Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
Cinema e educação ok
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Cinema e educação ok

  • 679 views
Published

 

Published in Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
679
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
18
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
    CENTRO DE EDUCAÇÃO
    CURSO DE PEDAGOGIA
    DISCIPLINA: Tecnologias da Informação e da Comunicação na Educação
    Professores: Luís Paulo Mercado e Yara da Costa Silva e Neves
    Alunas: Maria Cláudia
    Dayana Christian
    Mayara Tamara
    Turma: 2011.1 Noturno
    CINEMA E EDUCAÇÃO
  • 2. CINEMA E EDUCAÇÃO
    Assistir para entender:
    Um filme não precisa ser didático para ensinar valores importantes na formação dos alunos.
    O cinema é capaz de alimentar o intelecto com diversão e criticidade.
  • 3. CINEMA E EDUCAÇÃO
    Nas primeiras décadas do século XX, a relação entre cinema e educação deu origem a um intenso debate, em publicações da imprensa diária e em revistas especializadas de diversos setores sociais, tais como: educadores, cineastas, políticos, membros da igreja católica e de movimentos anarquistas.
  • 4. CINEMA E EDUCAÇÃO
    Em 1936 surge o Instituto Nacional de Cinema Educativo, dirigido por Roquette-Pinto e tendo o cineasta Humberto Mauro como técnico do Instituto. No INCE, entre 1936 e 1964, Mauro realizou 357 filmes pedagógicos e científicos. Nas décadas de 1930 e 1940, principalmente, os filmes produzidos correspondiam ao objetivo de reinventar o Brasil, mostrando a natureza exuberante e o homem primitivo como marcas de nossa nacionalidade.
  • 5. CINEMA E EDUCAÇÃO
    A possibilidade de uso do cinema como instrumento pedagógico, doutrinário ou de propaganda estava colocada, no início do século XX, em vários países do mundo e independentemente da ideologia que professavam.
    A utilização do cinema como veículo e ferramenta de ensino-aprendizagem oportuniza enfocar os aspectos culturais, históricos, literários e políticos, proporcionando uma visão integral do cinema enquanto mídia educativa.
  • 6. CINEMA E EDUCAÇÃO
    Pelo que se pode observar na literatura sobre o cinema educativo, entre os anos de 1920 e 1930 no Brasil, é que havia um debate mundial sobre este uso do cinema e a produção de diversos filmes com este objetivo.
  • 7. CINEMA E EDUCAÇÃO
    A relação entre cinema e educação, seja no contexto da educação escolar ou da educação informal, é parte da própria história do cinema. Desde os primórdios das produções cinematográficas, produtores e diretores de cinema o consideravam como uma poderosa ferramenta para instrução, educação e reflexão humanas.
    A inserção de novas estratégias de desenvolvimento do processo de ensino-aprendizagem é primordial para a inovação pedagógica e a adequação às mudanças sociais com a finalidade de proporcionar uma formação integral aos cidadãos. Nesse contexto o cinema se torna uma ferramenta educativa cheia de potencialidades ao constituir-se em um meio de contribui para a mudança social. Ao ser percebido como uma mídia educacional o cinema tem a possibilidade de inserir-se na sala de aula de forma promissora
  • 8. CINEMA E EDUCAÇÃO
    O USO DO CINEMA NA SALA DE AULA
    Para haver sinergia entre cinema e educação deve-se realizar uma análise correta da mensagem cinematográfica aliada ao contexto educativo. O professor deve auxiliar o aluno funcionando como elo entre o que o cinema proporciona e o conjunto de conhecimentos a serem construídos na relação de aprendizagem.
     O cinema, enquanto mídia educativa possui grande potencial pedagógico uma vez que é muito mais fácil, tanto para uma criança, quanto para um adulto, absorver informações advindas de estímulos audiovisuais. O filme auxilia o professor a romper com o modelo tradicional de aula baseada na explanação, podendo servir tanto para expor conteúdos quanto para ilustrar conceitos e demonstrar experiências.
  • 9. CINEMA E EDUCAÇÃOPORQUE USAR O CINEMA NA SALA DE AULA?
    Ao considerarmos os conhecimentos e saberes contidos nos filmes, transcendemos o uso do cinema e do audiovisual como ilustração, motivação e exemplo. Cinema é arte.
    “As artes auxiliam na formação do cidadão ao”:
     Mobilizar a expressão e a comunicação pessoal;
    Intensificar as relações dos indivíduos tanto com seu mundo interior como com o exterior;
     Auxiliá-lo a compreender a diversidade de valores que orientam tanto seus modos de pensar e agir como os da sociedade;
     Favorecer o entendimento da riqueza e diversidade da imaginação humana;
     Torná-lo capaz de perceber sua realidade cotidiana mais vivamente, reconhecendo e decodificando formas, sons, gestos e movimentos que estão à sua volta”. (www.cineedu.com.br/page11.html)
  • 10. FONTES
    www.infoescola.com
    www.cineduc.org.br
    www.ideario.org.br
    www.planetaeducacao.com.br
    www.espacoacademico.com.br
    www.cineedu.com.br