• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Gerenciamento de risco em projetos
 

Gerenciamento de risco em projetos

on

  • 10,704 views

Uma breve explic

Uma breve explic

Statistics

Views

Total Views
10,704
Views on SlideShare
10,682
Embed Views
22

Actions

Likes
4
Downloads
359
Comments
0

4 Embeds 22

http://sougerentedeprojetos.blogspot.com.br 17
http://www.linkedin.com 2
https://www.blogger.com 2
https://sougerentedeprojetos.blogspot.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Gerenciamento de risco em projetos Gerenciamento de risco em projetos Presentation Transcript

    • Gerenciamento de Risco em Projetos Uma revisão sobre os conceitos, ferramentas e técnicas para gerenciamento de riscos em projetos, utilizando a metodologia do PMI (Project Management Institute).
    • Definições de risco  Risco: perigo ou possibilidade de perigo  Possibilidade de perda  Combinação da probabilidade de um evento anormal acontecer, impactando o sucesso do projeto ou a performance do sistema  Possibilidade de perder ou ganhar financeiramente, ou de causar prejuízo fisico ou gerar atraso como consequência de incerteza associada a alteração de um particular curso de ação  O risco tem 2 componentes: a probabilidade dele acontecer e o impacto causado caso aconteça Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 2
    • O mundo real  Qualquer proposta envolve algum tipo de incerteza/risco. Ex: falta de conhecimento de eventos futuros, como: risco de inflação, risco de câmbio. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 3
    • O que é gerenciamento de risco  Gerenciamento de riscos em projetos é um processo utilizado para identificar, analisar e responder aos riscos do projeto.  Inclui maximizar os resultados de eventos positivos e minimizar as consequências de eventos adversos. (PMI, 96)  Também pode ser descrito como: técnicas que minimizem a probabilidade de ocorrência de um acidente e suas consequências. (Sthub, et all, 94) Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 4
    • Ciclo de vida do risco  A probabilidade de ocorrência e risco é maior no início do projeto.  Mas, o impacto (custo) é maior ao final. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 5
    • Processo de planejamento de risco  Processo de decidir como abordar e planejar a gerência de riscos Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 6
    • Papel do gerente de risco  Identificar e compreender os riscos  Planejar e manipular os riscos (desenvolver plano)  Incorporar a gerência de riscos no planejamento do projeto  Conscientizar o time, clientes e gerência do projeto nas boas práticas de gerência de risco Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 7
    • Competência do gerente de riscos  Dominar as técnicas de administração de risco em projetos.  Comunicar os riscos à empresa.  Entender e gerencias os riscos provenientes dos custos  Administrar e se preocupar com os prazos do projeto.  Bom coletor de informações.  Bom em relacionamento interpessoal, trocando informações com pessoas dentro e fora da empresa.  Habilidade de negociar e convencer pessoas de suas posições. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 8
    • Estrutura analítica de risco  A estrutura analítica dos riscos (EAR) ou RBS (Risk Breakdown Structure) lista as categorias e subcategorias nas quais os riscos podem surgir em um projeto típico. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 9
    • Benefícios do planejamento de riscos  Alocação de profissionais com o perfil correto.  Organizar as ações do gerenciamento.  Prever orçamento.  Estruturar o gerenciamento de riscos no projeto.  Buscar oportunidades no projeto. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 10
    • Resumindo  O planejamento do gerenciamento dos riscos é um processo que visa elaborar como abordar e planejar os riscos e oportunidades de um projeto.  Estabelece o orçamento inicial do projeto.  Identifica as pessoas e perfis necessários para o projeto.  A teoria da utilidade ajuda o gerente a entender o comportamento das pessoas em relação ao risco. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 11
    • Identificação e categorização  Determina quais riscos podem afetar o projeto e documentos suas principais características.  Para isto, os riscos devem ser coletados e categorizados, utilizando por exemplo uma EAR.  Riscos podem ser internos ou externos.  Exemplos: Internos Tecnologia, serviços, políticas, priorização, etc  Externos fornecedores, financiamento, mercado, clima.  Alguns riscos também podem ser intrínsecos ao projeto, como: equipe, objetivos, escopo, estimativas, recursos, critérios, clima. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 12
    • Técnicas e ferramentas  Existem diversas técnicas e ferramentas para identificação de riscos, como por exemplo:  Entrevista com especialistas  Brainstorming famoso “toró de palpite  Brainwritting  parecido com o anterior, mas as pessoas registram em papel ao invés de apenas falar. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 13
    • Técnicas e ferramentas  Técnica Delphi onde especialista são convidados e fornecem suas opiniões e estimativas e são convidados a revisarem estas ciclicamente até se obter uma versão final.  Análise SWOT Conforme o quadro ao lado, elenca-se em cada bloco do quadro as forças, fraquezas, oportunidades e ameaças do projeto. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 14
    • Benefícios da identificação de riscos  Ter visão aprimorada dos riscos e oportunidades do projeto  Fornecer uma lista dos riscos do projeto com os stakeholders  Estruturar os riscos  Dar início as preocupações com impactos negativos  Visualizar possíveis impactos positivos, ou seja, oportunidades. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 15
    • Qualificação dos riscos  É o processo de avaliar as probabilidades e impactos dos riscos do projeto.  Associa o risco a valores, criados através de um sistema de medição.  Utiliza-se conceito de probabilidade.  Prioriza os riscos identificados.  Necessita de regras claras de gerenciamento.  Probabilidade x impacto = Prioridade do risco.  Abordagem qualitativa necessita de escala, por exemplo: Alto, médio, baixo ou 1, 2, 3 ou Cores, como verde, amarelo e vermelho. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 16
    • Matriz de impacto  Permite após qualificação do risco, visualiza-lo graficamente. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 17
    • Planilha de avaliação de risco  Ferramenta que permite avaliar e priorizar os riscos, conforme exemplo. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 18
    • Benefícios da qualificação de riscos  Fácil de se estruturar e de se entender  É possível priorizar e separar os riscos em pequenos grupos.  Fornece uma lista que poderá ser tratada pelos membros do projeto. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 19
    • Quantificação de riscos  Tem como objetivo avaliar os riscos e suas interações no sentido de avaliar as possíveis consequências.  Pode-se utilizar ferramentas como simulação de Monte Carlo para visualizar fotos de dados imputados aleatoriamente e suas relações e visualizando o impacto no projeto.  Outra ferramenta que pode ser utilizada é a árvore de decisão para se chegar aos melhores e piores resultados possíveis para o projeto. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 20
    • Exemplo de qualificação Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 21
    • Benefícios da qualificação  Aprimora as informações dos riscos, com isto podendo priorizá-los  Lista final normalmente resulta de programas de computador específicos para a tarefa. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 22
    • Resposta aos riscos  Definir as melhorias necessárias para aproveitar as oportunidades e resposta as ameaças do projeto.  Assim que os riscos estiverem qualificados e quantificados, estes devem ser tratados com respostas planejadas.  As estratégias para tratamento dos riscos (negativos) podem ser: evitar, mitigar, dividir ou aceitar. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 23
    • Estratégias para riscos negativos  Evitar: proteger-se totalmente da ameaça eliminando sua causa.  Mitigar: basicamente é reduzir a probabilidade de um risco acontecer.  Dividir: é uma forma de mitigação onde você compartilha o risco com outra parte, por exemplo fornecedores, parceiros, etc  Aceitar: significa estar de acordo com o risco e suas consequências, tendo em alguns casos planos de contingência, por exemplo. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 24
    • Estratégias para riscos positivos  Riscos positivos (oportunidades) podem ser explorados, compartilhados ou melhorados. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 25
    • Resposta ao risco  O planejamento de resposta aos riscos, pode ser visto como um sistema de gestão onde os riscos são: 1. Qualificados e quantificados 2. Identificadas alternativas 3. Avaliadas as alternativas 4. Priorização de alternativas 5. Gerar plano para implementação das alternativas priorizadas. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 26
    • Exemplo de resposta aos riscos Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 27
    • Benefícios da resposta aos riscos  Permite obter um plano para tratar os riscos do projeto  Estabelece ações claras para os riscos priorizados  Concentra esforços no que é importante  Explicita a necessidade de atuação da equipe Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 28
    • Resumo  As resposta fazem parte de um sistema de planejamento  Requer interpretação de dados  Há situações onde é possível aceitar os riscos  Mas há situações onde é necessário investir para evitá-los  É possível aproveitar as oportunidades Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 29
    • Controle dos riscos  Permite responder às mudanças nos riscos no decorrer do projeto.  O controle da resposta aos riscos, consiste na execução e manutenção do plano de gerenciamento de riscos elaborado, quando da ocorrência de eventos de risco no projeto.  Nem o melhor plano pode prever todas as situações inicialmente, portanto são necessárias diversas iterações. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 30
    • Ferramentas do monitoramento do risco  Quebra galhos (workarounds), ou seja, respostas não planejadas anteriormente.  Desenvolvimento de resposta a riscos adicionais. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 31
    • Saídas  Basicamente, as saídas deste processo são ações corretivas, onde se executa a resposta planejada para um evento de risco.  Atualizações no plano de gerenciamento de risco. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 32
    • Benefícios do controle do risco  Efetiva o gerenciamento dos riscos do projeto.  Permite tomar ações preventivas.  Criar cultura de gerenciamento de riscos na equipe.  Indicar novas possibilidades, riscos e oportunidades durante o ciclo de vida do projeto. Gerenciamento de Riscos em Projetos/ Sandro Oliveira/ sholiveiras@gmail.com 33
    • Contato: Sandro H. Oliveira é coordenador de sistemas e gerente de projetos. Atua há mais de 13 anos na área de desenvolvimento de software em empresas de renome nacional e internacional. Para contatos sobre cursos, palestras, consultoria ou oportunidades, entre em contato. E-mail: sholiveiras@gmail.com Linkedin: http://www.linkedin.com/in/sandroholiveira