Your SlideShare is downloading. ×
0
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Svn - grupo de estudos sol7
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Svn - grupo de estudos sol7

608

Published on

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
608
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
4
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Grupo de Estudos SOL7 Junho de 2011
  • 2. Controle de Versão Augusto Fleck – Arquiteto de Software
  • 3. Tópicos de Estudo
    • Introdução
      • O que é controle de versão;
      • Onde se aplica;
      • Tipos;
    • SVN
    • Realidade SOL7
      • Objetivos;
      • O que já existe(Demonstração);
      • O que falta;
      • PDCA
  • 4. Introdução
    • O que é controle de versão ?
      • Um sistema de controle de versão, na função prática da Engenharia de Software, é um software com a finalidade de gerenciar diferentes versões no desenvolvimento de um documento qualquer.
      • Esses sistemas são comumente utilizados no desenvolvimento de software para controlar as diferentes versões , histórico e desenvolvimento, códigos-fontes e também da documentação de software.
  • 5. Introdução
    • Onde se aplica ?
      • Desenvolvimento de softwares;
      • Scripts de executação;
      • Documentação;
      • Arquivos em geral;
  • 6. Introdução
    • Tipos
      • CVS;
      • Mercurial;
      • Git;
      • SVN ;
      • ClearCase;
      • SourceSafe.
  • 7. SVN
    • O subversion é um sistema de controle de versões que utiliza o conceito de branches, tags e trunk.
    • Ele veio como evolução do CVS (Concurrent Version System) e consiste nas seguintes caracteristicas.
  • 8. SVN
    • Termos e conceitos.
      • Repositório
        • Local central aonde estão contidos todos os arquivos do projeto.
      • Working Copy
        • Cópia de trabalho local na qual o desenvolvedor atua.
      • Checkout
        • Ato de fazer download de um projeto para a working copy.
      • Import
        • Ato de envio dos arquivos de um novo projeto para o repositório.
      • Export
        • Ato de obtenção de um projeto do repositório sem vinculação ao SVN.
  • 9. SVN
    • Termos e conceitos.
      • Commit
        • Ato de envio das modificações realizadas localmente para o servidor SVN.
      • Update
        • Ato de obtenção das atualizações presentes do servidor SVN, atualizando a cópia local.
      • Revert
        • Ato de reverter as alterações de um documento no working copy.
      • Diff
        • Ato de comparar um arquivo da working copy com alguma versão do repositorio central.
  • 10. SVN
    • Diretórios especiais da arquitetura.
      • trunk: armazena a versão funcional mais recente de desenvolvimento.
      • branches : armazena versões de desenvolvimento paralelo oriundas do trunk, porém isoladas deste.
      • tags: armazena etiquetas para facilitar a localização de revisões.
    • Algumas caracteristicas avançadas.
      • Branch/Tag
      • Merge
      • Switch
      • Relocate
  • 11. SVN
    • Boas Práticas de utilização.
      • Toda revisão deve ser comentada para facilitar o entendimento das alterações realizadas;
      • O código no trunk deve sempre estar pronto para ser compilado e colocado em produção se necessário.(Ferramenta de Integração Contínua);
      • É dever de cada programador assegurar que seus commits não causem a quebra do build. Novamente uma ferramenta de Integração Contínua pode auxiliar nesta tarefa.
      • Todo e qualquer backup de versões deve ser mantido no repositório, preferencialmente como uma tag.
  • 12. Realidade SOL7
    • Objetivos
      • Controle;
      • Segurança;
      • Colaboratividade;
      • Automatização;
      • Qualidade ;
  • 13. Realidade SOL7
    • O que já existe ?
      • Servidor SVN implementado;
      • Projetos de desenvolvimento submetidos a controle de versão;
        • SOL7BI-2;
        • Mapas exclusive;
        • UmovBi(parcialmente);
      • Integração com redmine ;
  • 14. Realidade SOL7
    • O que falta ?
      • Definir politica de versionamento;
        • O que será versionado;
        • Como será organizado;
        • Definição de permissões(Quem acessa o que)
      • Organizar um treinamento de utilização;
      • Migrar projetos;
  • 15. Realidade SOL7
    • PDCA
      • Ciclo 1
        • Definir as politicas de versionamento.
        • Cronograma de migração.
      • Cliclo 2
        • Treinamento.
        • Utilização em produção(Graduativa).
      • Ciclo 3
        • Tarefas/Commit.
        • Integração continua.
  • 16. Demonstração
    • Demonstração básica de funcionamento.
    • Integração com RedMine.
  • 17. Referências
    • http://blog.walkeralencar.com/archives/16
    • http://subversion.tigris.org/
    • http://intentor.com.br/articles/svn-conceitos-boas-praticas-dicas-de-utilizacao/
  • 18.
    • Obrigado !
    • Augusto Fleck
    • Arquiteto de Softwares
    • Email: augusto@sol7.com.br

×