Your SlideShare is downloading. ×
0
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Apresentação relatório
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Apresentação relatório

3,955

Published on

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
3,955
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Biblioteca/cre BIBLIOTECA ESCOLAR RELATÓRIO DE AUTO-AVALIAÇÃO Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 1
  • 2. Relatório de Auto-avaliação Julho 2010 Secção A – Domínio a analisar DOMÍNIO SELECCIONADO: B. LEITURA E LITERACIA B.1 Trabalho da BE ao serviço da promoção da leitura na Escola/ agrupamento B.2 Integração da BE nas estratégias e programas de leitura ao nível da escola/agrupamento B.3 Impacto do trabalho da BE nas atitudes e competências dos alunos, no âmbito da leitura e da literacia 2
  • 3. Relatório de Auto-avaliação Julho 2010 Motivo da escolha do domínio A equipa está consciente de que, para que o domínio B seja trabalhado de modo a produzir impactos significativos, importa criar o envolvimento sistemático e contínuo de toda a comunidade educativa. Por considerar que as competências de leitura são transversais e decisivas para o sucesso educativo, ao longo dos dois últimos anos lectivos, o domínio B foi alvo de investimento por parte da equipa da BE ao nível dos recursos e actividades de promoção da leitura. Importa agora aferir se as acções desenvolvidas estão devidamente articuladas e executadas de forma a produzir impactos significativos ou se se verifica a necessidade de reorientação e ajustes neste domínio. 3
  • 4. B.1 Trabalho da BE ao serviço da promoção da leitura no Agrupamento Pontos fortes identificados:  A BE disponibiliza um acervo variado e actualizado na classe 8 (Literatura), respondendo aos interesses dos utilizadores no que respeita à leitura recreativa;  A BE promove a leitura recreativa de forma sistemática, adquirindo e divulgando (através da “montra” e Blogue) novidades editoriais, actualizando as colecções preferidas dos seus utilizadores e apoiando personalizadamente as suas escolhas;  As estatísticas de utilização informal e os inquéritos aos alunos apontam para níveis elevados de frequência por livre iniciativa dos alunos (52,5% dos inquiridos usa a BE 1 ou 2 vezes por semana, 39% nos intervalos), revelando que o horário e serviços da BE se adequam aos interesses dos utilizadores alunos; Relatório de Auto-avaliação Julho 2010 4
  • 5. B.1 Trabalho da BE ao serviço da promoção da leitura no Agrupamento Pontos fortes identificados:  A BE promoveu encontros com escritores e feiras do livro com sessões programadas para todas as turmas da Escola, de modo a incentivar o gosto pela leitura e criar ambientes propícios à aproximação do universo do livro e da leitura;  Globalmente, os alunos avaliam as actividades da BE de forma bastante positiva, o que revela que estas têm a sua adesão e envolvimento. Também os concursos e passatempos de livre participação têm tido boa receptividade;  A BE desenvolveu de forma contínua e sistemática visitas para as escolas do Agrupamento (abrangendo 263 alunos de 8 escolas), de forma a proporcionar o contacto de todos os alunos com recursos e serviços da BE; Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 5
  • 6. B.1 Trabalho da BE ao serviço da promoção da leitura no Agrupamento Pontos fracos identificados:  Necessidade de envolver mais departamentos curriculares/docentes no trabalho nesta área;  Necessidade de programar sessões de formação de utilizadores diferenciadas e adequadas aos diferentes anos de escolaridade;  Os encarregados de educação são pouco mobilizados para a participação nas actividades de leitura promovidas pela BE. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 6
  • 7. Evidências (+ relevantes)  Avaliação da colecção Acervo por Classes Classe 0 Generalidades. Informação. Instituições Classe 1 Filosofia. Psicologia 0% 8% 1% Classe 2 Religião. 11% 2% 7% Teologia 2% 3% Classe 3 Ciências Sociais Classe 5 Ciências Exactas 66% Classe 6 Ciências Aplicadas Classe 7 Arte. Recreação. Entretenimento. Desporto Classe 8 Língua.Linguística. Literatura Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 7
  • 8. Evidências (+ relevantes) Actividades ENCONTRO COM O ESCRITOR NUNO MAGALHÃES GUEDES – Realizou-se no dia 3 de Dezembro e teve duas sessões, destinadas a seis turmas de 5º, 6º e 7ºanos ENCONTRO COM O ESCRITOR ANTÓNIO MOTA – Realizou-se no dia 16 de Dezembro e teve duas sessões destinadas aos alunos do 5º ano. APRESENTAÇÃO DO LIVRO “Eu Só Vejo Cores” – 17 e 22 de Março Apresentação pelas autoras, Lília Cipriano (aluna do 9ºA) e Alice Sarabando (professora aposentada da escola), destinada aos 7º, 8º e 9º anos. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 8
  • 9. Evidências (+ relevantes) Actividades  CONCURSO DE LEITURA – 8 de Maio, envolveu todas as turmas do 5ºano e integrou uma prova de compreensão, uma de leitura expressiva e uma sobre as obras de leitura integral trabalhadas no 5º ano.  FEIRAS DO LIVRO – 23 de Novembro a 4 de Dezembro; - 15 a 26 de Março Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 9
  • 10. Evidências (+ relevantes)  Questionários aos alunos Actividades temáticas relacionadas com autores ou obras 5% 18% 29% Muito interessante Interessante Pouco interessante Nada interessante 48% Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 10
  • 11. Evidências (+ relevantes)  Questionários aos EE Participação em actividades da BE Sempre Regularmente Ocasionalmente Nunca 0% 14% 27% 59% Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 11
  • 12.  Questionários aos docentes Nível do trabalho realizado pela BE no âmbito da leitura e literacia 0% 10% 25% 1 M. Bom 2 Bom 3 Suf. 4 Insuf. 65% Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 12
  • 13. B.2 Integração da BE nas estratégias e programas de leitura ao nível do agrupamento Pontos fortes identificados:  O desenvolvimento das literacias consta como meta do PE do Agrupamento, o papel e missão da BE estão claros no RI e a BE está representada no C. Pedagógico, verificando-se as condições para o desenvolvimento do trabalho da BE;  A BE está implicada de forma activa e sistemática na implementação do PNL em todos os ciclos do Agrupamento, articulando estratégias e actividades e disponibilizando recursos necessários à sua implementação; A BE integra a Rede de Bibliotecas de Vagos e desenvolve actividades de promoção da leitura em articulação com as restantes bibliotecas;  As estatísticas de requisição da BE para aulas e actividades com turmas da escola são elevadas Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 13
  • 14. B.2 Integração da BE nas estratégias e programas de leitura ao nível do agrupamento Pontos fortes identificados: A BE colabora com os docentes organizando e disponibilizando materiais de apoio (listas bibliográficas, dossiês temáticos, materiais em suporte informático) e cedendo os seus espaços a actividades curriculares e outras, com vista a potenciar a sua acção pedagógica e desenvolver competências transversais; A BE participa no Plano de Ocupação dos Tempos Escolares desenvolvido na Escola, proporcionando aos alunos o desenvolvimento de actividades no âmbito da leitura e pesquisa A BE regista índices elevados de empréstimos para sala de aula, não só ao nível dos conjuntos do PNL, mas também de outros recursos, o que indica que os recursos disponíveis são adequados às áreas disciplinares; Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 14
  • 15. B.2 Integração da BE nas estratégias e programas de leitura ao nível do agrupamento Pontos fracos identificados  Necessidade de programar com os docentes, de forma contínua e sistemática, actividades de leitura e escrita para as suas turmas na BE  Pouca utilização dos recursos da BE por parte das outras escolas do agrupamento  Dificuldades na circulação dos Baús do Pré-escolar  As estatísticas de requisição da BE para aulas e actividades com turmas da escola são elevadas, mas ainda se regista um número reduzido de aulas programadas em conjunto com a equipa e o PB  O elevado nº de turmas em situação de substituição na BE condiciona o desenvolvimento do trabalho programado para as mesmas Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 15
  • 16. Evidências (+ relevantes) Actividades PLANO NACIONAL DE LEITURA: • Apoio ao projecto “BAÚ DOS CONTOS” – Pré-Escolar – A BE procedeu à organização dos Baús (6), produção de materiais de apoio à actividade e elaboração do calendário de rotação. • Apoio ao Projecto “LER É CRESCER”- 1º Ciclo – Procedeu-se à selecção dos títulos de obras para leitura orientada em sala de aula em conjunto com a professora responsável pelo projecto, fez- se o registo e foram adquiridos conjuntos de livros do Plano Nacional de Leitura, destinados aos alunos do 1ºciclo (1200€). As obras ficaram disponíveis a partir de Outubro, tendo a BE enviado uma lista a todas as escolas do Agrupamento. • 3º Ciclo - A BE procedeu à aquisição de conjuntos de obras de leitura orientada para o 3º ciclo (no valor da verba atribuída para este ciclo – 1100€), de acordo com a selecção feita em conjunto com os professores. • Publicação de boletins informativos “PNL- professores” “PNL – alunos” e distribuição em Setembro Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 16
  • 17. Evidências (+ relevantes) Actividades SERVIÇO DE VISITAS GUIADAS À BIBLIOTECA PARA ESCOLAS DO 1º CICLO – Foi lançado o ano lectivo passado um serviço de visitas à BE/CRE destinado a turmas do 1ºciclo (preferencialmente 4ºano), sob marcação prévia. Incluiu actividades na biblioteca e visita à escola. Neste 2º ano do projecto, recebemos 263 alunos de 8 escolas e JI do Agrupamento. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 17
  • 18. B.3 Impacto do trabalho da BE nas atitudes e competências dos alunos, no âmbito da leitura e da literacia Pontos fortes identificados:  As estatísticas de requisições domiciliárias aumentaram relativamente ao ano lectivo anterior, podendo significar um maior interesse pela leitura por parte dos alunos e também uma maior adequação da colecção aos seus interesses;  A BE estimula de forma sistemática o interesse dos alunos pela leitura, adquirindo e divulgando novidades editoriais, adequadas aos interesses dos utilizadores  A BE desenvolveu e testou um modelo de pesquisa baseado no BIG6, a fim de apoiar o trabalho de alunos e professores no desenvolvimento das competências de pesquisa e na melhoria da qualidade dos trabalhos produzidos pelos alunos. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 18
  • 19. B.3 Impacto do trabalho da BE nas atitudes e competências dos alunos, no âmbito da leitura e da literacia Pontos fortes identificados:  A BE apoia de forma contínua os alunos na realização de trabalhos e disponibiliza instrumentos e recursos (nomeadamente através do seu blogue), de forma a melhorar as competências literácicas dos alunos e o resultado dos trabalhos produzidos.  Os inquéritos aos alunos apontam para um contributo significativo da BE nas competências de leitura;  Também os professores apontam impactos positivos da BE nas competências de leitura dos alunos  90% dos EE inquiridos consideram que as actividades desenvolvidas pela BE contribuem para estimular o interesse pela leitura e 50% consideram o papel da BE muito importante para aprendizagem e formação global dos alunos. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 19
  • 20. B.3 Impacto do trabalho da BE nas atitudes e competências dos alunos, no âmbito da leitura e da literacia Pontos fracos identificados:  Falta de articulação mais estreita e sistemática com as actividades desenvolvidas em sala de aula;  Necessidade de envolver mais os professores na avaliação deste domínio e na realização de actividades de envolvimento das famílias no desenvolvimento das competências de leitura; Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 20
  • 21. Evidências (+ relevantes)  Questionários aos EE Importância da BE na formação do seu educando 3% 7% Muito importante Importante 50% Pouco importante 40% Nada importante Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 21
  • 22. Evidências (+ relevantes)  Questionários aos alunos Contributo da BE para as competências de leitura 15% 30% Muito 11% Medianamente Pouco Nada 44% Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 22
  • 23.  Questionários aos docentes Melhoria das competências de Impacto da BE nas competências compreensão dos alunos Aumento da diversidade das escolhas no sentido da opção por leituras mais extensas e 5 1 complexas 13% 13% Aumento do gosto pela leitura 2 Melhoria ao nível da oralidade e 17% da escrita 4 23% Melhoria no uso de ambientes digitais de leitura e das literacias digitais e da informação 3 34% Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 23
  • 24. Níveis de desempenho Nível Descrição 4 A BE é muito forte neste domínio. O trabalho desenvolvido é de grande qualidade e com um impacto bastante positivo. 3 A BE desenvolve um trabalho de qualidade neste domínio mas ainda é possível melhorar alguns aspectos. 2 A BE começou a desenvolver trabalho neste domínio, sendo necessário melhorar o desempenho para que o seu impacto seja mais efectivo 1 A BE desenvolve pouco ou nenhum trabalho neste domínio, o seu impacto é bastante reduzido, sendo necessário intervir com urgência. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 24
  • 25. Nível obtido Nível Descritores  A BE desenvolve um trabalho sistemático de promoção da leitura com muitas turmas da escola/agrupamento.  A BE desenvolve estratégias e um leque muito diversificado de actividades em articulação com os docentes e com o exterior. A BE recorre a diferentes instrumentos para difusão da informação e cria contextos diversificados de leitura e de produção/ comunicação da informação com recurso sobretudo 3 a suportes impressos.  A BE apoia e incentiva o desenvolvimento do PNL e/ou de outros projectos e actividades na escola, desenvolvendo trabalho com 60% a 79% das turmas da escola. A BE desenvolve um trabalho com impacto no crescimento do gosto pela leitura e no desenvolvimento de competências associadas à leitura. Uma grande parte dos alunos usa a BE ou a documentação fornecida à escola em contextos de leitura e revela, de acordo com o seu ano/ciclo de escolaridade, progressão nas competências de leitura. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 25
  • 26. Acções para melhoria • Programar com os docentes actividades de leitura para as suas turmas e integrá-las de modo sistemático nas suas actividades curriculares; • Incentivar a prática de empréstimo domiciliário com a turma, junto dos professores de LP /Estudo Acompanhado/Formação Cívica; • Inclusão dos coordenadores de departamento na equipa de professores colaboradores, de forma a envolver todas as áreas curriculares no trabalho deste domínio; • Diversificar as formas de difusão dos recursos da BE, sobretudo recorrendo às novas tecnologias • Aprovação e adopção no Agrupamento do modelo de pesquisa proposto e testado pela BE; • Solicitar a colaboração da BM para a dinamização dos Baús do Pré-escolar; Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 26
  • 27. Secção B (análise geral aos restantes domínios) Domínio A. Apoio ao desenvolvimento curricular A.1. Articulação curricular da BE com as estruturas de coordenação educativa e supervisão pedagógica e os docentes A.2. Promoção das literacias da informação, tecnológica e digital Domínio C. Projectos, parcerias e actividades livres e de abertura à comunidade C.1. Apoio a actividades livres, extra-curriculares e de enriquecimento curricular C.2. Projectos e Parcerias Domínio D. Gestão da biblioteca escolar D.1. Articulação da BE com a escola/agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE. D.2. Condições humanas e materiais para a prestação dos serviços. D.3. Gestão da colecção/da informação. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 27
  • 28. Domínio A. Apoio ao desenvolvimento curricular A.1. Articulação curricular da BE com as estruturas de coordenação educativa e supervisão pedagógica e os docentes Relatório de avaliação: - A BE articula actividades e disponibilização de recursos com alguns Departamentos Curriculares, Clubes e Projectos e áreas curriculares não disciplinares, sobretudo Área de Projecto e Estudo Acompanhado; - Os professores usam bastante a BE para actividades curriculares, mas há ainda dificuldades em articular estas actividades com a equipa, de forma a potenciar todos os recursos da BE. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 28
  • 29. Domínio A. Apoio ao desenvolvimento curricular A.1. Articulação curricular da BE com as estruturas de coordenação educativa e supervisão pedagógica e os docentes Acções para melhoria -Inclusão dos coordenadores de departamento na equipa de professores colaboradores da BE, a fim de promover a utilização da BE por todas as áreas curriculares. -Implementação de um modelo de requisição da BE para aulas, que implique uma articulação efectiva com a equipa; - Levantamento das áreas temáticas por disciplina/ciclo e elaboração de listas bibliográficas e bancos de recursos Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 29
  • 30. Domínio A. Apoio ao desenvolvimento curricular A.2. Promoção das literacias da informação, tecnológica e digital Relatório de avaliação: A BE disponibiliza e divulga recursos que promovem o desenvolvimento das literacias de informação, nomeadamente através do seu blogue, da página Web e outros meios. No entanto, verifica-se que os professores muitas vezes não usufruem destes recursos nem os divulgam junto dos alunos. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 30
  • 31. Domínio A. Apoio ao desenvolvimento curricular A.2. Promoção das literacias da informação, tecnológica e digital Acções para melhoria: - Divulgação mais personalizada e eficaz dos serviços e recursos da BE - Adopção do modelo de pesquisa testado pela BE - Elaboração de guiões e tutoriais para elaboração de trabalhos - Realização de acções e oficinas de formação para alunos, articuladas com a AP e TIC Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 31
  • 32. Domínio C. Projectos, parcerias e actividades livres e de abertura à comunidade C.1. Apoio a actividades livres, extra-curriculares e de enriquecimento curricular Relatório de avaliação: - A BE apoia projectos e colabora na realização de actividades no âmbito do Plano de Actividades do Agrupamento - A BE promove actividades livres para os alunos e da iniciativa destes e procura diversificar as suas iniciativas proporcionando-lhes o contacto com as diferentes manifestações da cultura humana - A BE está aberta ininterruptamente durante todo o tempo de permanência dos alunos na escola Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 32
  • 33. Domínio C. Projectos, parcerias e actividades livres e de abertura à comunidade C.1. Apoio a actividades livres, extra-curriculares e de enriquecimento curricular Acções para melhoria: - Alargar o horário de algumas das iniciativas/actividades da BE, de modo a que os EE e a Comunidade possam participar; Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 33
  • 34. Domínio C. Projectos, parcerias e actividades livres e de abertura à comunidade C.2. Projectos e Parcerias Relatório de avaliação: - A BE desenvolve projectos próprios, articulados com o PE do Agrupamento e está envolvida em parcerias com a BM e a CM, participando regularmente em reuniões do grupo concelhio e desenvolvendo trabalho colaborativo com as outras bibliotecas da rede municipal. ex.: - Banco de Empréstimo de Manuais - Visitas para EB1 e JI Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 34
  • 35. Evidências (+ relevante) Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 35
  • 36. Domínio C. Projectos, parcerias e actividades livres e de abertura à comunidade C.2. Projectos e Parcerias Acções para melhoria: Envolver EE e comunidade no funcionamento e actividades da biblioteca, encontrando promotores para estes e outros projectos da BE Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 36
  • 37. Domínio D. Gestão da biblioteca escolar D.1. Articulação da BE com a escola/agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE. Relatório de avaliação: -A BE está integrada de forma clara e adequada em todos os documentos orientadores da vida do Agrupamento e representada no Conselho Pedagógico e nas equipas de elaboração/revisão do PE, RI, Plano de Actividades. -O Plano de Acção e o Plano de Actividades da BE articulam-se com as metas do PE. -A direcção apoia o trabalho da BE afectando-lhe os meios materiais e humanos necessários ao seu bom funcionamento. -Os recursos da BE são de livre acesso a todos os utilizadores Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 37
  • 38. Domínio D. Gestão da biblioteca escolar D.1. Articulação da BE com a escola/agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE. Acções para melhoria: - Promover o uso da BE e dos seus recursos junto das outras escolas do Agrupamento Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 38
  • 39. Domínio D. Gestão da biblioteca escolar D.2. Condições humanas e materiais para a prestação dos serviços Relatório de avaliação: - Elementos não docentes da equipa com boas habilitações literárias (licenciatura e 12º ano), motivadas para o trabalho na BE, com formação em Bibliotecas, o que permite o desenvolvimento de um trabalho efectivo de apoio aos utilizadores, em coordenação com a professora- bibliotecária. - A professora-bibliotecária garante a representação da BE nas diferentes equipas. - O espaço da BE foi alvo de intervenção no ano lectivo de 2007/2008 Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 39
  • 40. Domínio D. Gestão da biblioteca escolar D.2. Condições humanas e materiais para a prestação dos serviços Relatório de avaliação: -O material informático foi renovado (através do PTE), mas dada a grande procura por parte dos utilizadores verifica-se já necessidade de mais computadores; - Este ano lectivo foi instalado um quadro interactivo(PTE) O mobiliário da BE é adequado, mas devido à elevada frequência da BE e requisição do espaço para palestras, reuniões e eventos, é necessário adquirir mais mesas. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 40
  • 41. Domínio D. Gestão da biblioteca escolar D.2. Condições humanas e materiais para a prestação dos serviços Acções para melhoria: - Aquisição de computadores portáteis - Renovação de algum mobiliário - Reorganização da Equipa ao nível dos professores colaboradores - Realização periódica de reuniões formais com todos os elementos da equipa Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 41
  • 42. Domínio D. Gestão da biblioteca escolar D.3. Gestão da colecção/da informação. Relatório da avaliação: A BE dispõe de cobertura total do tratamento informático da colecção e procedeu à avaliação da colecção, detectando algumas áreas temáticas com poucos recursos e também um desequilíbrio entre suporte livro e não livro. Essa avaliação servirá para programar as próximas aquisições, de acordo com as necessidades dos utilizadores. A BE procedeu à correcção dos erros detectados no seu catálogo, de modo a preparar a integração no catálogo concelhio. Procedeu-se à renovação da sinalética e disposição dos livros, de modo a facilitar o acesso dos utilizadores e o catálogo é pesquisável on-line. Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 42
  • 43. Domínio D. Gestão da biblioteca escolar D.3. Gestão da colecção/da informação. Acções para melhoria: -Diversificar os meios de divulgação dos recursos da BE, sobretudo através das tecnologias de informação; - Continuar a trabalhar no âmbito do grupo concelhio no sentido de uma gestão integrada da colecção e da difusão de informação (através da criação do portal da Rede de Bibliotecas de Vagos) Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 43
  • 44. • Ano de incidência da auto-avaliação: 2009/2010 • Data de apresentação ao Conselho Pedagógico: 2010/07/16 • Recomendações do Conselho Pedagógico: - Adopção do modelo de pesquisa - Implementação das acções de melhoria - Apoio ao projecto Fénix - Visitas 1º ciclo: articular com actividades de outros departamentos Julho 2010 Relatório de Auto-avaliação 44
  • 45. Relatório de Auto-avaliação Julho 2010 «Está comprovado que quando os bibliotecários e os professores trabalham em conjunto, os alunos atingem níveis mais elevados de literacia, de leitura, de aprendizagem, de resolução de problemas e competências no domínio das tecnologias de informação e comunicação.» IFLA/UNESCO (1999) 45

×