Plano%20final%20 maria%20emilia
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Plano%20final%20 maria%20emilia

on

  • 800 views

 

Statistics

Views

Total Views
800
Views on SlideShare
800
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
9
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Plano%20final%20 maria%20emilia Plano%20final%20 maria%20emilia Document Transcript

  • TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO “COMO USAR OBJETOS DE APRENDIZAGEM”PLANO DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES Autor Maria Emilia Cappa Tutor Lucia Helena Sasseron Roberto Setembro, 2006
  • Introdução A incorporação das novas tecnologias na prática pedagógica se faz necessária eurgente diante dos avanços científicos e tecnológicos da sociedade na qual estamosinseridos. Os professores, bem como os demais profissionais, precisam ir além da formaçãoinicial, vivenciando a formação continuada. Adotando essa nova postura, o professorpoderá contribuir na criação de ambientes de aprendizagem mais favoráveis e criativos,despertando maior interesse e motivando seus alunos na construção do conhecimento. Paradoxalmente, a grande questão é: como transformar a informação emconhecimento, e considerando-se que o conhecimento tácito também inclui dados quemuitas vezes nem são percebidos pelos indivíduos, tem-se uma questão mais abrangente:como transformar experiência e/ou vivência em conhecimento? Neste momento, precisamos aprender a pensar além das máquinas. A tecnologia éapenas um dos componentes da gestão do conhecimento, muitas dessas mudanças terão queser pessoais e não tecnológicas, tendo como ponto central o ser humano, ou seja, ainformação tem um lado humano comportamental, que acaba influenciando e formando acultura informacional. Como parte dessa formação serão oferecidas aos professores, na modalidade deoficinas para o uso da tecnologia “learning objects” - Objetos de Aprendizagem (O.A.) -através de um projeto de trabalho (aprendizagem por projetos), permitindo ao educadorultrapassar os limites do ensino por simples transmissão de conhecimentos, transferindo aresponsabilidade do processo de construção do saber ao próprio aluno. É o aluno queassume o controle sobre sua aprendizagem, ao professor cabe a função de coordenar earticular a interação entre teoria e pratica, entre o projeto político pedagógico da escola e aperspectiva desenhada pelo aluno.
  • Contexto de Formação Encontros de formação: Oficinas com duração de oito horas com intervalos de 60dias entre um encontro e outro. Os professores e ATPs serão convocados nos termos Res. 62/05-SEE/SP As oficinas de formação serão ministradas pelo ATP – Assistente TécnicoPedagógico da área de tecnologia do NRTE – Campinas Oeste, atuando em parceria comos ATPs da Oficina Pedagógica, promovendo assim um suporte técnico e pedagógico nasdiversas áreas de conhecimento . O local para a realização destas oficinas será do NRTE - Núcleo Regional deTecnologia Educacional da Diretoria de Ensino Campinas Oeste – SP. O acompanhamento do projeto deverá ocorrer durante todo o ano letivo. As vagas oferecidas inicialmente seriam de 20 professores e 20 integrantes daOficina Pedagógica e da Supervisão, podendo ser estabelecidos como critério de seleção;área de atuação, titularidade do cargo, tempo de magistério e numero de aulas na unidadeescolar. A idéia poderá ser estendida a todas as escolas, tendo como prioridade as unidadesescolares que já possuem a sala ambiente de informática em funcionamento.Objetivos Conhecer o Projeto RIVED e suas possibilidades; Promover o entendimento da tecnologia “learning objects” - Objetos deAprendizagem, como um instrumento facilitador; Vivenciar situações de ensino aprendizagem que envolvam recursos eprocedimentos metodológicos inovadores no processo de formação e na busca deconhecimentos; Desenvolver habilidades relativas ao uso das tecnologias, promovendo a inclusãodigital de toda a comunidade escolar;
  • Analisar e utilizar um objeto de aprendizagem em sua totalidade, diferenciandosimulações de animações, e elaborando uma seqüência de ensino contemplando o uso de OA. Analisar o Guia do Professor e contextualizá-lo, relacionando novos conhecimentos,testando hipóteses, permitindo a construção de contextos digitais para os conteúdos aserem explorados.Descrição das AtividadesPara alcançar os objetivos pretendidos, realizaremos as seguintes atividades:Atividade 1 Utilizando o recurso multimídia Datashow e o aplicativo Moviemaker (Anexo I emPowerPoint) serão apresentados conceitos sobre a ferramenta “learning objects”- Objetosde Aprendizagem (O.A.) e sobre ambientes virtuais de aprendizagem “learning space”. Discussão do Texto Objetos Virtuais de Aprendizagem: ação, criação econhecimento do autor: Walter Spinelli Promover um debate Brainstorming - explosão de idéias - entre os participantes; Explorar o site: http://rived.proinfo.mec.gov.br/ conhecendo os objetivos doprojeto, as diversas áreas de conhecimento envolvidas, bem como as ferramentasnecessárias para a utilização dos Objetos de Aprendizagem numa seqüência de ensino; Tempo estimado para esta atividade: 3:00hRecursos Necessários Local: O espaço utilizado para capacitações do NRTE – Campinas Oeste; Data Show ; 20 Computadores conectados a Internet; Impressora - Mídias de gravação – Papel – Cartuchos Ink-Jet
  • Cd com todos os recursos disponíveis gravados para uma eventual perda de conexão. Coffee BreakDescrição dos Momentos O ATP multiplicador utilizando o projetor multimídia, fará a exploração dos temas,learning objects e learning space e a leitura do texto Objetos Virtuais de Aprendizagem deWalter Spjnelli, promovendo e articulando um debate estilo Brainstorming sobre novosespaços para ensinar e aprender, suas implicações no contexto escolar, considerações sobreo aprender sempre, a investigação, a análise reflexiva das práticas pedagógicas rotineiras,os avanços tecnológicos e suas implicações no contexto educacional, os conhecimentos einformações de todas as áreas que aumentam exponencialmente e a importância daformação continuada para os professores; O ATP multiplicador utilizando o projetor multimídia acessará o site do RIVED efará a exposição do ambiente e as possibilidades da utilização dos Objetos deAprendizagem numa seqüência de ensino, promovendo um debate sobre a utilização destaferramenta como mais um instrumento pedagógico, em que o professor é o articulador doprocesso. Os professores-alunos, em duplas, serão incentivados a buscar objetos deaprendizagem da sua área de atuação para visualização;Atividade 2 Propor atividades para as diversas áreas de conhecimento, permitindo aosprofessores - preferencialmente em duplas -, liberdade de escolha e análise do Objeto quemais se relacione com sua área de atuação; Os professores deverão criar um subdiretório na pasta Meu Computador e realizaros downloads do objeto escolhido com base na relação abaixo e seus respectivos guias doprofessor, quando ele assim o permitir;
  • Elaborar um plano de aula para ser aplicado em três horas aulas, estabelecendorelações com as disciplinas envolvidas buscando contextualizar a sua realidade escolar. 2.1 – Atividade: A matemática e as artes visuaisDisciplinas envolvidas: Artes / Historia / Matemática - 1ªsérie Ensino Médio - Guia doProfessor - Anexo II – Módulo Rived - animação e simulação.Objetivo: Apreender a linguagem matemática por meio da leitura e interpretação darealidade, sendo capaz de exprimi-la com clareza oral, textual e gráfica; Apropriar-se dosprocessos de construção matemática das artes visuais, sendo capaz de reconhecê-la pormeio de sua leitura e interpretação, bem como reconhecê-la nos fenômenos naturais, físicose sociais; Desenvolver a capacidade de formular hipóteses, conjecturar, analisar,experimentar processos físicos, naturais, sociais, culturais e econômicos, a fim de construirargumentações; Compreender o valor da matemática nas construções sociais e culturaishumanas, bem como entender seu processo de desenvolvimento.Pré-requisito: Conhecer, mesmo que empiricamente, os elementos e instrumentos básicos,tais como: triângulos, quadrados, circunferências, régua, compasso e transferidornecessários ao estudo geométrico por meio de seu reconhecimento nos fenômenos físicos enaturais. 2.2 – Atividade: Genética - As idéias de MendelDisciplinas envolvidas: Ciências / Biologia / Matemática: 3ªsérie - Ensino Médio - Guia doProfessor - Anexo III – Módulo Rived - animação e simulação.Objetivo: Relacionar os conceitos de célula, gene, alelos, DNA e cromossomo; reconhecerque indivíduos que apresentam um mesmo fenótipo podem apresentar genótipos diferentes;elaborar suposições sobre os fenômenos estudados; elaborar esquemas para resumir osexperimentos de Mendel; interpretar textos sobre célula, cromossomos, DNA, etc;compreender algumas das idéias apresentadas por Mendel, principalmente à segregação dosfatores; conhecer os experimentos que permitiram Mendel chegar às idéias de segregaçãodos fatores; propor hipóteses sobre herança aplicando as idéias de Mendel; testar hipótesessobre herança; relacionar os conceitos modernos da Genética com as idéias de Mendel.
  • Pré-requisito: O aluno deve ter trabalhado os tópicos de Citologia e a reprodução(principalmente a de angiospermas)2.3 – Atividade Geografia - Pontos em BatalhaDisciplinas envolvidas: Geografia / Matemática - 3ª série Ensino Médio - Guia doProfessor - Anexo IV– Módulo Rived - animação e simulação.Objetivo: -Através do objeto de aprendizagem, despertar o interesse do aluno e auxiliar naresolução de problemas;-Permitir que os alunos fiquem atentos ao conteúdo que está sendodesenvolvido, contando com a participação dos mesmos;-Permitir a investigaçãomatemática, favorecendo conjecturas e análise de resultados obtidos;-Atribuir significadoao conteúdo desenvolvido;-Trabalhar com dados reais;-Apresentar dados históricos sobre ageometria analítica;-Discutir como localizar um ponto no plano cartesiano; -Saber ler,interpretar o gráfico e identificar as coordenadas de pontos. -Buscar, selecionar e interpretarinformações relativas ao problema; -Caracterizar os pontos situados nos eixos decoordenadas, bem como os pontos dos diferentes quadrantes; -Usar a noção de distância naresolução de problemas;-Proporcionar ao aluno condições de descobrir, com a mediação doprofessor, a fórmula que permite calcular a distância entre dois pontos, sendo dadas suascoordenadas, bem como desenvolver a capacidade de raciocínio dedutivo.Pré-requisito: Conhecimento básico de informática = Convém que o aluno já tenha umconhecimento prévio, sobre como formar para ordenado; o aluno devera saber o que é umsegmento de reta. 2.4 - Atividade: AlgebrativaDisciplinas envolvidas: Matemática: 6ªsérie Ensino Fundamental - Guia do Professor -Anexo V - Conteúdo produzido para o PAPED.Objetivo: - Compreender o sentido de incógnita e valores desconhecidos; - Comparar eestabelecer relações entre valores desconhecidos; - Trabalhar conceitos algébricos; -Interpretar e discutir resultados das equações.
  • Pré-requisito: Realizar operações com números inteiros; Ter noções de igualdade, maior emenor; 2.5 - Atividade: Um olhar dentro do átomoDisciplinas envolvidas: Química / Física: 2ªsérie Ensino Médio - Guia do Professor -Anexo VI - Módulo Rived - animação e simulação.Objetivo: 1. Identificar o contexto histórico-científico em que nasceu o modelo atômicoproposto por Rutherford; 2. Reconhecer os principais fatos científicos que influenciaram naformulação do Modelo de Rutherford; 3. Reconhecer que a Ciência é dinâmica. Novosfatos, novos experimentos e novas tecnologias permitem, a cada dia, confirmar ou contestarleis/teorias; 4. Reconhecer a interdisciplinaridade dos conhecimentos exigidos parainterpretar e compreender os fenômenos; 5. Reconhecer o importante papel da tecnologiapara a realização de experimentos; 6. Compreender como os dados experimentais sãoobtidos e analisados, permitindo fazer inferência sobre o assunto estudado.Pré-requisitos: Reconhecer as características básicas das cargas elétricas; Reconhecer queexiste uma energia associada ao movimento dos corpos; Entender os modelos atômicos deDalton e Thomson. Tempo estimado para esta atividade: 2:00hRecursos Necessários Local: O espaço utilizado para capacitações do NRTE – Campinas Oeste; Data Show ; 20 Computadores conectados a Internet; Impressora - Mídias de gravação – Papel – Cartuchos Ink-Jet; Guia do professor impresso e encadernado. Cd com todos os recursos disponíveis gravados para uma eventual perda de conexão.Descrição dos Momentos
  • Os professores, preferencialmente em duplas e organizados em torno das trêsdiferentes áreas do conhecimento: Linguagem e Códigos, Ciências da Natureza eMatemática, Ciência Humanas, poderão escolher um objeto de aprendizagem. As sugestõesapresentadas para subsidiar o trabalho dos professores objetivam dinamizar o trabalhodentro da capacitação, mas será enfocada a importância da navegabilidade no ambienteRIVED, assim como os sites relacionados (Anexo VIII) . Localizando o objeto dentro do site: Exemplificando: Acessar um dos módulos deMatemática do projeto RIVED no endereço http://rived.proinfo.mec.gov.br/ escolhendo aopção localizar objetos. È importante que se enfatize, a importância da acentuação daspalavras, pois o ambiente propicia uma diferenciação em seu sistema de busca. Apósselecionar a área de atuação e localizar o objeto proposto, os professores poderão iniciar aanálise. Utilizando o guia do professor do OA do repositório RIVED (adequando a suarealidade escolar), os professores realizarão um plano de aula com duração de 3 horas aulasem que seja utilizado o OA do repositório RIVED, referente a um conteúdo dasérie/disciplina.Atividade 3As duplas terão mais 2h30, para a elaboração e a socialização de suas idéias sobre os O.A. ea apresentação do PowerPoint ao grupoRecursos Necessários Local: O espaço utilizado para capacitações do NRTE – Campinas Oeste; Data Show ; 20 Computadores compartilhados em rede Aplicativo PowerPoint.Descrição dos Momentos
  • Os professores deverão elaborar suas conclusões, sinteticamente em uma apresentação, utilizando o aplicativo PowerPoint (é importante orientar o professor, que ao elaborar esta apresentação, evite poluições visuais, tais como excesso de cores, músicas e efeitos especiais, o que torna muito cansativa a apresentação), o foco deve ser orientado para a produção da apresentação, buscando a interpretação, análise, organização, estabelecimento de relações e a funcionabilidade com criticidade. Os professores deverão renomear suas pastas anteriormente criadas com o nome da dupla e fazer o compartilhamento em rede, agilizando o processo de apresentação no data show. Os professores conduziram suas apresentações, com o auxilio técnico do ATP, e os participantes poderão interceder a qualquer momento argumentando ou se posicionando frente ao objeto apresentado. Avaliação Esta atividade terá a duração de 30 minutos. A avaliação dos professores participantes dessas atividades de formação sobre Objetos de Aprendizagem se dará por meio do preenchimento de uma rubrica instrucional estabelecendo os critérios: Conceitos Níveis : 1 = insuficiente 2 = regular 3 = bom 4 = excelenteObjetivos de aprendizagem: Reconhecer as características pedagógicas dos OA QUALIDADECRITÉRIOS 4 - EXCELENTE 3 - BOM 2 - REGULAR 1 - INSATISFATÓRIO
  • Discussão do Total compreensão Poucas Dificuldade na Nenhuma compreensão Texto Objetos entre as diferenças discussões e texto interpretação do do texto Virtuais de existentes entre os parcialmente texto Aprendizagem: conceitos envolvidos compreendido apresentando ação, criação e nos processos pouca ouconhecimento do pedagógicos: dados, nenhuma autor: Walter informações, discussão Spinelli conhecimento e inteligência;Navegação pelo Identificação Identificação Dificuldades Não objeto de das principais de algumas na identificação identificação de aprendizagem características características das características quaisquer características pedagógicas do objeto pedagógicas do pedagógicas do pedagógicas do objeto. comparando com os objeto; objeto; elementos conceituais necessidade de necessidade de que o formam referente nova nova navegação ao texto discutido navegação Navegação Total Dificuldade Dificuldade Dificuldadepelos objetos e desenvoltura em todos quanto aos quanto aos quanto aos conteúdos de desenvoltura os objetos conteúdos de conteúdos de mais todas as disciplinas quanto aos uma das de uma disciplina. conteúdos disciplinas. abordados Produção e Produção Produção Produção Produçãoapresentação de e apresentação de e apresentação de e apresentação de e apresentação não atividades. atividades atividades atividades elaboradas. contemplando todos os contemplando contemplando itens propostos e todos os itens parcialmente os algum outro item. propostos itens propostosOficina para professores das Linguagem e Códigos, Ciências da Natureza eMatemática, Ciência Humanas objetivando o conhecimento do projeto Rived eaplicabilidade dos O. As na prática pedagógica. QUALIDADECRITÉRIOS 4- 3 - BOM 2 - REGULAR 1 - INSATISFATÓRIO EXCELENTE Quanto ao Plena satisfação Material de Material Material inadequado material no material e boa inadequado e boa utilizando na em sua qualidade utilização oficina utilização uso
  • utilizado inadequado Quanto à Foram Realizou Realizou com Não realizou nenhumarealização das realizadas parcialmente dificuldade algumas atividade atividades plenamente as atividades atividadesdesenvolvidas todas as na oficina atividades Quanto à sua Plena motivação Motivação e Sem motivação mas Insatisfação muitasparticipação na dedicação na dedicação com participação dificuldades oficina. participação moderada Anexos e Referências: Anexo I – Apresentação sobre Learning Objetcts and Learning Space. / Objetos de Aprendizagem e Ambientes Virtuais.ppt Análises dos Objetos de Aprendizagem Propostos: Analisados por Maria Emilia Cappa – ATP – NRTE – Campinas Oeste.: Anexo II – Atividade: A matemática e as artes visuais - Guia do Professor - Anexo III - Atividade: Genética - As idéias de Mendel - Guia do Professor Anexo IV - Atividade Geografia - Pontos em Batalha - Guia do Professor A Aposta - Física: http://www.labvirt.futuro.usp.br/simulacoes/fisica/sim_fis_aposta.htm A Lombriga Malvada – Ciências / Biologia
  • Anexo V - Atividade: Algebrativa – Analisada pelo Prof. Marcelo Falcão – ATP de Matemática –Oficina Pedagógica – Diretoria Campinas Oeste - Guia do Professor - Acesso:http://www.vdl.ufc.br/ativa/Anexo VI - Atividade: Um olhar dentro do átomo - Analisada pelo Prof. Alexandre – ATP deQuímica – Oficina Pedagógica – Diretoria Campinas Oeste - Guia do ProfessorTextos de apoio:1. Mapeamento Matemática2. Mapeamento Física3. Mapeamento Biologia4. Mapeamento Química5. Formação Contínua e Obrigatoriedade de Competências na Profissão de Professor(1)6. Philippe Perrenoud (2) - Os quatro capítulos deste texto retomam quatro artigos complementares publicados - em L‘Educateur (PERRENOUD,1966a, b, c e d).7. Repensando a Avaliação - César Nunes8. Desenvolvimento de materiais multimídia e seu uso no contexto educacional - Autor: César Nunes - Versão para o curso: Como Usar Objetos de Aprendizagem - Data: 16/04/20069. Metacognição e Sucesso Escolar: articulando teoria e prática - Claudia Davis1 - Marina M. R. Nunes2 - César A. A. Nunes310. http://www.ascd.org – Using Rubrics to Promote Thinking and Learning // by Heidi Goodrich Andrade; Page 7 of 7 http://www.ascd.org/readingroom/edlead/0002/andrade.html - Using Rubrics to Promote Thinking and Learning - Heidi Goodrich Andrade11. Instructional rubrics help teachers as well as evaluate student work. Further, creating rubrics with your students can be powerfully instructive. Teach - International - Virtual Education Network - For the Enhancement of Science and Math Learning - In Latin America and the Caribbean - Project Design - May 15, 200012. INTERNATIONAL VIRTUAL EDUCATION NETWORK (IVEN) FOR THE ENHANCEMENT OF SCIENCE AND MATHEMATICS LEARNING - In Latin America Project Design Prepared by Knowledge Enterprise, Inc. Vienna, Virginia, USA -13. IVEN-Project Design- May 2000 - INTERNATIONAL VIRTUAL EDUCATION NETWORK (IVEN) PARA A MELHORIA DA APRENDIZAGEM DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA - Na América Latina e no Caribe - Projeto Preliminar e Plano de Implantação - Preparado para a Inter-American Development Bank Por Knowledge Enterprise, Inc. Vienna, Virginia, USA14. A NATUREZA DO CONHECIMENTO E A ORGANIZAÇÃO CURRICULAR - Prof. Dr. Maurício Pietrocola - Faculdade de Educação – USP15. Objetos de Aprendizagem - OS OBJETOS VIRTUAIS DE APRENDIZAGEM: AÇÃO, CRIAÇÃO E CONHECIMENTO - Autor: Walter Spinelli16. Das informações ao conhecimento: Artigo publicado na revista “Investigações em Ensino de Ciências”, volume 8, número 2, agosto de 2003. Acesso pelo endereço eletrônico: http://www.if.ufrgs.br/public/ensino/vol8/n2/v8_n2_a1.html17. CRISE NO ENSINO DE CIÊNCIAS? http://www.if.ufrgs.br/public/ensino/vol8/n2/#nota118. (Crisis in science teaching?) - Gérard Fourez - Dept "Sciences, Philosophies, Sociétés" Cellulle EMSTES (Enseignement des Mathématiques et des Sciences - Technologies, Ethiques, Société. Facultés Universitaires de Namur B 5000 Namur, Belgium19. Luis Carlos de Menezes – Brasil - UMA AVALIAÇÃO EM PERCURSO DA REDE INTERNACIONAL VIRTUAL DE EDUCAÇÃO PARA O MELHORAMENTO DA APRENDIZAGEM DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA NA AMÉRICA LATINA (RIVED).
  • 20. “Aprendizagem na era digital” propõe mudanças no ensino a longo prazo - http://www.educarede.org.br/educa/revista_educarede/especiais.cfm?id_especial=233Artigos sobre wikis:http://en.wikipedia.org/wiki/Wikihttp://computer.howstuffworks.com/wiki.htm/printablehttp://www.wikispaces.com/http://en.wikibooks.org/wiki/Wiki_Science:How_to_start_a_Wikihttp://c2.com/cgi/wiki?WelcomeVisitorsLinks de referência:http://decampinasoeste.edunet.sp.gov.brhttp://rived.proinfo.mec.gov.br/http://www.vdl.ufc.br/ativa/http://www.labvirt.futuro.usp.br/http://200.130.6.181/site/index.phphttp://www.educarede.org.br/ http://serprofessoruniversitario.pro.br/ler.php?modulo=16&texto=967 http://penta2.ufrgs.br/edu/bloom/bloom.htm http://www.iq.ufrgs.br/aeq/carbopp.htm http://cienciahoje.uol.com.br/