• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Projeto Co2 Neutro
 

Projeto Co2 Neutro

on

  • 2,973 views

Projeto Co2 neutro é uma grande oportunidade de investimento que alinha retorno financeiro e preservação do meio ambiente.

Projeto Co2 neutro é uma grande oportunidade de investimento que alinha retorno financeiro e preservação do meio ambiente.

Statistics

Views

Total Views
2,973
Views on SlideShare
2,952
Embed Views
21

Actions

Likes
0
Downloads
28
Comments
0

2 Embeds 21

http://www.orgadem.org.br 18
http://www.slideshare.net 3

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Projeto Co2 Neutro Projeto Co2 Neutro Presentation Transcript

    •  CO2 Neutro2010
      Anulação de Carbono e Sustentabilidade
      1
    • EmpreendimentoCO2 Neutro
      O empreendimento  CO2 Neutroprevê a montagem de um Portal que é umaferramenta interativa que permite calcular e identificar a emissão anual de dióxido de carbono (CO2) de qualquer atividade, e apresenta alternativas de como anulá-la com o plantio de árvores nativas.
      2
    • Sistema responde e com o número de arvores necessárias para anular o CO2
      =
      seleciona a forma de pagamento
      Define a Atividade que deseja Neutralizar
      Plantio é efetivado
      Cliente Acessa o site
      Instituição de renome certifica o plantio
      Cliente acompanha o seu plantio pelo site
      Empreendimento CO2 Neutro
      3
    • Elementos de diferenciação
      Um dos principais diferenciais do produto a ser ofertado pela CO2 Neutroé sua forma de comercialização.
      É transparente na prestação de contas e nas informações sobre as áreas de plantio:
      Georreferenciamento de todos os plantios
      Fotos atualizadas semestralmente das áreas
      Responsabilidade social
      4
    • Elementos de diferenciação
      Estratégia de venda do produto:
      Será oferecido a grandes empresas nos segmentos de telecomunicação, transporte e serviços permitindo que seus clientes optem, na contratação do serviço, em anular a emissão de CO2, existindo uma tarifa adicional cobrada na fatura, ganhando desta forma escala e alavancando o faturamento.
      5
    • Previsão de vendas
      De acordo com a pesquisa de mercado, foi projetada uma média de vendas mensais em torno de R$ 97.240 , o que representa 0,2% do mercado da região a ser atendida pela CO2 Neutro.
      6
    • Processosde CO2
      Atualização
      Vendas
      7
    • Produção de Mudas
      A Unidade produtora de mudas do CO2 Neutrotem como objetivo reduzir custos do plantio verticalizando a produção de mudas e garantindo o abastecimento de toda a demanda de plantio que surgir.
      Será instalada na zona rural em uma área de 1.148 metros quadrados, com água abundante, energia elétrica, circulação adequada de ar e as seguintes condições de infra-estrutura:
      Capacidade de Produção mensal: 19.444 mudas
      Capacidade de Armazenamento: 68.888 mudas
      Mão de Obra: 6 operários e 1 coordenador
      Custos de Implantação: R$ 15.796
      Custos de Mensal: 6.277,00
      8
    • Tipo de Mudas a serem plantadas
      AcaciaMangium
      AcaciaMangiumé uma nova árvore capaz de produzir madeira de excelente qualidade, crescer 5 m/ano ou 321,93 m3/ha em 5 anos. Na Índia, a espécie vem sendo empregada em substituição à Teca (Tectonagrandis), com vantagem e maior lucratividade, rendendo até US$ 91.856,75 por hectare.
      Sua madeira é largamente utilizada nas indústrias de base florestal para a fabricação de papel e celulose; móveis de excelente qualidade, portas, carvão, MDF, madeira-cimento, aglomerados, laminados, tábua de fibra de madeira e cimento (WWCB), OSB e moradias, a exemplo do que vêm sendo feito nas Filipinas.
      Além do retorno econômico garantido, o reflorestamento de AcaciaMangiumpermite a recuperação dos solos degradados e impróprios para a agricultura.
      Com a instituição das novas políticas de despoluição da atmosfera, as empresas poluidoras pagarão aos reflorestadores pela remoção do CO2 lançado na atmosfera. Preços estes que têm oscilado entre US$ 20 e US$ 100,00 por tonelada de carbono retirado. Deste modo, a fixação de CO2 pela AcaciaMangiumpode proporcionar ganhos adicionais de até US$ 558.00 ha/ano, mediante a venda de bônus. Esta nova oportunidade de investimento levou a estudar a espécie e desenvolver variedades adaptadas aos mais diferentes climas brasileiros.
      9
    • Tipo de Mudas a serem plantadas
      Babosa branca
      (Cordiasuperba)
      Árvore de médio porte, folhas simples, largas, duras. Forma copa bem fechada. Flores brancas grandes muito vistosas. Fruto redondo branco comestível, muito apreciado pela fauna. sua polpa externa é visguenta, daí o nome. Espécie nativa bem utilizada em paisagismo urbano pela beleza de sua floração. Encontrada com pouca freqüência na região, principalmente mais a leste (Caratinga). Pelo fato de ser encontrada com mais freqüência em paisagismo urbano e plantada em fazendas, confunde-se com as poucas nativas. Sua floração ocorre de Janeiro a Fevereiro. Existem outros tipos de cordias nativas, porém esta é a mais bonita. Bastante apreciada por pássaros.
      10
    • Tipo de Mudas a serem plantadas
      Angico branco
      Denominam-se de angicos, várias espécies de leguminosas-mimosoídeas de folhas miúdas, frutos alongados do tipo vagem ou legume (não confundir com legumes da alimentação), com sementes redondas e achatadas. Assim, temos o angico-rajado (Parapiptadeniarigida), o angico-branco (Anadenantheracolubrina), o angico-do-cerrado (Anadenantherafalcata), o angico-vermelho (Anadenantheramacrocarpa), entre outras espécies próximas. Normalmente são árvores de médio a grande porte, comuns em capoeiras ou na colonização de áreas abertas, no inverno perdendo totalmente as folhas.
      A espécie mais comum em nossa região é o angico-branco (Anadenantheracolubrina), encontrando-se boa parte das árvores em intensa florada entre novembro e janeiro. Suas flores diminutas são agrupadas em pequenos "pompons" brancos, por sua vez agrupados em cachos grandes, revestindo de branco as copas verdes (se não temos neve temos flores no Natal!). Possui tronco acinzentado, tortuoso e alto, com copa ampla de folhagem rarefeita, no total chegando aos 20-25 metros.
      11
    • Tipo de Mudas a serem plantadas
      Copaíba(CopaiferaLangsdorffii)
      Árvore muito frondosa tem seu melhor habitat na floresta Amazônica tendo, no entanto, sua presença constatada nas florestas que vão do Paraná, Centroeste ao Nordeste Brasileiro.Quando adulta pode chegar a 40 metros de altura e suas sementes são propagadas por diversos pássaros e animas no seio da floresta.Por suas sementes serem muito apreciada por pássaros e animais a copaíba é muito utilizada pelas etnias da AMAZÔNIA como um ótimo local para a espera de caça.No planeta existem 34 espécie do vegetal sendo que no Brasil foram constatadas 16 espécies.O óleo é extraído do tronco da arvores fazendo um furo que atinja o veio.Além do óleo a copaíbaforneceexcelentemadeira.
      12
    • Tipo de Mudas a serem plantadas
      Cedro Australiano
      Depois do eucalipto, o Cedro Australiano pode esta sendo a nova espécie estrangeira, adaptada às condições brasileiras. A rentabilidade chega a R$ 10 mil por ano a cada hectare, enquanto o eucalipto rende apenas R$ 1 mil. A madeira do cedro australiano supera o mogno africano, mogno brasileiro hoje sendo uma das madeiras mais cara no mercado sendo mais fácil de produzir por que a espécie cedro australiano nao tem o ataque da broca sendo que o mogno africano e mogno brasileiro já foram constatados que é ataca pela broca.
      13
    • Tipo de Mudas a serem plantadas
      Guanandi
      A grande vantagem do guanandi, em relação ao eucalipto, teca e o mogno é que o guanandi é uma planta nativa do Brasil, com mais vantagens para o meio ambiente e a bio diversidade. Outra vantagem é que ocorre em todos os Estados brasileiros sendo versátil a todos os tipos de solos e climas, enquanto por exemplo, a teca só se da bem no Mato Grosso do Norte por questões climáticas e o mogno é atacado no mundo inteiro pela praga HypsipylagrandelaZeller tornando impossível o seu cultivo.
      Quanto à comparação com eucalipto, embora madeira excelente para celulose e papel, é madeira inferior ao guanandi, este sim, madeira de Lei para movelaria fina, uso naval porque é imputrescível em contato com a água, reconhecido desde os tempos do império, tendo merecido o primeiro decreto imperial brasileiro em 1835, declarando o guanandi a primeira madeira de Lei do pais. Dessa forma, o eucalipto e o pinus são muito plantados para industria de papel (Aracruz, Votorantin, Aracel, etc.) sendo cotado em torno de R$ 50,00 o metro cúbico, enquanto uma madeira de Lei como a Teca, o Guanandi e o Mogno tem valor de mercado em torno de U$$ 1.500,00 o metro cúbico, portanto um preço pelo metro cúbico 60 vezes maior que o eucalipto e o pinus.
      14
    • Tipo de Mudas a serem plantadas
      JatrophasCurcas
      Sendo uma cultura existente de forma espontânea em áreas de solos pouco férteis e de clima desfavorável, o pinhão manso pode ser considerado uma das mais promissoras oleaginosas do Brasil, para substituir o diesel de petróleo, apresentando ainda como vantagens o fato de não ser afetado (até o presente) por nenhuma praga e tem uma produtividade entre 6.000,00 a 14.000,00 Kg/ha com 36% de teor de óleo. É altamente resistente a doenças e os insetos não o atacam, pois ele segrega um leite que queima.
      15
    • Plantio
      Será desenvolvido por equipe sobre a orientação de um técnico agrícola.
      Os plantios serão realizados com a utilização de equipamento agrícolas como perfurador de solo e roçadeira, de maneira a agilizar o processo e reduzir custos
      Mão de Obra:
      - 11 operários dedicados as atividades de limpeza das áreas, plantio e manutenção
      - Técnico Agrícola
      - Coordenador de campo
      16
    • Monitoramento
      Registro e monitoramento periódico, sendo todos os dados registrados em um banco de dados on-line contendo:
      Posição GPS do Plantio
      Foto da área
      Cultura
      Desenvolvimento
      Entre outros
      17
    • empreendimento
      18
    • Estrutura do CO2 Neutro:
      • Administração
      • Comercial
      • Controle de qualidade
      • Operação
      19
    • Cronograma do Projeto
      Total dos Investimentos:
      R$ 200.000
      20
    • A Neutralização de Dióxido de Carbono é uma atitude voluntária que consiste na retirada de uma quantidade de Dióxido de Carbono da atmosfera, emitido pela queima de combustíveis fósseis, através de investimentos em projetos ambientais. A atividade que o CO2 Neutro irá desenvolver é uma atividade recente e pouco difundida no Brasil.
      O mercado
      21
    • Mercado Potencial
      O Mercado alvo do CO2 Neutro ® é composto por medias e grandes empresas e por integrante da classe A e B da região sudeste do Brasil e do centro/norte da Itália.
      Segundo estatísticas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, em 2006, existiam no Brasil 5,7 milhões de empresas e outras organizações.
      De acordo com os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística na região sudeste brasileira as classes A e B totalizam uma população de3.6 milhões de pessoas que possuem rendimento superior a 10 salários mínimos, que representam um potencial de compra aproximado de R$ 533 milhões por mês.
      22
    • Quem Somos
      Contatos:
      Rua Sete de Setembro, 92 sala 1503 Centro - Rio Janeiro – RJ
      Fone: (21)223-29159
      E-mails:orgadem@orgadem.org.br
      Presidente: CesareFea
      cesarefea@yahoo.com.br
      Site:
      www.orgadem.org.br
      ORGADEM - A ORGADEM – Organização de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios, é um agente do terceiro setor que tem por finalidades fomentar, planejar e executar o desenvolvimento municipal
      23