A disciplina Teste no RUP

1,733 views
1,517 views

Published on

Atividade parcial da disciplina RUP da Especialização em Engenharia de Software / 2013 da UFPR, apresentada pelo aluno André Andrade

Published in: Technology
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,733
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
84
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

A disciplina Teste no RUP

  1. 1. A disciplina Teste no modelo Rational Unified Process Especialização em Engenharia de Software 2013 UFPR - UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SEPT – SETOR DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA
  2. 2. A disciplina Teste no modelo RUP SUMÁRIO Introdução RUP: - objetivo maior - visão geral A disciplina Teste: - tarefas - atividades - visão geral - envolvidos e atividades - relação com outras disciplinas Conclusão:
  3. 3. RUP (Rational Unified Process) Seu maior objetivo é garantir a produção de softwares de alta qualidade e que satisfaçam as expectativas e necessidades dos usuários finais dentro de um prazo e orçamento aceitáveis por parte dos patrocinadores.
  4. 4. RUP – visão geral
  5. 5. A disciplina Teste Essa disciplina fornece orientação sobre como avaliar a qualidade do produto. A mesma é abordada em dois grupos de Atividades: -Definir a missão de avaliação; -Verificar a estabilidade do build estas possuem suas respectivas Tarefas geram artefatos
  6. 6. Atividade: Definir Missão de Avaliação
  7. 7. Atividade: Validar estabilidade do Build 
  8. 8. A disciplina Teste - tarefas TAREFAS: •Avaliar e Defender Qualidade •Definir Abordagem do Teste •Determinar Resultados do Teste •Estruturar a Implementação de Testes •Executar o Conjunto de Testes •Identificar Idéias de Teste •Implementar Conjunto de Testes
  9. 9. Workflow Teste – Visão geral
  10. 10. A disciplina Teste – envolvidos e atividades
  11. 11. Disciplina Teste – relação com outras disciplinas do RUP A disciplina Requisitos, captura os requisitos para o software, que é uma das entradas principais para identificar quais testes devem ser desempenhados. A disciplina Análise e Projeto determina o projeto adequado para o software, que é outra entrada importante para identificar quais testes devem ser desempenhados. A disciplina Implementação produz builds do software que são validadas por ciclo de teste. A disciplina Implementação onde testes beta e teste de aceitação geralmente são conduzidos como parte da Implementação.
  12. 12. Disciplina Teste – relação com outras disciplinas do RUP A disciplina Ambiente desenvolve e mantém artefatos de suporte que são utilizados durante o Teste, como as Diretrizes de Teste e Ambiente de Teste. A disciplina Gerenciamento de Projeto planeja o projeto e o trabalho necessário em cada iteração. Descrito em um Plano de Iteração, este artefato é uma entrada importante, utilizada quando você define a missão de avaliação correta para o esforço de teste. A disciplina Gerenciamento de Mudança e Configuração controla as mudanças dentro da equipe de projeto. O esforço de teste verifica se cada mudança foi concluída adequadamente.
  13. 13. Conclusão Custos dos defeitos: estabelece que o custo da correção de defeitos é bem mais custoso quanto mais tarde o defeito é encontrado.
  14. 14. A disciplina Teste no modelo RUP Fontes consultadas: http://tecproit.com.br/downloads/Artigo-RUP-JUN2009-Adilson-TecProIT.pdf http://www.wthreex.com/rup/v711_sp_ptbr/ http://thiesenovaes.blogspot.com.br/2012/01/regra-10-de-myers.html Atividade parcial da disciplina RUP da Especialização em Engenharia de Software / 2013 da UFPR, apresentada pelo aluno André Andrade

×