Your SlideShare is downloading. ×

Relatório de-avaliacao-heurística-cecierj-bruno-marques

1,000

Published on

Published in: Technology, Travel
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,000
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
56
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Relatório de Avaliação Heurística(agosto/10)Site da Fundação Centro de Ciências e Educação Superior aDistância do Estado do Rio de Janeirohttp://www.cederj.edu.brModerador:Bruno MarquesAnalistas:Cid Boechat e Sheila Manhães
  • 2. 1 - Introdução1.1 - Resumo ExecutivoO objetivo deste relatório é apresentar o processo de avaliaçãoheurística aplicado ao site da Fundação CECIERJ / Consórcio CEDERJbaseado nos 8 critérios ergonômicos de Bastien e Scapin onde foianalisanda a página inicial do site.Para esta avaliação foram convidados 2 analistas, ambos designers,que apontaram problemas e, consequentemente, os critériosergonômicos violados.1.2 - Objeto da análiseO site da Fundação CECIERJ / Consórcio CEDERJ tem como objetivodisponibilizar informações relativas à vestibular social, graduação adistância, projetos acadêmicos, projetos de extensão paracapacitação de professores, entre outros, tendo como os pilaresnorteadores: ● a interiorização do ensino superior público, gratuito e de qualidade no Estado do Rio de Janeiro facilitando o acesso ao ensino superior daqueles que não podem estudar no horário tradicional; ● atuar na formação continuada, a distância, de profissionais do Estado, com atenção especial para o processo de atualização de professores da rede estadual de Ensino Médio;Em resumo, se trata de um site direcionado para área de educaçãotendo como usuários de diversas classes etárias e sociais.1.3 - Objetivos dos usuáriosA grande maioria dos usuários do site acessam conteúdos relativos àgraduação a distância através do campo “plataforma” e aos cursos deatualização e professores através do link “extensão”.
  • 3. 1.4 - Metodologia1.4.1 - Escolha dos analistasOs analistas escolhidos, ambos designers, foram 2 colegas de grupodo trabalho da disciplina Avaliação Heurística ministrada pelo Prof.Edson Rufno.Inicialmente, os analistas buscaram problemas na página inicial doreferido site relacionando o problema encontrado com os critériosergonômicos (Bastien e Scapin) violados criando assim as tabelas 1 e2 em anexo.1.4.2 - Critério ergonômicos utilizados e níveis de gravidadeCritérios ergonômicos1. orientação ● prompting ● grupamento/distinção de itens ○ por localização ○ por formato ● feedback imediato ● legibilidade2. carga de trabalho ● brevidade ● concisão ● ações mínimas3. controle explícito ● ações explícitas do usuário ● controle do usuário4. adaptabilidade ● flexibilidade ● experiência do usuário5. gerenciamento do erro ● proteção ao erro ● qualidade das mensagens de erro ● correção de erro6. consistência7. significados de códigos8. compatibilidade
  • 4. Posteriormente, as duas tabelas dos analistas foram compiladas pelomoderador tendo como objetivo criar uma nova tabela com osproblemas apresentados para que os analistas atribuíssem níveis degravidade aos problemas encontrados.Níveis de Descriçãogravidade 0 Não é encarado como um problema de usabilidade 1 Problema estético. Não necessita ser corrigido, a menos que haja tempo disponível 2 Problema menor de usabilidade. baixa prioridade para sua correção. 3 Problema maior de usabilidade. Alta prioridade para sua correção. 4 Catástrofe de usabilidade. É imperativo corrigir.2 - Principais problemas encontradosApós a avaliação do site pelos analistas, foram encontrados 14problemas de usabilidade que violaram os critérios ergonômicos (vertabela final).2.1 - Resumo dos problemasAbaixo encontram-se os problemas apontados pelos analistas emordem decrescente de gravidade.Em um apanhado geral, os problemas de maior gravidade estãorelacionados com: ● falta de visibilidade de links (orientação #1) ● Funcionalidades no site fora do padrão web (significado dos códigos #7) ● falta descrição textual de itens para facilitar acessibilidade (adaptabilidade #4)Este relatório foi direcionado para sugerir recomendações de correçãodos problemas com nível de gravidade classificados como 4 e 3 poisestes requerem uma maior urgência na sua correção visandomelhorar a usabilidade da página analisada.
  • 5. Tabela Final Princípio Nº da Nível de Problemas Violado heurística GravidadeOs links dos “Serviços mais acessados” e Orientação #1do “Leia mais” não estão visualmente Prompting ouclaros. A fonte não é sublinhada e/ou nem prestezamuda de comportamento em “mouse Falta de feedback 4over”. Não é possível identificarimediatamente que são links. Carga de trabalho #2As imagens da home não possuem o Adaptabilidadeatributo “ALT” #4 3O campo de busca não é notório, talvez Significado depela ausência da lupa provoque o códigosproblema, já que ela já pode ser #7 3considerada um elemento universal parasinalizar esse tipo de funcionalidadeDiversas telas não possuem uniformidade Consistênciano padrão visual, provocando sensação de #6 3ter migrado para outro site (ambiente)O Links de “leia mais” nas matérias Significados depossuem descrição textual em inglês códigos #7 3“Read this article”.Não há descrição textual alternativa nas Adaptabilidadeanimações em flash #4 3Os bullets da navegação poderiam ter Significado demelhor contraste para diferenciar aqueles códigos #7 2que possuem subitens.As matérias da home utilizam-se do Adaptabilidadeexpediente “leia mais”, o que não é bom #4 2em questões de acessibilidade.O link de “Leia mais” está um pouco Orientação –distante do texto das matérias, o que (grupamento /pode causar confusão sobre se tratarem distinção de itens #1 2do mesmo assunto. – por localização)Em “últimas notícias” há uma barra Orientação –dividindo as colunas de notinhas, o que (grupamento /pode dar a impressão de que se tratam de distinção de itens #1 2conteúdos separados. – por localização)O Botão de entrar na Plataforma é muito Orientaçãodiscreto, da mesma cor do fundo e com (legibilidade) #1apenas uma fina linha cinzenta de Carga de trabalho #2 2contorno.A interface não difere experiências dos Adaptabilidadeusuários, assim com não permite (Flexibilidade) #4 1customização dos objetosInformações um tanto próximas, não há Orientaçãorespiro ou divisão entre os objetos (Legibilidade) #1 1
  • 6. 2.2 - Problemas específicos Princípio Nº da Nível de Problemas Violado heurística GravidadeOs links dos “Serviços maisacessados” e do “Leia mais”não estão visualmente claros. A Orientaçãofonte não é sublinhada e/ou nemmuda de comportamento em Falta de #1 4 feedback“mouse over”. Não é possívelidentificar imediatamenteque são links.EvidênciaRecomendaçãoAplicar tonalidade diferenciada com recurso que informe ao usuárioque ao passar o mouse na área do link, o mesmo mude seucomportamento para facilitar o entendimento da funcionalidade parao usuário.
  • 7. Princípio Nº da Nível de Problemas Violado heurística GravidadeAs imagens da home nãopossuem o atributo “ALT” Adaptabilidade #4 3EvidênciaRecomendaçãoInserir a descrição textual no campo “ALT” do código para facilitar oentendimento do conteúdo.
  • 8. Princípio Nº da Nível de Problemas Violado heurística GravidadeO campo de busca não énotório, talvez pela ausência dalupa provoque o problema, já que Significadoela já pode ser considerada um de códigos #7 3elemento universal para sinalizaresse tipo de funcionalidadeEvidênciaRecomendaçãoInserção do ícone lupa ou da palavra “busca” no botão que existeatualmente como “enviar”. Posicionar o campo busca acima da áreade “Serviços mais acessados” para manter seguir o padrão web.
  • 9. Princípio Nº da Nível de Problemas Violado heurística GravidadeDiversas telas não possuemuniformidade no padrão visual,provocando sensação de ter migrado Consistência #6 3para outro site (ambiente)EvidênciaRecomendaçãoCriar uma uniformidade visual a ser aplicada nas páginas com oobjetivo de não aumentar a carga de trabalho do usuário paraaprender como funcionam as diversas interfaces e fortalecer aimagem da Fundação.
  • 10. Princípio Nº da Nível de Problemas Violado heurística GravidadeO Links de “leia mais” nas Significadosmatérias possuem descrição textual de códigos #7 3em inglês “View this article!”.EvidênciaRecomendaçãoMudar a descrição textual para o idioma português.
  • 11. Princípio Nº da Nível de Problemas Violado heurística GravidadeNão há descrição textualalternativa nas animações Adaptabilidade #4 3em flashEvidênciaRecomendaçãoInserir a descrição textual no campo “ALT” do código para facilitar oentendimento do conteúdo.

×