Your SlideShare is downloading. ×

Apostila d moda

1,169

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,169
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
67
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. PRODUÇÃO GRÁFICADesenho no Computador A tarefa de desenhar, requer treino eestudo de técnicas específicas. Muitas vezes, as técnicas, dentrodos métodos tradicionais, é uma tarefaárdua. Após utilizarmos régua e,provavelmente, compasso para construirfiguras e estruturas, desenhar contornoscom canetas específicas e preencheráreas com pincéis e tintas apropriadas.Isto pode tomar tempo e esforçoconsideráveis para o desenhistaprincipiante. As técnicas de acabamento Prof. Rubenssão inúmeras a serem assimiladas. O advento do computador não sórevolucionou nossos meios deprocessamento de informação, comotambém possibilitou novos métodospara a criação do desenho. A capacidade do computador emcálcular, ampliou-se para os programasgráficos e de periféricos a elesrelacionados, tornando-o capaz derealizar com grande eficiência a maiorparte do trabalho de desenho, antesrealizado a lápis na prancheta. Deste modo, abre-se novaspossibilidades de aplicação, restandoapenas, um treinamento mais curto eespecífico, se comparado ao métodotradicional de se ilustrar.
  • 2. PRODUÇÃO GRÁFICAO Computador Para se trabalhar de forma eficiente Operar um computador hoje em dia é com a maior parte dos programassimples e requer um período de gráficos disponíveis, será importante tertreinamento relativamente curto. uma memória de acesso randônico O fascinante é que o computador (RAM) maior do que 4 megabytes e umapermite que o desenhista elabore projetos unidade de disco rígido interna oucom máxima precisão e com inúmeros externa que exceda 50 megabytes.efeitos visuais. Outros equipamentos essenciais são uma impressora em cores, para obter Portanto, um computador têm uma reprodução nítida dos resultados nocapacidades, e objetivos específicos. papel, e um scanner (leitor óptico), que Geralmente, um desenhista necessita pode ser adquirido posteriormente, parade um computador de boa capacidade e lidar com imagens fotográficas ou jáde seus projetos. Prof. Rubensque seja pessoal, para o desenvolvimento impressas. Todos os computadores são Os computadores pessoais pertencem unidades de processamento, e possuemà categorias IBM ou Machintosh. um monitor, um teclado e um mouse. A categoria IBM- compatíveis são Seu componente principal é a unidadeconhecidos como Pc’s. Estes têm várias de processamento central (CPU), sendomarcas e modelos, e são os mais que suas informações podem seracessíveis, por serem de custo menor, se armazenadas em seu disco rígido ou emcomparados aos Machintosh. Porém, os disco flexível.Machintoshes, possuem uma interface Desta maneira, pode-se gravargráfica para usuários, permitindo assim, programas e diferentes informações,que seu usuário trabalhe diretamente com pois os discos flexíveis, são portas deelementos pictóricos, obtendo resultados entrada para informações que serãode alta resolução. armazenadas. Percebemos no entanto, que a Um computador é praticamentedistância destas categorias, vem inoperante sem o software. Osdiminuindo a cada dia, pois os software já programas, basicamente são parapodem migrar de um sistema para o outro, processamento de textos, planilhas,sem danos ao seu usuário. banco de dados e programas gráficos.
  • 3. PRODUÇÃO GRÁFICAImagens no computadorImagens vetoriais Formato Bitmap As imagens vetorias, também Ao contrário dos programas dechamadas de imagens orientadas a ilustração vetorial, os aplicativos deobjetos ou imagens de desenho, são edição de fotografias, trabalham comdefinidas matematicamente com uma imagens em formato bitmap.série de pontos unidos por linhas. Ao lidar com imagens neste Os elementos gráficos em um arquivo formato, você pode aperfeiçoarvetorial são chamados de objetos. pequenos detalhes, fazer alterações Cada objeto é uma entidade radicais e intensificar efeitos.independente com propriedades como cor,forma, contorno, tamanho e posição natela, incluídas na sua definição.. Trabalhar com o CorelDraw no Prof. Rubensdesenho de moda, significa maiorfuncionalidade e capacidade depersonalização, elaborado pelo usuário. Nele, você pode personalizar o espaçode trabalho, exibir uma vasta palheta decores, e obter infinitas possibilidades eflexibilidade nos desenhos criados, bemcomo trabalhar nos dois formatosapresentados. O Corel oferece também vínculos naWeb, colaborando para qualquer tipo detrabalho que seja elaborado via Internet,bem como criação de páginas.
  • 4. PRODUÇÃO GRÁFICAPrograma Gráfico CorelDRAW, um programa abrangente Um eficiente programa gráfico, seráaquele capaz de oferecer todas osrecursos e efeitos visuais, que antes sóeram possíveis nas técnicas ilustrativas O CorelDraw, mesmo sendo umconvencionais. programa de alta performance para o Logo, conhecer noções de desenho, ou seja, define comcomposição, luz e sombra, exatidão imagens vetorias, é capazdiagramação, e outros recursos, serão também de proporcionar boaimportantes elementos para se criar aparência e disposição na tela, paraprojetos gráficos. Não bastando apenas, paletas de cores, mesmo em formatossaber operar o software. Mas a escolha Bitmap.de um programa abrangente, no que Este Programa Profissional, Prof. Rubenstange aos seus recursos gráficos eefeitos que se pode adquirirlhe facilitará vincula várias atualizações: • Permite captar imagensa tarefa do desenhista. Há normalmente no mercado diretamente de câmara digital e criarprogramas gráficos, mais específicos à arquivos PDF idênticos à imagem,pintura, desenho, programação de independente se estas imagens sãopáginas, processamento de imagens, de ambiente Pc’s ou Macintoshes; • Oferece espaço de trabalho paramanipulação de fontes e modelagems linguagem de programação Visualtridimensional. Cada programa descrito, mereceria Basic; • Avisos sonoros podem seranálise específica para a finalidade a associados aos eventos do CorelDrawque se pretende alcançar. aos sons do Windows; • Ferramentas interativas para efeitos especiais; • Atualização automática com os vínculos da WEB e Muitos outros recursos que mostraremos a seguir.
  • 5. PRODUÇÃO GRÁFICAConceitos Gráficos do CorelDraw O CorelDraw oferece maleabilidade, por você poder personalizar sua área detrabalho, atualização de palhetas de cores, bem como vasta opções de filtros deefeitos especiais. Janela PrincipalBarra PadrãoBarra Propriedades A Barra de Propriedades é uma Ferramenta que oferece diferentes opções, dependendo do objeto selecionado e do objetivo que se pretende alcançar. Prof. Rubens
  • 6. PRODUÇÃO GRÁFICACaixa de Ferramentas Ferramenta de Seleção Ferramenta de Formar / Ferramenta Faca / Ferramenta Borracha / Ferramenta Transformação Livre Ferramenta Zoom / Ferramenta Enquadramento Ferramenta Mão Livre / Ferramenta Bézier / Ferramenta Mídia Artística / Ferramenta Dimensão/ Ferramenta Linha de Conexão / Ferramenta Conector Interativo Ferramenta Retângulo Ferramenta Elípse Ferramenta Polígono / Ferramenta Esperial / Ferramenta Papel Gráfico Ferramenta Texto Prof. Rubens Ferramenta Preenchimento Interativo / Ferramenta de Preenchimento Interativo de Malha Ferramenta Transparência Interativa Ferramenta Mistura Interativa / Ferramenta Contorno Interativo / Ferramenta Distorção Interativa / Ferramenta Extrusão Interativa/ Ferramenta Aplicar Sombra Interativa Ferramenta Conta-Gotas / Ferramenta Lata de Tinta Ferramenta Contorno Ferramenta Preenchimento Observe que os ícones que apresentam uma seta preta abaixo, oferecem outras possibilidades. Para isso, basta manter pressionado o botão do mouse sobre a Ferramenta e abrirá um menu desdobrável desta forma, será possível selecionar a Ferramenta que antes não era visualizada.
  • 7. PRODUÇÃO GRÁFICAFerramenta de SeleçãoA partir da caixa de ferramentas, iremosclicar com a Ferramenta de Seleção naFerramenta retângulo ou (F6) e gerar umretângulo em qualquer tamanho.Perceba que ao gerar um retângulo,apareceram âncoras, das quais vocêpoderá clicar arrastando, alterando EXERCÍCIOSassim, seu tamanho. Prof. Rubens A partir dosAtravés da barra de propriedades, esta exemplos abaixo,função poderá ser executada, oferecendo desenhe as figuras geométricas;um ajuste exato.Ao clicar duas vezes sobre o objeto, asâncoras se alteram, para âncoras derotação. Com isso, poderemos rotacionarobjetos manualmente. Lembre-se queesta mesma operação poderá ser feita, apartir da Barra de Propriedades.Ferramenta de ZoomSerá possível, através da ferramenta Todas as figuras sugeridas acima,Zoom, aumentar ou diminuir a poderão ter o tamanho de 30,0mm porvisualização. Desta forma você poderá 30,0mm aproximadamente. Este valoraproximar a visualização, sem alterar o você poderá obter a partir da Barra detamanho real do objeto desenhado. Propriedades.
  • 8. Barra de Propriedades Com diferenciados recursos, a Barrade Ferramentas assume opçõesdistintas, quando selecionadoferramenta, objetos ou texto. Destaforma, agilizará a utilização de todos osrecursos disponíveis. Pois os mesmossempre ficam em evidência, quando suaopção for selecionada. Barra de Status permite visualizar o posicionamento dos objetos desenhados. Prof. Rubens Perceba que ao desenhar qualquer objeto na página, sempre aparecerá na Barra de Propriedades valores das coordenadas da régua, expressos em X (para posicionamento horizontal e Y (para posicionamento vertical). Ao seu lado, teremos uma caixa que mostrará as dimensões dos abjetos criados, largura na caixa de cima e altura na caixa abaixo. Após teremos, uma graduação que permite especificar um valor percentual de objetos selecionados, no sentido vertical e horizontal.
  • 9. PRODUÇÃO GRÁFICAEXERCÍCIO PRÁTICO1.Ferramenta Elipse A partir desta ferramenta, você podedesenhar elipses e círculos, arrastando omouse. Observe que a Barra de Statusexibe as dimensões da elipse enquantovocê desenha. Desenhe uma elipse com 15,0 mm X18,0 mm.2. Ferramenta Retângulo Permite desenhar retângulos equadrados, arrastando com o mouse.A Barra de Status exibe as dimensõesenquanto você desenha. Desenhar um retângulo com 8,0 mmX 10,0 mm. Arrastá-lo para a base inferiorda elipse. Prof. Rubens3. Ferramenta Retângulo Desenhar novamente outro retângulonas dimensões de 30,0 mm X 90.0mm.Arraste este retângulo para a base inferiordo retângulo menor.4. Selecionar ObjetosA partir do Menu Principal, clique emEditar e em seguida clique em SelecionarObjetos. Desta forma selecionaremostodas as figuras geométricas.5. Centralizar FigurasClique em organizar e em seguida, cliqueem Organizar e Distribuir. Selecionecentralizar no sentido vertical. Clique emOk. Este comando centralizará todos osobjetos selecionados no sentido vertical.
  • 10. PRODUÇÃO GRÁFICAFERRAMENTA DE FORMARFerramenta de Formar permite manipularnós e caminhos para alterar a forma delinhas, textos, btmaps e qualquer figurageométrica. Sua função se altera, diantede cada tipo de objeto selecionado.A Ferramenta Faca separa (quebra) umobjeto, gerando desta forma novos objetosquando seccionados.A Ferramenta Borracha permite apagarpartes ou detalhes de um objeto semseparar nenhum caminho fechado. Prof. RubensA Ferramenta Transformação Livre alteraorientações e aparências de objetos.A seguir iniciaremos a utilização destasferramentas:
  • 11. 20 COMPUTADOR E A MODAEXERCÍCIO1. Criar um retângulo com 24,0 mm X 3. Para alterar o retângulo a partir da48,0mm; Ferramenta de Formar, será necessário convertê-lo em curvas. Clique em Organizar no menu principal e selecione Converter em Curvas ou a tecla “Ctrl + Q”. A seguir selecione a Ferramenta de Formar alterar o retângulo; Gerar curvas2. Para alterar o retângulo a partir daFerramenta de Formar, será necessário 4. Agora com a Ferramenta de Formarconvertê-lo em curvas. Prof. RubensClique em Organizar no menu principal e posicionada nos vértices (nós) do retângulo, reduzir o lado superior.selecione Converter em Curvas ou a tecla Com a Ferramenta de Curva, localizada na“Ctrl + Q”. Barra de Propriedades, será possível A seguir selecione a Ferramenta de transformar segmento de reta em curvas.Formar para alterar o retângulo; Observe novas âncoras surgem para facilitar a construção de curvas.
  • 12. 21 COMPUTADOR E A MODAEXERCÍCIO Plano de CorteCrie o hábito de utilizar a Ferramenta De Zoom. Desta forma, facilitará a visualização das âncoras. de 20,0 cm Zíper Costas Frente Tecido 0,70cm com 1,50 cm de comp. Utilizando o mesmos recursos elaborados até aqui, é possível criar a representação gráfica do corte e de sua montagem.5. Repare que gerando um novo retângulo Prof. Rubensna base superior da saia, foi possível criara Cintura (Cós).6. Para indicar o Zíper com Braguilhadevemos proceder da mesma forma, gerarum novo retângulo porém, muito estreito echanfrá-lo em seguida.É importante não esquecer de transformá-lo em curva logo após de criar o retângulo,ainda com a Ferramenta de Formar,levanta-se o vértice (nó), até representar aBraguilha.
  • 13. 22 COMPUTADOR E A MODAFERRAMENTA TEXTOPermite digitar diretamente na tela como O Corel oferece ainda, recursos queTexto Artístico ou em molduras como Texto podem ser aplicados à fonte;de Parágrafo. NEGRITO ITÁLICO SUBLINHADO TEXTO ARTÍSTICO Selecione a Ferramenta Texto, em seguida clique sobre a página e digite a paladra “MODA”. Escolha a Ferramenta de Seleção. É possível aumentar o tamanho da fonte, utilizando a Barra de Propriedades, bem como alterar a A partir do Menu Principal, pode-se obter família da tipologia. mais recursos de transformação de texto: Prof. Rubens Sobre a Ferramenta Lista de Fonte, localizada na Barra de • Altera o estilo de linha sobreposta; • Altera o estilo de riscado; Propriedades, pode-se escolher a • Especifica o tipo de alinhamento; tipologia desejada e alterar o • Especifica o espaçamento desejado; • Altera espaçamento entre palavra; tamanho da fonte. • Altera o espaçamento entre linha; • Especifica diferentes Bullets; • Especifica recuos em textos. A seguir faremos alguns desses recursos.
  • 14. 23 COMPUTADOR E A MODAEXERCÍCIO DESENHO TÉCNICO DE MODA Gerar dois retângulos, com Anexar amostra de tecido 80,0 mm no comprimento eElaborar uma Ficha Técnica de Moda: 50,0 mm de altura cada um. Descrição do Modelo:Abrir novo documento, formatar página Tecido 1 Nome: Fornecedor: Preço: Largura: Tecido 2 Nome: Fornecedor: Preço: Largura: Escrever texto conformepara A4. modelo dentro dos Composição: Composição: Rendimento: Rendimento:Gerar um retângulo de 190,0mm por retângulos;285,0mm Abaixo deste retângulo, DESENHO TÉCNICO DE MODA escrever a palavra AVIAMENTOS. Anexar amostra de tecido Descrição do Modelo: Criar novamente dois Tecido 1 Nome: Fornecedor: Preço: Tecido 2 Nome: Fornecedor: Preço: retângulos de 80,0 mm de comprimento por 50,0 mm de Largura: Largura: Composição: Composição: Rendimento: Rendimento: AVIAMENTOS Descrição: Fornecedor: Referência: Cor: Quant.: altura cada um. Preço: Escrever texto conforme Prof. Rubens modelo dentro dos retângulos;Na base superior à esquerda DESENHO TÉCNICO DE MODA A seguir, abaixo deste último DESENHO TÉCNICO DE MODAescrever: Anexar amostra de tecido quadro, escreveremos a“DESENHO TÉCNICO DE palavra PILOTAGEM.MODA”. Descrição do Modelo:Logo abaixo, criar 2 Criar um retângulo de 30,0 Tecido 1 Tecido 2 Nome: Nome: Fornecedor: Fornecedor: Preço: Preço:retângulos, uma ao lado do Largura: Composição: Largura: Composição: mm de altura por 160,0 mm Rendimento: Rendimento: AVIAMENTOSoutro na dimensão de 80,0 Descrição: Fornecedor: de comprimento e escrever Referência: Cor: Quant.:mm por 100,0 mm de altura, Preço: dentro deste, conformecada um. modelo:Criar um retângulo namedida de 20,0 mm de altura DESENHO TÉCNICO DE MODApor 80,0mm no comprimento, DESENHO TÉCNICO DE MODA Anexar amostra de tecidolocalizando-o bem abaixo Obs.: Este formulário criado, tem como objetivo colocardos dois retângulos maiores. Descrição do Modelo: Descrição do Modelo: Tecido 1 Nome: Fornecedor: Preço: Tecido 2 Nome: Fornecedor: Preço: elementos básicos de uma Ficha Largura: Largura:Em seguida, escrever: “ Técnica de Moda. Portanto, ao Composição: Composição: Rendimento: Rendimento: AVIAMENTOS Descrição:DESCRIÇÃO DO MODELO”, criá-lo, pode-se personalizar Fornecedor: Referência: Cor: Quant.: Preço:Para isso utilizaremos corpo Tecido: Corte: PILOTAGEM APROVAÇÃO itens a partir dos mesmos Costura:12 da Fonte Arial. recursos que o Corel oferece.
  • 15. 23 COMPUTADOR E A MODAMODELO DE FICHA TÉCNICA DESENHO TÉCNICO DE MODA - ANEXAR AMOSTRA DE TECIDOAs medidas sugeridaspodem sofrer alguma alteração, conformea necessidade de seu impresso.É importante considerar uma margem Prof. Rubens para poder fazer posteriormente furos Descrição do Modelo: para grampear e arquivar. Tecido 1 Tecido 2 Nome: Nome: Fornecedor: Fornecedor: Preço: Preço: Largura: Largura: Composição: Composição: Rendimento: Rendimento: AVIAMENTOS Descrição: Fornecedor: Referência: Cor: Quant.: Preço: PILOTAGEM Tecido: APROVAÇÃO Corte: Costura:
  • 16. 23 COMPUTADOR E A MODAMODELO DE FICHA TÉCNICA Prof. Rubens
  • 17. 23 COMPUTADOR E A MODA DESENHO TÉCNICO DE MODA - ANEXAR AMOSTRA DE TECIDO Descrição do Modelo: Tecido 1 Prof. RubensTecido 2 Nome: Nome: Fornecedor: Fornecedor: Preço: Preço: Largura: Largura: Composição: Composição: Rendimento: Rendimento: AVIAMENTOS Descrição: Descrição: Fornecedor: Fornecedor: Referência: Referência: Cor: Cor: Quant.: Quant.: Preço: Preço: PILOTAGEM Tecido: APROVAÇÃO Corte: Costura:
  • 18. 23 COMPUTADOR E A MODA DESENHO TÉCNICO DE MODA - ANEXAR AMOSTRA DE TECIDO Descrição do Modelo: CAMISA DE CREPE DE MALHA Tecido 1 Prof. Rubens Crepe de Malha/azul Tecido 2 Nome: Crepe Stretch Nome: Fornecedor: Sulfabril Fornecedor: Preço: R$ 35,00/m² Preço: Largura: 1,60m Largura: Composição: 74%algodão/26% poliester Composição: Rendimento: 1,40m Rendimento: AVIAMENTOS Descrição: Botões Descrição: Fornecedor: ABC Fornecedor: Referência: 009881 Referência: Cor: Branco Cor: Quant.: 06 de 2,0cm Quant.: Preço: R$ 0,50 unid. Preço: PILOTAGEM Tecido: Calculado para malha com fator 1.1 de elasticidade APROVAÇÃO Corte: Frente, gola, manga/corte cada peça 2 vezes Costura: Primeiramente avesso, para retornar costura na frente
  • 19. 23 COMPUTADOR E A MODAOUTROS RECURSOS NA TIPOLOGIACriando texto. FERRAMENTA ROTAÇÃO LIVREAo escolher a Ferramenta Texto, se Esta Ferramenta permite girar o objeto nomanter o mouse pressionado sobre a ângulo que desejarpágina de desenho e arrastá-lo a área MODAdesejada, será possível gerar textos A Alongos. A partir da opção Editar Texto, MOD MODpode-se digitá-lo e formatá-lo emdiferentes diagramações. FERRAMENTA REFLEXÃO de ÂNGULO Permite espelhar um objeto de acordo com ângulo especificado. MODAADOM Arrastando somente o mouse, é possível obter resultados satisfatórios.Criando Efeitos Especiais Prof. RubensCom a Ferramenta de Formar, podemosgerar Efeitos no texto, Esta Ferramenta MODA MODAassume diferentes propriedades, quando Duplicando e sobrepondo a palavra, seráutilizada em Fontes. possível conquistar um efeito especial.Digite a Palavra “MODA” e escolha aFerramenta de Formar. MODA Para duplicar, basta selecionar o objeto, selecionar Editar e em seguida clicar em Duplicar, ou teclar CTRL + DPerceba que cada caracteres possui umnó de edição para manipulação. Destaforma, é possível alterar seu espaçamentoentre letra, bem como alterar sua LEMBRE-SE QUE ESTESlocalização. VEJA O EXEMPLO: RECURSOS SÃO ITULIZADOS PARA QUALQUER O OBJETO TEXTUAL OU NÃO. M D A
  • 20. 23 COMPUTADOR E A MODARÉGUAO corel além de oferecer possibilidades LEMBRE-SE QUE A FERRAMENTAprofissionais para o desenvolvimento de ZOOM, SEMPRE LHE DARÁprojetos, permite ainda desenvolver MAIOR PRECISÃO NAdesenhos com máxima precisão de VISUALIZAÇÃO DE OBJETOS PORÉM, NÃO REPRESENTAmedidas. UMA ESCALA DE MEDIDA ADOTADA.De forma muito fácil, os projetos demoldes e desenhos técnicos, poderão serdesenvolvidos em escala natural, podendo FERRAMENTA ROTAÇÃO LIVREainda ser alterados para milímetro, Esta Ferramenta permite girar o objeto nocentímetro ou a escala de medida que seu ângulo que desejarprojeto exige. Será posível acionar mais recursos a partir do Menu Principal. Selecione em Organizar e em seguida, clique em Prof. Rubens Transformações. Uma nova caixa se abrirá, oferecendoObserve que a régua trabalha no esquema várias modalidades de transformaçôes emdos eixos cartesianos X e Y. Desta forma seu objeto.facilitará, colocar qualquer medida em sua Lembre-se que logo abaixo, no Menupágina de trabalho. Principal, há uma opção “Limpar Transformações”. Desta forma, qualquer operação indesejada, poderá ser refeita sem prejuízo de seu trabalho, ou mesmo perda de arquivos.Este importante ícone, posicionado noencontro das duas réguas, possibilitacalibrar o ZERO das réguas na localidadeexigida do objeto desenhado em suapágina de trabalho.Portanto, basta selecionar este ícone como botão do mouse pressionado e arrastá-lono local desejado. Assim facilitará a leiturada graduação da régua nos eixos “X” e “Y”
  • 21. 23 COMPUTADOR E A MODAFERRAMENTA BÉZIERMantendo o botão do mouse apertadosobre a Ferramenta Mão Livre, abre-se umMenu desdobrável, que pemite selecionaras Ferramentas Bézier, Caneta Natural,Dimensionamento e Linha de Conexão.Permite criar curvas, utilizando um estilode desenho com conexão de pontos, noqual você especifica os pontos inicial efinal da linha ou curva que se desejadesenhar.Esta Ferramenta oferece infinitaspossibilidades para compor desenhos comretas e curvas. É importante relacionar Prof. Rubensestas Ferramentas, com o lápis dedesenho numa folha de papel, ou sejamantendo o botão do mouse pressionadosobre a página e arrastando o apontador,você poderá criar diferentes tipos de linhasadequadas ao estilo e formato de desenho A Ferramenta Mão Livre Permite desenharque se pretende fazer. linhas e formas à mão livre, utilizando um estilo de desenho com clicar e arrastar. Ferramenta Mídia Artística permite aplicar pinceladas ou objetos a uma curva. Mantendo pressionado o botão do mouse sobre ela, aparecerá a partir do menu desdobrável. Quando selecionado a Ferramenta Mídia Artística, a Barra de Propriedades assume características próprias, para que todas as Obs.: Para excluir qualquer objeto, basta funções desta Ferramenta possam ser selecioná-lo. exploradas em sua plenitude. Função de Em seguida, pressione a tecla <Delete>. Pincel, Espalhador, Caligrafia e Pressão. Exemplificaremos a seguir.
  • 22. 23 COMPUTADOR E A MODAEXERCÍCIO Dê um clique para iniciar a linha do desenho e outro clique quando houverCriar um Desenho Técnico a partir da ponto de conexão de linha reta com linhaFerramenta Bézier. curva. Perceba que ao clicar no ponto de conexão, e ainda com o botão do mouseATENÇÃO: Alguns desenhos propostos pressionado, arrastando-o delicadamente,aqui, tem como objetivo facilitar a aparecerão âncoras, que lhe permite editarassimilação das Ferramentas do Corel. nós e gerenciar as curvas.Portanto, você perceberá que neles nãotrabalhamos medidas exatas, para quevocê possa, ao manuseá-lo desenharlivremente, podendo até criar seuspróprios desenhos.Selecione a Ferramenta Bézier clicando naFerramenta Mão Livre, o menu Prof. Rubensdesdobrável aparecerá, e permitirá quevocê o selecione: Obs.: È importante lembrar que já fizemos edição de linhas curvas com a Ferramenta de Formar, a partir de suas âncoras e nós.Após selecionado a Ferramenta Bézier,iniciaremos o traçado. Lembre-se queagora você está ao sabor da criação.Portanto, ao seguir cada etapa desteexercício, você ficará satisfeito com osresultados conquistados. Estes recursos,somados a outras Ferramentas do Corel,vão lhe oferecendo um repertório vastoque lhe habilitará criar desenhos maiscomplexos.
  • 23. 23 COMPUTADOR E A MODAEXERCÍCIOCom a Ferramenta de Formar, ajuste aslinhas tortas. Conquistando o resultadosmelhante ao modelo feito abaixo:Perceba que criamos somente metade dodesenho do Blazer. Desta forma ficará fácilmanter a simetria do desenho,obedecendo as etapas a seguir:Prof. Rubens Para Espelhar basta clicar no ícone Duplicar indicado na Barra de Propriedades, ou ainda selecionar a opção Organizar, em seguida a subopção Transformação.Duplique o desenho, pressionando asteclas <CTRL + D>, e em seguida naBarra de Propriedades, vamos espelhar aSegunda metade Espelhar Alinhar as duas metades, a partir da opção Organizar e a subopção “Alinhar e Distribuir”, selecionado “Topo ou Base”, desta forma faremos um alinhamento preciso das partes.
  • 24. 23 COMPUTADOR E A MODAEXERCÍCIOApós ter alinhado corretamente as partes,devemos soldá-las. Para isso selecione aopção “Organizar” e a subopção“Formato”, nela um Menu desdobrávelaparecerá, onde você deve escolher Agora temos as partes juntas, restando“Soldar”. apenas colocarmos os detalhes finais, como gola, bolso, botões ou outros detalhes que você desejar. Prof. Rubens Lembre-se que ao fazer a gola, você deve proceder da mesma forma em que fizemos o Blazer até aqui. Observe que linhas de costura da junção das mangas, foram feitas com aÉ importante que as partes do Blazer Ferramenta Bézier, bem como a linha doestejam selecionadas. Clicar em “Soldar” meio (abertura do Blazer) e a linha de trásna janela que se abriu e em seguida, com da gola. Os botões e bolsos foram feitoso apontador iremos clicar no local da solda com circunferências e retângulos no(da junção que se pretende), veja; tamanho que você desejar.
  • 25. 23 COMPUTADOR E A MODAOUTROS EXEMPLOSA partir de outros exemplos você poderá Não somente a isso, mas também Planopraticar seus desenhos, criando grande de Corte de suas peças podem ser feitashabilidade com o treino. no Corel, verificando de ante mão oA apresentação de seus desenhos aproveitamento de material, issotécnicos de moda, ganharão incomparável representa uma grande economia quandoqualidade e precisão. em produção de grande escala.Perceba que ao fazer os desenhos,facilitará estudos e pesquisas de cores ematerias diferenciados e com muitaagilidade. Prof. Rubens
  • 26. 23 COMPUTADOR E A MODAOUTROS EXEMPLOSA rapidez com que você consegue O Corel oferece recursos até paradesenvolver os modelos é muito grande, e desenvolver modelos mais complexos ecom a vantagem de duplicando o modelo assimétricos.criado, será possível desenhar commáxima precisão as costas em riqueza dedetalhes. Prof. Rubens
  • 27. 23 COMPUTADOR E A MODACONSTRUÇÃO DO CROQUISA Construção de croquis, masculino,feminino e infantil, são essenciaisferramentas para planejar o desenhotécnico de moda e verificar com issodetalhes importantes para a modelagem.Portanto, esses desenhos podem serdesenvolvidos em ilustração eposteriormente, serem scaneados oudesenvolvê-los diretamente no Corel. Prof. RubensA partir deste desenho esquemático daanatomia humana, poderemos verificar osdiferentes biotipos e as alterações namodelagem para adequar ao tipo físico aque se propõe o projeto.
  • 28. 23 COMPUTADOR E A MODACONSTRUÇÃO DO CROQUISObserve que as Ferramnetas utilizadas atéentão, foram as mesmas já aprendidas ouseja, Ferramenta Mão Livre e FerramentaBézier.Com um pouco de treino, chegaremos aresultados surpriendentes. Prof. RubensObserve que este croqui, foi feito a partirde nove cabeças de altura. O desenhoestilizado é feito artísticamente seguindooutros cânones para sua elaboração.Porém, é possível fazer belasapresentação utilizando este tipo dedesenho esquemático.
  • 29. 23 COMPUTADOR E A MODAGALERIA DE CROQUISAqui mostraremos alguns estilos que vocêpoderá utilizar, desenvolver e aplicar seusprojetos Prof. Rubens
  • 30. 23 COMPUTADOR E A MODAGALERIA DE CROQUIS Prof. Rubens
  • 31. 23 COMPUTADOR E A MODAGALERIA DE CROQUIS Prof. Rubens
  • 32. 23 COMPUTADOR E A MODAGALERIA DE CROQUIS
  • 33. 23 COMPUTADOR E A MODAGALERIA DE CROQUIS
  • 34. 23 COMPUTADOR E A MODAFERRAMENTA PREENCHIMENTO - Paleta de CoresPermite aplicar cores de preenchimento ede contorno, quando se clica com o botãoesquerdo ou direito do mouse. É possívelexibir a Paleta de Cores em qualquer lugarna janela do aplicativo CorelDraw, mas,por padrão, ela é exibida na lateral direitada tela. Prof. Rubens O botão esquerdo do mouse define a cor de preenchimento do objeto; já o botão direito, a cor do contorno. Para visualizar mais cores, basta clicar sobre o botão “Abrir Paleta de Cores”. O Corel atribui um contorno-padrão ao objeto, podendo ser alterado através da ferramenta Contorno. Ao manter o botão pressionado sobre essa ferramenta, abre- se um menu desdobrável que permite acesso rápido aos estilos de contornos mais utilizados.
  • 35. 23 COMPUTADOR E A MODAEXERCÍCIO DE PREENCHIMENTOA seguir faremos um desenho técnico de umcolete, onde aplicaremos diferentes recursos depreenchimentos:1. Criar um retângulo com 24,0 mm x 48,0 mm; Prof. Rubens2. Para gerar alterações no retângulo, será necessário utilizar a Ferramenta de Formar, para convertê-lo em curvas.Clique em Organizar no Menu Principal e selecione Converter em Curvas ou tecle “Ctrl + Q”. A seguirselecione a Ferramenta de Formar para alterar o retângulo; Lembre-se que podemos desenhar somente a metade do Colete e duplicar espelhando sua outra metade. Desta forma, manteremos a simetria dos lados.3. A partir desta ferrmenta, foi considerado um espaço para o ombro e em sua base superior, foi geradouma curva;
  • 36. 23 COMPUTADOR E A MODAEXERCÍCIO DE PREENCHIMENTO4. Aproximadamente em sua metade, iremosgerar uma âncora com a Ferramenta de Formar.E iremos transportar seu vértice inferior esquerdo,alinha verticalmente a esta âncora criada. Prof. Rubens Estamos desenhando sem aplicar medidas portanto, será necessário visualizar o modelo proposto para que não fique discrepante, em relação ao original. Perceba que com a Ferramenta de Formar, foi possível transformar o lado superior esquerdo em curva, criando assim, a abertura dos braços.
  • 37. 23 COMPUTADOR E A MODAEXERCÍCIO DE PREENCHIMENTO 5. Um novo ponto foi gerado na base inferior, a partir da Ferramenta de Formar, e em seguida foi transportado um pouco abaixo de seu alinhamento normal; Prof. Rubens Com as teclas “Ctrl+D”, será possível diplicar o desenho, ou indo ao Menu Principal e clicando em Duplicar. 6. Em seguida, duplicamos o desenho;
  • 38. 23 COMPUTADOR E A MODAEXERCÍCIO DE PREENCHIMENTO 7. Repare que a partir da Barra de Propriedades, e com um lado selecionado, será possível espelhar sua metade, restando apenas alinhá-lo; Prof. Rubens8. A partir de seu alinhamento,será fácil soldar as duasmetades, tornando suas partesem um objeto.No Menu Principal, em Organizare clicando em Formato,selecionaremos a subopçãosoldar
  • 39. 23 COMPUTADOR E A MODAEXERCÍCIO DE PREENCHIMENTOOs comandos apresentados até aqui, foram Retirando Contornos: utilizados em exercícios anteriores. Ao selecionar a Ferramenta de contorno Prof. RubensCom muita facilidade e rapidez, foi possível desenhar um Colete. Agora poderemos e seu menu desdobrável, além das opções de espessuras de linhas, você aplicar diferentes recursos de terá também objetos sem contornos, Preenchimentos, bem como detalhes. basta seleciná-los;
  • 40. 23 COMPUTADOR E A MODAAo manter o botão pressionado sobre aFerramenta de Preenchimento, abre-se um menudesdobrável, que fornecerá além dopreenchimento normal, diferentes ferramentas dede colorização:Uniformes, Gradientes, Texturas e Padrão. Prof. RubensEsta caixa de diálogo lhe proporcionará um visualizador com diferentes cores em seu espectro.
  • 41. 23 COMPUTADOR E A MODAPREENCHIMENTOO Guia Misturadores de Cores, exibi uma ampla opção de misturas Prof. RubensPaletas Fixas, são paletas de cores disponíveis através de um sistema de cores compostas Pantone,que é baseado no modelo CMYK.As primeiras 2000 cores são combinações de duas cores; as restantes são combinações de três equatro cores.Personalizar Paletas, esta opção permite escolher uma paleta de cores personalizada.
  • 42. 23 COMPUTADOR E A MODAPREENCHIMENTOO Guia Misturadores de Cores, exibi uma amplaopção de misturas Prof. RubensPaletas Fixas, são paletas de cores disponíveisatravés de um sistema de cores compostasPantone, que é baseado no modelo CMYK.As primeiras 2000 cores são combinações deduas cores; as restantes são combinações de trêse quatro cores.Personalizar Paletas, esta opção permite escolheruma paleta de cores personalizada.
  • 43. 23 COMPUTADOR E A MODABITMAPOs bitmaps são gráficos compostos por pixeles.Os pixeles são pontos que se apresentam na telado computador, e combinados formam umaimagem. Ao contrário dos gráficos vetoriais, dosquais os formatos são representados por linhascurvas e segmentos de retas, que podem serfacilmente manuseados sem perder suaqualidade. Já os bitmaps, tem melhor aparênciaquando é exibido ou impresso. Prof. Rubens
  • 44. 23 COMPUTADOR E A MODA A partir do menu Bitmap, você Prof. Rubens abrirá a opção Converter em Bitmap. Esta caixa de diálogo que se abre, lhe dará as opções para escolher o número de cores que deseja. Permite escolher a resolução em “dpi”, suavisar as bordas de um bitmap. Aprimorar a transmisão de cores e ainda, ao converter a imagem para bitmap, utilizar o perfil de separação ativo
  • 45. 23 COMPUTADOR E A MODAOPÇÕES EDITAR BITMAPOs bitmaps são gráficos compostos por pixeles.Os pixeles são pontos que se apresentam na telado computador, e combinados formam umaimagem. Ao contrário dos gráficos vetoriais, dosquais os formatos são representados por linhascurvas e segmentos de retas, que podem serfacilmente manuseados sem perder suaqualidade. Já os bitmaps, tem melhor aparênciaquando é exibido ou impresso. Prof. Rubens

×