Formação Continuada em Arte e Mídia/Web Art

978 views
803 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
978
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
63
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Formação Continuada em Arte e Mídia/Web Art

  1. 1. Formação continuada de professores Capacitação em Artes VisuaisArte e Tecnologia: Considerações sobre o percurso histórico Prof. Ms. Luciana Estivalet 2012 1
  2. 2. Isso é tecnologia? Fernando Neto (1947)Estudante de arte 2
  3. 3. Incorporação de recursos tecnológicos na arte •Arte e Tecnologia: Fenômeno em curso. Fotografia: 1839 • Cinema: 1888 • Vídeo: 1956 • Computador: 1946 • Fax: 1948 • Internet: 1962 • Computador pessoal: 1978 • Redes de comunicação: 1989 3
  4. 4. Renascimento: (do século XIII e meados do século XVII) criação da perspectiva geométrica. Brunelleschi 4
  5. 5. Pontilhismo: (séc. XIX) quebra da perspectiva. George Seurat 5
  6. 6. Van Gogh (1853 - 1890): expressividade cromática. Vicent van Gogh 6
  7. 7. Cézanne (1839 - 1906): discussão do espaço pictórico. Paul Cézanne 7
  8. 8. Cubismo: (séc. XX) quebra do espaço. Pablo Picasso e George Braque 8
  9. 9. Futurismo: (início séc. XX) uso de novastécnicas, traduzindo a vida moderna através da velocidade e ritmo. Umberto Boccioni 9
  10. 10. Futurismo Carlo Carrá 10
  11. 11. Dadaísmo: (inicia em 1915) reconhece na máquina as possibilidades de criação artística. Marcel Duchamp e Man Ray 11
  12. 12. Construtivismo: (séc. XX) incentiva os artistas a aliar a arte, a engenharia e a técnica para melhor adaptação à vida industrial moderna. Vladímir Tátlin e Naum Gabo 12
  13. 13. Arte gestual: (anos 50) Estabelece conexões distintas com tempo e espaço do entorno. Jackson Pollock 13
  14. 14. Arte cinética: (a partir dos anos 50)referencial na associação da arte e da tecnologia. Alexander Calder e Jean Tinguely 14
  15. 15. Arte cinéticahttp://www.youtube.com/watch?v=rVd98NWSPEQ Abraham Palatnik 15
  16. 16. Arte participativa: (anos 60)interferência do espectador como participante. Lygia Clark e Hélio Oiticica 16
  17. 17. Video-arte: (anos 70) http://www.youtube.com/watch?v=RkjxG_k0VDo Nam June Paik e Ryuichi Sakamoto 17
  18. 18. The Last Nine Minutes (1977):emissão de televisão difundida por satélite em mais de 25 países. http://peformancevideos.blogspot.com/2007/02/douglas- davis-last-nine-minutes-1977.html Douglas Davis 18
  19. 19. Regina Silveira: a partir da década de 1970 as novas tecnologias inserem-se na arte brasileira. http://www.youtube.com/watch?v=HbY6Ngg21AQ 19
  20. 20. Júlio Plaza: está entre a primeira gração dos artistas do video. http://www.youtube.com/watch?v=U9v-BCV7zJo 20
  21. 21. Artur Matuck: estabelece uma passagem para outra geração de criação de vídeo, que se afirma na década de 1980. http://www.youtube.com/watch?v=VjHly2B2SjE 21
  22. 22. Gary Hill: constõe vídeo-instalação, que permite discorrer sobre as questões do tempo e espaço na arte, quando combina diferentes imagens, apresentandouma dimensão temporal desconhecida para o espectador participante. http://www.youtube.com/watch?v=23njMQx0UuQ 22
  23. 23. Bill Viola: estimula o espectador a reagir ao objeto olhado de modo a se tornar quase uma performance na cena. http://www.youtube.com/watch?v=D_urrt8X0l8 23
  24. 24. Digital Art: (anos 80) primeiros artistas quedesenvolveram uma pesquisa com computadores. Ben F. Laposky e Herbert W. Franke 24
  25. 25. Digital Art: o computador é utilizado apenas como uma ferramenta para trabalhar os mesmos referenciais das técnicas tradicionais. Michael Noll (1963) 25
  26. 26. Digital Art: as imagens detêm formasgeométricas, como se tivessem associadas à máquina que as gera. Frieder Nake e Georg Nees 26
  27. 27. Digital Art Waldemar Cordeiro e Jorge Moscati 27
  28. 28. Lilian Schwartz: a maioria dos artistasamericanos desenvolvia seus trabalhos associados a institutos de pesquisa computacional. http://www.youtube.com/watch?v=JB0RZ0 4AAn0&feature=related 28
  29. 29. Digital Art: nos anos 80, com a disponibilidade de acesso aos computadores pessoais, a produção em artedigital é redimensionada e muitos artistas encontram, na fotografia, uma efetiva possibilidade de criação digital. Jean-Pierre Yvaral e Margot Lovejoy 29
  30. 30. Eduardo Kac: alia genética à arte. 30
  31. 31. Harold Cohen: com o projeto Aaron(1983), uma máquina com um programa que dá autonomia para pintar no computador. 31
  32. 32. William Latham: é um dos primeiros artistas acriar formas semelhantes organismos vivos que passam por mutação genética no computador. 32
  33. 33. Gilbertto Prado: adentra no mundo dos games. 33
  34. 34. André Parente: Visorama (1999), consiste num sistema de visualização de imagens panorâmicas. Esse sistema, de caráter imersivo, permite interação com ambientes virtuais, foto-realistas. 34
  35. 35. Ciberespaço: a disseminação da arte na rede• Arte postal (1960): início da arte em rede.• (1970) Utilização de fax e telefone para propiciar novas experiências de arte.• Televisão, satélite, computador: ênfase na instantaneidade da troca de informações. 35
  36. 36. Carmela Gross: novas mídias naarte brasileira. 36
  37. 37. SCIArts: o grupo trabalha comtecnologia e a participação do público. 37
  38. 38. Instalações interativas em realidade virtual - caves• Instalações multimídias, de caráter interativo, abrangem o virtual.• Em um momento que tem a sua volta inúmeras possibilidades tecnológicas, o artista cria, hibridiza, transforma o seu fazer, no entorno digital. 38
  39. 39. Jeffrey Shaw: usa um dos primeiros dispositivos de realidade virtual na arte. 39
  40. 40. Diana Domingues: permite ao interator se deslocar no piso e provocar alterações no som e nasimagens projetadas nas paredes do que parece ser uma caverna digital. 40
  41. 41. Referências• SANTOS, N. C. Arte e tecnologia: considerações sobre o percurso histórico. In: Expressão: Revista do Centro de Artes e Letras, jan./jun. (2005). Santa Maria: UFSM, 2005. 41

×