Uploaded on

Produção e elaboração de Blog

Produção e elaboração de Blog

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
93
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
2
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. specialização em EaDcom ênfase em produçãode material didáticoProdução e elaboraçãode Blog e WikiProfa. MSc. Maely da Silva Moraes
  • 2. Copyleftã2010Editora da Universidade Federal de RoraimaGOVERNO FEDERALPresidente da República Luiz Inácio Lula da SilvaMinistro da Educação Fernando HaddadSecretário de Educação a Distância Carlos Eduardo BielschowskyDiretor do Dep. Políticas em Educação a Distância Hélio Chaves FilhoCoordenador da Universidade Aberta do Brasil Celso CostaUNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMAReitor Roberto Ramos SantosVice-reitora Gioconda MartinezDiretor da Editora da UFRR Manoel Alves Bezerra JuniorCENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIACoordenador Prof. Dr. Alberto Martin Martins CastanedaUNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL (UAB/UFRR)Coordenador Fábio José ParreiraCoordenador Adjunto Ville Caribas Lima de MedeirosCoordenador do Curso Luciano Ferreira SilvaMATERIAL DIDÁTICOCapa Adriana MorenoRevisão Textual e Gramatical Adriana MorenoEditoração Adriana MorenoAutora Profa. MSc. Maely da Silva MoraesP258a Moraes, Maely da SilvaEspecialização em EaD com ênfase emprodução de material didático / Maely da Silva MoraesBoa Vista : Editora da UFRR, 2009.46 p.1 – Educação. 2 – Educação à distância. 3 – Educaçãoespecial. I - Título.CDU – 37.018.43Dados Internacionais de Catalogação-na-publicação (CIP)
  • 3. SumárioApresentação1. UNIDADE I - Blog 71.1 Planejamento e organização do blog 71.1.1 Operacionalização do blog 91.2 Criação do blog no Blogger 131.2.1 Edição de postagens 161.1.2 Escolha da plataforma 111.1.2.1 Recursos do Blogger 111.2.2 Reedição de postagens 181.2.3 Inserção de link 201.2.4 Inserção de imagens 201.2.5 Inserção de vídeos 221.2.6 Inserção e configuração do recebimento de comentários 221.2.7 Edição do Perfil 231.3 Blog coletivo da disciplina 251.3.1 Como ingressar no grupo do blog da disciplina? 251.4 Dicas para fazer um blog 261.5 Considerações finais da unidade 282. UNIDADE II - Wiki 292.1 Planejamento e organização do wiki 312.1.1 Escolha da plataforma 322.2 Criação do wiki no PBworks 322.2.1 Edição de postagem no wiki 352.2.2 Inserção de imagens e anexos 362.2.3 Inserção de links e outros recursos 362.2.4 Edição de outras páginas 372.2.5 Criação de novas páginas 382.2.6 Login e solicitação de acesso a outros workspaces 392.2.7 Convite de acesso ao workspace 402.2.8 Outras configurações do workspace 422.3 Considerações finais da unidade 44
  • 4. 5ApresentaçãoCaro cursista,No módulo passado você teve a oportunidade conhecer diversasferramentas web que podem ser aplicadas no contexto da sala de aula,principalmente, como estratégias para a aprendizagem na modalidade adistância. A medida que elas foram apresentadas sugerimos que você asexperimentassem por meio de atividades. Esperamos que você tenhaexperimentado cada uma delas e não apenas lido sobre elas. De qualquerforma agora você irá conhecer na prática duas das mais empregadas na EaDque são blog e wiki.Assim, este módulo visa auxiliar você na produção e elaboração de umblog e um wiki de acordo com a área de conhecimento do livro texto paraeducação a distância que você deverá produzir ao final deste curso. Portanto,vamos nos concentrar na prática do planejamento, organização e criação deum blog e um wiki. Para criação do blog usaremos a ferramenta de edição egerenciamento Blogger e para criação do wiki a plataforma PBworks.Este material está estruturado em duas unidades. A primeira, aborda osprocedimentos para criação de blogs. A segunda unidade, apresenta osprocedimentos para criação de wiki. Mas, trata-se de um material introdutóriosobre tais ferramentas. Portanto, exigirá de você uma postura investigativa ede colaboração para buscar mais informação e alcançar seu objetivo.Mais uma vez sugerimos que você compartilhe as suas experiências edificuldades nos fóruns temáticos. Pois como já foi Mais uma vez sugerimosque você compartilhe as suas experiências e dificuldades nos fórunstemáticos. Pois como já foi dito anteriormente, é nos fóruns que vocêencontrará ajuda do professor/tutor e dos demais colegas do curso. Vamosnos ajudar uns aos outros e quem fizer uma coisa que outro ainda nãoconseguiu, explica como fez.Sendo assim, seja bem-vindo e mãos à obra!
  • 5. 6
  • 6. UNIDADE 1 - BlogPlanejamento e organização do blogNo módulo passado você teve acesso a definição, utilidade efuncionamento de blogs, bem como, conheceu alguns serviços de edição,gerenciamento e hospedagem deles. Discutiu sobre as diversas vantagensdesta ferramenta, conheceu talvez a mais marcante delas, a facilidade deedição, que possibilita a publicação gratuita de informação, concentrada noconteúdo e não na interface, permitindo a postagem de textos, imagens evídeos sem maiores dificuldades.Neste momento do curso você já deve ter visto diversos exemplos deutilização de blogs na educação e com certeza já tem alguma idéia sobrecomo utilizar esta ferramenta para apoiar o ensino a distância e presencial oumesmo a escola. No ensino pode ser utilizado para publicação de avisos etrabalhos escolares, indicações de links de consulta, textos para leitura,entre outros. Já para a escola pode ser utilizado como portal da escola,espaço de divulgação de ações ou projetos específicos, e-portfólio deprofessores, recursos no acompanhamento e gestão da escola.Alguns autores que já estudam a utilização desta ferramenta naeducação a algum tempo afirmam que "os alunos que têm weblogs podemmais facilmente assimilar noções básicas de apresentação pública detrabalhos e de ética acadêmica, como a necessidade de absoluto respeitopelo trabalho dos outros" [1], inibindo a prática de plágio pois as postagensficam disponíveis para toda a comunidade da web.Os benefícios de se empregar o blog no contexto da educação sãovários. Listamos abaixo alguns que foram classificados como os principais paraprofessores e alunos em uma reportagem da Revista Época[2]:Atividade 1: Revise o conceito, o funcionamento e ascaracterísticas da ferramentas blog. Depois esgote suasdúvidas sobre o assunto discutindo a respeito dele no fórumtemático na sala virtual.
  • 7. ‘‘- Aproximar professores e alunos . Os estudantes tendem a seidentificar com o professor blogueiro. Se o aluno cria um blog,os professores têm um espaço a mais para orientar o aluno .• Permitir maior reflexão sobre o conteúdo. Quando o professorblogueiro expõe sua opinião, está sujeito a críticas e elogios.Com isso, reflete sobre seu trabalho e faz os alunos pensar maissobre o tema proposto .• Manter o professor atualizado. O professor blogueiro buscaem outros sites e blogs informações para compartilhar com osalunos. Isso o coloca em permanente reciclagem .• Criar uma atividade fora do horário de aula. O estudo não ficarestrito aos 45 minutos de sala de aula. Com o blog, o professorinstiga os alunos a estudar mais. Eles buscam no blog desafios,exercícios e gabaritos .• Trazer experiências de fora da escola . O blog abre asatividades da escola para pessoas de outros colégios, cidades eaté países colaborarem. Isso amplia a visão de mundo da turma .• Divulgar o trabalho do aluno e do professor . As produções doaluno ou do professor podem ser vistas, comentadas econhecidas por qualquer internauta do mundo. Isso é umincentivo para alunos e professores se dedicarem .• Permitir o acompanhamento . Com os blogs, os pais podemmonitorar as atividades escolares dos filhos. E também teracesso ao que o professor está ensinando. Isso não é possível comas aulas .• Ensinar linguagem digital . Ao montar blogs, alunos eprofessores passam por um processo de "alfabetização digital".Aprendem a fazer downloads e outros recursos para navegarcom facilidade .’’Como você pode ver, vantagens e opções de utilização do blog na educaçãonão faltam. Mas o fato é que não existe uma “receita de bolo”, tudo vai dependerda sua criatividade, uma certa dose de organização e planejamento. De modo que
  • 8. para utilizarmos o blog no contexto da sala de aula (virtual ou presencial) faz-se necessário pensar e amadurecer idéias, definir objetivos para só então porem prática o que ficou definido.Lembrando que o quer que você pretenda fazer com essa ferramentadeverá ser feito pensando na lógica dela. Onde a primeira postagem sempreficará por último. Ou seja, as postagens/entradas feitas pelos autores do blogsão dispostas de forma "cronológica e invertida", como uma espécie de diárioinvertido. Em geral, é possível ter acesso aos artigos publicados por meio delinks dispostos nas barras laterais do blog. Mas isso você já deve ter notado nomódulo passado!Operacionalização do blogPensando numa forma de operacionalizar a criação do seu blogdisponibilizamos na sala virtual um cronograma de atividades a ser cumpridopara alcançar mais rapidamente seu objetivo. Procure cumprí-lo na íntegra.Ele é constituído basicamente pelos seguintes passos:• Definição do tema e objetivos geral e específicos;• Levantamento bibliográfico (Trabalhos relacionados e links);• Levantamento de conteúdo (Criação/seleção) de artigos a serempublicados;• Criação da conta Google e do blog;• Definição da estrutura das informações a serem disponibilizadosinicialmente no blog;• Povoamento do blog;•Apresentação do protótipo do blog;• Disponibilização do blog.A seguir cada uma das atividades propostas tem como objetivodirecioná-lo para criação, estruturação e composição do seu blog. Portanto,ao realizar tais atividades tenha o cuidado de já fazê-las com a formalismonecessário para inclusão no blog.Vamos agoracolocar no papelalgumasinformaçõescruciais para oorganização eplanejamento doseu blog?
  • 9. Atividade 2: Produza um texto que contenha a definição dotema, o público-alvo, o objetivo geral e os objetivos específicospara o o seu blog. Depois envie o arquivo no local indicadodentro da sala virtual. Além disso, compartilhe sua idéia deutilização na educação no fórum temático na sala virtual.Atividade 3: Pesquise trabalhos relacionados ao que pretendecriar (blogs, sites, portais ou páginas de internet) e liste-os emuma arquivo texto acrescentando uma breve descrição paracada um. Depois envie o arquivo no local indicado dentro da salavirtual.Atividade 4: Produza um texto que contenhaesquematicamente a estrutura das informações que serãopublicadas no blog. Listando e descrevendo resumidamente astais informações (Ex.: Suponha que o tema do seu blog sejasobre um projeto da escola onde você trabalha, e você desejadivulgá-lo na internet. Quais informações são relevantes paraeste projeto ser divulgado adequadamente? Liste todas elasinformações seguidas de por uma breve descrição.Uma preocupação que demanda um certo tempo é a definição de layout edesing do blog, mas como faremos uso de uma ferramenta de criação egerenciamento blog não teremos que nos preocupar com esses itens. Pois,normalmente, este tipo de ferramenta possui layout HTML pré-definido e diversasopções de desing baseados em CSS. E este último por sua vez vai ser responsávelpor manter o design do seu blog bastante flexível, contribuindo, entre outrascoisas, para que o seu blog carregue mais rápido e possibilitando a realização dealterações do desing separadamente do texto.Atividade 5: Pesquise sobre estilos CSS (conceito,funcionamento e vantagens) e o que são templates. Depoisdiscuta a respeito do que descobriu no fórum temático na salavirtual.
  • 10. Atividade 6: Agora chegou a hora do conteúdopropriamente dito, prepare um artigo/texto para cadaitem que você definiu na estrutura da informação a serpublicada no blog, para que possamos nos preparar para defato criá-lo.Escolha da plataformaComo você já deve ter conhecimento, atualmente, existem váriosserviços gratuitos para criação e hospedagem de weblogs. Nós escolhemos aplataforma Blogger que é um serviço do Google, também conhecido comoBlogSpot, por ser uma das opções gratuitas mais fáceis e dinâmicas parainiciantes e tem vantagem de estar disponível em português. Esta ferramentapermite atualização a todo instante, através de uma interface amigável semcomplicação ou programação, de qualquer lugar do planeta, basta apenas quevocê esteja conectado na Internet.Mais adiante, apresentamos os passos iniciais necessários para acriação de blog no Blogger, mas se você preferir outra ferramenta asmudanças de cadastro e utilização não são tantas. De modo que nada impedevocê de criar o seu blog no servidor de sua preferência . No entanto,recomendamos que antes de começar a criação do blog propriamente ditavocê procure saber do que a ferramenta é capaz.Recursos do BloggerListamos abaixo alguns dos principais recursos do Blogger e convidamosvocê a se aprofundar e explorar as possibilidades deste recurso da web.No Blogger existem vários recursos que tem como principal objetivofacilitar a criação e escrita do seu blog, mas aqui listaremos os principais,caso queira saber mais visite o link: http://www.blogger.com/features.• Editor de postagens com interface simplificada, de modo que se vocênão tem domínio sobre a linguagem de marcação HTML, não precisará seSe você já conhecea plataformaBlogger não percatempo e comeceagora mesmo acriar e povoar oseu blog.1 Blig: blig.ig.com.br;zip. net: blog.uol.com.br;WordPess: pt-br.worpress.com;Blogger: www.blogger.com; entre outros.1
  • 11. preocupar pois poderá escrever seus texto como se estivesse em um editor detexto como Writer ou MS Word inclusive fazendo formatações de fonte, cores,alinhamento, etc. Mas se você for um usuário que queira fazer algo maispersonalizado poderá modificar a aparência das suas postagens usando o editor deHTMLdo Blogger.• Hospedagem gratuita, podendo escolher uma URL disponível e depois, sepreferir, poderá trocar a URL por outra diferente ou até mesmo personalizar odomínio.• Disponibilidade de diversos modelo de blog com a possibilidade depersonalizações diversas (cores, layout, adição gadgets, etc).• Facilidade para adicionar fotos e vídeos às postagens de forma intuitivaapenas clicando no ícone correspondente na barra de ferramentas do editor depostagens . De modo que as fotos são armazenadas no Picasa e os vídeos no GoogleVídeo.• Possibilidade de comentários dos usuários do blog de diversas formas (logoabaixo da postagem, em uma janela pop-up ou em uma página separada).• Permite inscrição de leitores no feed do blog, de modo que estes serãonotificados sempre houver uma nova postagem, e ainda envio automático de novaspostagens para endereços de e-mail específicos ou listas de e-mails.• Várias formas de fazer postagens no blog (pelo seu celular, e-mail secretodo Mail-to-Blogger e Blogger Post Gadget).Atividade 7: Descubra o que são gadgets e quais aspossibilidade de adição em blogs do Blogger. Depoiscompartilhe suas descobertas no fórum temático na salavirtual.Atividade 8: Procure saber mais sobre os serviços Picasa eGoogle. Depois compartilhe suas descobertas no fórumtemático na sala virtual.
  • 12. Atividade 9: Procure saber mais sobre as diversas formasde postagens num blog do Blogger. Depois compartilhe suasdescobertas no fórum temático na sala virtual.• Criação de blog coletivo, que permite a contribuição de váriosusuários (os autores e os administradores) para um único blog. Podendo aindater total controle sobre o blog transformando-o em privado e restringir quemirá visualizá-lo.Existem ainda diversos outros recursos no Blogger, caso você precise demais informações sobre qualquer recurso do Blogger, acesse o site deAjuda doBlogger. Para se inteirar sobre atualizações visite o Blogger Buzz e para testaros recursos experimentais acesse o Blogger em rascunho.Criação do blog no BloggerPara criar um blog no Blogger, primeiramente, acesse o endereçowww.blogger.com. Na tela inicial (Figura 1) será solicitado que você efetualogin com sua Conta do Google (como Gmail, Grupos do Google ou Orkut). Masse você ainda não possui uma conta deverá se cadastrar clicando no botãoCRIAR UM BLOG.Figura 1: Página inicial do Blogger2 Ajuda do Blogger: help.blogger.com3 Blogger Buzz: buzz.blogger.com4 Blogger em rascunho: draft.blogger.com2 34
  • 13. Em seguida, aparecerá na tela um formulário (Figura 2) que você deverápreencher todos os campos em branco seguindo atentamente as respectivasinstruções. No final, clique no botão CONTINUAR, sem esquecer de marcar oquadrado ao lado de "Aceito os Termos de Uso".Figura 2: Formulário de criação de conta no BloggerNa tela seguinte (Figura 3) você deverá preencher os campos: título do blog,URL do blog e os caracteres da imagem de verificação para depois prosseguirclicando em CONTINUAR. Vale lembrar que o endereço deverá ser compostoapenas por caracteres alfanuméricos minúsculos, pode ser diferente do título enão aceita nenhum caractere especial além do hífen (-).5 É a localização de arquivo na Web.566 Caracteres não-alfanumérico. Ex: espaço em branco ( ), sublinhado ( _ ), etc.
  • 14. Figura 3: Tela de definição do título e endereço do blogFigura 4: Tela de escolha da aparência do blogNa tela de escolha da aparência (Figura 4) é só selecionar um dosmodelos disponíveis para organizar inicialmente o layout seu blog e clicar emCONTINUAR. Caso mude de idéia poderá escolher outro modelo a qualquer
  • 15. momento depois de criado o blog mantendo-se os elementos da página. Esta etapaé importante porque uma primeira impressão positiva do seu blog pode levar ovisitante a ficar e ler o seu conteúdo, mas o contrário pode fazê-lo ir embora ejamais voltar. Portanto, capriche na escolha!Muito bem! Seu blog está criado. Na tela de confirmação (Figura 5) cliqueem COMEÇARAUSAR O BLOG e você poderá começar a inserir conteúdo clicando naguia "Postagem", ou fazer diversos ajustes através das sub-opções localizadas nasabas "Configurações" e "Layout" (Figura 6).Figura 5: Tela de confirmação de criação do blogEdição de postagensVamos então ao que mais interessa no blog, o seu conteúdo. Ele precisaráser interessante, já que o principal atrativo para o seu público alvo é a maneiracomo escreve. Assim sendo, é primordial escrever bem e para isso não existenovidade, ler é fundamental.O Blogger possui um editor de postagem disponível na guia "Postagem" datela e sub-opções "Nova Postagem" e "Editar postagens" (Figura 6). Nele existemdiversos recursos, mas descreveremos a seguir apenas os principais:Atividade 10: Procure saber mais sobre as diversaspossibilidades de ajuste que você pode fazer no seu blog doBlogger. Depois compartilhe suas descobertas no fórumtemático na sala virtual.7 Título, postagens, gadgets, etc.7
  • 16. • Barra de ferramentas muito semelhante às barras de processadores detexto populares no Brasil, como o MS Word e Writer, facilitando a formataçãode parágrafos, fontes, iterações, inserção de links, imagem, etc.• Campo para atribuição de "Título" à postagem. Neste campo atribuasempre um título que reflita o conteúdo da postagem, como por exemplo umafrase que faça parte do próprio texto da postagem e que desperte acuriosidade e motive o visitante a lê-la.• Possibilidade editar o texto na linguagem de marcação HTML.•Opções que conferem a postagem: permissão ou não para recebimentode comentários dos leitores, programação de data e hora da postagem, entreoutras;• Possibilidade de conferir como vai ficando a página através do link"Visualizar blog";• Campo "Marcadores", que são "palavras-chave"(tags), separadas porvírgulas, que identificam os assuntos tratados pelo seu texto. A mesma tagpode ser usada para diversas postagens sempre com o cuidado de ter relaçãodireta com o assunto da postagem.Ao criar uma nova postagem, você pode optar por não publicá-laimediatamente, salvando-a como rascunho para posteriormente publicá-la.Para isso, clique em SALVARAGORA. Mas se sua intensão é publicar a postagemimediatamente, clique em PUBLICAR POSTAGEM. Então surgirá uma telacom o status da publicação (Figura 7), comunicando que sua postagem foipublicada com sucesso .
  • 17. Figura 6: Tela de criação de postagensFigura 7: Tela de status de publicaçãoReedição de postagensDepois de criada, qualquer postagem, mesmo que já publicada, pode sereditada a qualquer momento. Bastando para isso, na tela principal do blog (Figura8), clicar em "Personalizar" na barra de navegação do Blogger. Na tela seguinte
  • 18. clicar na guia "Postagem" e na seqüência na sub-seção "Editar postagens",depois escolher a postagem a ser editada clicando em "Editar" ao lado dotítulo dela (Figura 9). Se você já estiver na tela para criar postagem, paraeditar qualquer postagem anteriormente publicada, é só clicar em "Editarpostagens" e proceder conforme acima.Figura 8: Tela principal do blogFigura 9: Tela de gerenciamento de todas as postagens do blog (rascunhos epublicadas)
  • 19. Inserção de linkPara inserir um link na sua postagem, primeiro selecione uma palavra ouexpressão que tenham correspondência com a página de destino , depois clique noícone de adição e remoção de link na barra de ferramentas do editor de postagem.Quando surgir a caixa de diálogo para edição de link (Figura 10), preencha o camporeferente a URL de destino e clique em OK. Ao retornar para tela de edição depostagem proceda com descrito anteriormente.Figura 10: Caixa de diálogo para edição de linkInserção de imagensPara inserir uma imagem na sua postagem, posicione o cursor do mouse ondedeseja que a imagem fique. Em seguida, clique no ícone de inserção de imagem nabarra de ferramentas do editor de postagem. Ao abrir a caixa de diálogo de adiçãode imagem (Figura 11), selecione a opção “Imagens carregadas” e localize oarquivo no seu computador clicando no botão “Arquivo...” ou selecione a opção“Endereço da web” e preencha o campo “URL da imagem”, caso seja uma imagemda internet.
  • 20. Figura 11: Caixa de diálogo para adição de imagemA imagem então aparecerá carregada na caixa de diálogo (Figura 12) evocê deverá clicar nela e depois em OK.Figura 12: Caixa de diálogo para adição de imagem com imagem carregadaNa tela seguinte você verá a sua postagem com a imagem. Caso desejefazer alteração da posição e tamanho da figura, basta posicionar o curso domouse sobre a imagem e uma barra de menu (Figura 13) aparecerá com asopções disponíveis. Em seguida salve a postagem como rascunho ou publique-a, clicando no botão apropriado.
  • 21. Figura 13: Barra de menu para alteração de layout de exibição da imagemInserção de vídeosAtualmente, o não existe mais a possibilidade de carregar arquivos de vídeodiretamente para o servidor do Blogger. Mas é possível incorporar ou vinculararquivos de vídeo em seu blog, desde que eles estejam hospedados em outra parteda web. Ou seja, se você tem um vídeo na sua máquina e deseja publicar no seublog, você deverá primeiro disponibilizá-lo na web, por exemplo no YouTube, paraentão proceder a incorporação no seu blog .Inserção e configuração do recebimento de comentáriosPara configurar e autorizar ou não o recebimento de comentários naspostagens do seu blog, ao criar/editar a postagem clique em “Opções depostagem” e nas opções sobre “Comentários dos leitores” selecione uma dasdisponíveis (“Permitir”, “Não permitir, e mostrar existentes” ou “Não permitir, eocultar existentes”).Depois de configurado o recebimento, você poderá comentar qualquer“postagem” com permissão para tal. Para fazer isso, inicialmente, localize a88 No endereço de internet ao lado(http://www.google.com/support/blogger/bin/answer.py?hl=br&answer=67428)você encontrar instruções sobre como proceder a incorporação de vídeos no seu blog.
  • 22. postagem que você quer comentar. Em seguida, clique na palavra“comentários” abaixo da postagem, próxima ao no nome do autor (Figura 8),escreva o comentário na caixa de texto, escolha uma identidade e publique-o(Figura 14). Observe o número que aparece ao lado da palavra “comentários”ele indica quantos comentários já foram feitos sobre aquela postagem.Caso o blog tenha restrição de acesso para realização de comentário sóos membros do grupo do blog poderão comentar as postagens depois deefetuado o “login”, digitando nome do usuário e senha.Figura 14: Caixa de texto para cometar postagemEdição do PerfilAo se inscrever no Blogger, um perfil é definido para você. Mas aqualquer momento você pode incluir/alterar/excluir dados desse perfil. Noentanto, algumas informações são obrigatórias e podem até ser alteradas,mas nunca excluídas.Para editar os dados do seu perfil no Blogger, você precisa fazer login noportal com a sua conta Google. Para isso, você pode acessar a página principaldo Blogger, digitar seu nome de usuário e senha no local específico, depoisconfirmar o acesso clicando em LOGIN (Figura 1). Na tela seguinte, você terá
  • 23. acesso ao painel de gerenciamento de todos os blogs nos quais você está inscrito noBlogger, clique em “Editar perfil” (Figura 15). Faça as alterações que julgarnecessárias, em seguida confirme-as clicando no botão GRAVAR PERFIL no final datela de edição do perfil (Figura 16). Mas lembre-se, caso você altere os campo“Nome do usuário” e “Senha”, guarde essa informação em lugar seguro paragarantir o acesso aos blogs nos quais está inscrito.Figura 15: Painel de gerenciamento dos blogs do BloggerFigura 16: Tela de edição do perfil do usuário
  • 24. Blog coletivo da disciplinaNa disciplina Produção e elaboração de blog e wiki, do Curso deespecialização que você está participando será construído um blog queenvolverá a participação de todos os alunos, cujo tema é “blog e wiki naeducação” e será avaliado no final do curso. Nele você deverá participar comno mínimo uma postagem, escrevendo sobre suas experiências com asferramentas estudadas na disciplina, incluindo uma breve descrição e os linksdo blog e do wiki que você criará até o final do curso. Poderá ainda escreversobre alguma questão que esteja sendo discutida na disciplina e o que maisachar pertinente neste contexto. Será exigido também que você comentepelo menos duas postagens.O endereço do blog estará disponível na sala de aula virtual. O blog seráconfigurado de forma que somente os usuários cadastrados, a convite doprofessor, poderão fazer postagens e comentários. Mas estará visível paratoda a comunidade da web. Portanto, seus comentário ou postagens nãopoderão ser mera transcrição de notícias ou matérias publicadas em outroslocais (web, tv, rádio, material impresso, etc), no máximo poderá ser umcomentário a respeito com link para o endereço original ou conter a devidareferência bibliográfica ao final do postagem.Como ingressar no grupo do blog da disciplina?Como já foi dito, para ingressar no grupo do blog da disciplina você teráque ser convidado pelo professor por meio de um e-mail. Quandoreceber o email, siga o link que aparece no corpo da mensagem (Figura 17).Figura 17: e-mail convite para grupo de colaboradores de blog do Blogger
  • 25. 26Em seguida, surgirá uma tela convidando você a participar do grupo decolaboradores do blog (Figura 18). Caso você já tenha uma conta Google, bastafazer a inscrição digitando e-mail e senha no local indicado. Caso contrário, cliqueem “Crie sua conta agora” e siga o procedimento de criação de conta descritoanteriormente.Figura 18: Tela de inscrição no grupo de colaboradores do blog da disciplinaAo concluir sua inscrição no grupo do blog, surgirá na tela o painel degerenciamento de blogs (Figura 15). Se o blog da disciplina for o primeiro no qualestá inscrito, apenas o nome dele aparecerá na lista. Para começar as postagens ésó clicar no botão NOVA POSTAGEM abaixo do nome do blog e a tela de edição depostagens aparecerá, o resto você já sabe!Dicas para fazer um blogCom objetivo de evitar que você comenta erros que venham a prejudicar osucesso do seu blog, listamos abaixo algumas discas:• Escolha com cuidado o título e o endereço do seu blog, eles devem serfáceis de memorizar, originais, criativos e relacionados com o tema do blog deforma que dê idéia do conteúdo do blog;
  • 26. 27• Escreva um português correto. Sem uso de abreviações do tipo: pq,vc, tbm, etc. Empregando o uso correto de parágrafos, pontuação e acentos.Em caso de dúvida na grafia de uma palavra, não existe em consultar umdicionário e sempre utilize o corretor ortográfico;• Procure manter o seu blog sempre atualizado, criando conteúdo novocom uma certa regularidade;• Tenha o cuidado de publicar informações de boa qualidade e quetenham utilidade;• Não transcreva conteúdos de outros blogs ou sites da web no seu blog.Caso tenha gostado de algo que encontrou na web e quiser publicar,faça uma postagem com uso de citações, sempre recomendando leitura naintegra no local de origem através inclusão de um link;• Leia e interaja em outros blogs, isto pode ajudá-lo a ter boas idéias eficar ligado nas novidades para compor suas postagens;• Seja parcimonioso na disponibilização links, ou seja, não exagere naquantidade deles;• Não enfeite demais o seu blog. Ou seja, não coloque imagens emexcesso, diversas animações flash, telas splash, muitos scrpits que exibaminformações sem valor e coisas piscantes. Procure manter o foco do designnaquilo que você quer que o usuário faça e na facilidade de atualização.• Sempre que publicar uma imagem procure colocar palavras-chave nonome do arquivo, uma descrição e legenda relevantes. Pois isso pode ajudar aaumentar a exposição do seu blog por meio de buscas feitas no GoogleImagens.• Facilite a leitura fazendo uso de cores claras, que não cansam osolhos;• Fique atento na formatação da fonte em relação ao contraste com ofundo da página e ao tamanho para não prejudicar legibilidade do blog;• Evite colocar música tocando automaticamente;• Se o seu objetivo é interagir com o seu público alvo, deixa bem a vistao link dos comentários;• No caso de blog empregado no contexto da sala de aula, procure evitar
  • 27. 28expor nomes completos e fotos individuais com identificação dos seus alunos.Considerações finais da unidadeVocê já deve ter percebido que existem diversas vantagens para uso de blogna educação, mas antes de encerrarmos gostaríamos de alertar sobre algunscuidados que devem ser tomados antes da utilização desta ferramenta no contextoda sala de aula. Primeiramente, cada professor que opte pelo uso do blog deveantes procurar saber qual a política da instituição de ensino a respeito dautilização de recursos da Internet por alunos. Provavelmente, será preciso pedirautorização da família dos alunos, para colocar, na rede, seus nomes e fotos. Paraisso, recomenda-se contactar os pais para expor detalhes sobre o projeto, pormeio de contato pessoal, carta impressa ou e-mail [3].Depois, as regras de comportamento precisam ficar bem definidas,preferencialmente, de comum acordo com todos os envolvidos no projeto(professores e alunos) [3]. Mesmo assim, o uso de uma ferramenta que permitamoderação pode ser útil, ainda que se espere dos alunos o exercício dacriatividade, pois não será bom para a imagem do projeto/instituição ter assuntosfora da temática do blog sendo discutido nele, uma vez que esta ferramenta possuiamplo acesso na Internet. Neste contexto, o professor não apenas tem o direito,mas o dever, de controlar o que seus alunos podem ou não disponibilizar na Web.Chegamos ao final da Unidade I e você deve estar com a impressão de quepassou muito rápido e não deu para ver tudo o que você queria. Mas não sepreocupe, esse sentimento é normal, lembre-se que agora você não está sozinho,pode recorrer aos colegas de turma, aos professores/tutores e a comunidade daWeb. Nosso material nunca teve a pretensão de esgotar todas as suas dúvidas. Porisso, sempre recomendamos que você busque mais informações nas leituras deartigos, livros, Web, e nos links de ajuda que normalmente as ferramentas decriação de blogs disponibilizam. Enfim, o “ponta-pé inicial” foi dado, o restantedepende de experimentação e muita prática.
  • 28. 29UNIDADE II - WikiPlanejamento e organização do wikiNo módulo passado também foi estudada a ferramenta wiki. Vocêinclusive já deve ter alguma idéia sobre como utilizá-la na área da educação,principalmente, na modalidade de educação à distância, devido ao fato delapermitir o trabalho colaborativo, interativo e dinâmico entre alunos, tutorese professores sem a exigência de conhecimentos técnicos avançados naconstrução rápida de páginas Web.Reforçamos aqui, o que já foi dito antes, "não existe uma receita aseguir", e sua criatividade será exigida novamente. Mas, para facilitar,sugerimos que análogo ao que aconteceu em relação ao planejamento daferramenta blog deva ser feito em relação a ferramenta wiki. Ou seja, faz-senecessário colocar no papel as informações cruciais para a organização eplanejamento do seu wiki. Por isso, propomos outro cronograma de atividadesmínimas a ser cumprido para fins de operacionalização do projeto/construçãodo wiki que você deverá entregar juntamente com o blog no final do curso. Ospassos são quase os mesmos do cronograma anterior, proposto para aconstrução do blog.• Definição do tema e objetivos geral e específicos;• Levantamento bibliográfico (Trabalhos relacionados e links);• Levantamento de conteúdo (Criação/seleção) de artigos a serempublicados;• Criação da conta na ferramenta que hospedará o wiki;Definição da estrutura das informações a serem disponibilizadosinicialmente no wiki;• Povoamento do wiki;Atividade: Revise o conceito, o funcionamento e ascaracterísticas da ferramenta wiki. Depois esgote suasdúvidas sobre o assunto discutindo a respeito dele no fórumtemático na sala virtual.Consulte o novocronograma na salavirtual dadisciplina e maisuma vezprocure cumprí-lona íntegra.
  • 29. • Apresentação do protótipo do wiki;• Disponibilização do wiki.A seguir, as atividades propostas têm como objetivo direcioná-lo paracriação, estruturação e composição do seu wiki. Portanto, reforçamos que aorealizar tais atividades tenha o cuidado de já fazê-las com o formalismo necessáriopara a composição do wiki.Assim como aconteceu com o blog, o layout e desing do wiki, não deverão serproblema, pois atualmente as ferramentas de criação de wiki também possuem orecurso de layout HTML pré-definido e diversas opções de desing baseados em CSS.E a esta altura do curso você já entendeu a utilidade e praticidade deste recursopara a manutenção de páginas Web seja de um blog ou de um wiki.Atividade: Chegou a hora de preparar o conteúdo inicial do wiki?Prepare um artigo/texto para cada item que você definiu naestrutura da informação a ser publicada no wiki, para quepossamos nos preparar para de fato criá-lo.30Atividade: Produza um texto que contenha a definição do tema,o público-alvo, o objetivo geral e os objetivos específicos para oseu wiki. Depois envie o arquivo no local indicado dentro da salavirtual. Além disso, compartilhe sua idéia de utilização naeducação no fórum temático na sala virtual.Atividade: Pesquise trabalhos relacionados ao que pretendecriar (wiki, sites, portais ou páginas de Internet) e liste-os em umarquivo texto acrescentando uma breve descrição para cada um.Depois, envie o arquivo no local indicado dentro da sala virtual.Atividade: Produza um texto que contenha esquematicamentea estrutura das informações que serão publicadas no wiki. Listetodas estas informações seguidas de por uma breve descrição.
  • 30. Escolha da plataformaAtualmente, existem vários serviços gratuitos para criação ehospedagem de wiki (Quadro 1). Escolhemos a plataforma PBworks,conhecido anteriormente como PBwiki, que "permite que diversos usuárioseditem e alterem seu conteúdo através de um sistema de múltiplasautenticações simultâneas" [4]. Esta ferramenta possibilita que os wikiscriados ("workspaces") sejam públicos ou privados, com links para outrossites. Seu funcionamento é muito parecido com o da Wikipédia e foi criadocom o objetivo de permitir a construção e edição de páginas da Web, bemcomo a elaboração, edição e armazenamento de arquivos de formacolaborativa.Quadro : Alguns de serviços de wikis disponíveis na WebAnálogo ao que aconteceu em relação a ferramenta Blogger,apresentamos os passos iniciais necessários para a criação de wiki noPBworks, mas se você preferir outra ferramenta as mudanças de cadastro eutilização são poucas. De modo que, nada impede você de criar o seu wiki noservidor de sua preferência. No entanto, recomendamos que antes decomeçar a criação do wiki propriamente dito você procure saber do que oserviço é capaz.Escolhemos o PBworks para começar a explorar as possibilidades do wikino contexto da educação porque na versão gratuita, apesar de limitar a 100usuários a edição das páginas, não impõe limite de usuários leitores daspáginas Web e arquivos, e tem capacidade de armazenamento de até 2 GB.31pbworks.com www.wetpaint.comwww.wikispaces.com www.wiki.comSe você já conhecea plataformaPBworks não percatempo e comeceagoramesmo a criar epovoar o seu wiki.
  • 31. 31Criação do wiki no PbworksPara criar um wiki no PBworks, acesse o endereço www.pbworks.com, cliqueno botão "Log in" no canto superior direito da página Web, se você já tiver criado asua conta. Caso contrário, clique em "Sign up now" no menu que aparece aoescolher o tipo de wiki que você deseja. No nosso caso, "FOR EDUCATION" (Figura19). Na tela seguinte, escolha um dos planos, de acordo com o que você vaiprecisar. Para começar, sugerimos a escolha do plano "FREE" (Figura 20), pois comele é possível criar endereços gratuitos, com algumas limitações parapersonalizações, mas com capacidade para até 2 GB de armazenamento. Se vocêpreferir, existe a opção de assinar e receber versões completas com mais recursospara a escrita colaborativa.Figura 19: Tela principal do PbworksFigura 20: Tela de inscrição no PBworks
  • 32. 33Continuando o processo de inscrição, preencha o formulário deinscrição com os dados solicitados, sem esquecer de marcar a caixa de seleçãoconcordando que o wiki será apenas de uso não comercial, depois, clique nobotão “Next” (Figura 21).Figura 21: Formulário de inscrição do PBworksEm seguida, aparecerá na tela uma mensagem informando que um e-mail de confirmação de inscrição foi enviado para o e-mail que você informoudurante a inscrição (Figura 22).Figura 22: Comunicado de envio do e-mail de confirmação de inscriçãoNo entanto, para concluir a inscrição e continuar criando o seu wiki,
  • 33. 34agora chamado de workspace, você deverá clicar no link fornecido no corpo do e-mail (Figura 23).Figura 23: E-mail de confirmação de inscriçãoEntão, surgirá na tela uma mensagem de boas vindas ao seu workspace(Figura 24), juntamente com algumas opções de segurança a serem escolhidas:como quem poderá visualizar o seu workspace e quem poderá editá-lo. Sugerimosque você marque a opção “Only people I invite or approve” para que apenaspessoas convidadas possam visualizar seu workspace. Será preciso concordar comos termos do serviço do PBworks, marcando a caixa de seleção específica, para defato acessar o seu workspace através do botão “Take me to my workspace”.Figura 24: Configurações de segurança do workspace
  • 34. 35Em seguida, você terá acesso a tela inicial do PBworks e lá poderáiniciar a edição ou configurações do workspace (Figura 25). FrontPage é apágina inicial do seu wiki, nela você deverá colocar um cabeçalho ou título dowiki, imagens, objetivos, links, sumário ou o que desejar. Procure comporesta página de forma que ela se torne interessante e os usuários tenham odesejo de participar.Figura 25: Tela inicial do PBworksEdição de postagem no wikiAo clicar em "EDIT", você poderá excluir o texto que aparece em inglês ecomeçar a digitar o seu próprio texto, bem como, colocar imagens, inserirlinks e vídeos, entre outras alterações.A caixa de edição dos textos tem uma interface simplificada (Figura26), semelhante à de um editor de texto como Writer ou MS Word, de modoque você não precisa ter domínio sobre a linguagem de marcação HTML parafazer formatações básicas de fontes, parágrafos, tabelas, etc. Mas, se vocêfor um usuário que queira fazer algo mais personalizado, poderá modificar aaparência das suas postagens usando o editor de HTML através do ícone"Source" na barra de ferramenta do editor.As dicas dadas paracriação do blog sãoválidas tambémpara o seu wiki.
  • 35. 36Figura 26: Tela de edição do PbworksInserção de imagens e anexosPara inserir imagens e anexos é preciso, primeiramente, posicionar o cursorde edição no local onde você deseja posicionar a imagem/arquivo no texto, depoisclicar na guia "Images and files" no lado direito do editor do seu workspace. Emseguida, clicar no link "Upload files". Localizar e selecionar o arquivo de interesseno seu computador e clicar no botão do "Ok". O arquivo que foi carregadoaparecerá listado na lateral direita da tela. Dê um clique no arquivo e ele seráinserido no local indicado.Inserção de links e outros recursosPara inserir um link em seu workspace selecione a palavra onde você querque forme o link, clique no ícone "Add link" da barra de ferramenta do editor. Aosurgir a caixa de diálogo de inserção de link (Figura 27), selecione a opçãodesejada (PBworks page/PBworks file/PBworks folder/URL/E-mail) e preencha ocampo correspondente.Após, clique em OK.Figura 27: Caixa de diálogo para inserção de link
  • 36. 37Na barra de ferramentas você encontrará outros recursos para inserir,como: tabelas e plugins (calendário, vídeos, visitas na página, entre outros)(Figura 28).Figura 28: Caixas de diálogo para inserção de pluginsEdição de outras páginasTambém é possível editar/configurar alguns recursos que estãodisponíveis no lado direito da tela do seu workspace, como: SideBar, Sharethis workspace, Navigator, Recent Activity (Figura 29). O Sidebar pode sereditado como qualquer outra página no seu workspace. Ela aparecerá emtodas as páginas do seu wiki. Adicione a ela o que você quiser: uma seção deAtividade: Seguindo a mesma lógica mencionada acima.Explore todas as possibilidades e não se preocupe com alíngua inglesa, preste atenção apenas no padrão dos íconese campos que normalmente seguem sempre a mesmaconfiguração. Depois, compartilhe suas descobertas nofórum temático na sala virtual.Lembre-se, aofazer quaisqueralterações noconteúdo do seuworkspace serásempre necessárioconfirmá-lasclicando em“Save” ou “Saveand Continue”, sequiser continuar aedição depois daconfirmação.
  • 37. 38navegação, links para seus sites favoritos, ou qualquer outra coisa. Não esqueça declicar em “Save” depois de pronto.Figura 29: Painel direito da tela do workspaceCriação de novas páginasPara criar novas páginas é necessário que você esteja dentro do seuworkspace e clique em “Create a page” na parte superior da página. Na telaseguinte, preencha o campo refente ao nome da página e clique no botão “createpage” (Figura 30). Depois de compor a página clique em "Save".
  • 38. 39Figura 30: Tela de criação de nova página do workspaceLogin e solicitação de acesso a outros workspacesFigura 31: Tela de log in do PbworksApós estar devidamente inscrito no PBworks, ao acessar o endereçopbworks.com e fazer login (digitar endereço de e-mail e senha), conformeFigura 31, é disponibilizado acesso a uma tela que contém 3 abas (Figura 32):Home, que lista os endereços dos seus workspaces e permite solicitação deacesso a outros workspaces; Profile, exibe e permite atualização das suasinformações que são exibidas para os usuários; Email, exibe e permitemanutenção de e-mail e senha de acesso.Outra forma de ter acesso a estas funcionalidades, é clicando em“account” no canto superior direito da página depois de ter acesso o wikidesejado.Fique atento paranão construirpáginas muitogrande, em que ousuárioprecise deslizarfundo na barra derolagem paraalcançar o fim delapara deixarum comentário.Além disso, páginascom muitoconteúdo tambémpodemaumentar o tempode carregamentodo seu navegadorde Internet.Portanto,uma boa prática éestruturar o wikide modo que aFrontPage seja umíndice,com links para asdemais páginas,tópicos e sub-tópicos. Dessaforma osusuários serãocapazes de navegarmais facilmentesobre o conteúdo.
  • 39. 40Figura 32: Tela de gerenciamento de conta do PbworksA qualquer momento você pode desconectar do wiki (workspace), bastandopara isso clicar em “Sing out” no canto superior direito da tela. Lembre-se, issodeve ser feito sempre que concluir o acesso ao wiki.Se você deseja ter acesso a um novo workspace que não foi criado por você edo qual ainda não recebeu convite, digite o nome dele no campo “Join aworkspace” e clique no botão “Submit” na aba “Home” da tela de gerenciamentode conta do PBworks (Figura 32). Sua solicitação será enviada ao administrador dowiki solicitado e se o seu pedido de acesso for aprovado o endereço aparecerá nasua lista de workspaces na próxima vez que fizer logon.Caso deseje criar um novo workspace basta clicar no link “Create a newworkspace” e seguir as mesmas instruções para se inscrever, dadas no início destaunidade.Convite de acesso ao workspacePara adicionar rapidamente um novo escritor no seu workspace, acesse orecurso “Share this workspace” no painel direito do seu workspace (Figura 29),digite o e-mail do usuário no campo específico e clique no botão “Add”. Neste
  • 40. 41mesmo recurso você encontra o link “User settings” que dá acesso a tela degerenciamento de usuários e permite adicionar usuários com diversos níveisde acesso (Figura 33), remover acesso de usuários ou alterar o nível depermissão deles.Figura 33: Tela de gerenciamento de usuários do workspaceAo adicionar um usuário no seu workspace, um e-mail de convite seráenviado para ele com um link de acesso. Quando o link for seguido, oconvidado precisará apenas definir a sua conta de acesso com um nome deusuário e senha.Adescrição dos níveis de permissão disponíveis no PBworks [5]:• Administradores - Como um Administrador, você pode renomear ouapagar qualquer coisa no workspace. Administradores podemadicionar usuários, mudar seus níveis de permissão ou removê-los.Apenas os Administradores têm acesso à página de configurações doworkspace e são também os únicos que podem mudar asconfigurações de nível de segurança de páginas e pastas.• Editores - Editores são ajudantes confiáveis ou Escritores altamenteprivilegiados. Eles podem renomear ou apagar páginas, arquivos epastas. Editores devem ser altamente confiáveis, já que eles possamapagar seus dados de forma irrevogável.• Escritores - O padrão recomendado para usuários convidados.
  • 41. 42Escritores podem editar páginas e reverter páginas para versõesanteriores. Eles podem também enviar novos arquivos e criar novaspáginas. Escritores não podem executar uma ação que não possa serdesfeita.• Leitores - Leitores não podem fazer quaisquer modificações no workspace,exceto para comentar sobre as páginas. Eles podem visualizar páginas, RSSfeeds e arquivos. Eles podem também ver o histórico de mudanças que foifeita em uma página. Administradores podem desabilitar comentáriospara Leitores na página de segurança do workspace.• Somente nível de página - Uma regra única para o PBworks 2.0, essesusuários não têm acesso especial a qualquer parte do workspace até quelhes seja explicitamente dado acesso à uma página ou uma pasta com aconfiguração de segurança personalizada. Essa funcionalidade permitedar aos usuários nível de permissão até o nível de Editor em uma únicapágina (ou grupo de páginas em uma pasta) sem dar-lhes acesso a qualqueroutra parte do workspace.Outras configurações do workspaceExistem ainda diversas configurações que podem ser feitas no seu wiki.Como por exemplo:• A descrição do wiki, que aparecerá aos usuários convidados antes delesfazerem login (Figura 34);Figura 34: Tela de configuração da descrição do workspace
  • 42. 43• Escolha do esquema de cores das páginas do wiki (Figura 35);Figura 35: Tela de configuração do esquema de cores do workspace• Permissão para que as pessoas solicitam acesso para ler ou editar wikie desativação dos comentários para os leitores (Figura 36).Figura 36: Tela de configuração de segurança do workspaceAtividade: Procure saber mais sobre as demaispossibilidades de configurações do seu workspace. Depois,compartilhe suas descobertas no fórum temático na salavirtual.Pronto, agora é sópublicar oendereço do seuworkspace (wiki)no blogda disciplina e nofórum específicocriado na salavirtual dadisciplinapara que oprofessor e os seuscolegas de cursopossam visitá-lo equem sabe atécontribuir naconstruçãotambém.
  • 43. 44Considerações finais da unidadeComo você pode perceber até este momento do curso, existemdiversas ferramentas gratuitas na Web, que são muito fáceis de utilizar epublicar, não exigindo qualquer conhecimento técnico mais sofisticado.A wiki é uma ferramenta que proporciona ao professor muitas maneirasde promover, juntos aos alunos, uma aprendizagem autônoma e aomesmo tempo colaborativa, características importantes na sociedadeatual (globalizada e concorrencial). A autonomia, porque permite quecada indivíduo encontre o seu próprio ritmo, e a colaboração, porquepossibilita a troca de idéias e trabalho em grupo [7].Sendo assim, o professor tem hoje como papel envolver seusalunos na aprendizagem, de forma que estes saiam dos bancosescolares preparados para não apenas consumir mas produzirconhecimento.No entanto, os mesmos cuidados sugeridos antes do emprego deblog no contexto da sala de aula deverão ser considerados em relação aum projeto que envolva a ferramenta wiki. Pois também trata-se deuma ferramenta de ampla divulgação na Internet.Chegamos ao final da Unidade II e, conseqüentemente, dadisciplina. A sensação de falta de tempo deve estar ainda mais forte,mas como dissemos anteriormente, o importante é que você não estásozinho, continua podendo recorrer aos colegas de turma, aosprofessores/tutores e à comunidade da Web. Reforçamos também arecomendação de que você não se contente apenas com as informaçõesdeste material e sempre busque ler outras fontes.Boas experimentações e pratique bastante!
  • 44. 45Referências[1] Barbosa, E. & Granado, A. (2004). Weblogs, Diário de Bordo. Porto:Porto Editora.[2] http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EDG76347-6014-456,00.html, Revista Época. São Paulo, No. 456. Disponível em12/02/2007.[3] Simão Pedro P. Marinho. (2007). Blog na Educação & Manual básico doBlogger. Belo Horizonte-MG. 3a edição. PUC Minas.[4] http://pt.wikipedia.org/wiki/PBworks, consultado emnovembro/2009.[5] http://usermanual.pbworks.com, consultado em janeiro/2010.[6] Richardson, Will. Blogs, Wikis, Podcasts and Other Powerful Tools forClassrooms. 2nd ed. Editora: Corwin Press, 2009.[7]Moran, J. (1995). Novas Tecnologias e o Reencantamento do Mundo.Revista Tecnologia Educacional. Brasil, vol. 23, n.126, pp.24-26.[8] Carvalho, A. (2007). Rentabilizar a Internet no Ensino Básico eSecundário: dos recursos e ferramentas online aos LMS. Sísifo -Revista de Ciências da Educação, n.o3, pp. 25-39.[9] Hiltz, S. R. (1998). Collaborative Learning in Asynchronous LearningNetworks: Building Learning Communities. Invited Address at"WEB98", Orlando, Florida, November 1998.[10] http://web20naeducacao.wetpaint.com/, consultado emnovembro/2009.[11] http://mdeblog.blogspot.com/, consultado em novembro/2009.[12] Jornal O Estado de S. Paulo de 19.07.09, p.A21.[13] http://www.educacaoadistancia.blog.br/ensino-a-distancia-e-presencial-igualdade/ , consultado em novembro/2009.[14] Dicionário de tecnologia. São Paulo: Futura, 2003.[15] http://pt.wikipedia.org/wiki/Weblog, consultado emnovembro/2009.[16] http://pt.wikipedia.org/wiki/Wiki, consultado em
  • 45. 46novembro/2009.[17] http://sporto.wordpress.com/, consultado em novembro/2009.[18] http://pt.wikipedia.org/wiki/Web_2.0, consultado emnovembro/2009.[19] Rosini, A. M., Novas Tecnologias da Informações e a Educação aDistância, Editora: THOMSON.[20] Peters, Otto. A educação a distância em transição. São Leopoldo:Unisinos, 2002.[21] http://web20naeducacao.wetpaint.com/page/Exemplos, consultadoem novembro/2009.[22] http://www.webartigos.com/articles/4399/1/tecnologias-educacionais-inovadoras-aplicadas-a-educacao/pagina1.html,consultado em novembro/2009.[23] http://www.webartigos.com/articles/3050/1/a-educacao-e-as-novas-tecnologias/pagina1.html, consultado em novembro/2009.[24] http://help.blogger.com, consultado em novembro/2009.