Programação Web com RubyOnRails
O problema
O problema <ul><li>Aumentar a produtividade </li></ul>
O problema <ul><li>Aumentar a produtividade
Falta de bons programadores </li></ul>
Nosso objetivo
Nosso objetivo <ul><li>Formar desenvolvedores para a FOCO|Virtual </li></ul>
Nosso objetivo <ul><li>Formar desenvolvedores para a FOCO|Virtual
Formar empreendedores </li></ul>
Como faremos isso ?
Como faremos isso ? <ul><li>Conhecer o porque das coisas </li></ul>
Como faremos isso ? <ul><li>Conhecer o porque das coisas
Exemplos práticos </li></ul>
Como faremos isso ? <ul><li>Conhecer o porque das coisas
Exemplos práticos
Oque fazer depois do curso </li></ul>
Por que usar Ruby ?
Por que usar Ruby ? <ul><li>Porque é gostoso programar com Ruby </li></ul>
Por que usar Ruby ? <ul><li>Porque é gostoso programar com Ruby
É simples de ler e entender </li></ul>
Por que usar Ruby ? <ul><li>Porque é gostoso programar com Ruby
É simples de ler e entender
Foco no negócio </li></ul>
Por que usar Ruby ? <ul><li>Porque é gostoso programar com Ruby
É simples de ler e entender
Foco no negócio
A comunidade </li></ul>
Por que usar Ruby ? <ul><li>Porque é gostoso programar com Ruby
É simples de ler e entender
Foco no negócio
A comunidade
O ecossistema </li></ul>
Então porque poucas empresas usam Ruby ?
Então porque poucas empresas usam Ruby ? <ul><li>Não existe nenhuma grande empresa mantenedora </li></ul>
Então porque poucas empresas usam Ruby ? <ul><li>Não existe nenhuma grande empresa mantenedora
Falta de profissionais </li></ul>
Quem mantém o Ruby então ?
Quem mantém o Ruby então ? <ul><li>A comunidade </li></ul>
Oba. O Ruby é a linguagem perfeita então ?
Oba. O Ruby é a linguagem perfeita então ? <ul><li>O Ruby ainda é lento </li></ul>
Como o Ruby surgiu
Como o Ruby surgiu <ul><li>Concebido em 1993 por Yukihiro Matsumoto &quot;Matz&quot; </li></ul>
Como o Ruby surgiu <ul><li>Concebido em 1993 por Yukihiro Matsumoto &quot;Matz&quot;
Lançado em 1995 - Versão 0.95 </li></ul>
Como o Ruby surgiu <ul><li>Concebido em 1993 por Yukihiro Matsumoto &quot;Matz&quot;
Lançado em 1995 - Versão 0.95
25/12/1996 – Ruby 1.0 </li></ul>
Como o Ruby surgiu <ul><li>Concebido em 1993 por Yukihiro Matsumoto &quot;Matz&quot;
Lançado em 1995 - Versão 0.95
25/12/1996 – Ruby 1.0
Atualmente - 1.9.1 </li></ul>
Características
Características <ul><li>Orientada a objetos </li></ul>
Características <ul><li>Orientada a objetos
Interpretada </li></ul>
Características <ul><li>Orientada a objetos
Interpretada
Tipagem forte e dinâmica </li></ul>
Características <ul><li>Orientada a objetos
Interpretada
Tipagem forte e dinâmica
Metaprogramação </li></ul>
Implementações de Ruby
Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz </li></ul>
Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
REE - MRI tunado, poupa memória </li></ul>
Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
REE - MRI tunado, poupa memória
JRuby - Usa a JVM e libs Java </li></ul>
Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
REE - MRI tunado, poupa memória
JRuby - Usa a JVM e libs Java
IronRuby - Roda com .NET </li></ul>
Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
REE - MRI tunado, poupa memória
JRuby - Usa a JVM e libs Java
IronRuby - Roda com .NET
Rubinius - Ruby escrito em Ruby </li></ul>
Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
REE - MRI tunado, poupa memória
JRuby - Usa a JVM e libs Java
IronRuby - Roda com .NET
Rubinius - Ruby escrito em Ruby
MagLev - VM do SmallTalk </li></ul>
Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
REE - MRI tunado, poupa memória
JRuby - Usa a JVM e libs Java
IronRuby - Roda com .NET
Rubinius - Ruby escrito em Ruby
MagLev - VM do SmallTalk
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Slides do curso Programação web com RubyOnRails

1,789

Published on

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,789
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
36
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Slides do curso Programação web com RubyOnRails

  1. 1. Programação Web com RubyOnRails
  2. 2. O problema
  3. 3. O problema <ul><li>Aumentar a produtividade </li></ul>
  4. 4. O problema <ul><li>Aumentar a produtividade
  5. 5. Falta de bons programadores </li></ul>
  6. 6. Nosso objetivo
  7. 7. Nosso objetivo <ul><li>Formar desenvolvedores para a FOCO|Virtual </li></ul>
  8. 8. Nosso objetivo <ul><li>Formar desenvolvedores para a FOCO|Virtual
  9. 9. Formar empreendedores </li></ul>
  10. 10. Como faremos isso ?
  11. 11. Como faremos isso ? <ul><li>Conhecer o porque das coisas </li></ul>
  12. 12. Como faremos isso ? <ul><li>Conhecer o porque das coisas
  13. 13. Exemplos práticos </li></ul>
  14. 14. Como faremos isso ? <ul><li>Conhecer o porque das coisas
  15. 15. Exemplos práticos
  16. 16. Oque fazer depois do curso </li></ul>
  17. 17. Por que usar Ruby ?
  18. 18. Por que usar Ruby ? <ul><li>Porque é gostoso programar com Ruby </li></ul>
  19. 19. Por que usar Ruby ? <ul><li>Porque é gostoso programar com Ruby
  20. 20. É simples de ler e entender </li></ul>
  21. 21. Por que usar Ruby ? <ul><li>Porque é gostoso programar com Ruby
  22. 22. É simples de ler e entender
  23. 23. Foco no negócio </li></ul>
  24. 24. Por que usar Ruby ? <ul><li>Porque é gostoso programar com Ruby
  25. 25. É simples de ler e entender
  26. 26. Foco no negócio
  27. 27. A comunidade </li></ul>
  28. 28. Por que usar Ruby ? <ul><li>Porque é gostoso programar com Ruby
  29. 29. É simples de ler e entender
  30. 30. Foco no negócio
  31. 31. A comunidade
  32. 32. O ecossistema </li></ul>
  33. 33. Então porque poucas empresas usam Ruby ?
  34. 34. Então porque poucas empresas usam Ruby ? <ul><li>Não existe nenhuma grande empresa mantenedora </li></ul>
  35. 35. Então porque poucas empresas usam Ruby ? <ul><li>Não existe nenhuma grande empresa mantenedora
  36. 36. Falta de profissionais </li></ul>
  37. 37. Quem mantém o Ruby então ?
  38. 38. Quem mantém o Ruby então ? <ul><li>A comunidade </li></ul>
  39. 39. Oba. O Ruby é a linguagem perfeita então ?
  40. 40. Oba. O Ruby é a linguagem perfeita então ? <ul><li>O Ruby ainda é lento </li></ul>
  41. 41. Como o Ruby surgiu
  42. 42. Como o Ruby surgiu <ul><li>Concebido em 1993 por Yukihiro Matsumoto &quot;Matz&quot; </li></ul>
  43. 43. Como o Ruby surgiu <ul><li>Concebido em 1993 por Yukihiro Matsumoto &quot;Matz&quot;
  44. 44. Lançado em 1995 - Versão 0.95 </li></ul>
  45. 45. Como o Ruby surgiu <ul><li>Concebido em 1993 por Yukihiro Matsumoto &quot;Matz&quot;
  46. 46. Lançado em 1995 - Versão 0.95
  47. 47. 25/12/1996 – Ruby 1.0 </li></ul>
  48. 48. Como o Ruby surgiu <ul><li>Concebido em 1993 por Yukihiro Matsumoto &quot;Matz&quot;
  49. 49. Lançado em 1995 - Versão 0.95
  50. 50. 25/12/1996 – Ruby 1.0
  51. 51. Atualmente - 1.9.1 </li></ul>
  52. 52. Características
  53. 53. Características <ul><li>Orientada a objetos </li></ul>
  54. 54. Características <ul><li>Orientada a objetos
  55. 55. Interpretada </li></ul>
  56. 56. Características <ul><li>Orientada a objetos
  57. 57. Interpretada
  58. 58. Tipagem forte e dinâmica </li></ul>
  59. 59. Características <ul><li>Orientada a objetos
  60. 60. Interpretada
  61. 61. Tipagem forte e dinâmica
  62. 62. Metaprogramação </li></ul>
  63. 63. Implementações de Ruby
  64. 64. Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz </li></ul>
  65. 65. Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
  66. 66. REE - MRI tunado, poupa memória </li></ul>
  67. 67. Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
  68. 68. REE - MRI tunado, poupa memória
  69. 69. JRuby - Usa a JVM e libs Java </li></ul>
  70. 70. Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
  71. 71. REE - MRI tunado, poupa memória
  72. 72. JRuby - Usa a JVM e libs Java
  73. 73. IronRuby - Roda com .NET </li></ul>
  74. 74. Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
  75. 75. REE - MRI tunado, poupa memória
  76. 76. JRuby - Usa a JVM e libs Java
  77. 77. IronRuby - Roda com .NET
  78. 78. Rubinius - Ruby escrito em Ruby </li></ul>
  79. 79. Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
  80. 80. REE - MRI tunado, poupa memória
  81. 81. JRuby - Usa a JVM e libs Java
  82. 82. IronRuby - Roda com .NET
  83. 83. Rubinius - Ruby escrito em Ruby
  84. 84. MagLev - VM do SmallTalk </li></ul>
  85. 85. Implementações de Ruby <ul><li>MRI - Ruby do Matz
  86. 86. REE - MRI tunado, poupa memória
  87. 87. JRuby - Usa a JVM e libs Java
  88. 88. IronRuby - Roda com .NET
  89. 89. Rubinius - Ruby escrito em Ruby
  90. 90. MagLev - VM do SmallTalk
  91. 91. MacRuby - Usando Objective-C </li></ul>
  92. 92. Versões do Ruby MRI
  93. 93. Versões do Ruby MRI <ul><li>1.8.6 </li></ul>
  94. 94. Versões do Ruby MRI <ul><li>1.8.6
  95. 95. 1.8.7 </li></ul>
  96. 96. Versões do Ruby MRI <ul><li>1.8.6
  97. 97. 1.8.7
  98. 98. 1.9.1 </li></ul>
  99. 99. Versões do Ruby MRI <ul><li>1.8.6
  100. 100. 1.8.7
  101. 101. 1.9.1
  102. 102. 1.9.2 RC </li></ul>
  103. 103. Blablablabla, vamos logo ao que interessa
  104. 104. Instalando o Ruby
  105. 105. Instalando o Ruby <ul><li>No Ubuntu, é claro </li></ul>
  106. 106. Instalando o Ruby <ul><li>No Ubuntu, é claro
  107. 107. O Ruby não gosta do Windows </li></ul>
  108. 108. Instalando o Ruby <ul><li>No Ubuntu, é claro
  109. 109. O Ruby não gosta do Windows
  110. 110. Mac já vem com Ruby, ebaaaaaaa </li></ul>
  111. 111. O melhor jeito de instalar <ul><li>sudo apt-get install curl bison build-essential zlib1g-dev libssl-dev libreadline5-dev libxml2-dev git-core ruby rubygems </li></ul>
  112. 112. Rodando Ruby
  113. 113. Rodando Ruby <ul><li>irb </li></ul>
  114. 114. Rodando Ruby <ul><li>irb
  115. 115. ruby </li></ul>
  116. 116. Rodando Ruby <ul><li>irb
  117. 117. ruby
  118. 118. shebang </li></ul>
  119. 119. Vamos por a mão na massa <ul><li>Arrays e Hashs
  120. 120. Strings, numbers, symbols
  121. 121. Estruturas de controle - If, While
  122. 122. Blocks
  123. 123. Métodos, classes e objetos </li></ul>
  124. 124. RubyGems
  125. 125. RubyOnRails
  126. 126. RubyOnRails <ul><li>O que é o Rails ? </li></ul>
  127. 127. RubyOnRails <ul><li>O que é o Rails ?
  128. 128. Criado em 2004 por David Heinemeier Hansson </li></ul>
  129. 129. RubyOnRails <ul><li>O que é o Rails ?
  130. 130. Criado em 2004 por David Heinemeier Hansson
  131. 131. Atualmente – versão 2.3.8 </li></ul>
  132. 132. RubyOnRails <ul><li>O que é o Rails ?
  133. 133. Criado em 2004 por David Heinemeier Hansson
  134. 134. Atualmente – versão 2.3.8
  135. 135. Em breve – versão 3 </li></ul>
  136. 136. Sites que usam Rails
  137. 137. Entendendo o conceito MVC
  138. 138. A filosofia e o design do Rails
  139. 139. A filosofia e o design do Rails <ul><li>Convention over Configuration (CoC) </li></ul>
  140. 140. A filosofia e o design do Rails <ul><li>Convention over Configuration (CoC)
  141. 141. Don't Repeat Yourself (DRY) </li></ul>
  142. 142. Componentes do framework
  143. 143. Componentes do framework <ul><li>Action Controller </li></ul>
  144. 144. Componentes do framework <ul><li>Action Controller
  145. 145. Action View </li></ul>
  146. 146. Componentes do framework <ul><li>Action Controller
  147. 147. Action View
  148. 148. Active Record </li></ul>
  149. 149. Componentes do framework <ul><li>Action Controller
  150. 150. Action View
  151. 151. Active Record
  152. 152. Action Mailer </li></ul>
  153. 153. Componentes do framework <ul><li>Action Controller
  154. 154. Action View
  155. 155. Active Record
  156. 156. Action Mailer
  157. 157. Active Resource </li></ul>
  158. 158. Componentes do framework <ul><li>Action Controller
  159. 159. Action View
  160. 160. Active Record
  161. 161. Action Mailer
  162. 162. Active Resource
  163. 163. Railties </li></ul>
  164. 164. Componentes do framework <ul><li>Action Controller
  165. 165. Action View
  166. 166. Active Record
  167. 167. Action Mailer
  168. 168. Active Resource
  169. 169. Railties
  170. 170. Active Support </li></ul>
  171. 171. REST
  172. 172. 78 slides depois... vamos ao que interessa
  173. 173. Para tudo há uma gem
  174. 174. Para tudo há uma gem <ul><li>Autenticação (Authlogic, Devise)
  175. 175. Upload de arquivos (Paperclip, CarrierWave)
  176. 176. Paginação (WillPaginate)
  177. 177. http://www.ruby-toolbox.com/ </li></ul>
  178. 178. GitHub
  179. 179. Colocando o site no ar
  180. 180. Colocando o site no ar <ul><li>Goodbye FTP... hello Capistrano </li></ul>
  181. 181. Colocando o site no ar <ul><li>Goodbye FTP... hello Capistrano
  182. 182. Apache e Passenger </li></ul>
  183. 183. Ecossitema Rails <ul><li>Editores
  184. 184. Hospedagens
  185. 185. A comunidade
  186. 186. Eventos </li></ul>
  187. 187. E agora ???
  188. 188. E agora ??? <ul>guides.rubyonrails.org <li>akitaonrails.com
  189. 189. nomedojogo.com </li></ul>
  190. 190. Apoiadores
  191. 191. Obrigado a todos
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×