Your SlideShare is downloading. ×
Planejamento de projetos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Planejamento de projetos

823
views

Published on


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
823
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
20
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA
    Faculdade de Filosofia e Ciências – Campus de Marília
    Departamento de Ciência da Informação
    Planejamento de ProjetosProfa. Marta ValentimMarília2008
  • 2. PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    O que é um Projeto?
    Um empreendimento único e não-repetitivo, de duração determinada, formalmente organizado e que congrega e aplica recursos visando o cumprimento de objetivos preestabelecidos.
    Fonte: Darci Prado
    É o processo de reunir e liderar uma equipe de pessoas e outros recursos, visando estimar, planejar, acompanhar e controlar um número de tarefas relacionadas entre si, que resulta num produto final específico, que deve ser criado num prazo, dentro de um orçamento e de acordo com as especificações.
    Fonte: American Management Association
  • 3. PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Características de um Projeto:
    • É um esforço específico e único;
    • 4. A equipe analisa, planeja e executa o projeto;
    • 5. Utiliza equipe multidisciplinar;
    • 6. Obtém um resultado único e específico.
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Participação e envolvimento ativo das pessoas no planejamento, na execução e na avaliação do projeto.
    Participação e envolvimento institucional, por meio da identificação de problemas, envolvimento da alta administração (chefias e lideranças), comunicação permanente entre os setores hierárquicos envolvidos.
  • 7. PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Participar:
    • Produz sujeitos;
    • 8. Constrói protagonistas;
    • 9. Produz agentes de mudança;
    • 10. Potencializa esforços;
    • 11. Aperfeiçoa propostas;
    • 12. Amplia convergências;
    • 13. Constrói o futuro.
    Não Participar:
    • Reduz as pessoas a objetos/coisas;
    • 14. Induz à passividade;
    • 15. Produz agentes resistentes;
    • 16. Isola os esforços;
    • 17. Reduz a criatividade;
    • 18. Aumenta os conflitos;
    • 19. Reproduz o passado.
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    • Benefícios:
    • 20. Melhoria dos processos e fluxos envolvidos;
    • 21. Aumento do controle dos processos e fluxos envolvidos;
    • 22. Melhoria na comunicação intra e inter níveis;
    • 23. Elevação da capacidade empreendedora dos funcionários.
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Restrições:
    Desempenho
    Qualidade
    Como ?
    Escopo
    O quê ?
    PROJETO
    Por quê ?
    Viabilidade
    Competitividade
    Custo
    Quanto ?
    Tempo
    Quando ?
    Esforço
  • 24. Integração
    RH
    Comuni-cação
    Qualidade
    Custos
    Prazo
    Escopo
    Riscos
    Esforço
    PLANEJAMENTO DE PROJETOS
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Análise dos Envolvidos
    Identificação do
    problema central
    Análise do Problema
    Análise das causas e
    dos efeitos do problema central
    Análise da Situação
    Análise de Objetivos
    Análise de Alternativas
    Etapas
    Inferências
    Indicadores
    Verificáveis
    Lógica da Intervenção
    Objetivo Geral
    Planejamento de Projeto
    Objetivo do Projeto
    Resultados
    Atividades
  • 32. PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Análise da Situação:
    • Avaliação da problemática antes da elaboração do projeto propriamente dita;
    • 33. Envolvimento das pessoas, grupos e da alta administração, que de alguma forma estão relacionados a situação em que se quer intervir. Assegura uma visão mais ampla do problema.
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Análise dos Envolvidos:
    • Busca identificar e analisar as pessoas, grupos e alta administração que direta ou indiretamente estão envolvidos com a situação problemática em análise ou ao projeto que se quer desenvolver.
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Levantamento de Problemas:
    • Estimula a identificação dos problemas que o grupo reconhece na realidade, bem como acredita ser o mais relevante a ser solucionado através de ações planejadas.
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Levantamento de Problemas:
    • O que é um problema?
    • 34. Estado negativo da realidade;
    • 35. Denotam ausência, carência, insuficiência;
    • 36. São parte da realidade;
    • 37. É uma avaliação individual (inicialmente).
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Análise de Problemas:
    • É um conjunto de técnicas para:
    • 38. Analisar a situação problemática na forma como a percebem os envolvidos;
    • 39. Identificar os problemas principais nesse contexto;
    • 40. Visualizar as relações de causa-efeito de um problema na forma de uma árvore de problemas;
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Análise de Problemas:
    • Observa-se as inter-relações entre os problemas;
    • 41. Identifica-se caminhos para solucionar os problemas;
    • 42. Analisa-se a situação existente em relação a uma problemática determinada.
    • 43. Permite-se a seleção de várias alternativas para a solução de um problema.
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Análise de Problemas - Etapas:
    • Relacionar todos problemas importantes referentes a um problema específico;
    • 44. Colocar os problemas em ordem lógica;
    • 45. Identificar o problema central;
    • 46. Organizar as causas do problema central;
    • 47. Identificar e organizar as causas, em principais e correlatas;
    • 48. Definir os efeitos do problema central;
    • 49. Organizar os efeitosem níveis de impacto;
    • 50. Construir um diagramaem forma de árvore, situando os problemas com suas relações de causa-efeito;
    • 51. Examinara árvore de problemas, verificando se as relações de causa-efeito estão corretas e se não houve omissões importantes.
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Perda de confiança no arquivo
    EFEITOS
    Inviabilidade de pesquisa
    Material sem condições de uso
    PROBLEMA CENTRAL
    Alta Freqüência de
    Materiais com Danos
    Armazenagem errada
    Insolação exagerada
    Umidade do ar alta
    Prédio inadequado
    Estantes inadequadas
    CAUSAS
  • 52. PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Análise de Objetivos:
    • Consiste na descrição da situação futura a ser alcançada com a resolução dos problemas:
    • 53. Reformular as condições negativas da árvore de problemas, em condições positivas desejáveis e realmente alcançáveis;
    • 54. Examinar as relações meios-fins, verificando se estão corretas e se mantêm uma estrutura lógica.
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Análise de Objetivos:
    • Caso seja necessário, alterar as formulações;
    • 55. Acrescentar novos objetivos, se relevantes ao alcance dos objetivos imediatamente superiores;
    • 56. Rever a árvore de problemas.
  • PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Confiança no arquivo
    EFEITOS
    Viabilidade de pesquisa
    Material em condições de uso
    PROBLEMA CENTRAL
    Baixa Freqüência
    de Materiais com Danos
    Armazenagem correta
    Insolação normal
    Umidade do ar baixa
    Prédio adequado
    Estantes adequadas
    CAUSAS
  • 57. 3
    4
    EXECUÇÃO /
    CONTROLE
    FECHAMENTO
    2
    PLANEJAMENTO
    NÍVEL
    DE
    ATIVIDADE
    1
    CONCEPÇÃO /
    INICIAÇÃO
    TEMPO
    PLANEJAMENTO DE PROJETOS
    Fases
  • 58. REFERÊNCIAS
    ACKOFF, R. L. A empresa democrática. Lisboa: DIFEL, 1996.
    CHIAVENATO, I. Administração: teoria, processo e prática. 2.ed. São Paulo, Makron Books, 1994. 522p.
    CHIAVENATO, I.; SAPIRO, A. Planejamento estratégico: fundamentos e aplicações. Rio de Janeiro: Elsevier, 2003.415p.
    DRUCKER, P. Introdução à Administração. São Paulo: Pioneira, 1984. p.133-136
    FARIA, J. C. Administração: introdução ao estudo. 3.ed. São Paulo: Thomson/Pioneira, 1997. 168p.
    MEGGINSON, L. C., MOSLEY, D. C., PIETRI JR., P. H. Administração: conceitos e aplicações. 4.ed. São Paulo: Harbra, 1998. 614p.

×