Coesão e coerência
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share

Coesão e coerência

  • 6,165 views
Uploaded on

Material para estudo - Profa. Bárbara

Material para estudo - Profa. Bárbara

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
6,165
On Slideshare
6,165
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
106
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. 22/9/2011 FATORES DE TEXTUALIDADE Coesão e Coerência Coesão – anafóricos / catafóricosAnafóricos – quando há Retomada de termos em umtexto. Evita a repetição de algo que já foi escrito.Exemplo:As crianças são o espelho de uma educação. Elas nosoferecem os parâmetros para uma reflexão social. 1
  • 2. 22/9/2011 Coesão – anafóricos / catafóricosCatafóricos – antecipa ou anuncia um fato ainda aser apresentado.Exemplo:O aluno disse isto: vale a pena estudar parasaber e crescer profissionalmente. Coesão - Processo de desenvolvimento do discursoGradação – direciona os argumentos para umaconclusão. E o mais forte será enfatizado por conectivoscomo: no mínimo, inclusive.Exemplo:Todos os brasileiros preocupam-se com a criseeconômica, inclusive os jovens sem o primeiro emprego. 2
  • 3. 22/9/2011 Coesão - Processo de desenvolvimento do discursoConclusão – acontece entre dois enunciados.Utilizam-se conectivos como: logo, portanto, pois...Exemplo:O meio ambiente é uma questão mundial, portantoo país deve ter políticas para sua preservação. Coesão - Processo de desenvolvimento do discursoArgumento decisivo - é um acréscimo de informaçãopara enfatizar um argumento contrário. Há conectivoscomo: aliás, além do mais, além de tudo.Exemplo:Há muitos discursos vazios sobre o meio ambiente.Além do mais, em quais políticos a sociedade podeconfiar diante dos diferentes escândalos. 3
  • 4. 22/9/2011 Coerência narrativaOcorre quando há lógica entre as partes danarrativa.Para uma personagem realizar uma ação precisaapresentar um poder e um saber, na narrativa. Coerência narrativaAssim, o que é posterior depende do que éanterior.Constitui incoerência narrativa uma açãorealizada por um sujeito que não tem condiçõesde executá-la. 4
  • 5. 22/9/2011 Coerência narrativaExemplo: “Lá dentro havia uma fumaça espessa que não deixava que víssemos ninguém. Na festa, havia pessoas de todos os tipos: ruivas, brancas, pretas, amarelas, altas, baixas etc.”Incoerência narrativa, pois a personagem não podia vere viu. Coerência argumentativa São relações de implicação ou adequação que se estabelecem entre certos pressupostos ou afirmações explícitas, colocadas no texto e as conclusões que se tira deles 5
  • 6. 22/9/2011 Coerência argumentativaExemplo: Se no tema há o descontrole orçamentário como causa da inflação e este é o problema mais grave do país, será contraditório concluir que o governo deve aumentar os gastos públicos para aquecer a economia. Coerência temporal Respeita as leis da sucessividade dos eventos. Há compatibilidade entre os enunciados do texto sob o ponto de vista temporal. Exemplo: Maria pôs o arroz no fogo, depois o escolheu. (é incoerente, pois subverte a sucessividade dos eventos do processo de preparo do arroz: escolher e depois pôr no fogo). 6
  • 7. 22/9/2011 Coerência espacial Compatibilidade entre os enunciados sob a ótica do espaço. Exemplo: “Embaixo do único lustre, no meio do teto, um grupo de pessoas conversava animadamente. Quando ela entrou, todos pararam de falar e a olharam. (continua) Coerência espacial (continuação)Ela não se importou e foi também postar-seembaixo do lustre num dos cantos do salão.(Há incoerência pois o único lustre, no meio dosalão, não poderia estar em um dos cantos). 7
  • 8. 22/9/2011Os assuntos da prova são:Língua e LinguagemInteração autor-texto-leitorSistemas de ConhecimentoTexto e Contexto - contextualizaçãoIntertextualidade e Fatores de TextualidadePressuposto e SubentendidoPara quem desejar aprofundar os itens acima,recomendo a leitura dos capítulos 1, 2, 3 e 4 dolivro LER E COMPREENDER: OS SENTIDOS DOTEXTO (autores: Ingedore Villaça Koch e VandaMaria Elias), a consulta ao material anexo e àsanotações feitas em sala de aula. 8