Your SlideShare is downloading. ×
0
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Hidrografia e a questão da água
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Hidrografia e a questão da água

1,199

Published on

1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
  • Gostei muito desse trabalho e gostaria de usa-lo, evidentemente com a permissão do autor. Obrigado.
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
No Downloads
Views
Total Views
1,199
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Hidrografia e a questãoda água
  • 2. • Imagem sobre ciclo hidrológico ciclo da água
  • 3. RiosCurso de água formados peloencontro das águas doescoamento superficial com aságuas das nascentessubterrâneas
  • 4. Alguns conceitosVagas – agitação marítima, mais que o marulhoInterflúvio – divisor de águas, serras, colinas, montanhaTributários – curso de água que deposita suas águas emoutro rioExutório – todo o escoamento superficial, escoamento finalVale – área de baixa altitudeTalvegue – linha mais baixa de um vale, mais fundo do rioVárzea – terreno as margens de um rio que é inundado emépoca de chuvaVertente – nascenteAssoreamento – obstrução por sedimentosEutrofização – excesso de nutrientes provocado peloexcesso de algasLacustre – relativo a lago
  • 5. Fozestuário deltadesemboca no mar ou desague com váriosoceano, através de braços, ramificados,um único canal formando ilhas
  • 6. Classificação dos rios Curso Regime Densidade Relevo Assoreamento
  • 7. cursoEndorreico Para lagos ou mares fechados Infiltrar-se noArreico solo ou evaporar Para fora dosExorreicos continentes
  • 8. RegimeAbastecimento pela chuva – regime pluvialDerretimento de neve – regime nivalDerretimento de geleiras – regime glacial
  • 9. Está relacionado aoQuanto à densidade clima onde ele se forma perenes e caudalosos temporários Rio formado em Rio formado em região de climas região de climas úmidas secos
  • 10. RelevoRios de planaltos – apresentam declive,escoamento com mais velocidade,potencial para produção de energiahidrelétricaRios de planícies – lentos,apresentam curvas (meândricos)potencial para navegação
  • 11. Quanto o assoreamentoAcúmulo de sedimentos nofundo do rioDiminuição daprofundidade do rioCausas – poluição daregião e desmatamento
  • 12. LagosDepressões do terrenopreenchidas por águaÁreas geológicas antiga jáforam preenchidas porsedimentos e tornaram-sebacias sedimentares
  • 13. Bacias hidrográficasÁreas caracterizadas pela existência de umarede hidrográfica, drenada por um rio principal eseus afluentesAproveitamento econômico: irrigação, abastecemreservatórios urbanos, fornecem alimentos,energia, transporte
  • 14. OceanosMassas de águas salgadas que separam os continentesPacífico, maior e mais profundo (4200 m)Atlântico, comercialização, Europa e AméricaÍndico, terceiro maior, localizado quase inteiramente emárea tropicalÁrtico e o Antártico, glaciais
  • 15. MaresMassas de agua salgadas
  • 16. Golfo - O golfo é uma porção de marque avança pela terra cobrindoextensa áreaBaía - Se o avanço das águas tiver umaextensão considerável e com segurança eprofundidade apropriadas para servir deabrigo às embarcaçõesEnseada - Quando o mar entraligeiramente pela terra
  • 17. Relevo submarino Plataforma continental - Largura variável e profundidade geralmente, vai a 200 metros, mais importante Talude – transição entre a plataforma continental e o fundo do mar (3.000 e 5.000 metros)
  • 18. Abissal – zonas mais profundasMesoceânicas – cordilheiras no meio do oceano,zonas limites de placas tectônicasIlhas vulcânicasFossas abissais – ex. marianas, pacífico,11 000m
  • 19. Movimentos do mar Marulho - movimento de subida e descida do mar, provocado pela ação do vento
  • 20. Ondas – provocada poruma considerávelintensidade de ventosTamanho varia em funçãoda velocidade, podemsuperar 30 metrosArrebentação – regiãoonde as ondas quebram
  • 21. MarésOcorre devido à atração que aLua exerce sobre os oceanosPor onde ela passa o nívelaumentaNível máximo é chamado demaré alta, ou preamar, e o nívelmínimo de maré baixa ou baixa-mar
  • 22. Correntes marítimas Deslocamento das aguas oceânicas, continuamente na mesma direção e velocidade, provocadas pelas diferenças de temperatura, pressão e salinidade das águas Correntes quentes – provenientes de zonas equatoriais Correntes frias – provenientes das regiões polares ou frias
  • 23. Consumo brasileiro O Brasil detém 8% de toda água disponível no mundo para o consumo 80% na região amazônica – 7% da população
  • 24. Desmatamento de nascentes e a poluiçãoagravam a situação45% da população não tem acesso aos serviçosde água tratada e 96 milhões de pessoas vivemsem esgoto sanitário
  • 25. Consumo brasileiroAgricultura consome 59%Uso doméstico 22%Indústria 19%40% da água tratada é desperdiçadaNecessitamos de 40 litros/dia,consumo médio de 200 litros

×