• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Recursos  10ºAno
 

Recursos 10ºAno

on

  • 12,403 views

 

Statistics

Views

Total Views
12,403
Views on SlideShare
11,842
Embed Views
561

Actions

Likes
13
Downloads
29
Comments
0

8 Embeds 561

http://esg104.blogspot.pt 185
http://esg104.blogspot.com 147
http://esg104.blogspot.com.br 103
http://www.slideshare.net 83
http://aulasbiogeo10.wordpress.com 21
http://raqelpeixoto17.blogspot.com 17
http://www.esg104.blogspot.com 3
http://raqelpeixoto17.blogspot.pt 2
More...

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Recursos  10ºAno Recursos 10ºAno Presentation Transcript

  • Intervenção do Homem nos Ecossistemas Terrestres
    • Crescimento populacional.
    • Risco geológico e impacto ambiental.
    • Recursos naturais renováveis e não renováveis.
    • Desenvolvimento sustentável.
    • Poluição e reciclagem.
  •  
    • É o efeito causado por qualquer alteração, geralmente adversa, causada pelas actividades humanas ou naturais no meio ambiente.
    • O crescimento populacional (aumento da população devido à redução da taxa de mortalidade) e o desenvolvimento económico e tecnológico estão a conduzir ao aumento do impacte ambiental.
    • Página 120
    • Aumento do impacte ambiental.
    • Aumento da exploração dos recursos naturais.
    • Aumento da produção e acumulação de resíduos
    • Maior vulnerabilidade aos desastres naturais, pelo aumento da ocupação das áreas de risco.
  •  
  •  
  •  
    • Reduzir o seu consumo
    • Reutilizar
    • Reciclar materiais
    • Usar fontes de energia alternativas
    • Quercus
    • http://independent.footprint.wwf.org.uk/
    • http://www.earthday.net/footprint/index.html
    • A expressão Pegada ecológica refere-se à quantidade de terra e água que seria necessária para sustentar as gerações actuais, tendo em conta todos os recursos materiais e energéticos gastos por uma determinada população.
    • A pegada ecológica de uma população tecnologicamente avançada é, em geral, maior do que a de uma população subdesenvolvida.
    • Lêr texto da actividade 1 – página 123
    • Para calcular a Pegada ecológica é necessário somar todas os componentes que podem causar impactos ambientais, tais como:
    • Área de energia fóssil (representa a área de deveríamos reservar para a absorção do CO 2 que é libertado em excesso )
    • Terra arável (representa a área de terreno agrícola necessária para suprimir as necessidades alimentícias da população)
    • Pastagens (representa a área necessária para criar o gado em condições minimamente "razoáveis")
    • Floresta (representa a área de floresta necessária para fornecer madeira e seus derivados e outros produtos não lenhosos)
    • Área urbanizada (representa a área necessária para a construção de edifícios)
    • O movimento das ecovilas, constitui um exemplo de como reduzir a pegada ecológica de um individuo, família ou comunidade. Começando pelo tipo de materiais de construção numa casa, uma redefinição de padrões de consumo, e o simples acto de compartilhar e cooperar com as pessoas ao redor, tudo isso pode diminuir muito o impacto de um individuo.
    • Ecovila Sieben Linden, na Alemanha: as casas são feitas de fardos de palha, madeira e barro, o consumo de energia não passa de 5% da média das casas com padrão ecológico. São casas super eficientes, baratas e muito resistentes. A média de produção de CO 2 nessa ecovila está em apenas 20% da média da Alemanha. Os wc são todos “compostáveis", não precisam água e os resíduos são transformados em adubo (sem qualquer cheiro). Os carros são compartilhados com os membros da comunidade, e o meio de transporte mais usado é a bicicleta. A comida é basicamente toda produzida no local, também de forma ecológica.
  •  
  • Não disponível para o Homem, devido à salinidade.
    • 2,5% água doce:
    • 2/3 gelo
    • 1/3 lagos, rios, ribeiros,
    • lençóis de água subterrâneos
    Os Recursos Hídricos representam a quantidade de água superficial e subterrânea que está à disposição do Homem.
    • Durante este ciclo decorrem processos de recolha, purificação, reciclagem e distribuição da água.
    • A sobreexploração e a poluição estão a degradar os aquíferos a uma velocidade maior do que a da sua renovação.
    • O aquecimento global também está a diminuir as reservas da água.
  •  
  •  
    • Explica por que razão, apesar da água ser um recurso renovável, existe uma preocupação relativamente à qualidade e quantidade deste recurso num futuro próximo.
    • Actualmente as águas subterrâneas – principais fontes de abastecimento doas populações - estão em vias de ser contaminadas ou esgotadas em muitos locais da Terra.
    • Os consumos actualmente excedem os volumes de água renováveis pelo ciclo hidrológico.
    • Os avanços tecnológicos permitiram o acesso a elevadas quantidades de água causando o consumo e a poluição dos recursos hídricos até níveis inconcebíveis.
    • Poluição destes aquíferos: derrames de óleos, gasolinas e fertilizantes químicos.
    • É a água que não causa prejuízo à saúde humana, isto é, não contém microrganismos patogénicos nem substâncias capazes de provocar doenças.
    • O uso de água por um país não pode causar danos noutros países a jusante das linhas de água;
    • Os utilizadores de água de um país devem informar os que o rodeiam das acções que os podem afectar antes de as realizarem;
    • As pessoas devem ter uma distribuição equitativa de água e participar na gestão dos recursos hídricos que abrangem uma dada região.
    • Acções de sensibilização
    • Tratamento da água
    • ETA – Estação de Tratamento de Água – trata as águas superficiais dos rios, que, posteriormente, são fornecidas à população – transforma-a em água potável
    • ETAR – Estação de Tratamento das Águas Residuais – recolha e tratamento das águas das redes públicas de esgotos – as águas são devolvidas à Natureza (ao rio, por exemplo).
  •  
  •  
  • Piscicultura
    • Conjunto de materiais e energia que o Homem pode obter a partir de outros seres vivos.
    • RENOVÁVEIS
    • Agricultura
    • Pecuária
    • Pesca
    • Caça
    • Piscicultura
    • Exploração Florestal
    • Perda de Biodiversidade
    • Pesca – Os novos recursos tecnológicos levaram à quase extinção de algumas espécies – estabelecimento de cotas de captura pela U.E.
    • Caça - equilíbrio dos ecossistemas
    • Piscicultura – vantagens/desvantagens
    • Exploração Florestal - Desflorestação
  •  
    • Energia solar
    • Energia éolica
    • Energia de biomassa
    • Energia maremotriz
    • Energia geotérmica
  •  
    • Carvão, Petróleo e Gás Natural
    • Apesar de actualmente ser substituído pelo petróleo continua ainda a ser muito utilizado nas centrais termoeléctricas para produção de electricidade.
    • Impacto ambiental;
    • Actividade de risco (morte de muitos mineiros devido a explosões de gás, derrocadas e doenças pulmonares);
    • Combustão muito poluidora do ambiente.
    • As maiores reservas encontram-se nos países que não são os maiores consumidores, como é o caso do Médio Oriente. Este facto origina tensões políticas e económicas entre a região do Médio Oriente e os Países Ocidentais.
    •  
    • Como as reservas estão a diminuir, a sua exploração está a ser feita nos fundos dos oceanos e na tundra árctica que são locais de difíceis condições ambientais.
  • Actividade 3 – página 128
    • Chuvas ácidas
    • Efeito de Estufa
    • Degradação dos solos
    • Poluição das Águas
    • Como contém poucas impurezas a sua combustão praticamente não provoca poluição. A sua utilização tem vindo a aumentar.
    • Abastecimento através de uma rede de ductos.
  • Hematite
    • São acumulações ou concentrações de rochas e minerais na crosta terrestre. Quando têm interesse económico designam-se por jazidas minerais ou reservas.
    • Extracção: actividade mineira, minas a céu aberto
    • NÃO RENOVÁVEIS
    • São o processo de renovação dos recursos minerais.
    • A exploração dos recursos minerais. interrompe os ciclos geológicos.
  • Tabela II – página 129
    • Argila
    • Carvão
    • Coquina (constituído principalmente de conchas e seus fragmentos)
    • Granito
    • Gravilha
    • Gesso
    • Calcário
    • Mármore
    • Metais: cobre, ferro, por exemplo
    • Areia e cascalho
    • Arenito
    • Utilização dos minerais no dia-a-dia:
    • Vestuário
    • Electrodomésticos
    • Alimentos
    • Móveis
    • Etc
  • Calcário
  • Granito
  • Areia
  • O quartzo, quando estimulado por energia eléctrica, vibra numa frequência fixa definida pelo seu corte e lapidação – motor de sincronização.
  •  
  • Condução de energia eléctrica e informação
    • Estes recursos só são explorados se existirem em quantidade suficiente e numa zona de fácil acesso, tornando a sua extracção economicamente rentável.
    • Contaminação das águas ( ... Escombreiras)
    • Descaracterização das paisagens (Desflorestação, remoção das camadas do solo...)
    • Movimentação de terras
    • Poluição dos solos
    • Poluição atmosférica (poeiras)
    • Poluição dos cursos de água
  •  
  • Mina de diamante a céu aberto em Sakha, Rússia
  • Mina El Chino, localizada próximo de Silver City, Novo México, é uma mina de cobre a céu-aberto
  •  
    • Progresso económico
    • A procura destes recursos aumentou – subida de preços
    • Construção – mais viável nos locais perto da extracção porque evita custos de transporte
      • Madeira e Açores – construções em Basalto
      • Norte – Granito
      • Etc
  •  
    • O aumento da população mundial conduziu ao aumento da produção de resíduos, sendo a maior parte deles não degradáveis.
    • Não existe uma solução perfeita, simples, barata e correcta sob o ponto de vista ecológico para não poluir e para tratar os resíduos. A solução passará por reduzir o consumo (sociedade consumista)
    • A produção de resíduos contribui para a degradação ambiental.
  •  
    • Redução do consumo de recursos;
    • Reciclagem (75% dos RSU são recicláveis);
    • Reutilização;
        • 3 R’s.
    • Reciclagem: processo de conversão de matéria-prima de embalagens e outros materiais usados em novos produtos. (pág.130)
    • Separação doméstica
    • Ecoponto
    • Ecocentro
    • Triagem
    • Reciclagem
    • Actividade 4 – página 131
  •  
    • Risco geológico : vulnerabilidade de uma determinada área a acidentes naturais (ex.:cheias, sismos, etc.)
    • Página 135
  •  
    • Sismos (terramotos e maremotos)
    • Ciclones
    • Inundações (catástrofe mais frequente em Portugal)
    • Deslizamento e subsidiência de terrenos ( locais de declive acentuado; tipo de material rochoso; forte pluviosidade e ausência de vegetação)
    • Erupções vulcânicas
    • Secas
    • Fogos
    CTSA 1 página 135 e 136
    • Desenvolvimento que procura satisfazer as necessidades da geração actual sem comprometer as necessidades das gerações futuras, baseado no uso razoável dos recursos e na preservação das espécies e dos habitats.
    • Página 138
    • Para evitar o colapso da sociedade em que vivemos devemos fazer o ordenamento do território, o tratamento de resíduos sólidos e águas residuais, a recuperação de áreas degradadas e conservação do património geológico.
    • O ordenamento do território é a gestão da interacção Homem/espaço natural. Consiste no planeamento das ocupações, no potenciar do aproveitamento das infra-estruturas existentes e no assegurar da preservação de recursos limitados. Em Portugal, o Ministério do Ambiente, do Ordenamento do Território e do Desenvolvimento Regional é a entidade responsável pelo ordenamento do território.
    • Definir de zonas habitacionais;
    • Definir zonas agrícolas;
    • definir locais de instalação de grandes estruturas (como estradas, hospitais, etc);
    • Avaliação prévia de aldeamentos turísticos, barragens e campos de golfe.
    • Reciclagem (processo que permite transformar um resíduo já utilizado num outro para nova utilização)
    • Incineração
    • Aterro Sanitário
    • A reciclagem é o processo de tratamento de resíduos ecologicamente mais correcto, pois envolve:
    • uma economia dos recursos
    • redução de poluentes
    • menor gasto de energia do que a gasta na obtenção de matérias primas
    •   As ETAR`S foram construídas também com o objectivo de diminuir o impacto negativo, pois as águas residuais são tratadas para que posteriormente sejam lançadas de novo nos rios. Os resíduos resultantes deste processo podem ser usados como fertilizantes ou lançados em aterros sanitários.
    • Alguns tipos de áreas a recuperar:
        • dunas
        • frentes urbanas
        • sistemas lagunares
        • antigas lixeiras
        • zonas mineiras abandonadas
    • Geomonumentos: são locais de interesse paisagístico, geomorfológico, arqueológico mineiro e vestígios de actividades extractivas que requerem preservação.
    • Ex: Vulcão Capelinhos, Lagoa do Fogo, Ovos e pegadas de dinossauros
    • Página 139, 140 e 141
    • O ordenamento do território e o despertar das consciências das populações são factores indispensáveis a preservação dos Geomonumentos.
  •  
  •  
  •  
    • Auto-avaliação página 152 e 153
    • Acabar a ficha de trabalho – Intervenção do Homem nos Ecossistemas