Your SlideShare is downloading. ×
0
Perigos na internet
Perigos na internet
Perigos na internet
Perigos na internet
Perigos na internet
Perigos na internet
Perigos na internet
Perigos na internet
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Perigos na internet

3,136

Published on

Perigos na internet

Perigos na internet

Published in: Education, Technology, Business
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
3,136
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
114
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Os Perigos na Internet O fenómeno da Internet é, • Poder ler a maioria dos sem dúvida, algo de muito jornais do mundo tocando positivo, uma vez que nos abre as portas da apenas algumas teclas; informação global, de uma forma que não • ter acesso a um sem sonharíamos há alguns anos atrás. número de enciclopédias; • ver que filmes estão no cinema, são uma parte ínfima da vastidão de temas e materiais que se podem conseguir na Net.
  • 2. Que Perigos ? Nem sempre é tarefa fácil distinguir entre aquilo que é, ou não, perigoso/ilegal. • Riscos que “saltam à vista”: • a pornografia. O acesso é fácil e os materiais abundam. • pornografia infantil é, outro dos problemas da Net, embora o acesso não seja tão fácil como para a primeira. • sites de conteúdo racista, xenófobo, ou de puro incitamento à violência. No entanto, quando uma porta como esta, se abre, é natural que algumas coisas negativas por ela entrem. E se algumas delas não terão uma importância por aí além, outras requerem alguns cuidados por parte de pais e educadores.
  • 3. Alguns dos perigos mais habituais são: • o Visionamento de material impróprio (ex: pornografia) • o Incitamento à violência e ao ódio • a Violação da privacidade • a Violação da lei • os Encontros “online” com pessoas menos recomendáveis • as Drogas
  • 4. O que fazer? Orientar é sem pais : duvida melhor • comecem por conversar que proibir. abertamente com os seus filhos . O crime também existe na Net e está configurado na lei. É assim possível apresentar queixa às autoridades, quando tal se justifique. Embora não seja fácil em algumas situações trazer os culpados perante a justiça, cada vez mais vêm a publico casos em que os criminosos são efectivamente julgados e condenados
  • 5. Encontros on-line Este é um dos problemas em que as crianças e adolescentes se deparam mais, quando encontrados nos chat's e outro tipo de sites que possam por em risco a sua vida. No entanto, essas crianças/adolescentes podem ser prevenidos, por amigos e família para que posam estar um pouco mais informados sobre os perigos na net. Para que tal aconteça devemos: - Não deixar as crianças navegarem sozinhas. Acompanhando-as quando estão ao computador e apresentando-lhes sites educativos e desafiantes; - Ensina-las a recusar contactos com estranhos e explique-lhes que, no mundo on-line, as pessoas nem sempre são o que dizem ser; - Dizendo-lhes que nunca devem marcar encontros com pessoas desconhecidas através da Internet; - Explicar-lhes porque nunca devem transmitir informações pessoais através do computador.
  • 6. Como podem os seus filhos reduzir o risco de se tornarem vítimas? Há uma série de precauções que as crianças podem tomar, incluindo: • Nunca transferir imagens a partir de uma origem desconhecida — podem ser sexualmente explícitas. • Utilizar filtros de correio electrónico. • Dizer imediatamente a um adulto caso alguma coisa que aconteça online os faça sentir pouco à vontade ou assustados. • Escolher um nome de ecrã não indicador de sexo, que não contenha palavras sexualmente sugestivas, ou revele informações pessoais. • Nunca revelar a ninguém informações pessoais acerca deles mesmos (incluindo idade e sexo), ou acerca da família, e nunca preencher formulários de perfil online de carácter pessoal. Para conhecer regras mais específicas sobre informações pessoais em sites como o Windows Live Spaces ou o MySpace, consulte o artigo Como ajudar os seus filhos a usar com segurança Web sites de redes sociais. • Interromper qualquer comunicação por correio electrónico, conversa através de mensagens instantâneas, ou chats, se alguém começar a fazer perguntas demasiado pessoais ou com sugestões sexuais. • Afixar o acordo familiar relativo à navegação na Internet perto do computador, para os lembrar de que devem proteger a sua privacidade na Internet.
  • 7. Realizado por: BrunaNº5 Diana Nº8

×