TECNOLOGIAS TAMBÉM SERVEM PARA INFORMAR E COMUNICAR. Wilma Alves de Oliveira Antonio  (wilmauab@gmail.com)
<ul><li>AS TICs E NTICs </li></ul><ul><li>Tecnologia da Inteligência? </li></ul><ul><ul><li>É imaterial </li></ul></ul><ul...
<ul><ul><ul><ul><li>Todos esses processos chamaram – NTICs. </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Comunicação em te...
<ul><li>Na atualidade – principal forma de comunicação e troca de informação; </li></ul><ul><li>Usa apelo da afetividade; ...
<ul><li>A LINGUAGEM ESCRITA </li></ul><ul><li>Como tecnologia de comunicação surge quando os homens por ser nômades e ocup...
<ul><li>O papel que conhecemos foi criado pelos chineses – Em meados do século XIII, Itália e Espanha iniciaram a fabricaç...
<ul><li>LINGUAGEM DIGITAL </li></ul><ul><li>Articulada com as tecnologias eletrônicas de informação e comunicação; </li></...
<ul><li>Influencia a constituição do conhecimento, valores e atitudes; </li></ul><ul><li>Cria uma nova cultura – realidade...
<ul><li>Redes </li></ul><ul><li>Utiliza a INTERNET – sala de bate papo – sites de relacionados – grupos de discussão (troc...
<ul><li>Mudanças – Hierarquias – individualização do trabalho -  flexibilidade do emprego – processos dominantes; </li></u...
<ul><li>O que há de novo? – tela panorâmica melhor resolução de imagem – 1.080 linhas vídeo – 06 canais de som – alta velo...
<ul><li>INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES </li></ul><ul><li>Pesquisa feita com 3.365 estudantes revela os motivos que os levam a ...
“ Que as aulas sejam dinâmicas, com professores capacitados no uso de internet, data show, vídeo e som, despertando o inte...
“ A tecnologia vem se desenvolvendo sob o princípio de ampliar e aguçar a sensibilidade humana. Isto é, a tecnologia, larg...
REFERÊNCIAS <ul><li>KENSKI, Vani Moreira. Tecnologias também servem para informar e comunicar. In:  Educação e Tecnologias...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Apresentação 2º cap vani

1,158

Published on

Capítulo 2 – Tecnologias também servem para informar e comunicar - Wilma Alves e Margarete Pires

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,158
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
18
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Apresentação 2º cap vani

  1. 1. TECNOLOGIAS TAMBÉM SERVEM PARA INFORMAR E COMUNICAR. Wilma Alves de Oliveira Antonio (wilmauab@gmail.com)
  2. 2. <ul><li>AS TICs E NTICs </li></ul><ul><li>Tecnologia da Inteligência? </li></ul><ul><ul><li>É imaterial </li></ul></ul><ul><ul><li>Não existe como máquina </li></ul></ul><ul><li>L I N G U A G E M </li></ul><ul><li>Surge com o processo de produção industrial da informação – profissões que têm como foco de ação a comunicação de informações e o oferecimento de entretenimento. </li></ul><ul><li>Mídias – meios de comunicação em massa - ampliam o acesso a notícias e informações (Jornais, revistas, rádio, cinema, televisão, etc.). </li></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>“ Baseados no uso da linguagem oral, da escrita e da síntese entre som, imagem e movimentos, o processo de produção e o uso desses meios compreendem tecnologias específicas de informação comunicação” (Kenski, pag. 28). </li></ul></ul></ul></ul></ul>
  3. 3. <ul><ul><ul><ul><li>Todos esses processos chamaram – NTICs. </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Comunicação em tempo REAL (Televisão, redes digitais, internet) </li></ul></ul></ul></ul><ul><li>A LINGUAGEM ORAL </li></ul><ul><li>É a mais antiga – por meios signos – comuns de voz; </li></ul><ul><li>Possibilitou o estabelecimento de diálogo, a transmissão de informação, avisos e notícias; </li></ul><ul><li>Utilizada por grupo social – origem aos idiomas; </li></ul><ul><li>No início da civilização – sociedades orais – definia o espaço da tribo e da cultura do grupo (cantos, poesia, narrativas de lendas e histórias da tribo) – memória do grupo que passa para gerações futuras; </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Na atualidade – principal forma de comunicação e troca de informação; </li></ul><ul><li>Usa apelo da afetividade; </li></ul><ul><li>Utiliza a repetição e à memorização (Rádio e Televisão); </li></ul><ul><li>NA ESCOLA – Professores e Alunos – utiliza a FALA como principal recurso para interagir, ensinar e verificar a aprendizagem; </li></ul><ul><li>O aluno é o que menos fala – são apenas ouvintes, através da voz do professor, televisão e vídeo; </li></ul><ul><li>A informação é transmitida; </li></ul><ul><li>A sociedade oral – memorização, repetição e na continuidade. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>A LINGUAGEM ESCRITA </li></ul><ul><li>Como tecnologia de comunicação surge quando os homens por ser nômades e ocupa um determinado espaço praticam a agricultura; </li></ul><ul><li>Necessitava de compreensão entre a escrita e a leitura – plantar e colher </li></ul><ul><ul><ul><li>Kenski, pag. 29, cita Pierre Lévy, “a própria origem da palavra página viria de pagus , o campo arado e preparado para o plantio”; </li></ul></ul></ul><ul><li>Primeiros registros gráficos – cavernas, ossos, pedras e peles de animais; </li></ul><ul><li>Os egípcios criaram o tipo papel chamado “papiro”; </li></ul><ul><li>“ Pergaminho” – feito de pelo de ovelha, usado pelos nobres e senhores ricos para registrar seus bens; </li></ul>
  6. 6. <ul><li>O papel que conhecemos foi criado pelos chineses – Em meados do século XIII, Itália e Espanha iniciaram a fabricação e depois toda Europa começou a fabricar papel; </li></ul><ul><li>Estimulou à escrita e a impressão de livros; </li></ul><ul><li>Em 1450 – Gutenberg – na Alemanha, inventa um molde de composição tipo gráfico para confeccionar tipos móveis em metal – uma nova tecnologia de impressa gráfica; </li></ul><ul><li>Produção em série de impressos em papel – surgem os jornais, livros e revistas; </li></ul><ul><li>Autonomia da informação – hierarquia social – excluídos todos os “iletrados” – os analfabetos; </li></ul><ul><li>Reorienta a estrutura social – poder e ascensão; </li></ul><ul><li>Surge a necessidade das pessoas irem a escola para aprender LER e ESCREVER – ferramenta auxiliar ao pensamento – exposição de idéias. </li></ul>
  7. 7. <ul><li>LINGUAGEM DIGITAL </li></ul><ul><li>Articulada com as tecnologias eletrônicas de informação e comunicação; </li></ul><ul><li>INFORMA – COMUNICA – INTERAGE E APRENDE; </li></ul><ul><li>É a linguagem da síntese; </li></ul><ul><li>Rompe com as narrativas circulares e repetidas da oralidade; </li></ul><ul><li>Fenômeno descontínuo – dinâmico – aberto e veloz; </li></ul><ul><li>Baseados em hipertextos – documentos interligados e hipermídia (fotos, desenhos, textos, sons, poesias); </li></ul><ul><li>Hipertexto e multimídia realizam síntese e se articulam; </li></ul><ul><li>Expressa em múltiplas TICs – baseado no acesso a computadores, internet, jogos eletrônicos, etc; </li></ul>
  8. 8. <ul><li>Influencia a constituição do conhecimento, valores e atitudes; </li></ul><ul><li>Cria uma nova cultura – realidade informacional. </li></ul><ul><li>A confluência das tecnologias, o híbrido tecnológico </li></ul><ul><li>TICs – NTICs – o digital – provou mudanças radicais; </li></ul><ul><li>Representar e processar qual tipo de informação; </li></ul><ul><li>Reuni computação, as comunicações, conteúdos. Articulando telefones, celulares, computadores, televisores, satélites, etc.. Circular as diferenciadas formas de informação; </li></ul><ul><li>Comunicação em tempo real – simultânea (fazer negócios, trocar informações e experiências, aprender juntos, desenvolver pesquisas e projetos, namorar, jogar, conversar, etc.); </li></ul>
  9. 9. <ul><li>Redes </li></ul><ul><li>Utiliza a INTERNET – sala de bate papo – sites de relacionados – grupos de discussão (trocar idéias, pedir ajuda, interagir, etc.); </li></ul><ul><li>Interligação de computadores; </li></ul><ul><li>INTERNET – rede das redes – espaço possível de integração e articulação no espaço digital – CIBERESPAÇO; </li></ul><ul><li>Une computadores, a linha telefônica, um modem, provedores de acesso e navegador; </li></ul><ul><li>Surge a interatividade digital - ligação entre os computadores; </li></ul><ul><li>Matéria-prima das novas tecnologias – INFORMAÇÃO; </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Mudanças – Hierarquias – individualização do trabalho - flexibilidade do emprego – processos dominantes; </li></ul><ul><li>Dominar a linguagem das redes – tem o poder – estar aberto para as inovações – estado permanente de aprendizagem; </li></ul><ul><li>OBS: Manoel Castells (35 e 36) – Lirvro: Sociedade em Rede. </li></ul><ul><li>Televisão Digital </li></ul><ul><li>Inovação Tecnológica –alta definição de imagem e som; </li></ul><ul><li>Transmissão: terrestre, ondas radiofreqüência, satélite, cabo ou internet; </li></ul><ul><li>Internet – alta velocidade para transmitir os sinais digitais; </li></ul>
  11. 11. <ul><li>O que há de novo? – tela panorâmica melhor resolução de imagem – 1.080 linhas vídeo – 06 canais de som – alta velocidade – acessibilidade e interatividade – usuário pode interagir livremente – armazenar informações no seu receptor – responder e trocar informações – gravação automática de programas – programar a transmissão de programas. </li></ul><ul><li>A nova lógica tecnológica, mudando o mundo </li></ul><ul><li>Próprias lógicas; </li></ul><ul><li>Linguagem; </li></ul><ul><li>Maneiras particulares de comunicar-se; </li></ul><ul><li>Interação e manipulação personalizadas das informações; </li></ul><ul><li>Dinâmica e veloz. </li></ul>
  12. 12. <ul><li>INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES </li></ul><ul><li>Pesquisa feita com 3.365 estudantes revela os motivos que os levam a abandonar o Ensino Médio – Especial: Ensino Médio. Por que você perde seus alunos? (Nova Escola – março/2011). </li></ul><ul><li>APRENDER A ENSINAR MELHOR – O QUE É PRECISO PARA AUMENTAR O NÍVEL DE APRENDIZAGEM DOS ALUNOS DO ENSINO MÉDIO E, ASSIM, MANTER O JOVEM NA ESCOLA. </li></ul><ul><li>“ USO MELHOR DOS ESPAÇOS E ACEITAÇÃO DA TECNOLOGIA . A abordagem dos conteúdos deve prever atividades de experimentação e maior ocupação dos espaços da própria escola e da cidade. Também é preciso abrir-se ao uso de internet e celulares, aproveitando o interesse dos jovens por tais novidades para propor trabalhos com o uso de ferramentas e aplicativos”. (Encarte Nova Escola p. 10). </li></ul>
  13. 13. “ Que as aulas sejam dinâmicas, com professores capacitados no uso de internet, data show, vídeo e som, despertando o interesse do aluo em aprender e não sair da escola”. (Encarte Nova Escola p. 11). “ É preciso difundir exemplos, sem deixar a mensagem ganhar aspecto de sermão. Mídia, programas de televisão como novelas e conteúdos apresentados na sala de aula podem mostrar como ações do presente impactam o futuro de cada um” (Encarte Nova Escola p. 12).
  14. 14. “ A tecnologia vem se desenvolvendo sob o princípio de ampliar e aguçar a sensibilidade humana. Isto é, a tecnologia, larga as capacidades de percepção humana: por exemplo ver mais longe, de forma mais fina, mais concentrada, ultrapassando limites, obstáculos e barreiras como a falta de iluminação, (telescópios, microscópios, raios X, aparelhos de luz infravermelha, micro câmaras. Escutar melhor com as tecnologias como radares, sonares, ultrasom. Sentir melhor através de sensores, ressonância magnética, etc. Outras tecnologias, ajudam à memória e na organização de dados e de informações como o moderno computador. Mas todas essas tecnologias, não tem sentido se por trás dele não esta a sensibilidade atenta do pesquisador que interpreta os sinais, os registros e as informações. (Gamboa & Toro, Campinas, 2001, p. 7-8).  
  15. 15. REFERÊNCIAS <ul><li>KENSKI, Vani Moreira. Tecnologias também servem para informar e comunicar. In: Educação e Tecnologias: o novo ritmo da informação. Campinas,SP: Papirus, 2007, pag. 27-42. </li></ul>
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×