Your SlideShare is downloading. ×
0
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Ruby e Rails
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Ruby e Rails

334

Published on

Um pouco sobre a história e funcionalidades do Ruby e como juntou-se com o Rails. Um pouco também dos projetos na PTInovação que se utilizam dessas tecnologias.

Um pouco sobre a história e funcionalidades do Ruby e como juntou-se com o Rails. Um pouco também dos projetos na PTInovação que se utilizam dessas tecnologias.

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
334
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
8
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Ruby on Rails Magnum Fonseca | Thales Lima | Weslley Almeida
  • 2. Ruby > O que é Ruby? > Ruby é uma linguagem interpretada multiparadigma, dinâmica e open source com foco na simplicidade e produtividade. > Seus objetos e classes podem ser alterados em tempo de execução. Além disso é totalmente orientada a objetos, ou seja, em Ruby tudo é um objeto.
  • 3. > Como Surgiu?> Desenvolvido no Japão em 1995, por Yukihiro “Matz” Matsumoto.> Matz desejava uma linguagem mais poderosa que Perl e mais orientada a objetos que Python. A partir disso Matz decidiu desenhar a sua própria linguagem de programação.
  • 4. > Como Surgiu?Nós somos osmestresEles são osescravos
  • 5. Diferenças de outras linguagens> Interpretadores * O interpretador Ruby é o programa que faz todo o trabalho pesado e roda seu código Ruby. No entanto existem diversos interpretadores: * MRI (Matz Ruby Interpreter) * JRuby * IronRuby * MacRuby * Etc…
  • 6. Diferenças de outras linguagens> Gems * Gem é um pacote ou uma aplicação escrita em ruby. Essas bibliotecas podem ser instaladas e divulgadas em diversos computadores, como as “libs” em C. * Uma adição interessante é que é muito fácil instalar uma gem gem install rails
  • 7. Diferenças de outras linguagens > IRB (Interactive Ruby Execution) * Basicamente um shell para Ruby. É um interpretador em tempo real dos códigos digitados. * É um método ágil de testar seus códigos ou de aprender Ruby
  • 8. > O que Ruby tem de tão legal?
  • 9. > Tudo é objeto! * Não existe variável primitiva * +, -, /… são todos métodos
  • 10. > Syntax Sugar * Linguagem onde o que importa é a beleza do código, expressividade do mesmo * Algumas regras podem ser quebradas, para que o código seja melhor entendido por humanos
  • 11. > Syntax Sugarif(a<b){ System.out.println("a é menor");}puts("a é menor") if(a.<(b))puts "a é menor" if a < b
  • 12. > Duck typing * Se ele anda como um pato, e faz quack como um pato, eu devo tratá-lo como um pato * Foco no que os objetos podem fazer, não no que eles são
  • 13. > Metaprogamação * Linguagem dinâmica * Código gerando código * Código modificando código
  • 14. > Blocos * Uma das coisas mais poderosas em Ruby * É um bloco, um fechamento do código que recebe código como parâmetro * Como um iterador mas executa códigos
  • 15. > Códigos legais * Métodos recebem Hash de parâmetros * Unless
  • 16. Rails > O que é Rails? <%= Ruby on Rails é um framework livre que promete aumentar velocidade e facilidade no desenvolvimento de sites orientados a banco de dados (database-driven web sites), uma vez que é possível criar aplicações com base em estruturas pré-definidas. %> <%= Frequentemente referenciado como Rails ou RoR, o Ruby on Rails é um projeto de código aberto escrito na linguagem de programação Ruby. %>
  • 17. > O inícioDavid Hannson em 2004Extraído do trabalho delena 37Signals
  • 18. > Do que é formado?> Rails é um meta-framework formado de: – Action Pack; – Action Mailer; – Active Record; – Active Support; – Active Web Services.
  • 19. > MVC> Model-view-controller (MVC) é um padrão de arquitetura de software que visa separar a lógica de negócio da lógica de apresentação, permitindo o desenvolvimento, teste e manutenção isolado de ambos
  • 20. > MVC> Model> View> Controller
  • 21. > Filosofias> Filosofias tem um pé (ou os dois) nas metodologias ágeis e em seus designs
  • 22. > FilosofiasDontRepeatRYourselfY
  • 23. > FilosofiasConventionOverOConfigurationC
  • 24. > Produtividade > Active Recordc = Celular.newc.nome = "Galaxy S II"c.preco = 2000 Design Pattern, Frameworkc.save ORM=== Em SQL ===INSERT INTO CELULARES(NOME,PRECO) VALUES ("Galaxy SII", 2000);
  • 25. > Produtividade > Action Pack Pacote que gerencia as ações que ocorrem na aplicação, do request ao response
  • 26. > Action Pack > Action Controller Gerencia o que ocorre na Controller, quais ações e como elas devem ser tomadas
  • 27. > Action Pack > Action View * os celulares:como os dados serão c.nome Todos Gerencia <%= @celulares.collect { |c| apresentados na tela %> }.join ", " * .erb, rotas, …
  • 28. > Comandos!!!
  • 29. > Novo projetorails new <nome>
  • 30. > Scaffold rails generate scaffold <modelo com atributos>
  • 31. > Rake rake <script>
  • 32. > Quem usa?> Diversas empresas utilizam o Rails para seus sites
  • 33. > Basecamp
  • 34. > Twitter
  • 35. > github
  • 36. > Groupon
  • 37. > E na PT Inovação?
  • 38. > Wardon
  • 39. > Dialogus
  • 40. > Tornar as coisas simples fáceis, e as complexas possíveis
  • 41. > puts “Muito Obrigado!”=> nil

×