• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Metodologias de Operacionalização (Parte II)
 

Metodologias de Operacionalização (Parte II)

on

  • 1,022 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,022
Views on SlideShare
1,022
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
7
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Metodologias de Operacionalização (Parte II) Metodologias de Operacionalização (Parte II) Document Transcript

    • 2301240241300Agrupamento Vertical de Escolas do ParchalO Modelo de Auto – Avaliação das Bibliotecas Escolares: Metodologias de Operacionalização (Parte II)Ano Lectivo 2009/2010Domínio: D – Gestão da BESubdomínio: D.1Formanda: Emília Firmino
      D. Gestão da BED.1. Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BEIndicadoresFactores críticos de SucessoInstrumentos de recolha de Evidências Frases - TipoD.1.1. Integração da BE na Escola/ AgrupamentoA escola/agrupamento inclui a BE na formulação e desenvolvimento da sua visão/ missão, princípios e objectivos estratégicos e operacionais. O/a professor/a coordenador/a participa no Conselho Pedagógico e nos restantes órgãos de planificação/decisão pedagógica. São desencadeadas acções com vista à partilha, discussão e aprovação da missão e objectivos da BE em Conselho de Docentes/Departamentos/Conselho Pedagógico e Assembleia de Escola. O Regulamento Interno da Escola contempla os seguintes aspectos:* Missão e objectivos da BE;* Organização funcional do espaço;* Organização e gestão dos recursos de informação;* Gestão dos recursos humanos afectos à BE;* Serviços prestados à comunidade escolar no âmbito do Projecto Educativo;* Regimento do funcionamento da BE O Plano de desenvolvimento da BE acompanha, em termos de acção estratégica o Projecto Educativo da escola/agrupamento.O plano anual de actividades da biblioteca escolar relaciona-se em termos de objectivos operacionais com o plano anual de actividades da escola, colocando a BE ao seu serviço. A BE partilha objectivos estratégicos e operacionais e recursos, nomeadamente recursos documentais, com as restantes bibliotecas/ escolas do Agrupamento. A BE adequa os seus objectivos, recursos e actividades ao currículo nacional, ao projecto curricular de escola e aos projectos curriculares das turmas. A BE é encarada como recurso fundamental no desenvolvimento do gosto pela leitura, na aquisição das literacias fundamentais, na progressão nas aprendizagens e no sucesso escolar. Projecto Educativo do Agrupamento; Regulamento Interno do Agrupamento; Plano Anual de Actividades do Agrupamento Projecto Curricular de Escola Projectos Curriculares de TurmaDocumentos que regem o funcionamento da BE:Normas da BE;Plano Anual de Actividades da BE;Plano de Acção da BE; Registos de reuniões (conselho de docentes, equipa da BE, conselho pedagógico, reuniões da equipa da BE, reuniões do conselho geral transitório, reuniões do grupo concelhio de trabalho; Registos dos contactos informais com os professores Estatísticas de utilização da BE; Questionários aos professores; Questionários aos alunos; Recolha de sugestões; No Projecto Educativo do Agrupamento é reconhecida a importância da BE; O Regimento Interno contempla a organização, o funcionamento e a dinâmica da BE; O PAA da BE integra-se no PAA do Agrupamento, em articulação com o PEA; O PCE e os PCT referem a BE como um recurso ao seu desenvolvimento e às suas actividades; O Plano de acção da BE acompanha o PEA; Os PCT referem a BE como um recurso na concretização do mesmo bem como nas actividades que desenvolve; A BE conhece os projectos a desenvolver pelos docentes; O coordenador representa as BE’s do Agrupamento no CP, contribuindo para a afirmação e valorização do papel da BE, no seio da comunidade educativa; O coordenador da BE é membro da equipa TIC; A Professora Bibliotecária da escola realiza reuniões com a equipa; As actas e memorandos comprovam o trabalho desenvolvido pela BE em articulação com os outros docentes; Os resultados da estatística de utilização comprovam a utilização da BE por um maior ou menor número de alunos e professores; Dados percentuais resultantes dos questionários atestam ou não a intervenção adequada da BE; A BE trabalha em articulação com todas as escolas do agrupamento;D.1.2. Valorização da BE pelos órgãos de gestão e de decisão pedagógica A Direcção apoia a BE e envolve-se na procura de soluções promotoras do seu funcionamento. O Conselho Executivo põe em prática uma política de afectação de recursos humanos adequada às necessidades de funcionamento da BE. Os órgãos de gestão estabelecem estratégias visando a articulação entre a BE, os vários departamentos e os órgãos de planificação. A BE está contemplada nos projectos e actividades educativas e curriculares da escola/ agrupamento.A BE dispõe de uma verba anual para o seu funcionamento, para a renovação de equipamentos e para a actualização da colecção. Registos de projectos de articulação. Documentos de gestão da escola. Relatórios de avaliação da BE RI do Agrupamento Documentos de gestão da BE Equipa da BE e colaboradores Registo de actividades de articulação Relatório Anual de actividades Actas das reuniões Orçamento do Agrupamento Registo de aquisições no âmbito da colecção O coordenador da BE reúne com a Directora para a procura de soluções promotoras do seu funcionamento A Direcção tem apoiado a equipa da BE, no desenvolvimento das actividades propostas As BE’s do 1º Ciclo não têm uma auxiliar de acção educativa/animadora a tempo inteiro A BE envolve-se em projectos e actividades educativas e curriculares do AgrupamentoA BE sugere projectos e actividadesA BE divulga recursos Existe uma boa articulação entre a BE e outras estruturas da escola Existem registos que comprovam a aplicação de verbas na aquisição e manutenção de fundos documentais e equipamentos da BE; A Câmara obedecendo ao protocolo estabelecido com o PNL disponibiliza anualmente uma verba para desenvolvimento do mesmo; A BE obteve verbas do PNL para o desenvolvimento do PNL.D.1.3. Resposta da BE às necessidades da escola e dos utilizadores.A BE funciona num horário contínuo e alargado que possibilita o acesso dos utilizadores no horário lectivo e acompanha as necessidades de ocupação em horário extra lectivo. Os recursos e serviços da BE respondem às metas e estratégias definidas no Projecto Educativo e curricular da escola/ agrupamento. A BE cria condições e é usada como recurso e como local de lazer e de trabalho pelos utilizadores. A BE apoia os utilizadores no acesso aos equipamentos. A BE apoia localmente a leitura, a investigação e a pesquisa/ uso da informação. A BE alarga os seus objectivos e actividades às restantes escolas do agrupamento, nomeadamente às escolas do 1º Ciclo. A BE assume-se como pólo de fomento e de difusão cultural na escola / agrupamento. Horário da BE Estatísticas de ocupação da BE Registos de actividades BE Questionário aos professores Questionários aos alunos Registos de reuniões/ contactos Blogue da BEA BE está aberta das 9h 30 m às 17h; Por falta de recursos humanos nas BE’s do 1º Ciclo, sempre que a coordenadora não está presente a BE não funciona;A BE é usada como recurso, como local de lazer e de trabalho pelos utilizadores; A análise da estatística de ocupação da BE revela que os alunos utilizam o espaço com frequência; A BE fez algumas intervenções no espaço com o objectivo de o tornar mais funcional e agradável; A BE apoia os utilizadores no acesso e na procura e produção da informação, incentivando uma cultura de acesso e uso da BE e dos recursos; A BE dinamizou actividades em articulação com os docentes no âmbito da leitura – PNL, formação de utilizadores e no âmbito da pesquisa de informação; A BE trabalha de forma articulada sendo um pólo dinamizador de actividades do Agrupamento; A BE dinamiza actividades em articulação com os docentes no âmbito da leitura – PNL e no âmbito da pesquisa de informação A BE divulga actividades e materiais produzidos no blogue da BED.1.4. Avaliação da BE. A BE implementa um sistema de avaliação contínuo. São criados instrumentos de recolha de informação, que são implementados de forma sistemática. A informação recolhida é analisada, originando acções ao nível da gestão e do funcionamento da BE. Os resultados da avaliação são divulgados junto do Conselho Executivo, junto dos órgãos de decisão pedagógica e da restante comunidade, com o objectivo de promover e valorizar as mais-valias da BE e de alertar para os pontos fracos do seu funcionamento. Os resultados de cada avaliação originam, quando necessário, a redefinição de estratégias e novas planificações. São realizadas actividades de benchmarking Recolha de informação com recurso ao sistema automatizado de gestão bibliográfica Registos de observação, questionários, entrevistas ou outros realizados no âmbito da avaliação interna da BE Excertos de documentação e Relatórios relativos ao funcionamento da BE Relatório de actividades da BE Estatística de ocupação da BE Estatística de requisições Questionários aos alunos Questionários aos professores Registo de actas A BE possui e utiliza instrumentos de recolha de informação qualitativa e quantitativa A coordenadora da BE faz a recolha de dados da sua utilização e das requisições nas BE’s do Agrupamento A coordenadora faz a recolha dos dados dos inquéritos para avaliar o grau de satisfação dos utilizadores A coordenadora apresenta a estatística dos dados recolhidos A coordenadora apresentou o relatório anual de actividades desenvolvidas pela BE Depois de observados os resultados foram identificados os pontos fortes e os pontos fracos Os relatórios de avaliação são apresentados ao Órgão de Gestão A BE propõe acções de melhoria em função da análise efectuada.