Novo Jornal - Governo da Huíla faz demolições em larga escala

1,102 views

Published on

Página do Novo Jornal duma notícia: "Governo da Huíla faz demolições em larga escala"

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,102
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
6
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Novo Jornal - Governo da Huíla faz demolições em larga escala

  1. 1. 12 Março 2010 13 Três novas subestações de energia eléctricas serão construídas ainda este ano no Município de Viana, no âmbito da quarta fase do projecto Angola-China Críticas no município de Lubango Governo da Huíla faz demoliçoes em larga escala O GOVERNO DA PROVÍNCIA da Huíla ração de Combate e Demolições de Ca- apurou que o plano abrange cerca de go, Ferrovia e Mukanka e que tenham provincial, Isaac dos Anjos, a dirigir começou a pôr em marcha, sábado sebres e Construções Anárquicas no três mil famílias que residem nos bair- construído próximo de objectivos eco- pessoalmente as acções, priorizaram, último, o denominado plano de Ope- município do Lubango. O Novo Jornal ros a Luta Continua, Joaquim Kapan- nómicos do Estado ou em zonas consi- numa primeira fase, as casas de cida- deradas de risco. dãos que construíram até 25 metros de Pelo que tudo aponta, o martelo do cada lado ao longo da linha férrea do governo não ficará pelos bairros su- caminho de ferro de Moçâmedes. pracitados. Num outro despacho as- A linha de prioridade está enquadrada Medida contestada pela sociedade sinado pelo governador, Isaac dos Anjos, datado de 9 de Fevereiro pas- sado, apoiando-se na lei-quadro das no processo de reabilitação e moderni- zação do caminho-de-ferro em curso ao longo da linha onde estão previstas transgressões administrativas 10/87, a construção de um conjunto de esta- de 26 de Setembro, orientava para que ções ferroviárias que, segundo as au- num prazo de 15 dias, os cidadãos que toridades, a sua implementação estava tenham erguido suas habitações, refe- dependente da desobstrução da via. ria o documento, ocupando “áreas ina- Tractores, camiões acompanhados de propriadas para o efeito como sendo, efectivos da Polícia Nacional forte- ao longo das linhas de escoamento de mente armados para impedir qualquer águas pluviais, dentro dos limites re- insubordinação dos populares alvos, servados às linhas férreas, em cima de era o cenário que se assistia enquanto limites projectados para ruas, jardins, decorriam as demolições. A imprensa, passeios e parques, canalizações pú- sobretudo a pública, teve orientações blicas entre outros” deviam desocupar expressas para não fazer qualquer tipo esses espaços. de cobertura do sucedido, apesar do As operações de demolição iniciadas assunto ser tema de debate nas redac- sábado passado, com o governador ções. EXECUTIVO DE RELAÇÕES PÚBLICAS O REFERIDO PLANO está a ser alvo das pessoas”. Marcolino Tavares, do Consórcio E RESPONSABILIDADE SOCIAL de severas críticas nos mais varia- Isaac dos Anjos esclareceu na oca- Terras da Huíla, CTH, disse que o Prestigiada empresa multinacional do sector dos Media e Telecomuni- dos níveis da província. Nos táxis, sião que o desalojamento seria sentimento neste momento é de cações, pretende recrutar profissionais experientes para a função de nos mercados e outros locais públi- feito em nome do desenvolvimen- “repúdio”, pelo que está a acon- Executivo de Relações Públicas e Responsabilidade Social. cos o assunto é único: “os desalo- to e que fazia-o em consciência. O tecer, não pelo desalojamento em A função, com reporte directo ao Director de Marketing e Relações Públi- jamentos”. representante do Governo na pro- si, mas pela forma como o proces- cas, compreende os seguintes objectivos: • Criação original de anúncios e material de imprensa A anunciada medida de tirar pes- víncia disse mais. “Esta é a medida so está a ser executado. Para ele, • Distribuição do material de imprensa soas de suas casas para tendas ou mais impopular que tomo enquan- foram ouvidas tantas promessas, • Idealizar e executar acções promocionais acomodá-las em pavilhões des- to governador da Huíla. As medidas mas na prática as pessoas estão • Desenvolver e manter relações com os media • Envolvimento nas acções de responsabilidade social e relações portivos e escolas, como áreas impopulares devem ser tomadas no a ser expostas em condições des- públicas alternativas, está a deixar estarre- início do mandato para que no final, prezíveis, longe das condições REQUISITOS ESSENCIAIS cida a população local, defenden- a gente apresente à sociedade as apregoadas inicialmente pelas • Nacionalidade: Angolana do alguns que o governo quando medidas mais populares”, rematou. autoridades. Para ontem, quinta- • Licenciatura quer pode construir. Apontam a Tão logo começou a operação, o feira, estava prevista uma reunião • Facilidade na expressão oral e escrita • Gosto pelas actividades que envolvem uma exposição publica realização do CAN, recentemente bairro veio a revelar-se como es- das organizações que constituem o e relacionamento interpessoal terminado, como exemplo. Numa tando longe das condições, antes consórcio, onde no final seria pro- • Experiência na área de publicidade, relações publicas e responsabili- recente entrevista à emissora local aventadas pelo chefe do executivo duzido um posicionamento oficial dade social • Fluente em Ingles, falado e escrito da RNA, onde se tinha deslocado da Huíla. Os populares que para lá sobre o assunto. • Conhecimentos de informática na optica do utilizador (Microsoft Of- para prestar esclarecimentos sobre foram enviados, e que até quarta- “É verdade que muitas das nossas fice) o assunto, num interactivo com os feira rondavam os mais de cinco casas foram construídas em con- • Pessoa de grande autonomia e com propensão para desafios • Disponibilidade para deslocações ouvintes, Isaac dos Anjos dissera mil, reclamavam desta situação dições anárquicas, mas também que o governo “tinha condições e exigiam que o governo tratasse é verdade que muitas delas foram OFERECEMOS • Pacote salarial competitivo de recepção de pessoas que vão melhor as pessoas”. O governo ti- construídas num contexto de guer- • Integração numa equipa fortemente motivada, com excelente ser desalojadas das áreas inapro- nha que velar por estas condições, ra”, disse um cidadão ouvido pelo ambiente de trabalho priadas na Tchavola”, onde, se- porque “isso é desumano”, desa- NJ, que apelou para que as pessoas • Um projecto aliciante e desafiador na gestão de uma marca de grande prestigio gundo afirmou, “estavam criadas bafou Jacinto Elias, “alojado” na fossem tratadas com dignidade e condições médicas e sanitárias de Tchavola, para quem a operação foi não como se fosse animais. Os candidatos interessados deverão encaminhar os CV para o seguinte endereço e-mail: hrcandidaturas@gmail.com até dia 19 de Março de acampamento e de acomodação mal feita. TEODORO ALBANO 2010 e especificar a vaga para a qual estão a concorrer.

×