• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
WANs e Roteadores Cap. 3 Configurando um Roteador - CCNA 3.1 Wellington Pinto de Oliveira
 

WANs e Roteadores Cap. 3 Configurando um Roteador - CCNA 3.1 Wellington Pinto de Oliveira

on

  • 1,731 views

WANs e Roteadores Cap. 3 Configurando um Roteador - CCNA 3.1 Wellington Pinto de Oliveira

WANs e Roteadores Cap. 3 Configurando um Roteador - CCNA 3.1 Wellington Pinto de Oliveira

Statistics

Views

Total Views
1,731
Views on SlideShare
1,731
Embed Views
0

Actions

Likes
2
Downloads
85
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    WANs e Roteadores Cap. 3 Configurando um Roteador - CCNA 3.1 Wellington Pinto de Oliveira WANs e Roteadores Cap. 3 Configurando um Roteador - CCNA 3.1 Wellington Pinto de Oliveira Presentation Transcript

    • Redes de Computadores CCNA 3.1 CISCO WANs e RoteadoresCapítulo 3 Configurando um Roteador
    • Modos de comando da CLI• Todas as alterações de configuração de um roteador Cisco através da interface da linha de comando (CLI) são feitas a partir do modo de configuração global
    • Titulo• xx
    • Configuração Global• Para acessar a configuração global: Router# configure terminal Router(config)# Para voltar use exit
    • Modos de Configuração• Estes são apenas alguns dos modos em que se pode entrar a partir do modo de configuração global: • Modo de interface; • Modo de linha; • Modo de roteador; • Modo de subinterface; • Modo de controlador.
    • Configurando o nome de um roteador• Essa tarefa é realizada no modo de configuração global usando os seguintes comandos: Router(config)# hostname Tokyo Tokyo(config)#
    • Configurando senhas de roteador• Os comandos a seguir são usados para definir uma senha opcional, mas recomendável, na linha do console:Router(config)# line console 0Router(config-line)# password <senha>Router(config-line)#login
    • Terminal Virtual (VTY)• São usados os seguintes comandos para definir a senha nas linhas VTY:Router(config)#line vty 0 4Router(config-line)#password <senha>Router(config-line)#login
    • Senha do privilegiado• Estes são os comandos usados para definir as senhas de ativação:Router(config)#enable password <senha>Router(config)#enable secret <senha>
    • Esquema de Configuração
    • Examinando os comandos show• Há muitos comandos show que podem ser usados para examinar o conteúdo de arquivos do roteador e para a solução de problemas.
    • Show Interfaces• show interfaces: Exibe todas as estatísticas para todas as interfaces do roteador.• Para ver as estatísticas de uma interface específica, insira o comando show interfaces seguido da interface específica e do número da porta.• Por exemplo:Router#show interfaces serial 0/1
    • Show controllers serial• show controllers serial: Exibe informações específicas da interface de hardware.• Este comando deve incluir também o número de porta ou slot/porta da interface serial.• Por exemplo:Router#show controllers serial 0/1
    • show• show clock: Mostra o horário definido no roteador• show hosts: Mostra uma lista em cache dos nomes e endereços dos hosts• show users: Exibe todos os usuários que estão conectados ao roteador• show history: Exibe um histórico dos comandos que foram inseridos• show flash: Exibe informações sobre a memória flash e quais arquivos do IOS estão armazenados nela
    • show• show version: Exibe informações sobre a versão do software carregado no momento, além de informações de hardware e dispositivo• show ARP: Exibe a tabela ARP do roteador• show protocol: Exibe o status global e o status específico da interface de quaisquer protocolos de camada 3 configurados• show startup-config: Exibe o conteúdo da NVRAM, se presente e válido, ou exibe o arquivo de configuração apontado pela variável de ambiente CONFIG_FILE
    • show• show running-config: Exibe o conteúdo do arquivo de configuração em execução ou o arquivo de configuração para uma interface específica, ou informação de mapa de classe
    • Configurando uma interface serial• Para configurar uma interface serial, siga estas etapas:1. Entre no modo de configuração global;2. Entre no modo de interface;3. Especifique o endereço da interface e a máscara de sub- rede;4. Se houver um cabo DCE conectado, defina a taxa do clock; pule esta etapa se houver um cabo DTE conectado;5. Ligue a interface.
    • Configurando IPs• Configure o endereço IP usando os seguintes comandos:Router(config)# interface serial 0/0Router(config-if)# ip address <endereço IP> <máscara de rede>
    • Configuração de Clock• Os comandos para definir uma taxa de clock e ativar uma interface serial são os seguintes:Router(config)#interface serial 0/0Router(config-if)#clock rate 56000Router(config-if)#no shutdown
    • Alterando configurações• Para fazer alteração no arquivo de configuração, primeiro editamos as informações em tempo de execução, validamos as informações e logo em seguida persistimos no arquivo.
    • Titulo
    • Configurando uma interface Ethernet• Uma interface Ethernet pode ser configurada a partir do console ou de uma linha de terminal virtual.• Cada interface Ethernet precisa ter um endereço IP e uma máscara de sub-rede se for esperado que a interface roteie pacotes IP.
    • Configurando uma interface Ethernet
    • Importância dos padrões de configuração• Um padrão é um conjunto de regras ou procedimentos que são amplamente utilizados ou são especificados oficialmente.• Sem padrões em uma organização, uma rede pode ficar caótica caso ocorra uma interrupção do serviço.
    • Descrições de interface• Uma descrição de uma interface pode ajudar um usuário da rede a lembrar-se de informações específicas sobre a interface, tais como qual rede a interface atende.• O objetivo da descrição é ser simplesmente um comentário sobre a interface.
    • Descrições de interface
    • Configurando a descrição da interface• Entre no modo de configuração de interface.• Use o comando description seguido da informação.
    • Banners de login• Um banner de login é uma mensagem que é exibida no login e que é útil para transmitir mensagens que afetam todos os usuário da rede, tais como avisos de paradas iminentes do sistema.
    • Configurando a mensagem do dia
    • Resolução de nomes de hosts• A fim de usar os nomes de hosts para se comunicar com outros dispositivos IP, os dispositivos de rede, tais como os roteadores, devem ser capazes de associar os nomes dos hosts a endereços IP.
    • Configurando tabela de hosts
    • Backup e documentação da configuração• O gerenciamento da configuração dos dispositivos inclui as seguintes tarefas: • Listar e comparar arquivos de configuração em dispositivos em funcionamento; • Armazenar arquivos de configuração em servidores de rede; • Realizar instalações e atualizações de software.
    • Backup e documentação da configuração
    • Fazendo backups de arquivo de configuração
    • Restaurando uma Configuração
    • Referência• Cisco Systems, Programa Cisco Networking Academy (CCNA 3.1) - Módulo: WANs e Roteadores Capítulo 03.