Your SlideShare is downloading. ×
SARESP DER CTO
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

SARESP DER CTO

472
views

Published on

Published in: Education

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
472
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. ProficiênciaProficiência não é porcentagem de acertos: revela um conjunto de habilidades que os estudantes desenvolveram. As proficiências no SARESP são apresentadas em uma escala única, cumulativa, que vai de 0 a 500 com intervalos de 25 em 25 pontos. A métrica é a mesma do SAEB.
  • 2. Níveis de Desempenho na Escala de Proficiência
  • 3. Níveis de Proficiência de Língua Portuguesa Níveis de Proficiência 5ª EF 7ª EF 9ª EF 3ª EMAbaixo do Básico < 150 < 175 < 200 < 250 150 a < 200 175 a < 225 200 a < 275 250 a < 300 Básico 197,7 236,7 279,1 Adequado 220 a < 250 225 a < 275 275 a < 325 300 a < 375 Avançado ≥ 250 ≥ 275 ≥ 325 ≥ 375
  • 4. Níveis de Proficiência de Matemática Níveis de Proficiência 5ª EF 7ª EF 9ª EF 3ª EMAbaixo do Básico < 175 < 200 < 225 < 275 175 a < 225 200 a < 250 225 a < 300 275 a < 350 Básico 210,3 250,3 279,0 Adequado 225 a < 275 250 a < 300 300 a < 350 350 a < 400 Avançado ≥ 275 ≥ 300 ≥ 350 ≥ 400
  • 5. Níveis de DesempenhoInvestigar o percentual de alunos da escola que não alcançaram os níveis esperados de aprendizagem;Investigar o número de alunos nos níveis mais baixosPropor alternativas para fazer com que os alunos passem de um nível a outro Onde estamos e o que é preciso modificar, incluir ou consolidar para garantir, a cada aluno, seu direito de APRENDER?
  • 6. Niveis de Desempenho - Língua Portuguesa Níveis de 5ª EF 9ª EF 3ª EM Proficiência 7ª EF (52,8%) (79,2%) (66%) < 150 < 200 < 250Abaixo do Básico < 175 14,9% 22,4% 27,1% 150 a < 200 175 a < 225 200 a < 275 250 a < 300 Básico 37,9% 56,8% 38,4% 220 a < 250 275 a < 325 300 a < 375 Adequado 225 a < 275 34,8% 18,6% 32,4% ≥ 250 ≥ 325 ≥ 375 Avançado ≥ 275 12,4% 2,2% 1,5%
  • 7. Niveis de desempenho - Matemática Níveis de 5ª EF 9ª EF 3ª EM Proficiência 7ª EF (62,1%) (87,9%) (92%) < 225 < 175 < 275Abaixo do Básico < 200 29,9% 24,8% 50,2% 225 a < 300 175 a < 225 275 a < 350 Básico 200 a < 250 58% 37,3% 41,8% 225 a < 275 300 a < 350 350 a < 400 Adequado 250 a < 300 29% 10,5% 7,5% ≥ 275 ≥ 350 ≥ 400 Avançado ≥ 300
  • 8. Convite: Quer tornar a Escala útil? Situar turmas nos diferentes pontos da escala Refletir sobre o efeito da descrição de cada um dos pontos da escala sobre a prática pedagógica Organizar avaliação relacionada a um dado intervalo da escala pontos da escala125 150 175 200 225 250 275 300 325 350 375 400 425
  • 9. Relatórios Pedagógicos:identificar e localizar diferenças•o que foi ensinado e o resultado do aprendizado•o que ainda tem que ser ajustado•o que precisa ser abordado porque não seconseguiu perceber no alunado a demonstraçãode compreensão ou conhecimento que qualificapara a resposta bem sucedida•o resultado positivo de correções e ajustes jáintroduzidos
  • 10. Convite: Quer tornar a Escala útil? Pensar situações pedagógicas que favoreçam a aprendizagem dos alunos com menor desempenho. Propor desafios aos alunos com maior desempenho.
  • 11. Retomada do Trabalho Pedagógico daescola: re-planejamento contínuo