Solo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Solo

on

  • 3,074 views

 

Statistics

Views

Total Views
3,074
Views on SlideShare
2,844
Embed Views
230

Actions

Likes
6
Downloads
146
Comments
0

2 Embeds 230

http://agvendapinheiro-m.ccems.pt 219
http://geo-logos.net 11

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Solo Presentation Transcript

  • 1. O SOLO
  • 2. ALTERAÇÃO DAS ROCHAS Existem formações rochosas que, com o decorrer dos tempos, vão adquirindo formas invulgares , mais pare – cendo estranhas esculturas .
  • 3. OS AGENTES EROSIVOS As rochas , embora sejam bastante resistentes, sofrem a acção de diversos factores do meio , o que lhes provo – ca muitas alterações.
  • 4. As alterações das rochas demoram muito anos a ocorrer, por isso é mui- to difícil apercebermo-nos delas. Ao conjunto de alterações e destruição das rochas damos o nome de erosão .
  • 5. Agentes erosivos
    • a água
    • o vento
    • a temperatura
    • os seres vivos
  • 6. A FORMAÇÃO DO SOLO
    • À medida que o tempo passa, vai sendo acrescentado ao solo
    • jovem restos de plantas e animais mortos . Estes restos, tam-
    • bém chamados matéria orgânica , vão-se misturando com o so-
    • lo jovem, que vai sofrendo diversas transformações até se tor-
    • nar num solo maduro .
  • 7. PERFIL DO SOLO Rocha MÃE Horizonte C Horizonte B Horizonte A Ho ri zon te O O solo maduro apresenta normalmente , diversas camadas a que chamamos Horizontes . A-- Tem cor escura devido à presença de Húmus . O-- Formado por restos de plantas e de animais . B-- Tem uma cor mais clara . Formado por fragmentos pequenos de rocha. C-- Formado por fragmentos de rocha não alterada .
  • 8. AR ÁGUA MATÉRIA MINERAL MATÉRIA ORGÂNICA 25% 25% 46% 4% CONSTITUIÇÃO DO SOLO
  • 9. OS SERES VIVOS DO SOLO
    • As minhocas , caracóis , toupeiras ,
    • formigas e outros seres macros –
    • cópicos abrem galerias que per –
    • mitem uma melhor penetração do
    • ar e da água.
    • Os seres vivos microscópicos de-
    • compõem os restos de animais e
    • plantas, originando o húmus , que
    • é a matéria orgânica muito trans-
    • formada.
    • Muito lentamente, as bactérias ao
    • alimentarem-se do húmus , trans –
    • formam-no em sais minerais que
    • são o alimento das plantas verdes.
  • 10. TIPOS DE SOLO Já sabes que num solo existe uma parte orgânica e uma parte mineral . Os principais constituintes da parte mineral são:
    • a areia
    • a argila
    • o calcário
    Solo arenoso Solo argiloso Solo calcário TIPOS DE SOLO
  • 11. PROPRIEDADES DOS SOLOS Os solos não são todos iguais. A diversidade dos solos depende dos materiais que os constituem, dando-lhes, assim, diferentes propriedades . Uma importante propriedade dos solos é a permeabilidade . Permeabilidade Maior ou menor capacidade que os solos têm de se deixarem atravessar pela água. Solo permeável Solo impermeável
  • 12. CLASSIFICAÇÃO DOS SOLOS Solo arenoso Formado por grande quantidade de areia , muito leve e permeável . Não servem para a agricultura. Formado por argila . Esta retém muita água, encharcando o solo e tornando-o impermeável . Muito difíceis de traba– lhar, abrindo fendas quando secam. Solo argiloso
  • 13. CLASSIFICAÇÃO DOS SOLOS Solo calcário Formado essencialmente por calcário , e muito pobres em matéria orgânica . Solo muito permeável e, por isso fá– ceis de trabalhar. Solo franco Formado por uma mistura de areia , argila e matéria orgânica . Retém bem a água, sem ficarem encharcados. É considerado um solo semipermeável e muito bom para a agricul – tura.
  • 14. COMO MELHORAR A PRODUTIVIDADE DO SOLO ?
    • Quando o solo é pobre em substâncias minerais
    • e orgânicas , deve-se fazer a adubação com pro-
    • dutos químicos ou com estrume.
    Adubos químicos Estrume
  • 15. COMO MELHORAR A PRODUTIVIDADE DO SOLO ?
    • Quando o solo é muito compacto , é necessário me-
    • lhorá-lo, através da cava , da sacha e da lavra .
    Lavra Lavra Sacha
  • 16. COMO MELHORAR A PRODUTIVIDADE DO SOLO ?
    • Quando o solo não tem a água necessária para o de-
    • senvolvimento das culturas ou , pelo contrário, a tem
    • em excesso, melhora-se a produtividade recorrendo,
    • respectivamente, à irrigação e à drenagem .
    Irrigação Drenagem
  • 17. DESTRUIÇÃO DO SOLO Os solos são indispensáveis à vida na Terra , mas correm inúmeros riscos . Além da erosão , provocada pelos agentes naturais , o solo é, tam- bém, constantemente agredido pela acção humana . Fendas provocadas pela erosão O fogo Lançamento de pesticidas
  • 18. DESTRUIÇÃO DO SOLO O abate de árvores conduz à desflores- tação e facilita a erosão do solo . Os lixos contribuem para a degradação dos solos .
  • 19. CONSERVAÇÃO DO SOLO Ao ter-se consciência dos perigos da destruição do solo , começam a tomar-se medidas para o conservar . EVITAR A POLUIÇÃO DO SOLO A– Impedir a formação de lixeiras Actualmente, já existem fábri- cas de tratamento de lixos que os transformam em fertilizan – tes.
  • 20. CONSERVAÇÃO DO SOLO B- Evitar o uso excessivo de pesticidas A agricultura biológica pre- tende manter a fertilidade dos solos , por meios natu – rais.
  • 21. CONSERVAÇÃO DO SOLO EVITAR A EROSÃO DO SOLO A- Cultivar em socalcos Os socalcos são degraus feitos nas encostas e evitam que o so- lo seja facilmente arrastado pe– las águas.
  • 22. CONSERVAÇÃO DO SOLO B- Plantar árvores As raízes das plantas fi- xam as partículas do solo, evitando que sejam arras- tadas. C- Adequar as culturas ao tipo de solo Cada tipo de planta tem exigências próprias, devendo, por isso,ser cul- tivada num terreno adequado .
  • 23. CONSERVAÇÃO DO SOLO A rotação de culturas consiste em alternar, no mesmo terreno , dife- rentes culturas numa sequência adequada. D- Adaptar as culturas ao tipo de solo
  • 24.