Your SlideShare is downloading. ×
0
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Gree Social Networking Games
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Gree Social Networking Games

422

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
422
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. “NINTENDO DO SÉCULO 21”Quando criança, Yoshikazu Tanaka, 35, o fundador da GREE, era viciado em videogame. Mais precisamente, no NES, da Nintendo.Quase três décadas e muitas partidas de videogame depois, o executivo tem a ambição de transformar o GREE, sua rede social de jogos, na "Nintendo do século 21"."Quando meus pais compraram o NES, joguei por um dia inteiro. Minha família achava que era perda de tempo, mas eu tinha paixão pelos jogos. Por isso sou bem-sucedido hoje", diz Tanaka.A fonte de inspiração que ele usou para criar o GREE foi a mesma de Zuckerberg para o Facebook: o Friendster, rede social criada em 2003.Mas o gosto de Tanaka pelos games foi decisivo na guinada do GREE para os jogos móveis. A mudança ocorreu em 2007, três anos após a criação do site, até então uma rede social comum, com apenas 1 milhão de usuários.
  • 2. “NINTENDO DO SÉCULO 21”"Eu fui inspirado pela Nintendo e pretendo expandir minha empresa globalmente, como ela. Gostaria de poder atingir a mesma meta de cerca de 80% das vendas no exterior e 20% das vendas no Japão", conta o executivo.Tanaka sonha em fazer seus jogos chegarem a 1 bilhão de pessoas no mundo --número não muito maior do que os atuais 955 milhões de cadastrados no Facebook.Para isso, conta com o potencial dos smartphones. "Os jogos eletrônicos são a maior indústria de entretenimento do mundo, maior do que o mercado de música ou de cinema. Mas temos só 200 milhões de jogadores no mundo", diz o japonês."Hoje, os smartphones são usados por cerca de 2 bilhões de pessoas. Se todos fossem usados para jogos, o número de jogadores poderia ser dez vezes o atual", diz.
  • 3. REVISÃO DO CONSOLE MÓVELEle é otimista sobre o potencial de games sociais móvel no ocidente baseado nas experiências da GREE no Japão.“Três anos atrás, os jogos sociais móveis não eram populares no Japão, mas hoje em termos de tamanho de mercado é maior do que o de consoles”.Tanaka observa que os jogos sociais para PC nunca realmente decolaram no Japão, jogos sociais sempre foram móveis por lá. “Estamos na era pós-PC no Japão”, diz ele. Como já foi dito por diversos CEOs da Apple o futuro é dos dispositivos móveis.O desafio global da GREE é muito interessante. Ela esta tentando obter uma posição de destaque na plataforma iOS, mas a Apple tem sua própria comunidade do Game Center já bem estabelecida e sempre é a opção padrão para os desenvolvedores.
  • 4. REVISÃO DO CONSOLE MÓVELTanaka diz que a vantagem da GREE é que ela pode estar em todas essas plataformas, embora o Facebook seja seu grande rival neste disputa. Há também a Zynga que não esta apenas criando jogos mas também trabalhando para criar sua própria plataforma de jogos sociais para desenvolvedores independentes.“Nossa experiência na arena móvel ultrapassa a da Zynga” diz Tanaka quando questionado sobre sua concorrente. “Nós só temos realmente trabalhado com nossa plataforma móvel, e também nossa plataforma de negócio tem sido extremamente bem sucedida. Todo mundo quer estar envolvido com a plataforma de negócio, mas poucos conseguem ter sucesso.”
  • 5. GREE NO BRASILO sujeito sorridente aí em baixo é o japonês Yoshikazu Tanaka, 35, o mais jovem bilionário da Ásia e o segundo mais jovem do mundo, só atrás de Mark Zuckerberg, 28.Os dois executivos têm mais em comum do que a conta bancária abarrotada de dólares: ambos fizeram suas fortunas a partir de redes sociais fundadas em 2004 --o GREE e o Facebook.
  • 6. GREE NO BRASILAinda desconhecido no Ocidente, o Gree é voltado para jogos móveis (de celulares e tablets) e conta com mais de 230 milhões de usuários, a maioria na Ásia. Na região, é maior do que o próprio Facebook, que tem 204 milhões de cadastrados por lá.Apelidado de "Zuckerberg japonês" por blogs e veículos especializados em tecnologia, Tanaka é dono de US$ 4,3 bilhões, segundo o ranking da revista "Forbes", e não se irrita com a comparação com o colega, que tem US$ 17,5 bilhões."Zuckerberg está fazendo um bom trabalho. E penso que também podemos mudar as pessoas e o mundo, como o Facebook está fazendo", afirma o empresário.
  • 7. GREE NO BRASILA indústria de jogos é um grande mercado no Japão, em parte graças aos preços, acessíveis para a maioria dos japoneses. Mas, em economias emergentes, como o Brasil, o valor dos títulos ainda é proibitivo. Tanaka planeja explorar isso, já que a maioria dos jogos do GREE é gratuita."O Brasil é um país-chave em nossa estratégia, uma vez que os games de console são bem caros por aí. Por outro lado, o país está cheio de celulares, os smartphones estão cada vez mais comuns, e a população é jovem e colossal. É o panorama perfeito para o crescimento do GREE", analisa Tanaka.A filial no Brasil foi aberta em fevereiro de 2012, e, desde então, a equipe de Tanaka veio ao país duas vezes. Fez reuniões e contratou os funcionários que cuidarão do lançamento de cem jogos até o fim do ano.
  • 8. IMAGENS DAS PLATAFORMAS
  • 9. IMAGENS DAS PLATAFORMAS
  • 10. IMAGENS DAS PLATAFORMAS
  • 11. IMAGENS DAS PLATAFORMAS
  • 12. PERFIL DOS EXECUTIVOS DA GREE DIRECTOR OF GREE INTERNATIONAL, INC. FOUNDER AND CEO OFY O S H I K A Z U TA N A K A GREE, INC. Yoshikazu Tanaka founded GREE in December 2004, and serves as the companys founder and chief executive officer. Before founding GREE, he previously worked at So-net Entertainment Corporation and Rakuten, Inc. While at Rakuten, Inc., he started developing SNS GREE in his spare time. This project became GREE. Tanaka earned a bachelors degree in Law from Nihon University in 1999.
  • 13. PERFIL DOS EXECUTIVOS DA GREEN A O K I A O YA G I CEO Naoki joined GREE, Japan in March 2006 as the companys CFO. In January 2011, he assumed the position of CEO for GREEs first North American subsidiary, GREE International. Naoki has over 10 years of experience in the technology and internet sectors, in addition to 4 years of financial operations and management for Deutsche Bank. While at GREE, he has managed financial efforts (both pre- and post- IPO) and M&A, in addition to negotiating a successful partnership between GREE and KDDI - Japans 2nd largest mobile carrier.
  • 14. PERFIL DOS EXECUTIVOS DA GREE SVP OF SOCIALEIJI ARAKI GAMES Eiji Araki joined GREE, Japan in August 2005 during its initial start-up stage. As VP of Product at GREE, Eiji led the development of PC based social networking services, mobile social networking services, and several social game titles including "Clinoppe" and "Haconiwa" which are some of the most successful mobile social games in Japan. Currently he is SVP of Social Games at GREE International, GREEs first subsidiary located in San Francisco, where he oversees the social games studio. Fun fact: Best dressed man at GREE International. Fact.
  • 15. PERFIL DOS EXECUTIVOS DA GREE SVP OF BUSINESS & C O R P O R AT ESHANTI BERGEL DEVELOPMENT Shanti brings a career-long passion for Web and game entrepreneurship to GREE. Prior to joining GREE, Shanti oversaw monetization, distribution, licensing and corporate development at social game developer Playfish. He also headed business development at Three Rings, a pioneer in the games-as- a-service sector and led console, PC, mobile, online and casual game development for The Sims and FIFA at Electronic Arts. Building upon nearly 20 years of experience in the gaming industry, Shanti is recognized as an expert on virtual goods and free- to-play game monetization within the industry. Favorite mobile game: Hero Academy
Fun fact: once pitched to the Prime Minister and Cabinet of Tuvalu. Whoa.
  • 16. PERFIL DOS EXECUTIVOS DA GREEETHAN FASSETT SVP OF PRODUCT Ethan Fassett is a 10+ year social and mobile veteran, having launched and managed many large social games, mobile and Web2.0 products for companies such as Playdom, Gaia Online and Yahoo! Prior to GREE, Ethan was Executive Producer for Playdoms San Francisco studio, where he oversaw the launch of two major social game titles. Ethan is co-inventor on several patents in search and social media technology, game interface design and mobile-social applications. Favorite mobile game: Pocket God. Fun fact: loves to surf. Dude.
  • 17. INFORMAÇÕES SOBRE A GREEhttp://thenextweb.com/la/2012/06/17/social-gaming-in-latin-america-beyond-the-challenges-an-opportunity-to-seize/ (em inglês)http://tarciziosilva.com.br/blog/jogos-sociais-na-america-latina-oportunidades-e-desafios/ (em português)http://product.gree.net/us/en/ (site da GREE nos EUA)http://gree-corp.com (site corporativo da GREE com informações para acionistas e imprensa – em inglês)http://gree.jp (site japonês da GREE)http://www.youtube.com/user/GREEGamesUS?feature=CAkQwRs%3D (canal da GREE no youtube)http://facebook.com/GREEGames (curta a página da GREE no Facebook)http://twitter.com/GREEGames (siga a GREE no Twitter)
  • 18. FONTESOrrico, A. Conheça Yoshikazu Tanaka, o Zuckerberg japonês, e seu site Gree, que vem ao Brasil, [online] Disponível em: http://www1.folha.uol.com.br/tec/1146798-conheca-yoshikazu-tanaka-o- zuckerberg-japones-e-seu-site-gree-que-vem-ao-brasil.shtml [Acessado em 5 set 2012]Dredge, S. GREE takes its mobile social games network global in open beta, [online] Disponível em: http://www.guardian.co.uk/technology/appsblog/2012/may/24/gree- social-games-network-global?INTCMP=SRCH [Acessado em 6 set 2012]

×