APRESENTAÇÃO



   Conceito
   Posicionamento
   O Evento
   Parcerias e Comunicação
   Comissão Organizadora     2
Conceito – Génese

. Uma Marca portuguesa
         Criação e desenvolvimento de uma identidade forte, capaz de afirmar o p...
Conceito – Génese (cont.)

. Um evento Mítico
         Participar num evento cujo destino se pressupôe inatingível para mu...
Posicionamento

Impactar públicos e parceiros relevantes , mantendo a Marca em contacto permanente com os
mesmos, é a gara...
Posicionamento (cont.)

No processo de constituição do projecto, o pressuposto maior era o de garantir a
transparência e e...
O Evento

A “assinatura” deste projecto, A Corrida Solidária Mais Louca do Mundo, tem um carácter de
desafio e não propria...
O Evento (cont.)

O percurso terá em cada etapa, nas partidas
e chegadas, uma estrutura de apoio para
instalação de check ...
O Evento (cont.)

Os participantes iniciam esta aventura, no dia 26 de Dezembro de 2010 em Coruche de onde
partem rumo a T...
Parcerias e Comunicação

O Protocolo entre Fundação AMI e Global Share® Eventos,
foi assinado durante a Conferência de Imp...
11
Parcerias e Comunicação (cont.)

A apresentação nacional do evento marcou também o
lançamento do site oficial do projecto ...
Parcerias e Comunicação (cont.)

O projecto consagra na sua génese estruturante, um ponto de partida e uma primeira etapa ...
Parcerias e Comunicação (cont.)

Definida a primeira fase da estrutura de base, foi negociada uma não menos importante
par...
Parcerias e Comunicação (cont.)

Embaixadores Oficiais 2010
A ambição de associar figuras de vários quadrantes
da sociedad...
Comissão Organizadora
A orgânica operacional integra diversas áreas e diferentes níveis de participação dos elementos da C...
17
Goncalo Terenas | Portugal Dakar Challenge | C.SPORTUP.2010
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Goncalo Terenas | Portugal Dakar Challenge | C.SPORTUP.2010

491

Published on

Published in: Business, Travel
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
491
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Goncalo Terenas | Portugal Dakar Challenge | C.SPORTUP.2010

  1. 1. APRESENTAÇÃO Conceito Posicionamento O Evento Parcerias e Comunicação Comissão Organizadora 2
  2. 2. Conceito – Génese . Uma Marca portuguesa Criação e desenvolvimento de uma identidade forte, capaz de afirmar o potencial criativo português ; . Um projecto Global Iniciativa transversal na componente etária, cultural e social, um projecto de e para todos os entusiastas ; Dimensão nacional e internacional, vocacionado para despertar curiosidades e atenções diversas ; . Uma Missão Solidária O fundamento primário do evento, agregar valor através da solidariedade e entreajuda sem fronteiras; Cumprir um objectivo social, motivando todos os participantes e entidades envolvidas no projecto; . Um conceito Inovador Pela diferenciação e criatividade gera-se interesse e produz-se valor ( marca e conceito ) ; Activação de marcas patrocinadoras através da participação dinâmica no projecto ; 3
  3. 3. Conceito – Génese (cont.) . Um evento Mítico Participar num evento cujo destino se pressupôe inatingível para muitas pessoas ; Fazer parte de uma aventura única em condições muito especiais ; . Um Desafio humano Um evento para quem procura uma experiência diferente de tudo, uma “viagem” que desperta os sentidos; Um hino às capacidades humanas onde camaradagem, entreajuda e espírito de equipa são postos à prova ; Um manifesto ao potencial solidário de cada um, a entrega pessoal a uma missão humanitária global; . Um Teste de resistência aos veículos A aficion pela máquina motorizada levada aos limites num circuito arrojado; Um teste às reais capacidade dos veículos em prova ; 4
  4. 4. Posicionamento Impactar públicos e parceiros relevantes , mantendo a Marca em contacto permanente com os mesmos, é a garantia de resultados capazes de exceder expectativas. Actualmente a interacção entre consumidor e marca já não acontece de modo tradicional. O consumidor de hoje tem uma expectativa de total disponibilidade da marca que “elegeu”, permitindo uma comunicação emocional através de experiências sensoriais. As motivações para a criação do evento, foram entre outras, motivações de âmbito solidário, acreditando que é possível concretizar uma acção de dimensão nacional e internacional através de uma experiência única e memorável, na qual se explora a natureza e a condição humana na sua inter-relação com o meio que a rodeia. 5
  5. 5. Posicionamento (cont.) No processo de constituição do projecto, o pressuposto maior era o de garantir a transparência e eficácia da missão, nesta medida só uma parceria forte com uma entidade reconhecida e respeitada poderia servir os propósitos do evento, assim nasceu a relação com a Fundação AMI. Gerar emoções e potenciar a interacção entre a marca / missão e o seu universo de seguidores constitui o segundo grande objectivo do evento a desenvolver. O mundo contemporâneo e a velocidade a que as sociedades evoluem, obriga a que os projectos se posicionem de forma competitiva, ambiciosa e criativa, envolvendo a componente sensorial como modo de captar, com maior eficácia, a atenção do consumidor ou seguidor de convicções e ideais. Para sermos eficazes é preciso sermos audazes e agregadores de valor, é assim que o PDC aborda o mercado. 6
  6. 6. O Evento A “assinatura” deste projecto, A Corrida Solidária Mais Louca do Mundo, tem um carácter de desafio e não propriamente de corrida, o evento não tem associada qualquer competição ou componente desportiva ( excepto uma simbólica etapa final em pleno Lago Rosa ), contudo o conceito que se procura transmitir é o de um raid / viagem aventura diferente, cujo objectivo principal é chegar ao destino com a missão cumprida. Trata-se de um projecto único a nível nacional, que irá ligar Portugal ao mítico Lago Rosa em Dakar, no Senegal, por percursos de rara beleza, onde dunas e “estradões” são o cenário de eleição. A estrutura do evento assenta numa base de um máximo de 65 equipas, distribuídas por 50 veículos Automóvel, 10 Motos e 5 Camiões, constituídas por viatura e ocupantes, que partem do Município de Coruche seguindo o Road Book Oficial, criado especificamente para o Portugal - Dakar Challenge 2010. O evento é dividido por 15 etapas onde se pode desfrutar, não apenas dos trajectos de significativo valor paisagístico, mas igualmente das culturas e costumes locais, privilegiando- se a componente turística e histórica que toda a jornada encerra em si mesmo. 7
  7. 7. O Evento (cont.) O percurso terá em cada etapa, nas partidas e chegadas, uma estrutura de apoio para instalação de check point. Serão, ainda, activadas acções de comunicação e divulgação de marcas e patrocinadores envolvidos. As pistas não apresentam um nível de exigência elevada, porém, existem caminhos onde a adrenalina sobe a níveis “divertidos”. As míticas dunas do deserto do Sahara prometem momentos de grande entusiasmo e camaradagem de todos os participantes. Radical, quanto baste, este será um raid para amadores e veteranos. 8
  8. 8. O Evento (cont.) Os participantes iniciam esta aventura, no dia 26 de Dezembro de 2010 em Coruche de onde partem rumo a Tavira, no Algarve, onde tem lugar o primeiro reagrupamento da comitiva. No dia 27 de manhã as equipas partem bem cedo em direcção ao continente Africano. A Comissão Organizadora definiu dois formatos de participação no evento, os quais se distinguem em duas categorias : 1 - Touareg – equipas que no final entregam as suas viaturas para serem leiloadas, contando com o apoio de entidades locais. Os Touaregues regressam a Portugal de avião . 2 - Berbere – equipas cujo o contributo solidário é integrado no valor da inscrição, e que regressam a Portugal nas suas viaturas ( viagem acompanhada pela organização até à fronteira Portuguesa no Algarve ). Em qualquer das opções, todos os critérios regulamentares serão assegurados até ao retorno a Portugal, pessoas e bens poderão acompanhar o percurso da organização até Lisboa. 9
  9. 9. Parcerias e Comunicação O Protocolo entre Fundação AMI e Global Share® Eventos, foi assinado durante a Conferência de Imprensa de apresentação nacional do projecto Portugal Dakar Challenge 2010 – A Corrida Solidária Mais Louca do Mundo. Apadrinhado pelos embaixadores Francisco Mendes e David Megre, este primeiro passo foi dado na presença de representantes dos municípios de Coruche e Tavira e ainda do Turismo do Algarve, durante a realização do Salão Motor Clássico na FIL em Lisboa. As sinergias representam hoje, para qualquer projecto, uma importante ferramenta agregadora de valor, nesta medida parceiros fortes traduzem um evento forte. 10
  10. 10. 11
  11. 11. Parcerias e Comunicação (cont.) A apresentação nacional do evento marcou também o lançamento do site oficial do projecto e da presença nas redes sociais. O site www.portugaldakar.com e a página oficial www.facebook.com/portugaldakar constituem uma plataforma de eleição para a divulgação do conceito e actualização informativa. Através destas importantes ferramentas de marketing e promoção, o projecto interage com parceiros e público geral, a ligação às redes sociais potencia uma forte relação com todos os interessados neste evento. O E-Mail Marketing assume igualmente um papel relevante na divulgação da iniciativa. Através de campanhas concretas transmite-se informação e comunicam-se conteúdos. 12
  12. 12. Parcerias e Comunicação (cont.) O projecto consagra na sua génese estruturante, um ponto de partida e uma primeira etapa em território nacional, pelo que as primeira parcerias ( concessões ) a firmar, foram os dois municípios afectos a este pressuposto. A Câmara Municipal de Coruche assumiu a concessão de partida e início da prova, tendo a Câmara Municipal de Tavira assegurado a 1ª Etapa, onde as equipas irão passar a primeira noite e de onde farão o arranque em direcção ao continente Africano. Para além dos municípios, primeiras parcerias oficiais, a Região de Turismo do Algarve constituiu-se como uma das entidades apoiantes da iniciativa, parceiro oficial de grande relevância para a promoção do destino Portugal, com especial atenção para a região do Algarve. Esta parceria permite uma divulgação expressiva do evento e, consequentemente, uma plataforma de projecção dos parceiros envolvidos no conceito. 13
  13. 13. Parcerias e Comunicação (cont.) Definida a primeira fase da estrutura de base, foi negociada uma não menos importante parceria, os Media Partners, orgãos de comunicação que irão noticiar e comunicar os conteúdos programáticos do projecto, bem como, os momentos mais relevantes do evento. Para a primeira edição foram estabelecidos acordos com dois prestigiados grupos que associaram os seus principais meios e suportes ao conceito e que constituem a sua matriz de divulgação, respectivamente o grupo Controlinveste e o grupo Motor Press. Títulos como o DN, JN, O Jogo, Auto Hoje ou Auto Hoje TT atribuem a credibilidade que se espera para a qualificação do evento e seus parceiros. A criação da figura de “Embaixador Oficial” tem como principal objectivo potenciar a visibilidade do conceito, projectando a sua imagem em diferentes universos e públicos, factor de diferenciação e valorização dos seus conteúdos. 14
  14. 14. Parcerias e Comunicação (cont.) Embaixadores Oficiais 2010 A ambição de associar figuras de vários quadrantes da sociedade, implicou a estruturação do conceito de modo a atrair a atenção de pessoas que, pelas suas características ou perfil, permitam uma maior e mais eficaz promoção do mesmo. Como primeiros Embaixadores Oficiais a Organização lançou o desafio ao apresentador de televisão Francisco Mendes, ao piloto David Megre e ao piloto Miguel Barbosa que passarão a envergar as cores do Portugal Dakar Challenge como embaixadores, integrando o plano de comunicação através de diversas acções de promoção do evento. 15
  15. 15. Comissão Organizadora A orgânica operacional integra diversas áreas e diferentes níveis de participação dos elementos da Comissão Organizadora, assim, e para mais fácil compreensão do formato técnico do evento ,foi criada a seguinte estrutura : Departamento Administrativo Departamento Técnico de Prova Departamento de Logística Operacional Departamento de Patrocínios e Relações Públicas Departamento de Apoio ao Participante Departamento de Protocolo e Relações Institucionais A relação com os diferentes agentes envolvidos no processo, desde participantes, parceiros ou patrocinadores será assegurada pelos membros da Comissão Organizadora, que acompanha e monitoriza toda a operação. 16
  16. 16. 17

×