E-Book Da Natureza para a Cozinha

14,510 views
15,161 views

Published on

Receitas vegetarianas 100% naturais e integrais para quem deseja ter saúde.
Mais de 35 receitas, dicas exclusivas e várias receitas sem glúten.

Published in: Health & Medicine
0 Comments
8 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
14,510
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
11,949
Actions
Shares
0
Downloads
117
Comments
0
Likes
8
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

E-Book Da Natureza para a Cozinha

  1. 1. 1
  2. 2. 2 Da Natureza para a Cozinha Receitas 100% vegetais, naturais e integrais para quem deseja ter saúde Reunião e adaptação das receitas: Karina Carnassale Deana e Juliana Coutinho Oliveira Idealização: Vida Campestre Direção de arte: Juliana Coutinho Oliveira Bem-Vindo! Nós da equipe Vida Campestre e Portal Tudo para Vegetarianos temos o imenso prazer de trazer até você este material que é fruto de nosso profundo desejo de ajudá-lo a preparar pratos que agradem ao paladar e ao mesmo tempo promovam a saúde e o bem-estar de sua família. Aqui você encontrará receitas muito especiais, criadas e testadas em nossa cozinha com o maior carinho e dedicação. Além de apetitosas, práticas e acessíveis, estas receitas também são 100% vegetais, naturais e integrais. Tivemos o cuidado de excluir dos ingredientes os refinados e os industrializados, como também disponibilizar algumas receitas sem glúten, para que os quitutes preparados em sua cozinha sejam verdadeiros promotores da saúde. Esperamos que você e sua família sejam imensamente beneficiados através deste material. Que Deus o abençoe ao preparar alimentos que honrem e glorifiquem Seu nome! Karina Carnassale Deana fundadora e editora do Vida Campestre www.vidacampestre.com.br Juliana Coutinho Oliveira fundadora e editora do Portal Tudo para Vegetarianos www.tudoparavegetarianos.com.br
  3. 3. Introdução Preparar pratos 100% vegetais, naturais e integrais – livres de refinados e industrializados – pode parecer uma tarefa impossível hoje em dia. Os refinados, por exemplo, estão presentes em praticamente todas as receitas, até mesmo nas mais saudáveis. Entre eles, destacamos os mais comuns: a farinha de trigo branca, o polvilho (azedo ou doce), o amido de milho, o arroz branco, as proteínas isoladas (PVT ou PTS), o sal comum e o açúcar em todas as suas apresentações (branco, demerara, mascavo e melado). Se esses produtos são tão aceitos na cultura moderna, por que excluí-los da cozinha saudável? A resposta é simples: o processo de refinamento ou isolamento desses produtos simplesmente descarta grande parte das vitaminas, fibras e outros nutrientes importantes, empobrecendo drasticamente alimentos que originalmente são nutritivos e benéficos à saúde. Além disso, esse processo também torna o produto final altamente concentrado nos nutrientes que restaram. Mesmo que se trate de um nutriente essencial, como a proteína, a alta concentração desse nutriente em um único produto acaba prejudicando nossa saúde em vez de ajudá-la. Além disso, os produtos refinados elevam o índice glicêmico (indicador da taxa em que os alimentos aumentam os níveis de açúcar no sangue) e são absorvidos pelo organismo de forma mais rápida que os integrais, fazendo com quesintamosfomemaisrápido.Osrefinados,portanto,nãopromovemasaúde, mesmo que sejam utilizados em pequena quantidade. Eles são promotores de males muito comuns na sociedade moderna, como as enfermidades do trato digestório (intestino preguiçoso, gases, azia, refluxo, etc.), impurezas de pele (acne), inflamações em geral, diabetes e obesidade. Osindustrializados,porsuavez,tambémpodemserencontradosnamaioriadas cozinhas. Entre os mais utilizados nas cozinhas mais preocupadas com a saúde, destacamos:ofermentoquímico,ossucosartificiais,osleitesvegetaisdecaixinha, os enlatados (carne vegetal, creme de soja, condensado de soja e doce de soja), embutidos (salsicha de soja e mortadela vegetal) e os cremes e maioneses em geral. É bem verdade que os industrializados são apreciados por economizar tempo na cozinha. Por outro lado, o preço de tanta praticidade pode ser alto. A grande concentração de sódio e açúcar desses produtos e, especialmente, os aditivos alimentares (os corantes, aromatizantes, conservantes, antioxidantes,
  4. 4. edulcorantes, realçadores de sabor, acidulantes, espessantes, estabilizantes, etc.), presentes em suas fórmulas são responsáveis por diversas enfermidades modernas como câncer, hipertensão, hiperatividade e diversas alergias. Assim, vale a pena passar uns minutinhos a mais na cozinha e economizar na farmácia e no tempo gasto em consultas médicas! O grande Fabricante de nosso corpo, Aquele que nos formou com Suas próprias mãos e nos concedeu vida, revelou claramente no Manual que carinhosamente deixou para nós, a Bíblia, qual o melhor alimento para o organismo humano que Ele mesmo projetou. Essas instruções se encontram logo no primeiro capítulo do primeiro livro do Grande Manual: “Eis que vos tenho dado toda a erva que dê semente, que está sobre a face de toda a terra; e toda a árvore, em que há fruto que dê semente, ser- vos-á para mantimento” (Gênesis 1:29). Pela dureza de nosso coração em aceitar as instruções deixadas no Grande Manual, o querido Fabricante por misericórdia de todos nós, detalhou essas instruções para que não houvesse dúvidas em relação ao melhor alimento para o nosso corpo. Entre as várias instruções adicionais que Ele nos deixou, compartilhamos com você estas aqui: “Se queremos ter boa saúde, precisamos ter especial cuidado da saúde que Deus nos concedeu, negar o apetite malsão, comer menos alimentos refinados, ingerir alimentos integrais isentos de gordura. Então, quando vos assentais à mesa, para comer, podeis pedir sinceramente a bênção de Deus sobre o alimento, e obter força de alimentos integrais e saudáveis. Deusteráprazeremabençoá-losgenerosamente,eelesserãoumbenefício para quem os ingere” (Ellen G. White, Mensagens Escolhidas, v. 3, p. 274). “Não poucos entre os nossos, necessitam instrução acerca dos princípios da reforma de saúde. Há várias preparações inventadas por fabricantes de alimentos saudáveis, e recomendadas como perfeitamente inofensivas; tenho, porém, testemunho diverso a apresentar a esse respeito. Elas não são verdadeiramente saudáveis, e seu uso não deve ser estimulado. Precisamos apegar-nos mais estritamente a um regime simples de frutas, nozes, cereais e verduras” (Ellen G. White, Conselhos Sobre o Regime Alimentar, p. 329).
  5. 5. “Nos cereais, nas frutas, nas verduras e nas nozes, encontram-se todos os elementos alimentares de que necessitamos. Se viermos ao Senhor em simplicidade de mente, Ele nos ensinará como preparar alimentos saudáveis, livres da contaminação de alimentos cárneos” (Ibid., p. 92). É maravilhoso pensar que o próprio Criador está disposto a nos conceder sabedoria e criatividade para cuidarmos de nossa saúde como Ele designou desde o princípio. Assim, excluir os refinados e os industrializados da cozinha saudável deixa de parecer uma tarefa impossível. Temos ao nosso dispor o poder do amado Jesus para nos ajudar! Com Ele ao nosso lado essa tarefa se tornará muito mais fácil do que imaginamos, basta crermos, decidirmos obedecê-Lo e praticarmos a Sua vontade apoiados em Seu poder. Nós da equipe Vida Campestre e Portal Tudo para Vegetarianos tivemos a grande satisfação de ver em nossa cozinha o cumprimento dessa linda promessa divina e neste material queremos dividir com você nossas descobertas culinárias 100% vegetais, naturais e integrais que o Senhor Deus nos inspirou a fazer! Desejamos que o Senhor Deus também o inspire e abençoe ao buscar cuidar de sua saúde e, através dela, honrar o Seu nome! Equipe Vida Campestre e Portal Tudo para Vegetarianos. Equipe Vida Campestre Cidinha Cardoso Pinto Evelin Manfrin de Oliveira Vieira Gabriela Carnassale Karina Carnassale Deana Luciana Riges Mariana Carnassale Equipe Tudo para Vegetarianos Fernanda Ursulino Juliana Coutinho Oliveira Liana Zapata Roger Costa Oliveira
  6. 6. Índice Pratos Doces Arroz Doce 100% Natural 7 Bolo Ararat 7 Cobertura de Alfarroba com Leite de Coco Sem Glúten 7 Cocada Supresa de Colher Sem Glúten 7 Gelatina de Ágar-Ágar Sem Glúten 7 Geleia de Maçã Sem Glúten 7 Granola com Frutas e Leite Vegetal 7 Maçã ao Forno com Avelã Sem Glúten 7 Mingau de Aveia Especial 7 Pavê Pinacolada 7 Sagu de Semente de Chia Sem Glúten 7 Sorvete de Banana com Calda de Morango Sem Glúten 7 Surpresa de Banana 7 Tacinhas de Creme de Painço com Calda de Maracujá Sem Glúten 7 Torta Gelada de Castanha-de-caju Sem Glúten 7
  7. 7. Pratos Salgados Abóbora Japonesa ao Forno Sem Glúten 7 Arepas Colombianas Sem Glúten 7 Assado Sabor Pizza 7 Berinjela Recheada Sem Glúten 7 Bolo Salgado de Tomate e Azeitona 7 Bolo Salgado de Pimentão 7 Crepe de Tofu 7 Esfirra Aberta Integral 7 Esfirra Fechada Integral 7 Farofa de Milho 5 Minutos Ararat Sem Glúten 7 Hambúrguer de Lentilha 7 Legumes à Milanesa Sem Fritura 7 Macarrão ao Forno com Castanha-do-pará 7 Molho de Tomate com Castanha-do-pará Sem Glúten 7 Nhoque de Grão-de-Bico 7 Nhoque Integral 7 Patê Mineiro 7 Pizza 100% Alternativa Ararat 7 Pizza de Vegetais com Catupiry Vegetal 7 Salada Colorida Sem Glúten 7 Suflê de Abobrinha e Tomate 7

×