-la, um conjunto de regras codificadas para expressar instâncias do tipos de dados definidos na aplicação e uma convenção para representar chamadas de procedimentos e respostas.
  • SOAP
    •  
    •  
    • O SOAP tem:
      • mecanismo para definir a unidade de comunicação,
      • mecanismo para lidar com erros,
      • mecanismo de extensão que permite evolução,
      • mecanismo entre as mensagens SOAP e o HTTP, representar tipos de dados em XML.
  • Fluxo Web Service
    •  
  • Web Services Description Language - WSDL
    •  
    • O Web Services Description Language ( WSDL ) é uma linguagem baseada em XML utilizada para descrever Web Services funcionando como um contrato do serviço. Trata-se de um documento escrito em XML que além de descrever o serviço, especifica como acessá-lo e quais as operações ou métodos disponíveis.
    •  
    • WSDL é utilizado para definir serviços como uma coleção de endpoints (endereços de rede), ou portas. A definição abstrata de portas e mensagens são separadas do uso concreto de instâncias, permitindo o reuso de definições. Uma porta é definida por associação a um endereço de rede com um binding reutilizável, e uma coleção de portas definidas como serviço. Mensagens são descrições abstratas
    • dos dados a serem trocados.
  • WSDL - exemplo
    • http://eutils.ncbi.nlm.nih.gov/soap/v2.0/eutils.wsdl
  • Exemplo Webservice
    • Formato Javascript:
    • http://cep.republicavirtual.com.br/web_cep.php?cep=91010000&formato=javascript
    • Formato XML:
    • http://cep.republicavirtual.com.br/web_cep.php?cep=91010000&formato=xml
    • http://www.bronzebusiness.com.br/webservices/wscep.asmx/cep?strcep=31310590
    • Formato Query String:
    • http://cep.republicavirtual.com.br/web_cep.php?cep=91010000&formato=query_string
  • Exemplo Webservice
    • Retorno XML
  • Referências
    • http://pt.wikipedia.org/wiki/Web_service
    • http://pt.wikipedia.org/wiki/XML
    • http://msdn.microsoft.com/en-us/library/ms996507.aspx
    • http://www.gta.ufrj.br/grad/00_1/miguel/