Your SlideShare is downloading. ×
0
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
O que pensa a Geração Y
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

O que pensa a Geração Y

4,676

Published on

Keynote do Grupo Tom de Estudos realizado no dia 8/6/2010. …

Keynote do Grupo Tom de Estudos realizado no dia 8/6/2010.

Relatoras: Adriana Machado (Sócia e Diretora de Planejamento da Tom Comunicação) e Maria Elisa Brandão (Proprietária da Katalysis, empresa de consultoria em Estratégia Empresarial)

Published in: Business, Technology
0 Comments
15 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
4,676
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
15
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. GRUPO TOM DE ESTUDOS Maria Elisa Brandão Bernardes Adriana Machado
  • 2. • Cultura • Geração • Baby Boomers e Geração X • Condições que criaram a Geração Y • Trabalhando com a Geração Y • Os consumidores da Geração Y
  • 3. Camadas de Influência Cultura como Programação Mental Personalidade Cultura Natureza Humana (Hofstede, 1983)
  • 4. Grupos de Influência no Comportamento das Pessoas (a partir de Hofstede, 1983) Organização Classe Social Geração Gênero Regional/Lingüístico/Religiosos/Étnico Nacional
  • 5. Diferenças em geração
  • 6. Diferenças em geração • Pessoas que nasceram na mesma época tendem a se comportar de maneira semelhante
  • 7. Diferenças em geração • Pessoas que nasceram na mesma época tendem a se comportar de maneira semelhante • Eventos históricos (ex: guerras) afetam gerações
  • 8. Diferenças em geração • Pessoas que nasceram na mesma época tendem a se comportar de maneira semelhante • Eventos históricos (ex: guerras) afetam gerações • Desenvolvimentos tecnológico afetam gerações
  • 9. Diferenças em geração • Pessoas que nasceram na mesma época tendem a se comportar de maneira semelhante • Eventos históricos (ex: guerras) afetam gerações • Desenvolvimentos tecnológico afetam gerações • Diferenças em símbolos, heróis, rituais afetam diferentemente as gerações
  • 10. Diferenças em geração • Pessoas que nasceram na mesma época tendem a se comportar de maneira semelhante • Eventos históricos (ex: guerras) afetam gerações • Desenvolvimentos tecnológico afetam gerações • Diferenças em símbolos, heróis, rituais afetam diferentemente as gerações • Obs: Alguns atributos são mais típicos das diferentes idades (fases da vida) do que de novas gerações
  • 11. Gerações anteriores Baby Boomers Geração X • Frutos de educação excelente • Vídeo game, PC e CD • TV e telefone • Viveram a crise econômica e presenciaram ondas de demissões • Conciliadores e politicos (reengenharia, downsizing) • Valorizam o sucesso na carreira • Céticos e individualistas (competição e promoçoes) • Não se enquadram em ambiente de • Economizar é importante trabalho muito descontraído • Sentem-se confortáveis em pedir • Não se sentem confortáveis com a ajuda para lidar com a tecnologia tecnologia (e é embaraçoso pedir • Foco na família ajuda) • Sentem grande pressão na revisão do papel masculino (deveres paternos)
  • 12. A Geração Y
  • 13. Quem são • Nascidos entre 1977 e 1997 • Diversificada, adaptável e confiante • Menos de 2/3 são brancos, mais de 25% criados em lares de pais solteiros, 3/4 são filhos de mães que trabalham* • Nos Estados Unidos, somam 84 milhões pessoas * Dados norte-americanos. Fonte: Gen BuY, Kit Yarrow e Jayne O’Donnell, 2009
  • 14. Características • Mais próximos dos pais • Mais ligados a imagens do que ao texto • 70% brincam com jogos desde a infância - Games are a way of life • Gostam de dar feedbacks e expressar opinião • Criados em shopping centers
  • 15. Marcados por grandes mudanças culturais e econômicas, pirotecnias tecnológicas e pelo “movimento da auto-estima” Fonte: Gen BuY, Kit Yarrow e Jayne O’Donnell, 2009
  • 16. Duas principais influências • Pais apaixonados (“kid centricity”) • Um mundo digital Fonte: Gen BuY, Kit Yarrow e Jayne O’Donnell, 2009
  • 17. Geram 4 grandes características • Confiança • Conectividade • Gerenciamento de grande quantidade de opções de escolha • Velocidade da vida Fonte: Gen BuY, Kit Yarrow e Jayne O’Donnell, 2009
  • 18. Trabalhando com a Geração Y
  • 19. • Tecnologias digitais influenciam como estabelecem relações interpessoais e suas visão de mundo: • Desempenham diversas tarefas simultaneamente • Possuem baixa tolerância a atrasos na comunicação. • Querem assumir papeis ativos e não apenas de espectadores. Fonte: Tapscott, 1997
  • 20. • Tecnologias digitais influenciam como estabelecem relações interpessoais e suas visão de mundo: • Desempenham diversas tarefas simultaneamente • Possuem baixa tolerância a atrasos na comunicação. • Querem assumir papeis ativos e não apenas de espectadores. Fonte: Tapscott, 1997
  • 21. • Tecnologias digitais influenciam como estabelecem relações interpessoais e suas visão de mundo: • Desempenham diversas tarefas simultaneamente • Possuem baixa tolerância a atrasos na comunicação. • Querem assumir papeis ativos e não apenas de espectadores. • Esperam retornos rápidos. Fonte: Tapscott, 1997
  • 22. • Tecnologias digitais influenciam como estabelecem relações interpessoais e suas visão de mundo: • Desempenham diversas tarefas simultaneamente • Possuem baixa tolerância a atrasos na comunicação. • Querem assumir papeis ativos e não apenas de espectadores. • Esperam retornos rápidos. • Burocracias tradicionais os restringem. Fonte: Tapscott, 1997
  • 23. • Valorizam o livre fluxo de idéias. Fonte: Tapscott, 1997
  • 24. • Valorizam o livre fluxo de idéias. • Esperam receber prêmios e reconhecimento. Fonte: Tapscott, 1997
  • 25. • Valorizam o livre fluxo de idéias. • Esperam receber prêmios e reconhecimento. • Raramente o trabalho é o centro de suas vidas – buscam manter um equilíbrio entre trabalho e diversão. Fonte: Tapscott, 1997
  • 26. • Valorizam o livre fluxo de idéias. • Esperam receber prêmios e reconhecimento. • Raramente o trabalho é o centro de suas vidas – buscam manter um equilíbrio entre trabalho e diversão. • Baixa tolerância levando-os a rupturas. Fonte: Tapscott, 1997
  • 27. • Valorizam o livre fluxo de idéias. • Esperam receber prêmios e reconhecimento. • Raramente o trabalho é o centro de suas vidas – buscam manter um equilíbrio entre trabalho e diversão. • Baixa tolerância levando-os a rupturas. • Possuem passatempos e interesses tão ecléticos como seu histórico de navegação na Internet. Fonte: Tapscott, 1997
  • 28. Vendendo para a Geração Y
  • 29. • Amam as marcas Embora se considerem imunes aos esforços de marketing/branding/propaganda. Marcas oferecem credibilidade rápida e fácil em um mundo TMI As marcas mais bem sucedidas não são apenas as que oferecem os melhores produtos, mas que têm o poder de unir, inspirar e falar por seus consumidores As marcas que não compram dizem tanto deles quanto as que compram Fonte: Gen BuY, Kit Yarrow e Jayne O’Donnell, 2009
  • 30. • Confiam no seu poder de escolha Cartões “vale-presentes” têm sido o principal presente nas festas de fim de ano nos EUA Como eles amam comprar, o vale-presente é mais do que o dinheiro, é a permissão para comprar. Ou melhor, é presentear com o ato de comprar Fonte: Gen BuY, Kit Yarrow e Jayne O’Donnell, 2009
  • 31. • Confiam no seu poder de escolha Cartões “vale-presentes” têm sido o principal presente nas festas de fim de ano nos EUA Como eles amam comprar, o vale-presente é mais do que o dinheiro, é a permissão para comprar. Ou melhor, é presentear com o ato de comprar Fonte: Gen BuY, Kit Yarrow e Jayne O’Donnell, 2009
  • 32. O consumo (a compra e o ato de comprar) é um elo que une muitos membros da Geração Y
  • 33. • “Social Retailing” Muito da emoção da compra tem um caráter social, mas para essa turma, isso significa obter a aprovação dos pares antes e/ou durante da compra. 68% dos Y’ers compram com outras pessoas, pelo menos na metade das vezes. Somente 44% dos consumidores mais velhos fazem o mesmo Isso tem provocado mudanças no planejamento da experiência de compra e até na arquitetura das lojas Fonte: Gen BuY, Kit Yarrow e Jayne O’Donnell, 2009
  • 34. Por fim, mais três peculiaridades do consumidor Y • Vendo estrelas • Moda rápida • Comprando high & low Fonte: Gen BuY, Kit Yarrow e Jayne O’Donnell, 2009

×