Your SlideShare is downloading. ×
Crianças hoje quero contar a vocês sobre uma linda moça que se tornou rainha parasalvar seu povo. Ela é Ester: uma jovem b...
Chegou o dia de Ester apresentar-se ao rei. Ao vê-la o rei não teve dúvidas: escolheuEster no primeiro momento – ele encan...
Moral da História: Assim aconteceu com Ester, ela foi escolhida por Deus para libertarseu povo e assim cumprir sua missão....
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Ester; uma rainha diferente

6,645

Published on

Published in: Education
1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
  • Muito ruim não consigo salvar e nem baixar um texto
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
No Downloads
Views
Total Views
6,645
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
19
Actions
Shares
0
Downloads
46
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Ester; uma rainha diferente"

  1. 1. Crianças hoje quero contar a vocês sobre uma linda moça que se tornou rainha parasalvar seu povo. Ela é Ester: uma jovem bonita, judia, que ficou órfã de pai e mãe e quefoi criada pelo seu primo Mardoqueu. Muitos judeus moravam em Susa, a capital doreino de Assuero. E lá, não havia, em todo império persa, mulher mais bonita do queela. Nesta época reinava o rei Assuero, ele acabara de assumir o trono e por isso resolveudar uma grande festa. Convidou muitos homens importantes do reino e ficou sete diasfestejando. Ele já havia escolhido quem seria sua rainha: Vasti. Ela também festejou com asmulheres em outro ambiente do reino e foi aí que no sétimo dia o rei Assuero mandouum de seus eunucos chamar Vasti para mostrá-la aos convidados e ela deveria vir comsua coroa, bem bonita. Vasti estava muito ocupada com seu banquete e mandou dizer que não iria e recusou oseu convite. O rei ficou muito bravo com Vasti e chamou os sábios do reino para dar-lhe umconselho sobre o que deveria fazer, pois o exemplo da rainha Vasti, motivaria asmulheres a desrespeitarem seus maridos. Os sábios aconselharam o rei a tirar Vasti do reinado e que também ele publicasse umdecreto dizendo que a rainha Vasti, por desobediência ao rei, fora tirada do trono, e quetodas as mulheres deveriam respeitar seus maridos. Esse parecer agradou o rei queimediatamente lavrou este decreto. Pouco tempo depois, os sábios e os servos do rei começaram a procurar uma novapretendente ao trono. Eles soltaram um decreto onde todas as belas jovens deveriam serlevadas ao castelo onde elas ficariam por um tempo cuidando da beleza, até o dia emque seriam apresentadas ao Rei Assuero e ele deveria escolher dentre todas uma que setornaria a rainha. Naquele tempo as moças que eram escolhidas pelos servos do rei para se embelezarematé o dia de serem apresentadas, elas tinham que ficar 12 meses se tratando: 6 meses seungindo com óleos de mirra e os outros 6 meses com cosméticos e aromas próprios paramulheres... Imaginem como a pele delas ficavam macia!! E como seus cabelos ficamainda mais bonitos! Quando soube do decreto o tio de Ester logo a arrumou para levar ao eunuco – masEster não poderia dizer que era judia, pois se soubessem eles não a aceitariam. Assim,Ester foi entregue a Egeu, um servo do palácio que era responsável pelas jovens quedisputariam a coroa; desde o primeiro momento ele gostou muito de Ester e sempre acuidou com mais afeto, deu a ela o melhor quarto e também belos enfeites para destacarsua beleza. Seu tio Mardoqueu permaneceu na porta do palácio todo tempo que Esteresteve nos aposentos a espera de que ela seria a escolhida e que um dia cumprisse suamissão. Após o período de tratamento de beleza todas as jovens teriam o seu dia paraapresentar-se ao rei, aquela que o agradasse, seria a escolhida.
  2. 2. Chegou o dia de Ester apresentar-se ao rei. Ao vê-la o rei não teve dúvidas: escolheuEster no primeiro momento – ele encantou-se com tanta beleza! Assim Ester recebeu dasmãos do rei a coroa real e se tornou uma rainha muito amada pelo rei. Acontece que havia no palácio, um homem chamado Amã, que o rei tinha muitorespeito, ele era como que um chefe da guarda e Assuero confiava muito nele. Certo dia,Amã irado com Mardoqueu, (quando Amã passava Mardoqueu não fazia reverência eisso o deixava muito irado) e assim mandou que fossem eliminados todos os judeus doreino de Assuero. Amã disse ao rei haver uma raça que não obedecia às suas ordens.Assuero entregou todos os judeus nas mãos de Amã, que não hesitou em mandarexterminá-los. Quando Mardoqueu soube o que tinha se passado, rasgou suas vestes, cobriu-se decinzas, e percorreu a cidade dando gritos de dor. Então, as criadas de Ester vieramcontar-lhe o que estava acontecendo, o que lhe causou grande temor; enviou-lhe roupaspara vestí-lo, mas ele não aceitou. Ester mandou perguntar o que estava acontecendo, esoube do plano de Amã. Ester pediu a Mardoqueu que reunisse o povo para jejuar três dias e três noites, pois elairia falar com o rei. Assim fizeram. Ester foi à presença do rei que a recebeu com carinho, ela convidou o reie Amã para um banquete em seu palácio. Assim chegando ao banquete, o rei disse aEster: “-Qual é o teu pedido?”; e prometeu que mesmo se fosse a metade de seu reinoele a daria. Ester convidou-os para voltarem no dia seguinte, quando então elaresponderia a pergunta do rei. Mardoqueu havia defendido o rei de uma cilada, preparada por dois de seus eunucos.Como ele ficava próximo aos portões soube da cilada e avisou aos soldados e elesconseguiram atrapalhar os planos dos bandidos e o rei ficou livre. Após o banquete oferecido por Ester, durante a noite, o rei perdeu o sono e pediu paraque lhe lessem o livro dos Anais, as Crônicas. Achava-se ali o relatório de Mardoqueu noqual era narrada a denúncia sobre a cilada contra o rei, ele se lembrou de Amã, mandouchamá-lo, e perguntou-lhe: “Que se deveria fazer para um homem a quem o rei querhonrar?” Amã pensando tratar-se de si mesmo tal homem, respondeu: “Convém que lhetragam as vestes com que se adorna o rei, o cavalo que o rei monta e sobre sua cabeça secoloque a coroa real”. E ainda, passeará a cavalo pela praça da cidade dizendo em altasvozes diante dele: “É assim que é tratado o homem a quem o rei quer honrar”. Mandouentão o rei, que com toda a pressa, o próprio Amã assim fizesse a Mardoqueu, e que nãose omitisse nada de tudo o quanto havia dito. Assim foi feito, Mardoqueu foi levado por Amã à praça da cidade, montado no cavalo dorei e com sua coroa. No dia seguinte, o rei e Amã foram ao banquete no palácio de Ester. Quando chegaram,o rei repetiu sua pergunta a Ester: “Qual o teu pedido rainha Ester?” Ester então disse aorei: “Salva meu povo, eis o meu desejo”. Ester disse tudo o que estava acontecendo aopovo judeu e o rei quis saber quem havia elaborado tal maquinação. Assim Esterrespondeu: “O opressor, o inimigo, é Amã”. Então o rei mandou que enforcassem Amã, na mesma forca que ele havia preparadopara Mardoqueu.
  3. 3. Moral da História: Assim aconteceu com Ester, ela foi escolhida por Deus para libertarseu povo e assim cumprir sua missão. Hoje você é o escolhido de Deus para libertar suafamília, ajudar seus amigos, não desista, pois Deus não abandona aqueles que confiamN’Ele. E você, quer confiar em Deus e entregar sua vida a Ele? Então feche seus olhos erepita comigo: “Jesus eu quero ficar bem pertinho de você e entender qual é a minhamissão.” Amém.

×