Your SlideShare is downloading. ×
0
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Recursos para Empresas Nascentes
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Recursos para Empresas Nascentes

309

Published on

Aula 07 do Curso de Modelagem de Negócios Inovadores, da Escola de Extensão do Instituto de Economia da Unicamp, ministrada por Daniel Saad, sócio-diretor da consultoria Inventta - Inovação, que trata …

Aula 07 do Curso de Modelagem de Negócios Inovadores, da Escola de Extensão do Instituto de Economia da Unicamp, ministrada por Daniel Saad, sócio-diretor da consultoria Inventta - Inovação, que trata das linhas de financiamento para startups e empresas nascentes.

Published in: Education
1 Comment
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
309
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
3
Comments
1
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. RECURSO PARA EMPRESAS NASCENTES 1"
  • 2. RECURSOS PARA EMPRESAS NASCENTES Estágios de negócio $ Concepção/ Criação Estágio Inicial Start up Crescimento/ Expansão Maturidade Receita de Vendas Fluxo de Caixa Tempo INCUBADORA ACELERADORA Fontes de recurso ANJO VENTURE CAPITAL BANCO 2
  • 3. INCUBADORAS Existem 348 incubadoras em atividade no país Juntas, elas reúnem 2.640 empresas que geram um faturamento anual de R$ 533 milhões Em geral, incubadoras não realizam aporte direto – o que significa que não terão participação no negócio. A maioria das incubadoras cobra uma taxa básica de adesão – um valor fixo pelo espaço e pela infra-estrutura. Embora cada região do país tenha a sua vocação, a maioria das incubadoras aposta em projetos apoiados na pesquisa científica desenvolvida dentro das universidades. 3
  • 4. 4"
  • 5. ACELERADORAS As maiores vantagens oferecidas pelas aceleradoras são indiretas: infraestrutura, mentoria, consultoria e networking. O custo é dividir uma participação do negócio e estar aberto a mudanças na ideia original. O programa START-UP BRASIL, do governo federal, investiu R$ 40 milhões na aceleração de empresas. A meta é desenvolver 150 projetos até 2015. 5% - 20% é a faixa de participação nas empresas que costuma ser cobrada pelas aceleradoras Foco: crescimento rápido e modelo de negócios já testado. Hoje existem no Brasil cerca de 40 aceleradoras em funcionamento – pelo menos 25% delas surgiram desde 2012. 5"
  • 6. 6"
  • 7. PROGRAMAS DE ACELERAÇÃO – GOVERNO 7"
  • 8. INVESTIDORES ANJOS Além do dinheiro, o anjo divide contatos e inteligência de negócios com o empreendedor. Principais áreas de interesse: tecnologia, mobile, saúde, biotecnologia, educação, comércio eletrônico e entretenimento. R$ 416 mil ONDE INVESTEM? Os anjos procuram negócios que já estão em operação, com um modelo testado. É a média dos aportes feitos pelos anjos brasileiros. O valor corresponde a algo entre 5% a 10% do seu patrimônio. 75% Tecnologia 56% Aplicativos 44% Saúde e Biotecnologia 42% E-commerce 38% Educação 35% Entretenimento 8"
  • 9. 9"
  • 10. VENTURE CAPITAL Neste tipo de investimento os aportes podem chegar a dezenas de milhões, em várias rodadas de investimento. Em cada uma delas, o empreendedor dilui sua participação. Criam-se expectativas para a realização de venda da empresa, IPO ou uma fusão. Número de investimentos em startup nacionais cresceu de 6 aportes em 2008 para 79 em 2012. Fontes de consulta 36,9% Rede pessoal de contatos 6,9% Competição de negócios 5,8% Eventos 5% Incubadoras 4,9% Mídia 10
  • 11. 11"
  • 12. BANCOS 12"
  • 13. TENDÊNCIA: CROWDFUNDING Crowdfunding é um modelo de captação de recurso que utiliza a colaboração entre pessoas para realizar projetos e empreendimentos. Os investimentos são feitos normalmente via internet em projetos individuais ou de organizações. “Raising very small investments from a large number o investors” 13"
  • 14. São muitas as opções de fontes de recursos financeiros para empresas nascentes. Os volumes de investimento nesse segmento vêm crescendo a cada ano. É muito importante que o empreendedor conheça as características das diferentes opções para buscar aquelas que se alinhem a suas necessidades, ambições e perfil. 14"
  • 15. CAMPINAS +55 (19) 3289-0353 BELO HORIZONTE www.inventa.net @inventta_live +55 (19) 3337-7418 daniel.saad@inventta.net 15"

×