Introdução à Informática

1,172 views
1,097 views

Published on

Arquivo para a aula de Introdução à Informática.

Published in: Education, Technology, Business
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,172
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
19
Actions
Shares
0
Downloads
39
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • BIBLIOGRAFIA:
  • Introdução à Informática

    1. 1. Ciência da informação x informática Silvania Vieira
    2. 2. Introdução <ul><li>Informática </li></ul><ul><ul><li>Ciência que estuda o tratamento automático e racional da informação, </li></ul></ul><ul><li>Funções da Informática </li></ul><ul><ul><li>Desenvolvimento de novos métodos de trabalho; </li></ul></ul><ul><ul><li>Construção de aplicações automáticas; </li></ul></ul><ul><ul><li>Melhoria de métodos e aplicações existentes. </li></ul></ul>
    3. 3. Introdução <ul><li>Dentro da informática podemos destacar o computador como sendo o principal elemento utilizado para o tratamento de dados e a obtenção de informação.  </li></ul>
    4. 4. Introdução ao Processamento de Dados <ul><li>Processar dados significa transformar informações (informações iniciais ou de entrada) em informações úteis (informações finais ou de saída). </li></ul><ul><li>O Processamento de Dados pode ser representado através do seguinte esquema: </li></ul>
    5. 6. Tipos de Dados Os dados representam qualquer parcela significativa de informação, e são classificados de acordo com sua natureza em três tipos: Numéricos ►compostos exclusivamente por números; Alfabéticos►compostos exclusivamente por letras; Alfanuméricos►composto por números, letras e caracteres.
    6. 7. Processadores É considerada a parte mais importante de um computador, pois os processadores são responsáveis pelo processamento de todo tipo de informação que se é introduzida no computador e pela apresentação das mesmas em seu vídeo.
    7. 8. Desde a criação, ocorreram diversas modificações nos processadores visando aumentar sua capacidade de processamento, sendo que os mais atuais são o Pentium Celeron, Pentium III, AMD K-7, AMD K-7 (Atlhon), Power G3 Macintosh.
    8. 9. Dentre os modelos citados, existem alguns mais rápidos do que outros, e esta velocidade de processamento de informações é definida pela unidade denominada MHz (MegaHertz).
    9. 10. Estrutura de um Computador Hardware► qualquer componente físico; Software►parte lógica do computador, composta de programas e do sistema operacional.
    10. 11. A Estrutura de um Microcomputador pode ser descrita da seguinte maneira: Dispositivo de Entrada à é o canal que permite a passagem de informações iniciais do ser humano para o computador; Unidade Central de Processamento CPU à ela é composta por três partes, que são a UC (unidade de controle) que controla as informações que entram e saem do computador; a ULA (Unidade Lógica e Aritmética) que é responsável pelas contas e comparações lógicas; Memória que é responsável pelo armazenamento das informações.
    11. 12. Existem dois tipos de memórias: ROM (Read Only Memory), que é uma memória de leitura, pois ela é permanente, já vem gravada de fábrica e contém as informações básicas para o funcionamento da máquina; RAM (Random Access Memory), que é uma memória que não é permanente, ela é destinada ao armazenamento temporário de programas e informações utilizadas pelo operador e estas informações são apagadas quando se desliga o computador .
    12. 13. Memória Auxiliar É responsável pelo armazenamento definitivo de programas e informações. Os dispositivos mais comuns utilizados para armazenar estas informações, podemos citar os Discos Flexíveis ou Disquetes e os Discos Rígidos ou winchester .
    13. 14. Dispositivos de Saída São dispositivos responsáveis pela saída de informações, podemos citar como exemplo o Monitor de Vídeo e Impressora.
    14. 15. Periféricos São unidades de auxílio, as quais são responsáveis pelo encaminhamento de dados de entrada e recepção dos dados de saída junto à CPU.
    15. 16. Periféricos de Entrada ► são responsáveis pela entrada de informações existentes para encaminhamento a CPU, como dispositivos de entrada podemos citar o teclado, leitores de caracteres magnéticos, mouse, scanner, etc. Periféricos de Saída ► são responsáveis pela saída das informações existentes recebidas da CPU, como dispositivos de saída podemos citar o monitor de vídeo e impressora. Periféricos de Entrada e Saída► alguns periféricos podem assumir o papel de entrada e saída de informações no computador, destes, podemos citar unidades de fitas, discos flexíveis, etc.
    16. 17. Microprocessador É o termo usado para designar pastilhas (chips) de circuito integrado, construídas utilizando tecnologia de semicondutor. Estas pastilhas contém microcircuitos que desempenham funções normalmente atribuídas a CPU.
    17. 18. Unidades de Armazenamento Podemos medir a capacidade de memória existente num disquete ou winchester, a menor medida é o BIT, cuja a soma de 8 BITS formam 1 BYTE que corresponde a uma letra, um número ou um caractere qualquer. Em geral as memórias possuem grande capacidade de armazenamento, veja no quando a seguir estas convenções: 1 Byte à 8 Bits 1 Kilobyte à 1024 Bytes 1 Megabyte à 1024 kilobytes (Kb) 1 Gigabyte à 1024 Megabytes (Mb)  
    18. 19. Software Na verdade, a verdadeira utilidade de um computador está no software que ele possui e através do qual nossos problemas são resolvidos. São os programas que fornecem uma seqüência lógica de instruções determinando o que o computador deve realizar.
    19. 20. Sistema Operacional ► é responsável pela organização interna do computador, gerenciando a entrada e saída de dados. O tipo de sistema operacional utilizado depende do computador a ser gerenciado, quando mais complexas as tarefas, mais complexo será o sistema operacional utilizado. Como sistemas operacionais podemos citar o MS-DOS, e o Windows que são os mais conhecidos.
    20. 21. Programas Auxiliares ► são aplicativos desenvolvidos para realização de tarefas padronizadas, como exemplos: Processadores de Texto, Planilhas Eletrônicas, Editores Gráficos, etc. Aplicativos► são programas desenvolvidos em determinada linguagem de programação para resolverem tarefas de função específica, como: contabilidade, folhas de pagamento, estoque, faturamento, etc. Utilitários► são programas que auxiliam e facilitam o funcionamento de todo ambiente computacional, os mais comuns são: organizadores de disco , anti-vírus, softwares de backup.
    21. 22. Linguagem de Programação ► servem de base para construção de programas e aplicativos, e são classificadas como sendo de alto e baixo nível. As linguagens de alto nível permitem que se escreva um programa em uma notação próxima à maneira natural de se expressar o problema que se deseja resolver, enquanto que, as linguagens de baixo nível permitem que se escreva um programa em uma notação que esteja próxima às etapas que o computador deve executar para rodar o programa, isto é, mais próximo da máquina.
    22. 23. Arquivo É uma coleção de dados semelhantes que é armazenada em um disco e que pode ser referenciada por um nome. Todas as vezes que quisermos gravar um texto, ou um desenho, ou outro documento qualquer, termos de gravá-lo como arquivo.
    23. 24. Extensão► é um código que serve para identificar o tipo de arquivo. O nome do arquivo é sempre separado da extensão por um ponto. Exemplo: Flor.BMP – indicar que o arquivo foi feito no programa Paint. Pasta ou Diretório► local utilizado para guardar arquivos ou subdiretórios de forma ordeira de acesso fácil. Subdiretórios► estão sempre guardados dentro de um diretório, com a finalidade de deixar o acesso à informação separada por um determinado assunto específico. Exemplo: Diretório: Matérias, subdiretórios: Português, Geografia, História, Biologia.
    24. 25. BIBLIOGRAFIA: Google imagens invasao.com.br mei-davidnunes.blogspot.com ascomputadores.com.br hubbleproducoes.wordpress.com invasao.com.br tecnoprintsp.com.br paulorainy.wikispaces.com tecnologiaradiologica.com definicionabc.com

    ×