Montandodepto Fcr

  • 639 views
Uploaded on

Montando Departamento de Captação - Oficina ministrada no Festival Latinoamericano de captadores de recursos, de 20 a 22 de julho de 2009

Montando Departamento de Captação - Oficina ministrada no Festival Latinoamericano de captadores de recursos, de 20 a 22 de julho de 2009

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
639
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
64
Comments
0
Likes
1

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Montando um
    departamento de
    captação de recursos
  • 2.
    • Captação de Recursos
    Leque de atividades de geração de recursos realizadas por organizações sem fins lucrativos em apoio à sua finalidade principal, independente da fonte ou do método utilizado para gerá-los
    • Mobilização de Recursos
    Não diz respeito apenas a assegurar recursos novos, mas também à otimização dos recursos existentes; à conquista de novas parcerias e à obtenção de fontes alternativas de recursos financeiros
  • 3. ENERGIA
  • 4.
    • Doador
    É o indivíduo ou a instituição que fornece recursos humanos ou financeiros para determinado objetivo
    • Investidor Social
    Indivíduo preocupado com os resultados obtidos, as transformações geradas e a cumplicidade da comunidade para o desenvolvimento da ação
  • 5. GENTE
  • 6. O MODELO AMERICANO: DESDE OS COLONOS
    ATÉ OS DIAS DE HOJE, UM EXEMPLO
  • 7. O MODELO EUROPEU: SOMENTE
    HÁ POUCOS ANOS DEDICAM-SE
    A USAR ESTRATÉGIAS DE FUNDRAISNG
  • 8. BRASIL
  • 9. SUSTENTABILIDADE INSTITUCIONAL
    Mobilizar Recursos pra gerar frutos
    frutos
    DESENVOLVIMENTO SOCIAL
    caule
    AÇÕES
    semente
    DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL
    MISSÃO
  • 10. O QUE É CAPTAR?
    PEDIR DINHEIRO
    CONCILIAR INTERESSES
    OU OUTRAS COISAS
    SUPRIR
    NECESSIDADES
  • 11. ALGUNS MOTIVOS PARA DOAR
    ah…
    Para ser lembrado
    Relacionamento pessoal com a organização
    Satisfação pessoal em ajudar os outros
    Influência religiosa
    Manter ou melhorar status social, prestígio, respeito, admiração
    +34 motivos
    Pesquisados pela Cornerstone Consulting, Inc
  • 12. “Nunca pense que você precisa se desculpar por pedir a alguém que doe para uma causa de valor, é como se você estivesse dando a ele a oportunidade de participar de um investimento de alto nível. O dever dele em dar é igual ao seu em pedir” Rockfeller
  • 13. QUANTOS ERROS TEM AQUI ?
    SOCIEDADE
    ONG
    SOCIEDADE
  • 14. O REAL TAMANHO DAS COISAS
    SOCIEDADE
    doadores
    parceiros
    ONG
    tua prima
    governo
    outras ONGs
    o vizinho
    mil etceteras
    “clientes”
    SOCIEDADE
  • 15.
  • 16. EXERCÍCIO #1 – LISTA DOS ATIVOS
  • 17. FONTES DE RECURSOS
    FUNDAÇÕES
    EMPRESAS
    GOVERNO
    GERAÇÃO DE RENDA
  • 18. DIVERSIFICAÇÃO DE FONTES
    • Interdependência
    • 19. Estabilidade
    • 20. Legitimidade
    • 21. Riqueza de experiências
    • 22. Tem trabalho todo dia
    “Não colocar todos os ovos no mesmo cesto…”
  • 23. A IMPORTÂNCIA DAS PESSOAS
    RECURSOS
    20% - 1 DOADOR
    20% - 2 DOADORES
    20% - 5 DOADORES
    20% - 10 DOADORES
    20% - 500 DOADORES
     
    LEGITIMIDADE
  • 24. REQUISITOS PARA CAPTAR
    Internos
    • Ótima causa
    • 25. Missão sem desvios
    • 26. Administração Interna
    • 27. Casa Arrumada
    Externos
    • Documentação
    • 28. Reconhecimento da comunidade
    • 29. Comunicação
    • 30. Solicitar!
  • COMO CATIVAR AS PESSOAS?
    Convivendo com elas.
    Vivenciando uma causa comum.
  • 31. COTIDIANO DO CAPTADOR
    Usar os conselheiros
    Fazer contatos
    Buscar associados
    Animar voluntários
    Organizar eventos
    Organizar geração de renda
    Lidar com projetos
    Reunir-se com gente
  • 32. TRABALHO DE ESCALA
    LEGITIMIDADE
    PROJETOS E REUNIÕES
  • 33. OS CONTATOS
    EMAIL TELEFONEMA REUNIÃO
    Crescimento da efetividade
    CONTATO
    HUMANO
  • 34. PÓS CAPTAÇÃO
    • Monitoramento e avaliação
    • 35. Números, dados
    • 36. Meta de captação alcançada?
    • 37. Repensar atitudes em contatos
    • 38. Contabilidade e Auditoria
    • 39. Aprendizado para nova campanha
    • 40. Atualização da base de dados
    • 41. Mais um dia começa
  • CAPTAÇÃO É AÇÃO
    CAPTE – MOBILIZE
    MEXA-SE
    QUAL É A SUA CAUSA?
  • 42. MUITO OBRIGADO (mesmo!)
    MOBILIZAÇÃO DE RECURSOS
    Marcelo Estraviz
    marcelo.estraviz@gmail.com
    ABCR
    www.captacao.org
    2009