MÓdulo De IntroduÇÃo Ao Marketing

46,670 views

Published on

Published in: Business, Technology
5 Comments
7 Likes
Statistics
Notes
  • Olá,
    Você é meu convidado para participar da maior oportunidade de negócios da internet no Brasil.

    A WINCASH! Seu Futuro é aqui!
    Uma empresa que trabalha com sistema de compras remuneradas e que possibilita através do poder da rede ganhos extraordinários.
    Na WinCash você poderá ganhar dinheiro de 2 formas:

    A primeira é com o Bônus Indicação.
    E a segunda é o Residual.

    A WinCash vem com a proposta para você comprar e ganhar, indicar e ganhar.

    Com os ganhos de indicação você poderá chegar aos 27.493.300,00 no seu 7º nível.

    Tenha Ganhos Residuais pelas suas compras realizadas no SuperShop, pelas compras das pessoas que você indicar e pelas compras das pessoas que eles indicarem em DINHEIRO e também ganhe pelas indicações de novos Afiliados.

    Cadastro de Apenas R$ 50,00 e você já recebe um Pacote de 150 SMS's para enviar para qualquer operadora e com várias ferramentas pelo nosso site.
    Os seus ganhos nas Afiliações podem passar dos :
    R$ 10.000,00 com apenas 155 pessoas na sua rede,
    R$ 70.000,00 com apenas 780 novos Afiliados,
    R$ 500.000,00 com pouco mais de 3.900 Afiliados
    e os ganhos não param, indicadas por você e pela sua rede, sistema com derramamento.

    Conheça mais sobre as formas de Ganhos e os planos no site da Wincash Brasil.
    Acesse o site:http://www.wincashbrasil.com/23611
    CADASTRE-SE, INDIQUE, COMPRE E GANHE!
    Faça o seu Cadastro!!!!
    Mais Detalhes no Video abaixo!
    http://www.youtube.com/watch?v=wqEv26jjXwM
    Facebook:https://www.facebook.com/wincash.lideralan.1
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • Olá,
    Você é meu convidado para participar da maior oportunidade de negócios da internet no Brasil.

    A WINCASH! Seu Futuro é aqui!
    Uma empresa que trabalha com sistema de compras remuneradas e que possibilita através do poder da rede ganhos extraordinários.
    Na WinCash você poderá ganhar dinheiro de 2 formas:

    A primeira é com o Bônus Indicação.
    E a segunda é o Residual.

    A WinCash vem com a proposta para você comprar e ganhar, indicar e ganhar.

    Com os ganhos de indicação você poderá chegar aos 27.493.300,00 no seu 7º nível.

    Tenha Ganhos Residuais pelas suas compras realizadas no SuperShop, pelas compras das pessoas que você indicar e pelas compras das pessoas que eles indicarem em DINHEIRO e também ganhe pelas indicações de novos Afiliados.

    Cadastro de Apenas R$ 50,00 e você já recebe um Pacote de 150 SMS's para enviar para qualquer operadora e com várias ferramentas pelo nosso site.
    Os seus ganhos nas Afiliações podem passar dos :
    R$ 10.000,00 com apenas 155 pessoas na sua rede,
    R$ 70.000,00 com apenas 780 novos Afiliados,
    R$ 500.000,00 com pouco mais de 3.900 Afiliados
    e os ganhos não param, indicadas por você e pela sua rede, sistema com derramamento.

    Conheça mais sobre as formas de Ganhos e os planos no site da Wincash Brasil.
    Acesse o site:http://www.wincashbrasil.com/23611
    CADASTRE-SE, INDIQUE, COMPRE E GANHE!
    Faça o seu Cadastro!!!!
    Mais Detalhes no Video abaixo!
    http://www.youtube.com/watch?v=wqEv26jjXwM
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • materia que me ajudou bastante!
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • deu-me uma grande ajuda obrigado
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
  • Muito bom o material
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
No Downloads
Views
Total views
46,670
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
25,735
Actions
Shares
0
Downloads
1,106
Comments
5
Likes
7
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

MÓdulo De IntroduÇÃo Ao Marketing

  1. 1. MÓDULO DE INTRODUÇÃO AO MARKETING MBA de Marketing e Publicidade Prof. Gustavo Aragão
  2. 2. OBJETIVOS <ul><li>Contribuir de forma prática com a construção de um profissional que atenda a demanda do mercado com visão colaborativa, ética e de criação perceptiva atualizada. </li></ul>
  3. 3. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO <ul><li>Fundamentos do Marketing; </li></ul><ul><li>Necessidades do Marketing e sua Orientação para as Empresas; </li></ul><ul><li>Comportamento do Consumidor; </li></ul><ul><li>Marketing Mix; </li></ul><ul><li>Classificação de Mercados; </li></ul>
  4. 4. 1. FUNDAMENTOS - Conceitos <ul><li>Foco Geral: </li></ul><ul><li>“ Marketing é um processo social por meio do qual pessoas e grupos de pessoas obtém aquilo que necessitam e o que desejam com a criação, oferta e livre negociação de produtos e serviços de valor com outros.” </li></ul><ul><li>Philip Kotler </li></ul>
  5. 5. CONCEITOS <ul><li>Foco Empresarial: </li></ul><ul><li>“ Marketing é uma estratégia empresarial dinâmica, ou seja, esforços planejados com vistas à mudança e preparados para enfrentar a mudança.” </li></ul><ul><li>Cláudio Ulysses Coellho </li></ul>
  6. 6. CONCEITOS <ul><li>Foco Pessoal: </li></ul><ul><li>“ Marketing pessoal é a melhor imagem que seu ego, profissional ou não, deseja que os outros vejam, onde e quando a necessidade de sua presença ou ação é diretamente proporcional a percepção de solução dos problemas ou da satisfação dos desejos destes outros.” </li></ul><ul><li>Aragão </li></ul>
  7. 7. DINÂMICA <ul><li>Esquema Simples de Marketing. </li></ul>
  8. 8. NÃO CONFUNDIR <ul><li>“ Marketing não é puramente venda, nem tão pouco apenas propaganda.” </li></ul>
  9. 9. VISÃO DE VENDAS <ul><li>Ênfase no Produto; </li></ul><ul><li>A empresa fabrica o produto ou cria o serviço e só depois pensa em como ofertar de maneira lucrativa; </li></ul><ul><li>Mentalidade Interna, voltada para rotinas; </li></ul><ul><li>Ênfase nas necessidades da empresa (quem vende). </li></ul>
  10. 10. VISÃO DE MKT <ul><li>Ênfase nas necessidades do cliente; </li></ul><ul><li>A ênfase na criação baseada no desejo do cliente, depois na composição de venda sobre ele; </li></ul><ul><li>Mentalidade Externa, voltada para o mercado; </li></ul><ul><li>Ênfase nas necessidades do mercado (quem compra). </li></ul>
  11. 11. Propaganda <ul><li>A propaganda nada mais é do que a ferramenta de comunicação do marketing na hora de ofertar algo, e a venda é a ação de construir um cenário de lucro dentro desta ação. </li></ul>
  12. 12. CONCEITO GERAL <ul><li>“ Marketing é o contexto de relações de troca sócio-econômicas, onde a informação é trabalhada de modo a satisfazer um conjunto de necessidades mútuas entre quem quer e quem tem a oferecer produtos e/ou serviços em determinado cenário, seja dentro ou fora de um mercado corporativo.” </li></ul>
  13. 13. Mercado-Alvo <ul><li>Busca; </li></ul><ul><li>Avaliação; </li></ul><ul><li>Carências; </li></ul><ul><li>Criação; </li></ul><ul><li>Estratégia; </li></ul><ul><li>Satisfação. </li></ul>
  14. 14. Segmentação <ul><li>Características Demográficas  Cenário etnográfico, de gênero, densidade populacional e realidade econômica; </li></ul><ul><li>Características Psicográficas  Perfil psicológico de influencia; </li></ul><ul><li>Características Comportamentais  Reações históricas e padrões de consumo. </li></ul>
  15. 15. Profissionais de Marketing <ul><li>Planejam os lucros; </li></ul><ul><li>Pensam a longo prazo; </li></ul><ul><li>Procuram oferecer produtos/serviços diferenciados para segmentos diferenciados. </li></ul>
  16. 16. Necessidades, Desejos e Demandas <ul><li>A Psicologia é uma das ciências fundamentais utilizadas no Marketing. </li></ul>
  17. 17. Produto ou Oferta <ul><li>As necessidades e os desejos do individuo serão satisfeitas com produtos, e um produto será qualquer oferta que possa satisfazê-los. </li></ul><ul><li>MARCA: nada mais é do que uma oferta, cuja fonte conhecemos. </li></ul>
  18. 18. Valor e Satisfação O produto alcançará êxito se proporcionar valor e satisfação ao comprador-alvo.
  19. 19. Trocas e Transações <ul><li>Na realidade, os indivíduos terão 4 possibilidades de obter o que buscam: </li></ul><ul><li>Produzindo sozinhos; </li></ul><ul><li>Buscando, caçando, colhendo, enfim; </li></ul><ul><li>Impondo superioridade e obtendo a força; </li></ul><ul><li>REALIZANDO TRANSAÇÕES. </li></ul>
  20. 20. Relacionamentos e Redes <ul><li>O maior patrimônio de uma organização é a manutenção de sua rede de relações sadia; </li></ul><ul><li>Marketing de Relacionamento, nada mais é do que uma bem fomentada razão de troca entre três personagens, a saber: clientes, fornecedores e distribuidores. </li></ul>
  21. 21. Rede de Marketing
  22. 22. Canais <ul><li>A empresa necessita de canais de escoamento em seus compostos de marketing, por isso esta vinculada a três aspectos de saída na transformação de projetos em ações práticas. </li></ul>
  23. 23. Canais de Comunicação <ul><li> Nestes encontramos a ferramenta de Propaganda como mola-mestra, reconhecida nos diversos veículos de transmissão, tais como: </li></ul><ul><li>Jornais, revistas, rádio, televisão, correio, telefone, outdoors, busdoors, pôsteres, panfletos, cd’s, internet; </li></ul><ul><li>Novos Canais de Diálogo: E-mail, SMS,... </li></ul>
  24. 24. Canais de Distribuição <ul><li>Estes canais são mais tangíveis, uma vez que denotam a distribuição em si dos produtos e/ou serviços, logo estaremos envolvendo armazenagem e transporte, ou melhor, estaremos falando de LOGÍSTICA, que no comércio eletrônico, por exemplo, representa quase 70% dos custos finais, em certos casos. </li></ul>
  25. 25. Canais de Venda <ul><li>Refletem mais uma vez o conceito de parceria, mas ampliam muito mais o leque e especificam o tipo de transação a qual o produto/serviço estará relacionado. </li></ul>
  26. 26. Cadeia de Suprimento <ul><li>O maior desafio será se compor o melhor MIX de canais para se chegar da melhor forma ao consumidor-alvo. Ao passo que a Cadeia de Suprimentos será aquela onde se observa todas as etapas até a feitura final do produto, ou composição total do serviço a ser prestado. </li></ul>
  27. 27. Concorrência <ul><li>Análise Macro-ambiental; </li></ul><ul><li>A empresa é o reflexo de sua concorrência no mercado; </li></ul><ul><li>Análise Interna (SWOT). </li></ul>
  28. 28. Concorrência <ul><li>Direta: Empresas atuam com Produtos similares, de mesmo valor monetário. Ex.: Mercado de Cervejas. </li></ul><ul><li>Indireta: Produtos diferentes atrelados a mesma necessidade básica. Ex.: Necessidade de transporte (Vários meios). </li></ul><ul><li>Genérica: Produtos diferentes, para necessidades diferentes, com mesmo valor monetário,num mesmo mercado de consumo. </li></ul>
  29. 29. Ambiente  Segundo Kotler, este é o Ambiente TAREFA.
  30. 30. Ambiente <ul><li>Ambiente Geral: Avaliação mais ampla. </li></ul><ul><li>Econômico; </li></ul><ul><li>Natural (Meio Ambiente); </li></ul><ul><li>Tecnológico; </li></ul><ul><li>Político-Legal; </li></ul><ul><li>Sócio-Cultural. </li></ul>
  31. 31. 2.Necessidades do Marketing <ul><li>As figuras do Cliente, do Acionista, da Empresa e do Concorrente, propõe que o Mkt atenda as seguintes necessidades: </li></ul><ul><li>Oferecer os melhores produtos/serviço sob a ótica do cliente; </li></ul><ul><li>Assegurar lucro aos negócios, atraindo investimentos (Acionistas); </li></ul><ul><li>Propiciar boas condições de Trabalho ( Empresa); </li></ul><ul><li>Produzir e/ou comercializar produtos competitivos (Concorrentes). </li></ul>
  32. 32. Administração de MKT <ul><li> Esforço consciente para alcançar os resultados de troca desejados com o mercado-alvo. </li></ul>
  33. 33. Orientação para as Empresas <ul><li>PRODUÇÃO </li></ul><ul><li>Consumidores buscam fácil acesso ao produto e baixo custo; </li></ul><ul><li>Empresa disponibiliza produtos de forma massificada (Maior foco na eficiência de produção, com redução de custo e canais de distribuição em Massa). </li></ul>
  34. 34. Orientação para as Empresas <ul><li>PRODUTO </li></ul><ul><li>Consumidor prefere qualidade, desempenho ou diferencial; </li></ul><ul><li>Empresas focam desenvolvimento e melhoramento constante. </li></ul>
  35. 35. Orientação para as Empresas <ul><li>VENDAS </li></ul><ul><li>Consumidores e empresas não compram, nem produzem o que realmente podem; </li></ul><ul><li>Investimento pesado em promoção de vendas. </li></ul>
  36. 36. Orientação para as Empresas <ul><li>MARKETING </li></ul><ul><li> Empresa será bem sucedida se superar a concorrência em CRIAÇÃO, ENTREGA E COMUNICAÇÃO DE VALOR. </li></ul>
  37. 37. Marketing Integrado <ul><li>“ O marketing é importante demais para ser deixado a cargo apenas do departamento de Marketing.” </li></ul><ul><li>David Packard </li></ul>
  38. 38. Marketing Integrado <ul><li>Toda a empresa visa o cliente como centro de lucro, o marketing esta integrado a todos os departamentos. </li></ul>
  39. 39. 3.Comportamento do Consumidor <ul><li> Todo o processo que culmina na decisão de compra efetiva. </li></ul>
  40. 40. 3.Comportamento do Consumidor <ul><li>Cliente: Alguém que realiza compras regularmente em determinado local; </li></ul><ul><li>Consumidor Final: Aquele que compra para consumo próprio; </li></ul><ul><li>Comprador Individual: Realiza compra sob influência de terceiros. </li></ul>
  41. 41. 3.Comportamento do Consumidor <ul><li>Comportamento de Compra </li></ul>
  42. 42. Reconhecimento da Necessidade <ul><li>1. Experiências passadas pelo Consumidor; </li></ul><ul><li>2. Características do Consumidor; </li></ul><ul><li>3. Motivos do Consumidor; </li></ul><ul><li>4. Influências Ambientais; </li></ul><ul><li>5. Ações de Marketing. </li></ul>
  43. 43. Busca de Informações <ul><li>Busca Externa  Fontes de informação estão no ambiente externo. Ex.: Propaganda, indicação de um amigo, etc; </li></ul><ul><li>Busca Interna  Recuperação da memória de contato com outros produto similares. </li></ul>
  44. 44. Avaliação de Alternativas <ul><li>O consumidor segue a linha de benefícios básicos: </li></ul><ul><li>. Economia; </li></ul><ul><li>. Desempenho; </li></ul><ul><li>. Conforto; </li></ul><ul><li>. Segurança; </li></ul><ul><li>. Status; </li></ul><ul><li>. Confiabilidade; </li></ul><ul><li>. Qualidade. </li></ul>
  45. 45. Decisão de Compra <ul><li>Por Impulso; </li></ul><ul><li>Programada: Sob influência de 3 fatores determinantes. </li></ul><ul><li>Distância da loja; </li></ul><ul><li>Preço das Marcas; </li></ul><ul><li>Serviços Anexos. </li></ul>
  46. 46. Percepção <ul><li>Transforma o mundo físico em imagens mentais; </li></ul><ul><li>Traduz imagens retinais e ondas sonoras em representações significativas. </li></ul>
  47. 47. Variáveis Individuais <ul><li>Figura Fundo – “Vaso de Rubin” </li></ul>
  48. 48. Variáveis Individuais <ul><li>Figuras Ambíguas </li></ul>
  49. 49. Influência da Cor <ul><li>Percepção das Cores Primárias </li></ul>    PASSIVIDADE     ATIVIDADE EXTERNALIDADE INTERNALIDADE  
  50. 50. Cores nas Marcas – Ex.1 <ul><li>COCA-COLA  Combinação de Preto e Vermelho,indicando respectivamente “abafado + calor”. </li></ul><ul><li> Sensação de sede. </li></ul>
  51. 51. Cores nas Marcas – Ex.2 <ul><li>MAC DONALD’S  Amarelo e vermelho, respectivamente indicando “vazio + calor”. </li></ul><ul><li> Sensação de FOME e SEDE. </li></ul>
  52. 52. 4. MIX DE MARKETING <ul><li>O Jargão dos 4 P’s: </li></ul><ul><li>Produto; </li></ul><ul><li>Preço; </li></ul><ul><li>Promoção; </li></ul><ul><li>Ponto de Venda. </li></ul><ul><li>COMPOSTO DE MARKETING </li></ul>
  53. 53. O Produto <ul><li>Conceito: “Tudo aquilo que pode ser oferecido a um mercado para aquisição ou consumo.” </li></ul>
  54. 54. Desafio - Manutenção <ul><li>Um dos maiores desafios dos profissionais de marketing é a manutenção de um composto de produtos. </li></ul>
  55. 55. O Ciclo de Vida do Produto
  56. 56. A Introdução <ul><li>O produto esta sendo apresentado ao mercado; </li></ul><ul><li>Resultado de vendas é naturalmente lento; </li></ul><ul><li>Quantidade colocada a disposição do consumo é pequena; </li></ul><ul><li>Poucas empresas no mercado; </li></ul><ul><li>Preço, geralmente elevado; </li></ul><ul><li>Pouco OutPut no giro financeiro. </li></ul>
  57. 57. O Crescimento <ul><li>Vendas começam a subir, com novos compradores entrantes; </li></ul><ul><li>Concorrência mais presente; </li></ul><ul><li>Disputa pelos melhores canais de distribuição, contratos de exclusividade; </li></ul><ul><li>Valor agregado ao produto, novos conceitos para novos consumidores; </li></ul><ul><li>Preço tende a estabilizar-se e/ou cair; </li></ul><ul><li>Despesas com publicidade caem, mais lucro. </li></ul>
  58. 58. A Maturidade <ul><li>Rítmo de crescimento diminui consideravelmente, mas de forma lenta; </li></ul><ul><li>Custos de incremento de valor crescem cada vez mais; </li></ul><ul><li>Muitos concorrentes, poucos sobreviventes; </li></ul>
  59. 59. Maturidade de Crescimento <ul><li>Os resultados de venda continuam a crescer, mas de forma mais lenta, e isso se deve ao fato de que ainda existem compradores retardatários no mercado, mesmo com a demanda ainda sendo originada pelos compradores habituais. </li></ul>
  60. 60. Maturidade Estável ou Saturação <ul><li>Os resultados de venda se mantém num ritmo constante, puramente pela demanda gerada por compras de reposição. </li></ul>
  61. 61. Maturidade Decadente <ul><li>Os níveis de venda começam a cair, e os consumidores mudaram de produto/serviço. </li></ul>
  62. 62. O Declínio <ul><li>Vendas em declínio franco; </li></ul><ul><li>Empresas buscando outras oportunidades de investimento; </li></ul><ul><li>Redução do preço como alternativa na manutenção de carteira. </li></ul>
  63. 63. Curva do Ciclo de Vida
  64. 64. O Preço <ul><li>Na Economia: É o valor monetário atribuído a oferta. </li></ul><ul><li>No Marketing: É a comunicação das condições sob as quais um indivíduo ou empresa se dispõe a efetuar uma troca. </li></ul>
  65. 65. Políticas de Preço <ul><li>Toda a política que equilibra os custos e supera todas as barreiras até chegar ao comprador-alvo. </li></ul>
  66. 66. Oferta e Procura <ul><li>A oferta será a quantidade de um determinado produto, ou mensuração que possa quantificar um serviço em quantidade, que se produz e se pode oferecer num mercado, por um preço específico durante um período de tempo. </li></ul>
  67. 67. Influências na Oferta <ul><li>O Preço do bem  Nos princípios econômicos, existe uma premissa de que quanto maior o preço, maior será a oferta. No entanto é comum observarmos produtos de custo elevado, e em pouca quantidade. Isso se deve a retenção na expectativa de novas formulações de preço, ou mesmo por força de monopólio. </li></ul><ul><li>A Tecnologia  Quanto mais avançada for a tecnologia, maior será a quantidade ofertada. </li></ul><ul><li>As Condições Climáticas  É o caso dos produtos agrícolas. </li></ul><ul><li>Suprimento dos Insumos  Se a cadeia produtiva não é eficiente, não se poderá ofertar de forma eficiente. </li></ul>
  68. 68. Demanda <ul><li>Será a quantidade de um bem ou serviço que o consumidor esta disposto a adquirir ou consumir, por determinado preço e em determinado momento. </li></ul>
  69. 69. Influências na Demanda <ul><li>Preferência do Consumidor  Se a preferência do comprador-alvo é afetada, a demanda é diretamente atingida também; </li></ul><ul><li>Poder de Compra  Sem ele, não existe demanda em termos econômicos; </li></ul><ul><li>Preços de outros Bens e Serviços  Concorrência Indireta e direta, ela influencia de forma latente a demanda. </li></ul>
  70. 70. Influências na Demanda <ul><li>Preços do Bem  Quanto maior for o preço do bem em questão, menor será a demanda daquele bem; </li></ul><ul><li>Qualidade  Quanto melhor a qualidade percebida, maior a demanda em prol desse produto/serviço; </li></ul><ul><li>Expectativas do Consumidor  Isso estará diretamente ligado ao comportamento do consumidor e toda a análise de mercado que a empresa deverá fazer. </li></ul>
  71. 71. Preço e Qualidade <ul><li>O preço, na visão da Qualidade é o que se cobra pela aquisição, enquanto que o valor, é o que o consumidor percebe sobre o produto/serviço. </li></ul>
  72. 72. Custo Relativo para o Cliente <ul><li>A avaliação do preço leva em conta a relação do Custo Relativo para o Cliente ( C.R.C.). </li></ul>
  73. 73. Resultados <ul><li> Se o resultado é igual a 1, o preço é justo; </li></ul><ul><li> Se o resultado é menor que 1, o produto é viável em termos de mercado; </li></ul><ul><li> Se o resultado é maior que 1, o preço está alto e a empresa deve rever os conceitos de precificação ou agregar algum novo valor ao produto. </li></ul>
  74. 74. Preço e Reações Psicológicas <ul><li>Percepção de Valor; </li></ul><ul><li>Valor agregado ao Produto/serviço; </li></ul><ul><li>COMPORTAMENTO DE COMPRA. </li></ul>
  75. 75. Preço/Tipo do Produto <ul><li>O preço correto é aquele que se aproxima de uma referência de preço/produto já existente e percebida pelo consumidor. </li></ul><ul><li>Em se tratando de um serviço, a relação de confiança do cliente com a empresa prevalece sobre o aspecto preço. </li></ul>
  76. 76. Preço/Qualidade <ul><li>O preço é estigma percebido de qualidade, o mercado já dita o jargão “O barato sai caro”, e isso é percepção. Nesse caso a imagem é um link direto com a qualidade, pois no caso de marcas que possuem valor agregado de qualidade, estas terão maior penetração, mesmo com preço mais alto. </li></ul>
  77. 77. Qualidade/Preço <ul><li>Aqui estamos falando do incentivo a recompra, ou seja, ao desafio do fornecedor de criar, no consumidor, o hábito da compra periódica </li></ul>
  78. 78. Fixação de Preços <ul><li>Esta é dada de forma direta na relação entre Custos e Margem de Lucro. </li></ul>
  79. 79. Estratégia de Skimming <ul><li>Lançamento de Produto com preço elevado buscando aferir até quanto o consumidor quer pagar. </li></ul>
  80. 80. Estratégia de Penetração <ul><li>Lança-se um produto com baixo preço, para que se crie com maior velocidade um alto nível de demanda e com isso, surjam condições de posterior valoração do mesmo. </li></ul>
  81. 81. Ponto de Equilíbrio <ul><li>Os custos de investimento são pagos e o produto se paga, projetando um lucro futuro em escala crescente, esse ponto é também chamado de R.O.I. ou Retorn Of Investiment. </li></ul>
  82. 82. Fatores de Influência no Preço <ul><li> Na Recessão Econômica, poucos consumidores estarão dispostos a comprar produtos/serviços com preços elevados. </li></ul><ul><li> Na Inflação, custos ascendentes não compensados por ganhos de produtividade, impulsionam a empresa a aumentar os preços em círculos viciosos. </li></ul><ul><li> Na Demanda aquecida a empresa não pode atender a todos os seus clientes, com isso aumenta os preços para inibir a demanda. </li></ul>
  83. 83. Praça ou Ponto de Venda <ul><li>Ponto de venda deve ser conceituado sob a ótica do marketing como o composto cerca todos os aspectos de distribuição do produto/serviço, desde os canais, a logística envolvida até se chegar ao consumidor. </li></ul>
  84. 84. O Planejamento de Distribuição <ul><li>Deve-se estar atento a: </li></ul><ul><li>Utilidade do Tempo  Quando colocar um produto/serviço num mercado ? A distribuição completa o ciclo do marketing, afim de que o produto esteja no mercado no momento certo, em que o consumidor deseja, de acordo com suas necessidades. </li></ul>
  85. 85. O Planejamento de Distribuição <ul><li>Utilidade do Lugar  Um produto terá valor percebido se estiver na sua mão em tempo hábil, ou seja, no lugar certo, com o aspecto de conveniência bem construído. Daí a localização estratégica de determinados estabelecimentos. </li></ul>
  86. 86. O Planejamento de Distribuição <ul><li>Localização dos Sistemas Produtivos  A cadeia de suprimentos e de distribuição irá construir uma seqüência de valores que determinará a melhor localização a ser escolhida. Fatores como se estar próximo dos centros produtivos, do maior pólo de consumidores finais, enfim. </li></ul>
  87. 87. O Planejamento de Distribuição <ul><li>Ambiente de Distribuição  A funcionalidade do ambiente, sua identidade cultural de acordo com o mercado onde está o comprador-alvo, a forma de abordagem por parte das figuras humanas que vão interagir com o cliente, enfim, são detalhes que devem ser percebidos pelo planejador de marketing, pois nada vai adiantar um boa localização se não houver interação e empatia com todos os dados que envolvem o consumidor. </li></ul>
  88. 88. Distribuição Física e Objetiva <ul><li>Deve-se entregar os bens certos, na ocasião e nos lugares certos, aos consumidores certos. </li></ul>
  89. 89. Distribuição Física e Objetiva <ul><li>Etapas: </li></ul><ul><li>Ciclo de Pedidos: Desenvolver um sistema de distribuição física eficiente no prazo de entrega; </li></ul><ul><li>Confiabilidade na Entrega: É preciso oferecer garantias ao cliente de que sua mercadoria irá chegar no tempo correto; </li></ul><ul><li>Níveis de Estoque: É importante se estudar os níveis de estoque necessários a um produto mediante estudo da demanda; </li></ul>
  90. 90. Distribuição Física e Objetiva <ul><li>Segurança no Trânsito: A garantia de que a mercadoria não sofrerá nenhum dado durante sua trajetória até a entrega é muito importante na hora de fidelizar o consumidor. </li></ul>
  91. 91. Atendimento ao Cliente <ul><li>Talvez esse seja o aspecto mais importante na hora de promover encantamento e manutenção de carteira de clientes; </li></ul><ul><li>Não adiantam fórmulas miraculosas e inovadoras de atendimento, o foco deve ser o saber ouvir e a humanização deste. </li></ul>
  92. 92. A Promoção <ul><li>A PROMOÇÂO, em marketing, vai compreender todo o esforço de comunicação influenciadora a respeito de uma organização e seus produtos/serviços. Estamos falando de Composto Promocional. </li></ul>
  93. 93. Conceitos - Propaganda <ul><li>Comunicação impessoal, paga, de caráter persuasivo, feita através de veículos de comunicação, por um patrocinador identificado com a nítida intenção de conquistar o interesse de um segmento de mercado ou de um mercado de massa. </li></ul>
  94. 94. Conceitos - Publicidade <ul><li>É toda e qualquer informação transmitida ao público a respeito de uma empresa, produto/serviço ou idéia, feita por terceiros, sem ônus e sem controle por parte da empresa. </li></ul><ul><li>Ou ainda, será o estímulo pessoal da procura para o produto, serviço ou negócio, pela divulgação de notícias comercialmente significativas sobre a mesma no rádio, televisão, Internet ou no palco, sem custos pelo patrocinador. </li></ul>
  95. 95. Conceitos – Promoção de Vendas <ul><li>Trata-se doe toda qualquer amostra que contiver informação relativa ao produto/serviço, sendo desenvolvida da empresa, ou seja, cupons de desconto, ofertas de devolução de dinheiro, prêmios, concursos, campanhas de vendas, etc. </li></ul><ul><li>A promoção de vendas sempre se vale da propaganda e da publicidade para se divulgar. </li></ul>
  96. 96. Conceitos – Merchandising <ul><li>Será qualquer esforço promocional dentro do ponto de venda, ou ainda, a parte operativa do marketing que consegue traduzir um perfeito ajustamento do produto, do preço, da comunicação, das vendas e a distribuição. </li></ul>
  97. 97. Marketing Direto <ul><li>Todas as vendas de produtos e serviços via correio serão consideradas Marketing Direto, cujo objetivo será ter uma resposta direta do consumidor. Oferecendo a empresa a oportunidade de rentabilizar e potencializar qualquer esforço de marketing. </li></ul>
  98. 98. Vantagens <ul><li>Redução de Custos: menos visitas dos representantes comerciais, substituídas pelas cartas e malas diretas; </li></ul><ul><li>Respostas imediatas e diretas ao cliente; </li></ul><ul><li>Retorno previsível e mensurável; </li></ul><ul><li>Custo de propaganda e venda relativamente reduzidos; </li></ul><ul><li>Maior segmentação de mercado; </li></ul><ul><li>Maior facilidade de teste dos meios utilizados. </li></ul>
  99. 99. Conceitos – Mala Direta <ul><li> Mala Direta: Conjunto de comunicação direta com o cliente (composto de carta, cupom de pedido e material de divulgação), com o objetivo de sensibilizar o cliente através de peças atrativas e bem produzidas, criando impulsos de compra. </li></ul>
  100. 100. Conceitos – Telemarketing <ul><li> Telemarketing: Será a forma de, utilizando recursos de telecomunicações e informática, se obter lucros diretos e indiretos, através da satisfaça do mercado consumidor de qualquer produto/serviço. </li></ul>
  101. 101. Classificação de Mercados <ul><li>Classificam-se e estudam-se 5 mercados: </li></ul><ul><li>O Mercado Consumidor; </li></ul><ul><li>O Mercado Produtor; </li></ul><ul><li>O Marcado Revendedor; </li></ul><ul><li>O Mercado Governamental; </li></ul><ul><li>O Mercado Internacional. </li></ul>
  102. 102. O Mercado Consumidor <ul><li>É aquele para bens e serviços que são comprados ou arrendados por pessoas e/ou famílias para uso pessoal e pressupõe algumas particularidades: </li></ul>
  103. 103. Mercado Consumidor – Características <ul><li>Grande número de compradores; </li></ul><ul><li>Muitas variantes de características individuais ( sexo, raça, idade, renda, etc. ); </li></ul><ul><li>Forte dispersão geográfica, com concentrações acentuadas; </li></ul><ul><li>Deslocamentos migratórios freqüentes: Rural-Urbano, entre cidades, entre regiões; </li></ul><ul><li>Baixo valor unitário de compra. </li></ul>
  104. 104. Mercado Produtor ou Industrial <ul><li>É composto por pessoas e empresas que adquirem bens e serviços para manufaturar e/ou compor outros bens e serviços, destinados a venda ou arrendamento para terceiros. </li></ul>
  105. 105. Mercado Produtor ou Industrial - Características <ul><li>Número de compradores restrito; </li></ul><ul><li>Maior concentração geográfica; </li></ul><ul><li>Menor mobilidade migratória; </li></ul><ul><li>Tendência a um elevado valor unitário de compra; </li></ul><ul><li>Muita racionalidade no processo decisório; </li></ul><ul><li>Ênfase nas atividades de especificação técnica, conhecimento das fontes de suprimento, preço e negociação. </li></ul>
  106. 106. Mercado Revendedor <ul><li>Será constituído por pessoas e organizações – revendedores, distribuidores e intermediários – que compram bens e serviços produzidos por terceiros com o objetivo de revendê-los ou arrendá-los. </li></ul>
  107. 107. Mercado Revendedor - Características <ul><li>Mais disperso geograficamente que os produtores, todavia, mais concentrato que os consumidores; </li></ul><ul><li>Grande variedade de produtos para revenda; </li></ul><ul><li>Distribuição direta ou através de intermediários; </li></ul><ul><li>Ênfase nas atividades de preço, conhecimento das fontes de suprimento, negociação, controle de estoques e administração financeira. </li></ul>
  108. 108. Mercado Governamental <ul><li>É composto pelas instituições da administração publica, federal, estadual e municipal. Compra bens e serviços para desempenho das funções do governo, e também compõe este mercado as empresas de economia mista e estatais. </li></ul>
  109. 109. Mercado Governamental - Características <ul><li>Grande valor e variedade de produtos solicitados; </li></ul><ul><li>Realização de compras com o objetivo de garantir a manutenção da sociedade; </li></ul><ul><li>Procedimentos de compra peculiares: tomada de preços, licitações e concorrência pública; </li></ul><ul><li>Objetivos de atração de investimentos, segurança com manutenção de fornecimento de certos produtos, etc. </li></ul>
  110. 110. Mercado Internacional <ul><li>Será constituído dos consumidores, produtores, revendedores e governos, que compram produtos/serviços. </li></ul>
  111. 111. Mercado Internacional - Características <ul><li>Submissão a leis internacionais e acordos comerciais entre países; </li></ul><ul><li>Exigência de pesquisas de consumidores e adaptação de produtos, preços, propagandas e distribuição segundo suas necessidades; </li></ul><ul><li>Sujeição as diferenças entre nações, em geral, superiores as diferenças regionais internas do país. </li></ul>
  112. 112. Conclusões <ul><li>1ª. NÃO SE SINTA PERDIDO NO MKT... </li></ul><ul><li>...DEIXE SUA CONCORRÊNCIA PERDIDA COM SEU SUCESSO. </li></ul>
  113. 113. Conclusões <ul><li>2ª. NÃO DEIXE SUA DESORGANIZAÇÃO ATRAPALHAR A VELOCIDADE DE SEU CRESCIMENTO... </li></ul>... PLANEJE, AVALIE, CONTROLE, SEJA PIONEIRO.
  114. 114. Conclusões <ul><li>3ª. DESCUBRA E APROVEITE AS OPORTUNIDADES... </li></ul>...NÃO SE ASSUSTE COM ELAS.
  115. 115. Conclusões <ul><li>4ª. NUNCA SE ESQUEÇA QUE VOCÊ É RESPONSÁVEL... </li></ul>... PELO SEU DIFERENCIAL.
  116. 116. AGRADECIMENTOS <ul><li>MUITO SUCESSO A TODOS, MUITAS VITÓRIAS, MUITO APROVEITAMENTO NESTE CURSO E SOBRETUDO, ESPERO QUE O MARKETING SEJA ETICAMENTE ÚTIL E POSSA SEMPRE OFERECER BELAS MUDANÇAS NA VIDA DE CADA UM ! ! </li></ul><ul><li>... E obrigado pela paciência e convivência !! </li></ul>

×